História O Outro Lado Da Verdade - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Originais
Visualizações 16
Palavras 944
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ficção, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense
Avisos: Suicídio
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 8 - Helena e a aula de matemática


 Capítulo Anterior:

Depois disso Yuna dormiu, mal sabia que algo bom iria acontecer amanhã.

Capítulo Novo:

     Yuna acordou e toda feliz foi fazer café da manha, chegando na cozinha já estava tudo pronto e ainda não era nem seis horas da manhã, e havia um bilhetinho escrito:

  Bilhete on:

  Me desculpe Yuna, eu sei que você não gosta que falamos do seu corpo e eu fiz  isso no shopping, eu vi que você fingiu não se importar mas você se importa sim, desculpa dei mancada no shopping.

 Pra você não ficar brava comigo eu e a Helena fizemos esse café da manhã pra você. Te adoro e me desculpe.

OBS: A Helena fez a maioria das coisas então não se preocupe esta gostoso.

Bilhete off:

 Yuna sorri, sabia que tinha as melhores pessoas ao seu lado ,sabia que o que tinha acontecido não foi por querer, Rebecca sempre a havia cuidado dela, do jeito dela mais havia cuidado.

Ela estava feliz com tudo, mesmo aquele bilhetinho sendo só um pedaço de papel, ficou feliz, se importava com as pequenas coisas, pois são as pequenas coisas que sempre nos fazem feliz.

Tomou o café da manhã, e foi se arrumar. Havia acordado feliz e ainda mais a surpresa que as meninas tinham feito para ela, a deixou mais animada ainda.  Com todas acordadas foram a escola, só que no meio do caminho houve um acontecimento que impediu Yuna de prosseguir seu caminho.

Helena e Rebecca continuaram juntas, rindo, brincando, queriam continuar com Yuna mas ela.

Chegando na escola se surpreenderam, pois Yuna já estava lá parada no muro sorrindo que nem boba.

-Ué, como você chegou aqui antes de nós? E porque esse sorriso bobo?- Pergunta Helena desconfiada

-Ah é que ganhei carona de uma pessoa, que não via a muito tempo.

-Quem?- Pergunta Rebecca curiosa.

-É...- Quando Yuna ia falar bateu o sinal, e elas não podiam se atrasar, cada uma tinha aula diferente no primeiro período.

Yuna tinha educação física, Rebecca tinha francês e Helena matemática.

Helena vai pra sala, chegando lá não vê ninguém na sala, acha estranho pois o sinal já havia batido a um tempo. Sentou se na cadeira e abaixou a cabeça, daqui a pouco escuta voz de meninas falando alto e rindo, nem olha mas depois de alguns minutos sente puxarem seu cabelo e quando olha pra cima vê umas meninas a encarando.

-Esse ai é meu lugar se você não sabe.- Diz uma menina, baixinha morena.

-Desculpe, pelo que eu saiba as salas são ambientes, ou seja, ninguém tem lugar.- Abaixa a cabeça de novo, mas sente um puxão no cabelo forte.

-Eu estou falando que esse daí é meu lugar, então é bom você não sentar aqui na próxima aula de matemática, ou você não sai dessa sala inteira.

Bate a cara de Helena na mesa, que na hora faz o nariz dela sangrar, e a mesma sai da sala correndo pra ir no banheiro. Quando chega no banheiro lava o nariz.

-Não vou deixar isso assim – Diz Helena cheia de raiva – Não é só porque eu sou novata que eu irei ficar com medo, ou irei abaixar a cabeça que nem eu fazia no meu colégio antigo.

Lima o nariz e vai pra sala, chegando lá recebe uma bronca do professor, pede desculpa e fala que teve um probleminha e mostrou o sangue, o professor a desculpa mas avisa para ela não se atrasar mais.

Senta no mesmo lugar de antes, enquanto a outra menina ria. Na hora da chamada descobriu que seu nome era Erica, agora sim ela iria mostrar para Erica quem ela era mesmo.

Na saída foi a primeira a sair e ficou esperando no corredor, quando viu Erica vindo sem as amigas a empurrou na parede.

-Se você fizer mais uma vez oque você fez hoje, você esta ferrada na minha mão.- Esperou uma resposta de Erica, que ficou parada encarando o chão.- Só é forte enquanto esta em bando vadia? É melhor você não fazer mais o que você fez, sou paciente mais nem tanto.

Saiu e foi se encontrar com Yuna e Rebecca pois todas agora tinham química.

-EEE HELENA DEMOROU EM- Grita Rebecca

-Desculpe tive uns probleminhas – Sorri para as meninas, mas Yuna na hora percebe um sangue na blusa de Helena,

-O QUE É ISSO NA SUA BLUSA? ISSO É SANGUE HELENA? – Grita

-Para de gritar Yuna, sim é sangue, uma menina veio folgar comigo na aula de matemática.

-E você deixou Helena? Me mostra quem é ela que vou arregaçar a cara dela.- Diz Rebecca

-Não precisa, já dei meu jeito.

-Helena você sabe que agressão só gera agressão né?

-Yuna ela que começou, e para de tentar ser a “mãe” do grupo, você esta ficando careta, antes da Tiffany morrer você vivia se metendo em treta, batia em todo mundo.

-Por isso eu estou falando que agressão só gera agressão, eu era assim.

-Serio Yuna, para, você esta ficando chata.

-Tá bom, não me meto mais.

Foram para aula de química, Yuna e Helena estavam bravas uma com a outra, mas Rebecca amenizou um pouco o clima entre elas e acabaram passando o dia mais normal.

Chegando em casa Yuna foi se resolver com Helena, sabia que não poderiam ficar daquele jeito.

-Helena, me desculpe por hoje mais cedo, você sabe que já fiz muita coisa errada enquanto Tiffany ainda era viva, e começou com uma discussão assim na escola.

-Como assim Yuna?

-Pera, REBECCA VENHA AQUI NO QUARTO DE HELENA. - Aparece Rebecca correndo

-Meu deus, o que aconteceu?

-Preciso contar uma coisa a vocês de quando a Tiffany estava viva.

-O que?

-... 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...