1. Spirit Fanfics >
  2. O Oráculo de Remanent >
  3. Testando as novas armas

História O Oráculo de Remanent - Capítulo 18


Escrita por:


Notas do Autor


galera, esse capitulo ficou absurdamente longo, porem decidi deixar em 1 ao inves de dividir em dois.

Capítulo 18 - Testando as novas armas


Carla: tá, tá, já está bom!

Kakuya: Oof, já deu o valor??

Carla: nem, deve está em torno de uns 90 mil, mas o seu cansaço já tá afetando a qualidade do metal!!

Kaguya: então... dá pra ficar por isso??

Carla: é, dessa vez eu vou deixa passar.

Kaguya: valeu, posso te pedir uma coisa??

Carla: se está testando minha bondade, e melhor parar.

Kaguya: eu gostaria que vc me ajudasse com elas!! {retirando as luvas e botas}

Carla: Humm... elas são muito boas qual o problema??

Kaguya: falta de poder e mobilidade, eu gostaria que vc colocasse alguns dust nelas.

Carla: humm... isso e difícil, mais difícil do que criar uma arma do zero.

Kaguya: mas vc consegue, não é??

Carla: sim, mas vai demorar, acho que termino andes de o torneio começar.

Kaguya: pra mim tá ótimo.

Carla: certo, agora vaza antes que eu mude de ideia.

Kaguya: já to indo. {caminhando até a porta}, valeu Carla, vc é a melhor!!

Carla: Tá, Tá agora vaza idiota. {esboçando um pequeno sorriso}

{ antes de ir pro quarto fui direto pro vestiário guardar as armas e tomar um banho, quando cheguei o quarto estava escuro, sem pestanejar fui direto pra cama.}

Voz feminina: oi... estou aqui de novo...sabe aqui está bem chato sem vc, espero que vc...

Kaguya: Hmm...

Kara: o que foi??

Kaguya: “nada só um sonho. ”

Kara: volte a dormir...

{ depois do sonho, eu não consegui dormir tranquilo por causa de um aperto no peito, acordei de manhã ao sentir o empaqueto de alguma coisa no meu rosto, quando abri os olhos vi que era um travesseiro, Cinthya estava de pé apontando pra cozinha, sua cara era de alguém furioso, levantei e a segui até a cozinha}

Cinthya: me ajuda com os pratos!

Kaguya: vc é quem manda!!

Cinthya: Humm...

Kaguya: se tem algo a dizer pode fala.

Cinthya: o que aconteceu ontem??

Kaguya: acontece que as armas que eu encomendei ficaram muito caras, por isso fiquei um tempo produzindo ferro negro pra quitar a dívida.

Cinthya: foi por isso que chegou tão cansado??

Kaguya: sim... espera vc me vi chegar??

Cinthya: é claro, como eu poderia dormir sabendo que um dos meus parceiros estava na rua.

Kaguya: cara... desculpa por isso.

Cinthya: que isso não se repita, mais eae valeu a pena??

Kaguya: espero que sim, vou ficar alguns dias sem poder usar meu semblante por causa delas.

Cinthya: bom, eu adoraria te ajudar a testa-las.

Kaguya: não precisa, não pretendo usa-las tão cedo. “na verdade eu quero esperar até a missão de coletar mel que vai acontecer daqui a um tempo”

Cinthya: humm... eu pensei que estaria animado pra testar elas

Kaguya: nem tanto.

{depois do papo com Cinthya, fomos pra aula que segui normal, a surpresa foi no refeitório, Jaune não se juntou a nos e sim ficou Cardin}

Yang: ei, desde quando o Jaune e tão chegado ao Cardin??

Pyrrha: é uma surpresa pra nos tbm!

Ruby: não acha que tem alguma coisa errada??

Kaguya: jaune não é idiota, ele sabe se cuidar. “não, ele não sabe, mas temos um roteiro aqui e eu não quero atrapalha-lo” 

Blake: eu concordo!!

Ruby: eu sei, mas... e se ele tiver com problemas??

Pyrrha: nesse caso ele vai nos procurar... eu espero.

Nora: não se preocupem, o jaune é.… o jaune. Ele se vira.

