História O olhar da Salvadora - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Once Upon a Time
Personagens Capitão Killian "Gancho" Jones, David Nolan (Príncipe Encantado), Emma Swan, Mary Margaret Blanchard (Branca de Neve), Neal Cassidy (Baelfire)
Tags Captainswan, Once Upon A Time, Romance
Visualizações 29
Palavras 1.032
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Famí­lia, Fantasia, Luta, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá meus amores! Demorei, mas voltei
E sabem a noticia que eu tenho?
Voces chegaram aos cinco comentários que pedi
E agora vai ter MARATONA
Bom... não hoje, amanha, mas já irei explicar melhor nas notas finais

Capítulo 25 - O que é mais importante?


Capitulo 24 – O que é mais importante?
 Emma e Killian voltaram para o navio e logo colocaram Ed na cama para dormir. 
-Vamos dormir e amanhã falamos com o Eric?-perguntou Killian para Emma. 
-Sim-respondeu ela logo se vestindo para dormir. 
-Emma, ele não é assim, tá? Ele só agiu assim por causa do rum. 
-Eu sei-disse ela, mas ao mesmo tempo estava inquieta. Vestiu-se para dormir e se sentou na cama. 
-Meu amor, o que foi?-perguntou Killian se sentando ao lado dela.
-Killian, eu preciso que me prometa uma coisa. 
-O que quiser.
-Por favor, não volta a ser o mesmo de antes. Não quero nunca te ver como o Eric estava agora.
-Meu amor, você sabe que eu não vou mais voltar a ser aquele Killian. Agora eu sei o que vou perder se voltar para aquele mundo. E não quero perder nada disso. 
Emma sorriu, mas ao mesmo tempo continuava preocupada. 
-Emma, é sério, acredita em mim-pediu ele se aproximando dela e tocando seu rosto. 
-Eu acredito, só tenho medo de perder tudo isso-confessou ela olhando para ele e depois para Edward. 
-Você não vai!-afirmou ele e então deu um selinho nela, que sorriu novamente-Vamos dormir?
-Sim-disse ela e então antes de Killian se deitar na cama ela o beijou-Te amo.
-Eu também te amo, muito!-afirmou ele e então logo em seguida foram dormir.
(...)
Acordaram ainda cedo com Edward chorando. Killian levantou bem rápido para pega-lo, pois ele estava chorando muito.
-Oh meu amor, o que foi?-perguntou ele com Ed no colo e se sentando de volta na cama.
-Pequeno, a mamãe esta aqui-disse Emma pegando na mão dele-Deixa eu pegar ele, quem sabe ele esta com fome. 
Killian entregou o bebe para Emma, mas continuou perto dele, pois ele realmente chorava muito desesperado. 
-Acho que ele teve um pesadelo-comentou Killian. 
-Misturado com fome-continuou Emma enquanto ele mamava. Killian segurou a mão dele e o mesmo apertava muito. 
-Coitadinho, não fica assim, meu amor, nós estamos aqui com você-disse Killlian enquanto acariciava ele. Aos poucos ele foi se acalmando. 
Quando Emma terminou de amamenta-lo eles foram trocar a fralda dele e em seguida foram se arrumar para ir falar com Eric. Killian pegou Ed no colo e então ambos saíram do navio e foram para o navio de Eric. 
-Eric-chamou Killian quando entrou no navio. Logo Eric saiu de seu quarto com as mãos na cabeça e no rosto. 
-Killian?-perguntou ele.
-Sim, sou eu-respondeu Killian. 
-Ah que bom que voltaram-comentou Eric indo até eles-Desculpem por ontem à noite, eu realmente estava...
-Não tem problema, cara-interrompeu Killian-Mas agora me conta, porque estava daquela forma? Você nunca foi assim.  
-Ah a história é longa-disse ele-Mas vamos entrar dai sentamos para tomar um café juntos.
-Claro-disse Killian depois de olhar para Emma, que assentiu. 
Entraram na sala fechada do navio e se sentaram em uma mesa. Eric começou a preparar um café da manhã.
-É bom você tomar um café bem forte-comentou Killian. 
