História O Neko Katsuki - (BakuDeku) - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Personagens Dabi, Denki Kaminari, Eijirou Kirishima, Izuku Midoriya (Deku), Katsuki Bakugou, Kyoka Jiro, Momo Yaoyorozu, Ochako Uraraka (Uravity), Shouto Todoroki, Tenya Iida, Toga Himiko, Tomura Shigaraki, Tsuyu Asui, Yo Shindo
Tags Bakudeku, Dekubaku, Lemon, Nekos, Yaoi
Visualizações 113
Palavras 1.069
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Festa, Ficção Adolescente, Fluffy, Hentai, Lemon, Luta, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Opaa tudo bom? espero que sim ^^
GENTE! vocês são demais juro!, só no primeiro conseguimos 14 favoritos, isso me deixou muito feliz sério ^-^ obrigado
Mas vamos aõ que interessa espero que gostem ^^

Boa leiturinha.

Capítulo 2 - O Banho da inocência


Fanfic / Fanfiction O Neko Katsuki - (BakuDeku) - Capítulo 2 - O Banho da inocência

TRAC!!

Midoriya P.O.V

Nesse momento estou correndo atrás do Kacchan que está fugindo do banho, já corremos a casa inteira, no começo estavamos rindo mas agora eu estou suado, acho que preciso de um banho também. -Kacchan!- O Neko parou no sofá movimento sua calda pra cima e pra baixo -Kacchan vamos tomar um banho...- Falei entre suspiros, o Neko olhou pra mim com as orelhinhas abaixadas, vê se pode uma coisa dessas! isso é tortura pra mim ele é muito fofo!

-Mas Kacchan não gosta de banho...- Fui até o mesmo colocando minha mão em sua cabeça. -Hey não se preocupe, banho não é tão ruim assim- Disse dando um leve sorriso, nesse momento ele me abraçou como se estivesse pra chorar. -Deku...vem com Kacchan...- Nesse momento meu corpo congelou, COMO ASSIM TOMAR BANHO COM ELE?! (OneN- Para de rabo doce eu sei que você quer ir Deku! / Deku- Não é errado! eu num quero ir pra cadeia não! / OneN- È mas se você não for ele vai ficar triste! / Deku- ;-; DROGA! tá eu vou) -Ok Kacchan eu vou com você- Digo fazendo carinho em suas orelhas.

-EEE Kacchan vai tomar banho com Deku- Kacchan disse entre palmas com suas patinhas, ele é tão inocente será que um dia ele vai crescer? ham? porque estou pensando nisso? (OneN- Porque vocês dois estão predestinados / Deku- Eu num to predestinado com ninguém não e será que eu posso ter um momento a sós aqui?/ OneN- Não, não pode eu que decido aqui / Deku- ;-;) -Vamos Kacchan?-

-Xim- Ele segurou em minha mão e caminhamos até o banheiro, comecei a tirar minha blusa enquanto Kacchan só olhava para o meu corpo. -H-Hey Kacchan não vai tirar sua r-roupa?

-Kacchan não sabe tirar, ajuda Kacchan?- Como eu poderia negar com uma carinha daquela?, me abaixei e tirei sua pequena blusa que estava com rasgos do lado, depois tirei seu short, e minha vergonha só aumentava quando cheguei na parte da sua cueca, não consegui tirar era muita vergonha pra mim então me levantei -Hey K-Kacchan agora é só abaixar sua cueca...- Disse olhando pro lado.

-Cueca?- O Neko olhou confuso pra mim, seria ele tão inocente quanto aparentava? -S-Sim Kacchan esse paninho que está na sua cintura- Decidi espantar a vergonha e olhei pra sua cintura. -Kacchan não conseguiu tirar, tira pra kacchan?- Arregalei os olhos, eu ia mesmo tirar a cueca dele, Kacchan sentou na tampa do vaso tentando tirar, era uma cena tanto fofa -Ok K-Kacchan- Esse Neko me levava a loucura, decidi ligar a água antes de tirar, quando tirei MEU DEUS! aquele Neko tinha um membro que parecia um Megazord, que era meio estranho pra altura e tamanho dele, mas pera porque eu to olhando pro membro dele?! que constrangedor.