Pyrrha: ele é o nosso líder, se ele precisar de ajuda estaremos prontos, mas até lá devemos aguardar.

{ a semana passou, os membros do time jnpr realmente não gostaram da amizade de jaune e cardin, principalmente a pyrrha por mais que ela disfarçasse dava pra notar, eu sabia o que estava acontecendo mas decidi me fingir de bobo já que sabia o que ia acontecer, as semanas se passaram e finalmente chegou o dia da excursão}

Cinthya: certo time, todos animados e prontos??

Luccas: pra que esse fuzuê todo, logo de manhã??

Cinthya: hoje é o dia da excursão, ou vc o senhor memoria perfeita se esqueceu??

Luccas: eu não me esqueci!! Só não entendo o porquê de toda essa barulheira.

Kaguya: simples jovem gafanhoto, precisamos nos preparar pra viagem.

Cinthya: exato, e não existe preparo melhor do que um café da manhã reforçado!

Zoe: falo tudo, o que tem de bom??

Cinthya: eu fiz bolo.

Zoe: delicia.

Kaguya: ei eu tbm ajudei!!

Cinthya: vc só me lambuzou toda de chocolate.

Kaguya: hehe, foi mal.

Luccas: tem certeza que não estão juntos??

Cinthya: luccas não começa!!

Kaguya: nem, eu sou areia de mais pro caminhãozinho dela.

Luccas: hehe

{depois do café fomos pro salão principal, aonde estavam todos os alunos logo em seguida seguimos para as naves e fomos pra floresta do outono eterno novamente}

Glynda: sim, alunos, a floresta do outono eterno é realmente bela.

{seguimos ela em fila enquanto carregamos algumas caixas com frascos de vidro}

Glynda: mas não viemos pra passear. O professor Peter pediu que todos vcs peguem amostras bem no meio da floresta.

Kaguya: “Ah, que coisa chata, assim que der eu vou mete o pé daqui. ”

Glynda: e eu estou aqui para garantir que não aja mortes durante essa tarefa.

Kaguya: “como se fosse fácil matar qualquer um aqui. ”

Glynda: cada um de vcs deve pegar um frasco cheio de seiva vermelha.

Kaguya: “seiva?? Eu pensava que isso era mel! “

Glynda: mas a floresta está cheia de grimms, então fique perto de seus colegas. Voltaremos a nos reunir as 4 horas. Divirtam-se.

Grupo: yosh!!

{ de pouco em pouco o pessoal ia se separando}

Cinthya: certo eu acho que essa arvore já ta bom.

Luccas: concordo, pelo tamanho de seu tronco deve haver bastante seiva.

Kaguya: claro, eu e a zoe vamos procurar outra arvore enquanto isso. {puxando a garota pela gola da camisa}

Cinthya: negativo, eu sei o que vc quer, e não vou deixar vc fugir da tarefa pra enfrentar alguns grimms.

Kaguya: AH, qual foi Cinthya, eu só quero testar as novas armas.

Cinthya: não senhor, eu não vou ficar encobrindo suas burradas.

Kaguya: qual foi por favorzinho.

Cinthya: não é não.

Zoe: pode deixar.

{ nessa hora todos se surpreendem}

Zoe: eu cuido dele.

Kaguya: valeu zoe.

Cinthya: Oof... tem certeza??

Zoe: não se preocupe.

Cinthya: okay, podem ir, mas se acontecer qualquer coisa chamem imediatamente o resto do pessoal.

Kaguya: pode deixa.

Cinthya: zoe vc está no comando.

Zoe: uhum {concorda com a cabeça}

{ seguimos em linha reta}

Kaguya: valeu, sem vc eu não conseguiria.

Zoe: não foi nada...na verdade eu quero falar com vc.

Kaguya: claro.

Zoe: vc e a Cinthya...

Kaguya: hahaha, está com medo de eu rouba ela de vc??

Zoe: ....

Kaguya: não se preocupa eu não acho que ela sinta algo por mim.

Zoe: Humm...

Kaguya: mas e se ela sentir... oque vc poderia fazer???

Zoe: ... nada, por aqui, tem uma horda a alguns metros.

Kaguya: é bom contar com uma rastreadora como vc.

Zoe: não faço por vc, faço por ela.

