1. Spirit Fanfics >
  2. O nosso Rock and Roll >
  3. Capítulo 18

História O nosso Rock and Roll - Capítulo 18


Escrita por:


Notas do Autor


o mais difícil é achar imagens desse shipp. não consigo iniciar o cap sem escolher uma imagem.


enfim vamos ao que vocês estavam esperando hehehe.

Capítulo 18 - Capítulo 18


Fanfic / Fanfiction O nosso Rock and Roll - Capítulo 18 - Capítulo 18

jirou: quando a gente tava indo pro  ao quarto do bakugou eu não sabia bem o que esperar encontrar, mas quando entrei não me surpreendeu muito, parecia um quarto de um adolescente normal parteira pra livros a escrivaninha, a cama criado mudo nada tão espetacular era mesmo o quarto dele? 

bakugou: o que achou do meu quarto? 

jirou:honestamente, eu achei que tearia todo bagunçado com roupas pra todo canto rsrs e uma caveira na estante. 

- eu não sou nenhum maluco! e não gosto de bagunça.

jirou: fiquei rindo enquanto corria os olhos pelo resto do quarto, até que tinha algumas coisas peculiares que eu iria comentar mas parei por que senti as mãos do bakugou me abraçando por trás o que me causou arrepio e me deixou constrangido. -talvez eu goste de bagunçar outra coisa.. - ele falou isso bem devagar e pausado no meu ouvido me deixando toda eu mordi meus lábios e segurei o braço enquanto ele passava o nariz na minha nuca me causando uns choquinhos, eu virei o rosto pra ele é se falar nada a gente se beijou de novo, tava tão bom, encaixou perfeitamente e eu fui me virando devagar pra ficar de frente com ele sem sair dos seus braços e a gente acabou indo andando até ele sentar na cama e eu acabar sentando na perna dele, terminamos o beijo com um selinho e eu me joguei no pescoço dele enquanto ele apertava meu corpo, eu pude sentir o perfume que ele usava era forte do tipo que eu uso era muito bom senti durante o show e queria  sentir de novo. 

-jirou....? -oi bakugou..... 

-não dá pra dormir com esse roupa aí não né 

-um... eu sei.. eu ficaria incomodada, e melhor eu tirar né... você poderia olhar pra lá né

bakugou: não vou poder prometer isso 

jirou: baka... -eu não vi muita escolha então ainda sentada nas pernas do bakugou de costas pra ele eu  tirei minha jaqueta primeiro e coloquei num canto, minha blusa lilás era de um tecido leve então dormir com ela eu consigo e nem pensar que eu tiraria! -eu tirei meus allstars com meia e tudo e empurrei pra baixo da cama depois eu fiquei de pé e desabotoei minha calça olhei rapidinho pro bakugou sentado que não tirava o olho de mim, eu abri o zíper e desci ela eu tava com um shortinho.

bakugou: -hã..... 

jirou: não me venha com esse "hã" de decepcionado! achou mesmo que eu ia tirar a calça sem ter nada por baixo? - eu voltei a me sentar entre as pernas dele pra terminar de tirar a calça. -e lilás  -o que é lilás?  -sua calcinha.

-seu mentiroso! para de brincar comigo não dá pra ver através do meu shorts! uuhh 

-hahahah calma calma eu só tava brincando 

jirou: "esse baka! .. mas ele acertou a cor ai que vergonha" -eu abracei meu corpo. -me arruma alguma coisa pra vestir idiota não quero só ficar vestida assim "na verdade tô com um pouco de vergonha do meu corpo" 

-e a camisa que pegamos? 

-deve tá só suor, eu sou fã mas não uma fanática 

-okay então a que eu comprei? 

jirou: poder ser. - eu respondi e ele saiu de trás de mim pra pegar e me deu ela que eu vesti logo. -obrigada..eu devo tá parecendo um garoto né? "sou sem graça" -não diga idiotices, se parecesse com um pode ter certeza que você não teria aqui comigo, você tá bem. -o bakugou falou e deu um jeito no meu pescoço que me vez fechar os olhos. -com suas bochechas vermelhas você fica linda, eu vou tomar banho okay? -okay, eu respondi e esperei ele entrar no banheiro do quarto então me atirei na cama com as mãos no rosto minhas bochechas tavam pegando fogo! 

