História O Nerd (Imagine Yoonmin) - Capítulo 13


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens Byun Baek-hyun (Baekhyun), Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Jong-in (Kai), Kim Min-seok (Xiumin), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Chan-yeol (Chanyeol), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Visualizações 79
Palavras 1.622
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), LGBT, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura 💜

Capítulo 13 - "Eu Te Amo"


Fanfic / Fanfiction O Nerd (Imagine Yoonmin) - Capítulo 13 - "Eu Te Amo"

                       Yoongi


1 mês depois.


Um mês se passaram e o Jimin não se lembra de nada. Cada dia que passava ficava mais triste não tinha esperança mais sobre que um dia Jimin irá se lembra de mim é mas fácil de ele seguir com a vida dele.

Agora nós estamos na minha cama assistindo um seriado de drama, Jimin disse que adorava esse tipo de gênero então estou assistindo por causa do Jimin. Tudo que faço agora o Jimin está no meus pensamentos.

Dei um tempo no meu trabalho não quero ficar o tempo todo preocupado com meu amado. Jimin deitado no meu peitoral quando fazia cafuné nos fios. 


- chimmy, tomar banho agora.- disse dando um selar na nunca dele.


Nem queria tomar banho só para me destrair não sei se tomar banho dava para se destrair. Coloquei o Jimin no travesseiro na posição confortável para ele e sai da cama pegando meu pijama azul com a boxe preta fui para o banheiro liguei o registro do chuveiro e entro logo em seguida nu já.

Já estava me enxugando coloquei a roupa logo em seguida sequei meus fios, escovei os dentes e sai do banheiro. Quando vi o Jimin estava deitado na cama só de boxe tentei o máximo não olhar para o corpo dele mas não deu pecorrir meu olhar para o abdômen definido as coxas musculososas e uma pequena ereção que estava ser formando.


- Jimin, coloque um roupa agente já vai dormi..- falei calmamente, tentei não ser malicioso com ele.


Sinto meu membro dando um fisgada me virei fingir que estava olhando a gaveta procurando sei lá o que.


- Yoongi por que você está tão tenso assim?- disse passando as mãos em minha costas.


Me puxou fazendo sentar na beira na cama não estava aguentando mais me segurar, ele sentiu no meu colo começou a rebolar sobre meu membro.


- cal-m-a Jimin- tentei não gemer mais o plano falhou.


- esse mês que passamos juntos senti um vontade imensa de tocar em você.. agora que tomei atitude não me rejeita.- disse dando alguns beijos molhados em seu pescoço.


Coloquei a mão na cintura de Jimin ajudando. Meu membro estava completamente duro. Tirei o Jimin no meu colo e o joguei na cama atacando os lábios carnudos do mais novo invadindo minha língua em sua boca sem pedi passagem o beijo selvagem cheio de desejos . A maldita falta de ar fez que nós se separassem finalizei dando alguns selinhos.

Fui para o pescoço dando várias mordidas de leve e dando alguns selares que ouvia os gemidos manhosos que o mais novo soltava.

Tirei minha roupa ficando completamente nú, continuei descendo a minha boca até que parei nos mamilos dele um eu beijava dando umas mordidas de leve quando apertava a outra isso me deixou mais excitado ainda.


- Yoo-n-g-i m-e fo-de lo-go- gemeu colocando uma mão em meu braço apertando de prazer.


Desci ainda mais os beijos que cheguei até a cueca dei um sorriso me afastei um pouco coloquei minha mão sobre em cima da ereção e massageava vi o moreno jogar a cabeça para trás diversas vezes e mordendo os lábios.

Tirei rapidamente a boxe jogando qualquer canto do quarto. Coloquei o mento dele em minha boca aquela glande vermelhinha que me deu mais prazer ainda. Sugava o membro do mais novo quanto usava minha mão para massagear as bolas.

O menor pegou meus fios fez uma espécie de rabo de cavalo e começou a movimentar minha cabeça para ir mais rápido. Seu membro batendo na minha garganta era tão ter ele de voltar. Sinto que ele ia gozar e tiro o membro em minha boca dando um beijo na glande. Volto para sua boca sugando os lábios deslizando minhas mãos no corpo dele apertei a bunda dele diversa vezes fazendo o menor bufar durante o beijo.

Sai de cima dele peguei um pacote de camisinha na gaveta coloquei em meu membro e voltei na posição afastando um pouco as pernas do mais novo fazendo abri-la dando a visão dos deuses. Levei meus dois dedos até sua boca que começou a chupar.

Um tempo depois tirei meus dedos na boca do meu amado colocando o primeira em sua entrada rosada.


- Hm!! Is-so é bo-mm hmm!- se contorcia as vezes por causa do prazer. 

Apertava os lençóis, coloquei outro dedo estimulando estocadas fiz um movimento tipo de uma tesoura alargando para meu membro entrar. Já lubrificado naturalmente tirei meus dedos o chupando fazendo um cena erótica.

