1. Spirit Fanfics >
  2. O Neto de Dumbledore (Nico x Draco) >
  3. Banho

História O Neto de Dumbledore (Nico x Draco) - Capítulo 22


Escrita por:


Capítulo 22 - Banho


Draco On

À minha situação é de fato lamentável, me vejo bêbado junto com meu inimigo. Tomo mais um gole de um bebida, que vou supor ser vinho, mas não tenho certeza. Na verdade não tenho certeza de nada no momento, tudo parece meio nublado desde que comecei a beber. Isso era para ser um evento feliz! Mas eu me sinto tão deprimido, queria beber aquela bebida dourada que o meu sogro está bebendo, porque parece deliciosa. E acho seria mais eficiente em afogar minhas mágoas,. Tudo que quero é beber até cair, por isso pego mais uma taça e pego tudo. Será que eles têm algo mais forte? Olho para a Serviçal, que recolhe às taças e deixa uma garrafa de uma bebida prata. Sirvo para mim e Potter, e quando tomo ela desce queimando, mas funciona perfeitamente para mim.

Olho para o Potter, que parece tão bêbado quanto eu. Acho que estamos no mesmo barco, bêbados e sozinhos. Eu odeio, principalmente porque ele gosta do Nico e tudo que quero é enforcar ele. Mas estou sem energia para isso, só quero me embebedar, mesmo que seja junto com meu inimigo. Porque estamos os dois na fossa, e nesse momento somos iguais e estamos a sofrer juntos. Só por essa noite, eu não vou fazer nada contra Potter. Porque dessa vez somos iguais na dor e na bebida, olho para os outros que parecem tão feliz dançando e nem ligam para nós. Afinal só somos Bruxos, não somos nada parecido com eles que são Deuses e tal.

É quando vejo Nico entrar, com ele dois garotos alto e um de olhos verdes e outros azuis. Rosno, se eu não estivesse tão bêbado faria alguma coisa. Mas agora só consigo chorar e beber mais, porque ele me trocou por esses dois garotos? O que eles têm que não tenho!? Olho para Potter, que também parece sofrer quando vê aquilo. Nico parece feliz, dançando com aqueles dois garotos, será que ele não me ama mais? Será que fui muito duro, com ele antes? Eu não sei, por isso não consigo parar de beber e me sentir um idiota. É então que Potter diz.

- Drac, posso te chamar assim? - Faço sim com a cabeça, nem ligo para o apelido que ele me deu. - Nós somos idiotas, brigamos um com o outro e nem percebemos que têm outros atrás do Nico! - Bufo, e tomo mais uma bebida, porque na verdade ele está certo. E isso é horrível, porque me sinto péssimo.

- Você está certo, Haz! Somos péssimos, e o Nico foi levado por baixo dos nossos narizes, e o que nos resta? Além de nos embebedar? - Lágrima escorriam dos meus olhos, e ninguém percebia elas, estávamos sozinhos na nossa dor e isso parecia ser pior do que à perda de Nico. E o que podemos fazer?

- Aceita, mais um bebida meu caro amigo que já foi um inimigo? - Ele levantou a garrafa, e eu lhe ofereci o copo que logo foi enchido. Vejo todos os Gregos, dançando felizes e cantando e digo.

- Pode servir, porque isso vai ser um longa noite

No Dia Seguinte…

Nico On

Me sento, minha cabeça está doendo como se Atena nascesse dela. Lembro de ter cantado e dançado muito naquela noite, sem falar que tomei muito Vinha da Prata que é um bebida alcóolica aqui do Submundo. Por isso estou com essa dor de cabeça insuportável, olho em volta e percebo que estou no meu quarto, meu pai deve ter me trazido. Do meu lado têm Percy babando no travesseiro e no outro com a cabeça para fora da cama está o Jason. Agora me lembro de tudo que aconteceu, eles estão do meu lado da Guerra desta vez e isso é ótimo. É quando vejo no Criado-Mudo três poções, pego uma delas e bebo. Minha dor de cabeça desaparece, para minha felicidade. É então que falo.

- ACORDEM! - Os dois se sentam rapidamente, olham para todos os lados a procura de perigo. Eu reviro os olhos, eles estão seguros aqui no Submundo. Pego às duas poções e dou a eles que bebem sem questionar. Então Jason diz.

- Obrigada, me sinto muito melhor agora. Mas preciso de um banho, acho que todos nós precisamos! - Sinto cheiro, porque ele tem razão estamos fedendo da festa de ontem. Olho para Percy que então coça os olhos cansado, mas quando ele ouviu falar de água e se levantou e disse.