Desligo a água quando vejo que já está bem cheia, tiro minhas últimas peças de roupa e entro transbordando a água, Kacchan entra logo em seguida e fica brincando com a aguá, mas no meio dessa brincadeira ele acabou esticando seu bunbumzinho em minha direção e eu pude ver sua entrada rosada, tive um pequeno problema entre minhas pernas até que ele se virou e viu.

-Deku também tem rabinho- Ele se engatinhou até mim, como ele confunde meu pau com um rabinho?! ele é muito inocente, paro de pensar quando ele simplesmente pega com uma de suas mãozinhas meu membro -Hã K-Kacchan o que está fazendo?!- Olho arregalado pra Kacchan.

-Não se preocupe Deku... Kacchan ira alisar seu rabinho- Kacchan começa a puxar e fazer carinho em meu membro, mas porque? me sentia como mil facas estivessem me penetrando em cada parte de meu corpo, isso não pode está acontecendo! porque eu não consigo dizer pra ele parar porque minha mente diz não e meu corpo diz sim? sou atraído de volta a realidade quando meu membro toma uma certa saliência em meio as mãos de Kacchan.

-Kacchan machucou Deku?- Ele olhava pra mim com orelhinha abaixada, enquanto passava sua mão pelo meu "rabinho"

-N-Não... K-Kacchan... p-para- O prazer tomava conta do meu corpo, mas Kacchan não parava, ele pegou com outra mãozinha assim apertando forte, isso não podia estar acontecendo, né era só minha cabeça sou atraido mais uma vez a realidade quando um liquido branco derrama na água e na mão de Kacchan.

-Kacchan vai provar esse liquido estranho- Ele colocou um dedo seu em sua língua e provou -Kacchan gostou tem gosto de leite, Kacchan ama leite- Fiquei repensando se ele era tão inocente quanto aparentava, mas porque ele fez isso, mil perguntas rodeavam minha cabeça, isso não aconteceu não não.

-Ka-Kacchan porque fez isso...- Olhava pra ele com expressão de culpa.

-Kacchan machucou Deku?- O mesmo abaixava as orelhinhas, esse Neko me leva a loucura!

-N-Não só quero saber porque fez isso-

-Kacchan alisou o rabinho de Deku, tem gosto de leite, Kacchan pode ter mais?- Que Neko levado! como pode confundir meu pau com um rabinho, ele é tão inocente não posso culpa-lo.

-NÃO KACCHAN!- Disse me levantando da banheira rapidamente, ele ficou meio assustado e abaixou as orelhinhas já te disse que dá uma vontade de apertar ele quando faz isso?

-Deku odeia Kacchan?- Abaixou mais as orelhinhas em forma de tristeza.

-Não... só não faça mais isso- Me enrolei na toalha, o mesmo saiu da banheira e olhou pra mim dando um sorrisinho me abaixei até ele e dei um beijinho em sua testa.

-Kacchan ama Deku- Que vontade de aperta-lo, mas como se ele soubesse o que é amar.

-Vem vou arranjar uma roupa pra você- Sai do banheiro e caminhei até o armário só que todas as roupas que eu tinha ficariam grandes nele, dai me lembrei de uma roupinha de gato que tinha quando eu era criança, minha mãe fez pra mim, peguei a roupinha com tonalidade preta e vesti em Kacchan ele ficou muito fofo! e gostoso também... NÃO DEKU! não pense nisso!

-Nhaa Kacchan gostou- Kacchan subiu em minha cama e deitou -Kacchan pode dormir com Deku?- Isso era tortura com coisa fofa pra mim!

-Claro que pode- Coloquei um pequeno short e blusa e me deitei, Kacchan deitou em cima de mim envolvendo suas mãozinhas em meu peito. -Deku... K-Kacchan quer...lei- Ele havia dormido.

-Boa noite meu Neko- Disse chegando pro lado e apagando a luz do abajur.

Continua...


Notas Finais


Gatinho bem inocente esse Kacchan né, Deku adorou aquele momento no banheiro né dekuu

Deku- PERVERTIDO!

Kkkkk, fazer o que né, enfim espero que tenham gostado ^^

Arigato-Gozaimasu por lê até aqui ^^

Até o próximo cap ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...