1. Spirit Fanfics >
  2. O Nosso Segredo >
  3. Eu Preciso Que Você Me Ouça

História O Nosso Segredo - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Opa, eae seus lindos, essa é a minha primeira história, ela tá longe de perfeição, mas eu gostei de como ficou.
Desculpem qualquer erro, vlws é noes

Capítulo 1 - Eu Preciso Que Você Me Ouça


Fanfic / Fanfiction O Nosso Segredo - Capítulo 1 - Eu Preciso Que Você Me Ouça

-Onde tá aquele sequelado do Tobi? - Perguntei para mim mesmo enquanto o procurava pelo esconderijo da Akatsuki.
Konan saiu de uma sala e passou por mim dando um leve aceno de cabeça, acenei de volta e entrei na sala de onde ela havia saído, avistei Pain e Tobi, como o chefe estava ali, resolvi não me intrometer, mas quando me virei para me retirar, eu ouvi a voz, fiquei confuso e voltei meu olhar na direção dos dois, e me dei conta que a voz era dele.
-Não...não é possível...ele tava fingindo esse tempo todo? - Susurrei para mim mesmo.
Pude sentir o choro na garganta, a tristeza misturada com a enganação...e o medo, quem ele era? Eu podia estar correndo perigo, a sua aura estava totalmente diferente, não havia resquícios do Tobi idiota que eu conheci.
Virei as costas e me retirei do local.


°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°

~Alguns dias depois~


Konan bateu em minha porta.
-Eu e Pain vamos para Vila da Chuva, iremos retornar em dois dias, os outros membros estão em missão, irei lhe passar uma quando retornar - Disse me olhando com aquela inexpressividade de sempre.

Depois da partida de Konan e Pain, passei um tempo no meu quarto e depois resolvi caminhar pelos arredores, quando cheguei na entrada do esconderijo ele apareceu do nada.
Senti meu corpo gelar.
-Konichiwa Deidara senpai, minha missão acabou mais cedo - Disse fazendo aquela voz de retardado, naquele momento todo o medo que eu senti antes se transformou em raiva.
-Aonde você tá indo? Posso ir com vo-
-PARA DE FAZER ESSA VOZ RIDÍCULA - O interrompi com um grito. Eu não me importava com quem ele era, ou quão forte, eu queria que ele soubesse o quanto eu tava puto.
-Eu sei que essa merda é só fachada - Disse e saí em direção à floresta, deixando seja lá quem fosse ele pra trás.


°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°°

Konan bateu na porta de Deidara, um barulho de secador podia ser ouvido.
-QUEM É? - Deidara perguntou, sua voz superando o secador.
- É A KONAN - Gritou de volta.
- ENTRA - Logo após o barulho do secador cessou.
Konan entrou e Deidara olhou pra ela.
- Seu cabelo está lindo Deidara.
Deidara deu um meio riso e agradeceu voltando sua atenção para seu criado mudo.
Ele pega um pente e pergunta.
- O que deseja Konan? - Voltando o olhar para a  mesma.
Porém Konan está saindo pela porta e Deidara se depara comigo no lugar dela.

(Sim, é o Obito que tá narrando)

- Eu sei que você não quer falar comigo, por isso pedi ajuda da Konan....por favor....pelo menos me ouça.
O loiro ficou mudo por alguns segundos com uma expressão que eu não consegui decifrar.
- Sente-se - Foi tudo o que ele disse, enquanto virava as costas e ia em direção a cadeira de seu criado mudo, se pondo na frente de um espelho com o pente na mão.

Me sentei na ponta da cama enquanto observava as costas de Deidara que penteava os cabelos.
Sasori comentou uma vez que não era permitido levar muitas coisas pessoais para o esconderijo, apenas o que era importante para o combate, mas Deidara protestou e Pain amoleceu, agora os utensílios para cabelo são permitidos, acho que Konan e Itachi ficam agradecidos.
Passei um tempo apenas olhando ele, abri e fechei a boca várias vezes pensando no que dizer, ele parou por um momento e perguntou enquanto encarava o pente.
- Você veio aqui pra isso? Se vai ficar aí só observando me avise, eu tenho mais o que fazer. - Seu tom ríspido era claro.

Dei um suspiro tentando me organizar.


Notas Finais


Eu tentei kskskskks
Vou postar o proximo em breve
Flws


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...