- Vamos logo para o Banho! No melhor estilo romano, Nu e Juntos! - Eu e Jason nos entreolhamos e elevou sobrancelha perguntando se por mim tudo bem. Não sou louco de perder a chance de ver dois homens bonitos nu. Por isso, sorriu, e lambo os lábios com sede.

- Por mim tudo bem, não posso perder a chance de ver Dois Guerreiros grandes e fortes, sem roupa! Eu adoraria ver - Jason corou vermelho, enquanto que Percy riu divertido, e começou a tirar a roupa. Sem se importar com nós dois, eu começo a fazer o mesmo e logo eu e Percy estávamos nu. E Percy falou, para Jason que estava vestido.

- Que eu saiba, o Romano aqui é você! Então deixe de pudor, o Nico não vai pular e te agarrar! - Jason, então suspirou e tirou a roupa. Eu devo admitir que estava adorando a visão desses dois homens na minha frente, muito bonitos e musculosos. Mas eu ainda preferia o Draco, gosto mais da personalidade dele do que às dos meus primos. Acontece que não seria triste se ele tivesse o corpo de Jason.

- Vamos, eu tenho uma banheira enorme no meu banheiro

Chamo eles por Banheiro, lá ela logo se enche de água e entro sentindo a água quentinha. Os meus primos logo se juntaram, por um momento ficamos em silêncio somente aproveitando a água. Eu estava feliz em ter os dois ao meu lado, tornava tudo muito melhor e eu sei que eles teriam minhas costas. Não vejo a hora de apresentar eles a Draco, tenho certeza que eles vão se dar bem. Me pergunto o que aconteceu com Draco, eu não vi ele noite passada será que está bem? Foi então que Jason perguntou.

- Nico, quem era aqueles garotos que você estava beijando? - Coro ao lembrar da minha brincadeirinha da ontem a noite, no final eu não consegui o que eu queria. Mas posso ter quando voltar para o Hogwarts, então não pode me parar. Nem mesmo o meu avô!

- O de olhos Verdes é Harry Potter, ele é o Heróis do Mundo Bruxo e um idiota que se acha o melhor do mundo. O loiro é Draco Malfoy, meu namorado e inimigo do Potter. Um homem maravilhoso que eu amo muito - Sorri, porque eu amava o Draco e nada poderia mudar isso. É quando ouço um assobio de Percy, que perguntou para mim.

- Nico pegador, não esperava isso de você. Mas me disse, porque beijar o inimigo do seu namorado? - Então um sorriso de lobo se abriu nos meus lábios, enquanto que os meus primos riram bastante. Isso está ficando cada vez melhor, estou adorando a companhia deles é ótima.

- Vamos dizer, que eu queria apimentar as coisas. Eu queria provocar ele, porque estava querendo fazer coisas de adulto - Então eu ri divertido, enquanto que Percy e Jason pareciam congelado. Franzi o cenho, porque os dois pareciam ter ficado sérios de repente Percy falou.

- Nico, você só tem 15 Anos, acho que precisamos ter uma conversa com esse Draco! - Jason parecia concordar com o Percy, reviro os olhos, eu não acredito que ele estão pensado desse jeito. Eu posso tomar minhas próprias decisões e se eu quiser fazer sexo eu vou!.

- Não comece Percy, eu já tive essa conversa com meu pai. Não preciso de vocês dois fazendo o mesmo, eu posso tomar minhas próprias decisões! - Jason suspirou, ele sempre foi o mais calmo de nós três. O que era estranho, para um Filho de Zeus. Mas o Percy era que nem o Mar imprevisível.

- Nico está certo, Percy. Além disso, nós dois sabemos que você perdeu a sua virgindade com 14 Anos - Dessa vez foi Percy que corou vermelho, eu gargalho alto. Porque é engraçado ver o Percy envergonhado, porque ele não faz isso sempre. Eu gostava desses momentos leves e então ele diz.

- Ok, dessa vez vocês me pegaram! Mas Nico, seu namorado têm que passar no teste meu e do Jason, só queremos você seguro! - Reviro os olhos, mas ao mesmo tempo fico feliz que eles queiram me proteger. Porque mostra que somos uma família de verdade, e é isso que importa. Foi então que alguém bate na Porta e diz.

- Vossa Alteza, seu pai espera para tomar café!

Logo depois ouço seus passos se afastarem, saio da banheira e Percy e Jason logo me seguem. Quando voltamos para o quarto, onde tinha roupas para os meus primos. No armário pego para mim, só espero que de tudo certo no Café.

 


Notas Finais


O QUE ACHARAM?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...