1. Spirit Fanfics >
  2. O para sempre não é suficiente (Narusaku) >
  3. Tadaima

História O para sempre não é suficiente (Narusaku) - Capítulo 6


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura❤️✨

Capítulo 6 - Tadaima


- INO, POR FAVOR, ME AJUDA - Naruto entrou gritando na floricultura da Yamanaka 

- O que aconteceu? - a loira perguntou preocupada - Algo com a Sakura?

- Sim! Não! Quer dizer, nada ruim - ele se atrapalhou - Já são quatro da tarde e eu marquei de sair com ela hoje sete e meia, prometi que não seria no Ichiraku mas eu ainda não consegui pensar em nada - falou colocando a mão na cabeça 

- É isso? - ela perguntou rindo - Bom, primeiro, você vai precisar passar aqui antes de ir pra lá - viu a cara de confuso dele - Pra levar flores! E depois vai levar ela naquele restaurante de comidas típicas de Suna. Pronto, o resto é com você - ela falou limpando o balcão 

- Certo! Ok! - ele disse respirando fundo - Sakura-chan adora comidas de Suna e flores. Porque não consegui pensar em algo tão simples?

Ino olhou pra ele incrédula, desde quando ele pensava mesmo?

- Obrigado, Ino - ele falou alto já saindo e acenando pra ela 

- De nada - ela gritou rindo

.

.

.

Eram sete e quarenta e nada do Naruto. Não que Sakura estivesse surpresa. Estava com um vestido vermelho colado até a cintura e rodado em baixo, coque e um salto preto. Fez um maquiagem leve e colocou um batom rosa claro. Ouviu a campainha tocar e quando abriu, primeiro viu um buquê e depois... Sasuke? 

- O que está fazendo aqui? - ela perguntou confusa

- Que bom que está arrumada, vim te levar num encontro - ele falou simples 

- Que? - ela achou que tinha escutado errado

- Um encontro, Sakura - ele repetiu 

- Eu já tenho um encontro hoje, Sasuke. - ela respondeu firme 

- Com quem? - ele perguntou mas logo ele mesmo se respondeu - Naruto.

- Sim - ela falou cruzando os braços - Eu te disse ontem que não te esperava mais 

- Vamos, não é como se você tivesse deixado de me amar. Me amou a vida inteira - ela falou com um sorriso sarcástico 

- Acho que você deve estar com algum problema auditivo. Ela já disse que tem um encontro hoje - olharam pro lado e viram Naruto de cara fechada e braços cruzados encostado na parede do corredor do prédio. Seus olhos se cruzaram com o da rosada e ele sorriu.

- Vai sair com ela mesmo sabendo que o coração dela é meu? - Sasuke perguntou querendo provocar o loiro

- Sakura-chan escolheu sair comigo, Sasuke - Naruto falou estendendo pra amada que aceitou - Não forcei ela a vir comigo 

- Desculpe, Sasuke, mas como eu disse, tenho um encontro hoje - ela falou entrelaçando a mão com a de Naruto o puxando pra longe dali, deixando Sasuke raivoso pra trás 

Do lado de fora do prédio ela se permitiu respirar de novo 

- Naruto, me desculpa, eu não sabia que ele ia aparecer e eu juro que... - ela foi interrompida 

- Você está perfeita, Sakura-chan - o loiro falou olhando-a de baixo pra cima e fixando os olhos no dela - Desculpe não ter trazido flores pra você mas eu esqueci de passar na floricultura da Ino e já estava muito atrasado quando lembrei - ele se explicou coçando a nuca

- Ta tudo bem - ela falou sorrindo pra ele

Naruto entrelaçou as mãos deles novamente e começaram a andar. Eles conversaram durante o caminho sobre coisas banais mas sempre acabavam rindo de algo, atraíram a atenção em todas as ruas que passaram. Alguns olhavam por acharem eles lindos juntos, outros por inveja de Sakura e outros por inveja de Naruto. Cumprimentavam todos que falavam com eles alegremente e Naruto sorriu largo quando uma menininha se aproximou de Sakura dizendo que queria ser forte e bonita igual a ela. Chegaram ao restaurante e foram muito bem recebidos pelo dono que estava radiante em receber os heróis da guerra e os ofereceu um vinha excelente por conta da casa

- Sabe, quando você disse que não seria no Ichiraku eu duvidei bastante - a rosada comentou rindo durante o jantar

- Confesso que pedi ajuda da Ino - ele falou rindo também - Mesmo achando que seria no Ichiraku você se arrumou bastante... Porque? Pra mim? - ela sorriu convencido e malicioso 