- meu kamim meu kamim meu kamim, eu tô posso tá sonhando! não tem como tá sendo real tive o melhor show que já fui, e o garoto que eu gosto gosta de mim! tá me beijando me abraçando e me dizendo coisas bonitas ai! isso é irreal demais, meu coração tá muito rápido só de pensar em tudo isso! será que eu tô sonhando? só pode, se for um sonho por favor não me acordem de jeito nenhum.

- não demorou muito o katsuki saiu do banheiro só com a toalha enrolada na cintura e sem camisa confirmando pra mim que não era um sonho ou eu tava sonhando mesmo! pqp que gostoso.

bakugou: você poderia para de me encarar né? 

jirou: eu não posso prometer isso 

-e mesmo então não me culpe por isso 

jirou: ele tirou a toalha da cintura de uma vez só que eu acabei dando um gritinho vergonhoso de surpresa.

-hahaha achou mesmo que eu ia tirar a toalha sem nada por baixo? 

jirou: seu idiota! - eu joguei um travesseiro nele -vindo de você eu não dividiria de nada! bakabakugou -eu enterrei meu rosto no outro travesseiro pra ele para de rir das minhas expressões. -ei jirou.. -la vem ele já veio se aproximando de mim me chamando com aquele jeitinho manhoso que eu não conseguia resistir ele me desarma fácil assim, eu tive que me virar pra ele que tava deitado agora comigo na cama ele tinha colocado uma regata que resolveu um pouco meu problema ele apagou a luz do quarto e eu não sabia bem o que esperar fui surpreendida ele me deu um abraço bem quente eu fiquei debaixo do queixo dele com seus braços me envolvendo. como..como ele consegue ser assim fazer meu coração ficar besta por tudo. ele ficou me acariciando um pouco e eu pude ficar sentindo o calor eo cheiro dele era tão bom.    -ei bakugou.. -o que? -e nada não é nada "eu não tenho nada pra falar só agradecer" -okay, boa noite cabelo roxo. -boa noite bombinha rsrs ele me apertou mais um pouco e eu dormi meu melhor sono.



manhã:

- eu acordei sentindo uma leve dificuldade pra mim me mexer e rolar na cama igual eu faço até estranhei um pouco e foi só abrir os olhos pra tudo ficar explicado pra mim. o bakugou tava dormindo na minha frente eu tava nos braços dele. "meu kamim não foi só um sonho! ...meu kamim obrigada por não ter sido só um sonho" -toda minha vontade de sair da cama passou e eu fiquei ali deitado olhando ele dormindo, ele tá sempre com a cara seria e irritada durante o dia que ver ele tão calmo e sereno como agora me faz pensar que tô vendo algo bem especial. eu mexo um pouco no cabelo dele. 

-então você e dessas que gostam de mexer com quem tá dormindo e? 

- que? bakugou você tá acordado? porque não disse nada logo? 

- eu só queria saber o que você ia fazer hehe

- eu não ia fazer nada bakaa não sou esse tipo de pessoa 

-a gente ouvi alguém bater na porta era o kirishima

sero: ei mano nem perde tempo o bakugou dormiu cedo então ele já deve ter acordado e já foi  -e você tem razão vamos indo então.

jirou: ufa, eles já foram, e é verdade hoje é letivo bakugou então eu já tenho que ir não podemos faltar a aula hoje -eu já me levantei pegando minhas coisas nos braços 

bakugou: okay okay já entendi, eu não tinha esquecido só achei que seria melhor acordar um pouco mais tarde hoje, então já pode ir? 

jirou: eu ainda tô ouvindo o pessoal lá embaixo deixa eles saírem. simplesmente não posso ser pega saindo do quarto dele ainda mais vestida assim.   -pronto ele já saíram eu já vou indo tá? -eu ganhei um beijo se despedida que terminou num selinho  -vai logo anda.  - já vou já vou rsrs eu saí do quarto dele com um sorrindo estampado no rosto. -desci no salão não tinha ninguém ainda bem, eu fui logo pro dormitório das garotas pro meu quarto era só entrar ali que teria tudo bem, e eu consegui, meu kamim me sinto uma criminosa, rsrs uma criminosa do amor, aah que nome brega pra música rsrs aí droga! e melhor eu me arrumar logo já tô ficando atrasada!


Notas Finais


continuamos no próximo Capítulo obrigado por ler até aqui

capítulos diários e a meta
(e estou conseguindo cumprir ela yee)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...