Kaguya: eu sei, zoe se realmente gosta dela, por que não contar??

Zoe: não quero arriscar deixar tudo estranho.

Kaguya: então prefere esconder e perde-la, do que se confessar pra ela??

Zoe: assim e mais fácil, é aqui.

{ mais a frente avia uma horda de ursas em volta de uma arvore}

Kaguya: estou vendo, vc fica por aqui e me cobre, mas não dispare a menos que seja muito necessário, não quero alertar os outros.

Zoe: não se preocupe, eu sei o que fazer.

Kaguya: bom, vamos lá.

{ ao ativar a aura enquanto segurava as espadas senti que avia algo diferente, era como se a aura que emanava das espadas se fundissem com a minha, eu sentia que as espadas iriam responder de acordo com o dust que eu desejava, fogo, eletricidade, gelo, vento, terra e gravidade, qualquer um desses eu poderia usar}

Kara: nossa é impressionante.

Kaguya: “é uma sensação e tanto” certo zoe eu estou indo.

{ segui em direção aos grimms, que logo me notaram, 2 deles vieram em minha direção assim que me notaram, saltamos juntos e ao chegar perto deles giro meu corpo no ar usando dust de vento, formando uma espécie de tornado que picota os grimms em pleno ar}

Kaguya: o tempo de reação e perfeito.

{ logo em seguida outra ursa vem em minha me ataca, essa ursa era bem mais evoluída do que as outras, dessa vez escolho o dust de gelo e arremedo uma das espadas na ursa, acertando uma de suas patas da frente a congelando, depois uso o dust de gravidade fazendo a ursa cair no chão, depois puxo a espada de volta com meu semblante e salto usando dust elétrico para perfurar a cabeça da ursa, porem a cabeça da ursa era muito dura, então ativei o dust de gravidade deixando as laminas mais pesadas, com isso a cabeça da ursa e perfurada e logo depois estoura por causa da eletricidade}

Kaguya: Hahaha, isso é muito legal

Kara: cuidado ainda tem... 5 delas?

Kaguya: “qual o problema? ”

Kara: eu tenho quase certeza que eram 9 ursas no total.

Kaguya: “droga”

{ as 5 ursas restantes me cercam, as 5 avançam tentando me morder}

Kaguya: HÁ, não vai ser tão fácil.

{ uso a minha capa e transformo ela em uma esfera com vários espinhos, perfurando as ursas}

Kaguya: Haha isso foi molezinha. {Desfazendo a esfera}

Zoe: CUIDADO!!

{ aconteceu tão rápido que nem tive reação, uma das ursas avia sobrevivido, a mesma me atacou com suas garras me acertando em cheio me arremessando a alguns metros à frente, em contramedida zoe dispara o seu projétil explodindo a ursa.}

 

Kaguya: droga, eu baixei minha guarda de novo.

{ zoe faz sinal de que deveríamos sair dali, corri em direção a ela e usei o dust de vento pra me da impulso assim pegando ela e a ajudando a descer da arvore}

Kaguya: aonde o pessoal ta??

Zoe: e só seguir reto.

Kaguya: vc viu se alguma ursa escapou??

Zoe: sim, ela seguiu pro caminho contrário ao vc, parecia ter farejado alguma coisa.

Kaguya: droga, espero que ela não ataque ninguém. “Kara, alguém estava naquela direção??”

Kara: se não me engano avia sim pessoas, mais não sei exatamente quem.

Kaguya: “eu espero que ninguém se machuque”

{depois de correr um pouco chegamos até o resto do grupo}

Kaguya: chegamos.

Cinthya: o que vcs aprontaram, ouvimos um disparo?

Kaguya: eu baixei minha guarda e zoe me salvou.

Luccas: vc está bem??

Kaguya: Ah, claro o ataque da ursa nem arranho a minha aura.

Cinthya: vcs viu, glynda foi na direção do disparo, vcs deram sorte de não a encontrarem.

Kaguya: bom, acho melhor voltarmos a coletar seiva.

Cinthya: concordo.

{ então passamos o resto do tempo recolhendo seiva}


Notas Finais


galera espero que tenham gostado, por favor se possível comentem ai oque vcs preferem capítulos mais longos, ou menores


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...