1. Spirit Fanfics >
  2. O novo Substituto Shinigami >
  3. Grand Fisher VS Natsu - - Distância entre Vocês

História O novo Substituto Shinigami - Capítulo 12



Notas do Autor


Yo galera.
A quanto tempo não é mesmo kkkk
Bom, eu tenho estado com algumas dificuldades em construir algo decente para vocês, que demorei, desculpem

Mas aqui está o capítulo para vocês. Ficou pequeno eu sei, mas por agora é o que consigo kkkk

Peguem numa bebida, numas pipocas e desfrutem do capítulo

Vemos nos nas notas finais

Capítulo 12 - Grand Fisher VS Natsu - - Distância entre Vocês


Natsu e Hyndra encaravam o vulto que aos poucos ia aproximando-se cada vez mais. Hyndra de imediato colocou sua Gokon Tekko sem tirar os olhos do ser

"Vamos para outro lugar." - Natsu toca no ombro de Hyndra que o encara - "Os mortos não merecem ser incomodados." - Natsu corre na direcção do vulto passando por ele entrando numa floresta que se encontrava mais adiante. Hyndra o seguiu assim como o vulto. Natsu correu, correu até parar junto à uma zona ampla entre a floresta. Seria o lugar perfeito para lutar.

"Já chega de correr não, Natsu?" - pergunta Hyndra ligeiramente ofegante

"Aqui está ótimo!" - Natsu vira-se para ela que dê imediato entendeu o recado acertando o queixo de Natsu fazendo sua alma sair

Entre as árvores um Hollow com aproximadamente uns 4 metros de altura coberto por um denso pêlo marrom com braços e pernas finas de cor vermelha e um extenso tentáculo, surge à frente do casal - "Este cheiro... Shinigami." - algum rancor é notado na sua voz rouca e desfocada

"Grand Fisher?!" - fala Hyndra surpresa pela presença daquele Hollow - "Natsu, é melhor recuarmos. Ele é forte demais para ti!" - afirma com alguma insatisfação por ter que recuar de um mero Hollow, porém o silêncio de Natsu a chamou atenção - "Natsu, ouviste o que eu disse? Natsu!" - desta vez Natsu olhou para Hyndra. Hyndra deu alguns passos atrás surpresa com o olhar morto dele. Os olhos jade cheios de vida neste momento se encontravam completamente opacos. Hyndra não estava entendendo a razão. Será que Grand Fisher e Natsu já se tinham encontrado antes?

Perdida em seus pensamentos nem deu conta de quando Natsu começou a caminhar na direção de Grand Fisher.

"OH! Este cheiro! Não sinto este cheiro delicioso desde que falhei em matar aquela criança. Maldita mulher intrometida." - Grand Fisher encara Natsu percebendo a intenção do mesmo logo se colocou em posição de combate. Durante este monólogo Natsu caminhava de cabeça baixa. Mas olhando suas mãos era possível entender o sentimento que ele tinha naquele momento. As veias salientadas em suas mãos, assim como a tremedeira constante de sua Zampakutou dava indícios de pura raiva transmitida por Natsu

"Cala a boca!" - Natsu fala baixo fazendo um corte de cima para baixo do qual Fisher se esquivou facilmente, ou foi o que ele pensou até ver seu tentáculo cortado ao lado de Natsu - "Não lembro de te dar permissão para mostrares o rosto de minha mãe sua aberração." - Natsu mais uma vez num tom baixo expressou-se, enquanto dava meia volta tendo Fisher à sua frente - "Hadou n°4 Byakurai" - Fisher com extrema velocidade se esquivava dos raios de Natsu que pareciam não ter fim.

Alguns metros deles, Hyndra olhava aquilo com um tremendo mau pressentimento, talvez seja só coisa da cabeça dela, ela sabia o quão poderoso Fisher era, e isso estava a deixando bastante inquieta. Natsu cravou sua Zampakutou e direcionou seu Byakurai para o cabo dela. Uma enorme descarga percorreu toda a Zampakutou entrando no solo - "Hadou n°11 Tsuzuri Raiden" - Fisher sente uma enorme descarga percorrer seu corpo levando sérios danos com esse ataque. Porém quando Natsu se preparava para atacar novamente é surpreendido pela presença de Fisher bem próximo dele acertando um tremendo soco na barriga de Natsu, fazendo o mesmo ir de encontro à uma árvore cuspindo sangue após o embate

"Agora eu entendo!" - o pêlo de Fisher torna-se mais duro e espetado - "Tu és aquela criança." - as lanças formadas pelo pêlo do mesmo direccionam-se para Natsu - "Tu és o responsável pela morte daquela mulher. Se tu não tivesses esse cheiro tão delicioso ela ainda estaria viva hahaha" - Natsu que aos poucos se recuperava ficou paralisado com afirmação de Fisher