Me posicionei em sua entrada e entrei dentro dele antes que falasse. Sinto minhas costas sendo arranhadas pelas unhas de Jimin. Fiquei um tempo parado depois me comecei a me movimentar com mais velocidade e mais força.


- quero te fuder de quatro- disse todo suado já, sai de dentro do mais novo que se posicionou rapidamente na cama.

Coloquei meu membro com tudo em sua entrada estacadas eram fortes e fundas violentas de mais segurei a cintura de Jimin para não cair.

Dei uns tapas na bunda e fiquei sussurrando em o ouvido do Jimin quanto outra mão fazia um leve masturbação em seu membro.


- Vo-u go-zar- disse Jimin.


Sinto meu pai sendo contraído e o continuei a fuder aquela entrada maravilhosa até que Jimin solta um gemido alto e finalmente goza em cima em minha mão. Dei algumas estocadas e gozei sai de dentro do menor que caiu na cama ofegante seu peito subia e descia sem ritimo. Dei um nó da camisinha joguei no lixo e deitei ao lado dele.


- Jimin, por que você fez isso?- indaguei.


O mais novo sabia o que estava falando apenas deitou em cima do meu peito fazendo circos imaginários no outro.


- estava excitado...- falou pegando a mãos colocando em sua nunca, iniciei um cafuné do menor.

Então só servi para tira a excitação dele. Sou apenas um merda! Mereço ficar sozinho na minha vida toda não era isso que o UNIVERSO queria? Queria gritar dizendo POR QUE!. Tinha tantas perguntas sem respostas medo em seu peito um vazio que não e cheia nunca a felicidade que nunca mais encontrou.

Que caminhou eu estou? Sou um merda merecia morrer! Fiz o Jimin sofre por um ano agora ele volta não lembra quem eu era isso foi a pior que fiz em minha vida foi traí-lo.

Nunca quis brincar com sentimentos dele mas o medo da solidão ser deixado sozinho como outras vezes que todos prometeram que ia ama-lo e dizendo "eu te amo" sempre tudo foi apenas uma mentira.

Depois que conheceu o Jimin mudou completamente seu pensamento, comecei a ficar mais carinhoso, sem medo das coisas apenas ficava observando o moreno do capuz.

Jimin havia dormido a única coisa que posso  fazer é deixar ele viver sua vida e ser feliz nunca mais me intrometer na vida dele.

Fecho meus olhos e adormeço.


[...]


Abri os olhos e vi o Jimin ainda deitado em cima do meu peito me abraçando como fosse um urso de pelúcia. Tiro ele em cima de mim deixo no travesseiro me levanto olho para meu corpo nú depois olho para meu amado nú também e dou um sorriso por lembra de ontem a noite.

Peguei roupas limpas fui para o banheiro fazendo minhas higienes pessoais. Terminei me vesti fui para a cozinha prepara o café da manhã.


[....]


Vejo o Jimin caminhando até a cozinha apenas de boxe que era minha por sinal. 


- eu passei a mão na cama e não te sentir pensei que tivesse me abandonado.- falou ainda com os olhos piscando por causa do sono foi até a mim me abraçou.


- nunca te deixaria, chimmy eu te amo não tem motivo para isto.- deu um selar em nossos lábios vendo o mais novo com os olhos fechados.


- também te amo Yoongi e quero falar algo muito sério com você.- ele se desfez do abraço e me puxou para a sala.

Minha barriga gelou minhas mãos começaram a suar o que ele queria? Sair da minha casa?.

Ele em empurra fazendo sentar no sofá se senta no meu colo abraçando colocando a cabeça apoiado em meu ombro cheirando meu pescoço.


- esse cheiro nunca esqueceria, na primeira vez que fizermos amor você estava com esse cheiro e impressionante que nunca mudou..- falou abrindo um sorriso dando um beijo em meu pescoço.


Sorrir alegremente apertando nos meus braços. Puxei ele para um selinho.


- eu te amo tanto Jimin, me perdoa pelo tudo que eu fiz..- antes de terminar de falar sou interromido.


- eu te perdou, aquele dia que saímos no hospital e quando passou uma semana já me lembrava quem você era nunca contei por causa do medo.. estava com medo de você me rejeitar de novo...- falou me apertando mais ainda.


- eu nunca te rejeitaria de jeito nenhum, você é perfeito eu que sou uma merda.- dei outro selinho.


- claro que não Suga, ainda quero entender por que você fuma sempre da madrugada.. eu sentava em cima da mesinha ali e via você chorar e ficava fumando.. por que?- o mais novo perguntando se afastando um pouco dele.


Yoongi olhou profundamente em seus olhos penetrante.


- por causa de você..- minhas lágrimas escorria pela bochecha- não queria ficar bêbado então resolvi fumar era minha opção- Jimin limpa as lágrimas que caia com o polegar.- eu estava com medo de ter perder, eu te amo tanto Jimin não sabe o quanto- fungava o nariz.


Jimin apenas selou nossos lábios e me abraçou fortemente.


- também te amo meu cubo de açúcar..


Continua? Sei que o hot está uma bosta pois não sei fazer






Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...