Sakura fez o que ele menos esperava, ela corou e concordou com a cabeça. O loiro esperava um "Baka", um levantar de sobrancelha ou até um olhar raivoso mas não uma confirmação. Sorriu e se inclinou levemente pra frente a puxando e lhe dando um selinho 

- É justo, já que eu também me arrumei pra você - ela tinha que concordar, Naruto estava com uma calça preta, blusa social branca que deixavam seus músculos marcados e o cabelo arrumado pra trás

- Posso não ter dito antes mas você está lindo - ela falou sorrindo

Agora foi a vez dele corar e até que ela achou isso fofo. Observou ele um pouco mais e se permitiu apreciar o cheiro dele que chegava até ela devido ao excesso de perfume mas que não incomodava em nada. O perfume amadeirado dele era viciante. Terminaram de jantar e Sakura insistiu para que dividissem a conta mas depois de muita insistência de Naruto ela deixou com que ele pagasse dizendo que dá próxima vez seria ela. A rosada falou aquilo de forma natural e na verdade nem se tocou do que tinha dito e Naruto se sentiu feliz em saber que terua uma próxima vez. Saíram de mãos dadas observando as ruas agora pouco movimentadas de Konoha 

- Sério, porque demoraram tanto? - ouviram uma voz que conheceriam em qualquer lugar

- Kakashi-sensei - falaram ao mesmo tempo olhando pra trás 

- Estava indo pra casa quando vi vocês ai - ele falou se aproximando - Fico feliz que estejam se acertando - falou sorrindo por baixo da máscara e sumiu numa nuvem de fumaça como sempre fazia

Sorriram um pro outro pelas palavras do Sensei e seguiram para o apartamento de Sakura.

- Quer entrar? - ela perguntou abrindo a porta

- Eu até gostaria. Você está completamente gostosa e irresistível nesse vestido e eu gostaria muito de desfazer esse coque pra te beijar te puxando no cabelo - ele falou a olhando com desejo - Mas dessa vez quero fazer isso direitinho e te deixar em casa - a puxou pela cintura - Me despedir com um beijou - e então a beijou - Te desejar boa noite - a beijou na testa - E ir embora pensando no quanto eu gosto de te ter por perto - falou com o rosto no pescoço dela inalando o cheiro que tanto gostava 

- Boa noite, Naruto-kun - ela falou dando um selinho nele, depois sorrindo enquanto fechava a porta

Naruto ficou uns minutos no corredor olhando a porta dela, ela tinha falado o nome dele com o sufixo que ele tanto ouviu ela atribuir a outro por muito tempo. Agora ela o chamava assim. Kami, seu coração disparou como nunca. Saiu de lá e foi pulando de telhado em telhado com um sorriso no rosto. Chegou em casa e foi direto tomar um banho, deitou-se e logo dormiu rápido pelo cansaço mas ainda sorrindo com o coração batendo forte.

.

.

.

Sakura estava em sua sala no hospital contando pra Ino como foi o encontro e o incidente com Sasuke

- Que bom que o Naruto entendeu que você não estava fazendo nada de errado - Ino falou batucando os dedos na mesa da Haruno

- Sim, eu realmente não queria perder meu encontro por um mal entendido - Sakura falou suspirando

- Então, você gosta dele - a loira perguntou sorrindo

- Não sei, é confuso. Mas a única coisa que tenho certeza é que o quero por perto, quero aquele sorriso pra mim e sorrir pra ele - a rosada respondeu sorrindo

- E ainda acha que não gosta dele? - Ino perguntou debochada

- Ei! Não foi isso que eu falei, disse que é confuso - ela se defendeu

- Você está tornando isso confuso - Ino falou apontando pra Sakura

Sakura sabia que ela não estava errada mas não queria machucar Naruto se ela não conseguisse sentir na mesma intensidade que ele. Ouviram batidas na porta e Tsunade entrou fechando a porta com rapidez se sentando na cadeira ao lado de Ino

- É verdade? - Tsunade perguntou encarando Sakura como se ela fosse lhe contar o segredo do sentido da vida

- O que? - a rosada perguntou confusa

- Você tomou vergonha na cara e está com o Naruto? - a loira mais velha perguntou. Ino riu alto com as palavras proferidas pela Godaime 

- Tsunade-sama! - Sakura falou envergonhada - A gente está.. Saindo - ela terminou olhando pro lado corada

- GRAÇAS À KAMI! COMO EU OREI POR ISSO! - a mais velha gritou e dessa vez Sakura acompanhou Ino na risada. Aparentemente, todo mundo queria e enxergava como eles combinavam. Porque ninguém a socou antes pra fazer entender?

