História O pagamento de uma dívida (Imagine Kim Seokjin) - Capítulo 4


Escrita por: ~ e ~jiminintira

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jin, Romance
Visualizações 29
Palavras 616
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura S2

Capítulo 4 - Um tiro de tinta vermelha


Fanfic / Fanfiction O pagamento de uma dívida (Imagine Kim Seokjin) - Capítulo 4 - Um tiro de tinta vermelha

*Enquanto eu descia as escadas os olhares de todos ficam sobre mim, e Jin fica de queixo caindo quando me ver.*

Eu estava completamente corada, pois todos estavam me observando. Mas porem mesmo com vergonha eu me aprocimo de Jin e levanto o queixo do mesmo, pra fechar sua boca que estava meia aberta.

— Ela não ficou linda, Jin? — A senhora Kim pergunta pra o mesmo que não tira os olhos de mim.

— Ela não estar linda — Jin fala e meu sorriso por um instante desaparece — Ela sempre foi linda — Jin completa sua fala anterior e um sorriso tímido e surpreso surge no meu rosto — Só que estar faltando uma coisinha — Ele fala pegando uma linda flor, e logo coloca a mesma atrás da minha orelha — Pronto agora estar perfeita — Jin fala apos ajeitar a flor em meus cabelos. E a flor combinava perfeitamente com meu vestido... Tanto que poderia dizer que ela era uma acessório que vinha junto com o vestido.

E pra quem já estava com corada, isso foi como um tiro de tinta vermelha na minha cara... Eu estava 100% corada agora. Meus pais junto com os de Jin, olhavam pra mim e Jin com sorrisos bobos nos rostos.

— A meu Bebezinho esta crescendo — A Omma de jin fala limpado uma lagrima imaginaria do seu olho.

— Mãe! — Jin exclama com uma expressão tipo" Mãe vai começar? ". E logo todos que estavam presentes na sala comencam a ri.

~Quebra de tempo

Depois de um tempo conversando, meu Appa olha pra seu relógio de puço, e em seguida fala.

— Bom... Já estar um pouco tarde, então e melhor nos irmos — Ele fala se levantando do sofá que estava sentado.

— Mas já? Ainda estar muito sedo — O senhor Kim fala. "Serio não importa o horário. Pode ser ate de madrugada, as pessoas vão sempre dizer: Não vão agora ainda estar muito sedo" Eu falo pra mim mesma.

— Desculpem, mas estar realmente um pouco tarde e precisamos ir — Minha Omma fala com sorriso no rosto.

— Então já que é assim.... Tomem cuidado com o caminho... E uma boa noite pra vocês — O Appa do Jin fala abrindo um sorriso no rosto. E acho que eu sei agora de quem o Jin erdou aquele sorriso de príncipe. 

Quando nos já estávamos preparados pra sair, minha Omma fala.

— S/n nem vai se despedir do seu noivo? — Minha mãe me pergunta.

— Aham... E mesmo! Boa noite e tchau Jin — Eu falo um pouco desanimada. Com isso meus pais junto com os de Jin me encaram esperando por algo a mais.

— Não vai dar nem um beijinho de boa noite em seu noivo? — Minha mãe me pergunta com um olhar irônico.

Eu não sei o que me deu quando minha Omma falou isso, pois eu andei em direção de Jin com a ideia de beijar a bochecha do mesmo. So que Jin sem querer acabou virando seu rosto, o que resultou com que nossos labios se tocassem. Devido ao "selinho não propósital", eu dou um pulo de nervosismo pra trás e abaixo meu rosto corado. Jin também ficou corado... So que um sorriso bobo estava estantado em seu rosto.

— E... Eu já vou! — Eu falo saindo correndo em direção ao carro do meu pai, e trancando a porta do mesmo. " Se eu ficasse mais um minuto ali, eu poderia ser confundida com um pimentão gigante " eu dizia pra mim mesma enquanto tentava controlar meus batimentos.

Logo depois de um tempo meus pais entram no carro "rindo de mim com certeza ", e ligando o carro pra nos irmos pra casa.

(CONTINUA???)   


Notas Finais


Sorry se o Cap ficou pequeno...
Obrigada por lerem nossos bolinhos de arroz (.^.^.)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...