"É verdade neh" - Natsu apoia-se na árvore encarando Fisher com algum sangue escorrendo da sua testa dificultando sua visão - "Eu que matei ela neh. Eu sempre soube disso." - Natsu encara o ataque de Fisher vir na sua direção e fecha seus olhos - "É mais que natural eu morrer aqui e redimir-me com ela depois." - este dá um leve sorriso enquanto fecha seus olhos. O som de carne perfurada percorreu seus ouvidos, porém a ausência da dor o deixou confuso, abrindo seus olhos tem a visão de sua mãe sorrindo para ele com sangue escorrendo de sua boca - " Mamãe?" - a imagem da mulher aos poucos desaparece e Natsu se assusta ao ver Hyndra à sua frente com uma lança perfurando sua barriga e sangue saindo de sua boca

"Idiota!" - Hyndra dá um tapa em Natsu com um rosto doloroso - "Claro que não és o culpado. Nós não escolhemos ter uma boa ou má energia espiritual, é de nascença, originada por nossos pais. Tenho plena certeza que nem tua mãe, nem tua família te acha culpado pela morte dela" - Hyndra cospe uma boa quantidade de sangue perdendo o equilíbrio, só não caindo porque Natsu a agarra pelos ombros

"Oi? Hyndra!" - Natsu encara Hyndra com um rosto preocupado vendo a mesma desmaiada e em seguida olha para Fisher que preparava outro ataque - "Maldito!" - Natsu pega Hyndra ao colo esquivando-se da lança de Fisher

"Tu não és pareo para mim garoto." - Fisher projeta diversas lanças em Natsu que se limitava a desviar porém num pequeno deslize acaba por ser atingido na perna cambaleando em seguida

"Hadou n°1 Shou" - Natsu cria uma parede de vento a jogando em Fisher fazendo o mesmo se afastar. Natsu aproveita o momento para colocar Hyndra junto a uma árvore e correr na direcção de sua Zampakutou cravada no chão - "Espero que resulte." - pensa retirando sua Zampakutou do solo correndo na direção de Fisher - "Hadou n°12 Raiden" - Natsu envolve sua Zampakotou em raios e numa velocidade absurda corta a distância entre ele e Fisher. Neste momento Natsu tinha acabado de usar Shunpo sem saber. Uma colisão entre Zampakutou e lanças iniciou-se com Natsu conseguindo ter alguma vantagem no duelo - "Hadou n°31 Shakkahou" - Natsu tendo sua Zampakutou presa entre as lanças, num ato acrobático consegue colocar uma das mãos em contacto com a máscara do Hollow. Uma esfera vermelha se formou na palma da mão de Natsu que explodiu ao entrar em contacto com o Hollow. Uma enorme cortina de fumo formou-se tirando a visão de Natsu e de Fisher.

(...)

Hyndra aos poucos ia recuperarando a consciência, quando olhou em volta viu que se encontrava no quarto de Natsu. Se sentou na cama e levantou sua blusa observando as ataduras na sua barriga - "Eu desmaiei? O que aconteceu depois?" - com algumas dores conseguiu se levantar. De caras notou que Natsu não estava no quarto. Olhando num pequeno relógio arregalou os olhos - "Eu dormi por 3 dias?"

"Bom dia bela adormecida!" - Hyndra olha para a porta tendo a visão de Ichigo com algumas ataduras limpas em suas mãos

"Ichigo?" - Hyndra se tenta levantar porém perde o equilíbrio com as dores se sentando na cama

"Melhor não me mexeres tão bruscamente." - Ichigo caminha até à janela abrindo as cortinas da mesma deixando uma leve claridade entrar no quarto. O dia não era dos melhores, a cidade de Karakura estava enfrentando um temporal, chuva intensa e fortes rajadas de vento era o que se podia ouvir na rua.

"Onde está o Natsu?" - Ichigo olhou para a mulher sentada na cama suspirando em seguida

"Ele está na floresta, treinando com a Rukia." - Ichigo coça a cabeça com algum desagrado por Natsu estar treinando e ele não - "Aquele idiota não vêm a casa faz 2 dias!" - cruza os braços olhando para a janela

"O que aconteceu com o Grand Fisher?" - Hyndra pega as ataduras que Ichigo colocou na cama e começa a tirar as antigas

"Escapou!" - uma nova voz se coloca presente no quarto e quando os dois olham para a porta têm a visão dum Natsu encharcado com as roupas completamente rasgadas - "Por milagre eu consegui cortar um braço dele, e ele recuou depois disso!" - Natsu bate na parede completamente frustrado por ter sido fraco

"Nat-"

"Vou tomar banho!" - Natsu interrompe Hyndra entrando no banheiro sem sequer olhar para ela. Hyndra olha para Ichigo que nega com a cabeça começando a sair do quarto

"Eu não sei o que se passou entre vocês" - Ichigo para à frente da porta sem olhar para Hyndra - "Mas uma coisa eu garanto. Podes ficar descansada que ele não está chateado contigo. Ele deve ter seus motivos para ter colocado esta distância entre vocês dois." - Ichigo sai do quarto deixando uma Hyndra completamente paralisada e pensativa. Apenas o som da chuva e do vento junto com a água do chuveiro se ouvia naquele quarto que aos poucos ia ficando escuro com o chegar da noite


Notas Finais


E foi isto
Espero que tenham gostado
Até à próxima galera
FLW


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...