-Pois é-disse ele e em alguns minutos terminou tudo-Mas então você deixou de ser pirata?
-Deixei, encontrei alguém com quem pude esquecer tudo e só querer me focar no futuro-disse Killian olhando para Emma e Edward. 
-Sabe, admiro isso. Acho muito lindo-disse Eric.
-Mas então, porque você não vai fazer isso também?-perguntou Killian. 
-É complicado-respondeu ele.
-Complicado? Você nunca se apaixonou por ninguém?-perguntou Emma. 
-Uma vez, foi há alguns meses-respondeu Eric. 
-E o que deu de errado?-perguntou Killian. 
-Ela é uma sereia-responde Eric. 
-Ah entendi-disse Killian-Mas será que ela não é uma sereia boa?
-Duvido muito! Nenhuma sereia é!-afirmou Eric. 
-Não acredite muito nisso, aconteceu muita coisa comigo nestes últimos tempos e eu conheci uma sereia e ela era boa, tanto que salvou minha vida-disse Killian. 
-É sério?-perguntou Eric. 
-Sim-respondeu Killian-Talvez devesse dar uma segunda chance pra ela.
-Qual o nome desta sereia?-perguntou Eric. 
-Ariel-respondeu Killian e então Eric se espantou. 
-Ariel? Você tem certeza?-perguntou ele. 
-Sim.
-Então estamos falando da mesma pessoa.
-Espera, então se você a ama, precisa ir atrás dela logo. 
-Não! Eu odeio sereias! Não confio nelas!
-Ariel é confiável, acredita em mim, já a testei. Ela te ama Eric. 
Eric desviou o olhar. Emma olhou para Killian como se estivesse o mandando continuar.
-Ela te ama Eric, ela me contou tudo-continuou Killian.
-Agora não dá mais Killian-disse Eric-Já a mandei embora, já a magoei. 
-Mas ela não esta magoada, ela te perdoou e quer que vocês fiquem juntos. 
-Eu não sei. 
-Eric, não deixe esta chance passar na frente dos seus olhos e você não aproveitar-disse Killian. 
-Não é sempre que a vida te da um amor na mão, assim-continuou Emma-E vocês tem tudo para ficarem juntos, não deixe seu orgulho te impedir de ser feliz. 
-Você pode ter tudo o que eu e a Emma temos, você pode ter uma família-disse Killian-Ariel, é uma boa pessoa e ela te ama muito. Aproveita essa chance, cara! 
Eric não falou nada simplesmente ficou olhando para o mar. 
-Quer que eu a chame?-perguntou Killian. 
-Chamar? Ela esta aqui?-perguntou Eric. 
-Não, mas eu sei como fazer para ela vir-respondeu Killian-Eu posso chamar ela dai vocês conversam. Você quer?
-É que tem um problema-disse Eric.
-Que problema?-perguntou Emma. 
-Eu estou comprometido com outra pessoa-respondeu Eric. 
-Como assim?-perguntou Killian. 
-Estou prestes a me casar com a rainha daqui-respondeu Eric. 
-Se casar? Mas você nunca pensou nisso-disse Killian. 
-Bom, eu penso no dinheiro que ela tem-disse Eric-Quero me casar com ela para ficar com toda aquela fortuna. 
-Bom o que é mais importante?-perguntou Emma-Dinheiro ou ficar com o amor da sua vida? E olha que não é fácil encontrar o amor verdadeiro, ele só aparece uma vez.  
-A questão é saber aproveitar a chance de tê-lo-continuou Killian e então Eric ficou pensativo. 
-Esta bem-disse ele depois de um longo silencio-Quero falar com ela. 
Killian sorriu e então olhou para Emma que também sorriu. 
-Vamos chama-la-disse Killian. 
-Não, por favor, terminem o café, isso pode ficar pra depois-disse Eric-E eu também posso ter um tempo para pensar o que vou falar.
Killian riu junto com ele, pois Eric ficou um pouco nervoso.
-Mas você pode ter certeza de uma coisa!-afirmou Killian-Ela é uma ótima pessoa e vai te fazer muito feliz.  

 


Notas Finais


Bom, irei fazer a maratona amanhã
E este capítulo funcionará assim...
O numero de comentários será o número de capítulos que irei postar amanhã
Então caprichem! Divas AMO vocês, então até amanhã com a maratona e com capítulos que prometem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...