- Sakura-sama, precisamos da senhora - uma enfermeira entrou na sala recebendo atenção as três 

- Certo - Sakura respondeu já se levantando para ver o que tinha acontecido 

.

.

.

Três dias depois 

Naruto estava estudando com Shikamaru sobre uns acordos comerciais enquanto Kakashi assinava alguns documentos inadiáveis, quando um Anbu apareceu na janela do Hokage 

- Hokage-sama, já é o quarto ninja essa semana que volta envenenado por um veneno que Sakura-sama e a Godaime-sama não conseguem identificar nem parar o efeito - o Anbu informou depois de receber a atenção dos três ninjas presentes 

- Obrigado pela informação - Kakashi agradeceu e logo depois viu o ninja Anbu desaparecer 

Naruto estava preocupado com a situação e de como estaria Sakura com tudo isso. Ela era especialista em venenos e deveria estar extremamente preocupada por não conseguir desvendar qual era esse.

- O que vamos fazer, Kakashi? - perguntou Shikamaru 

- O que me preocupa é justamente não saber o que fazer por não saber o que estamos procurando - Kakashi soltou um suspiro 

- Sugiro que comecem perguntando ao Kazekage porque os quatro ninjas enviados a Suna voltaram envenenados - a voz de Sasuke invadiu o ambiente 

- Como sabe que eles estavam voltando de Suna? - Kakashi perguntou

- Sakura perguntou a todos eles durante as cirurgias já que tinha que ficar conversando com eles porque anestisia não fazia efeito por conta do veneno - Sasuke contou a eles 

- E como você sabe disso? - Naruto perguntou

- Ela me pediu pra coloca-los em um genjutsu durante as cirurgias para que nnão sentissem dor independente de estarem sem anestesia - ele falou olhando nos olhos do loiro que nesse momento eram indecifráveis 

- Alternativa inteligente - concluiu Shikamaru - Como esperado dela 

- Sim, Sakura sempre foi muito inteligente - o Hokage concordou com o conselheiro - Enviarem uma mensagem diretamente ao Gaara - ele falou já pegando um pergaminho - Naruto, está dispensado por hoje 

Naruto assentiu saindo da sala seguido por Sasuke

- Incomodado por ela ter me pedido ajuda?de - Sasuke perguntou ao lado de Naruto 

- A última pessoa que Sakura-chan procuraria pra colocar alguém em um genjutsu seria eu, já que não posso fazer isso, então estou feliz que ela possa contar com você pra isso - Naruto rebateu tentando não se levar pela provocação. Podia confiar na Sakura de olhos fechados e ele sabia que ela tinha recorrido a ele porque apesar de tudo eram amigos, eram o time 7.

- E não se sente nem um pouco inseguro? - o moreno perguntou

- Realmente? Não. - o loiro respondeu sincero - Sakura-chan é adulta e independente, ela sabe exatamente o que quer e se ela me quer não tem porque eu ficar preocupado com quem quer ela - terminou de falar sorrindo ainda andando tranquilamente 

- Você é um idiota - Sasuke falou antes de se virar para seguir seu próprio caminho

- Você que é um idiota por ter perdido aquela mulher - Naruto falou baixo enquanto andava em direção ao Ichiraku para almoçar 

.

.

.

Sakura estava distraída com uns papeis que precisava resolver quando reparou uma sacola ser colocada em cima da sua mesa. Levantou os olhos e viu Naruto sorrindo pra ela... Quando foi que ele entrou?

- Está na hora do seu almoço e conhecendo você, não ia sair daqui tão cedo então trouxe pra você. Até te acompanharia mas tenho que treinar com o Konohamaru - ele terminou de falar beijando a testa dela e saindo

Ela ficou olhando pra sacola e sorriu quando constatou ser do Ichiraku, é ele a conhecia como ninguém...

Uma hora após terminar seu almoço foi chamada na torre do Hokage. Quando chegou lá, confirmou a informação que foi passada por Sasuke e ajudou Kakashi a escrever o pergaminho que seria enviado ao Kazekage para que nenhuma das poucas informações que tinham fosse esquecida. Voltou ao hospital e quando saiu já eram dez da noite, atravessou as portas transparentes esperando que Naruto estivesse lá para acompanha-la, não o viu em lugar nenhum e seguiu sozinha. Quando chegou sentiu cheiro de comida e foi em direção a cozinha vendo o loiro lá de bermuda e sem blusa

- Hey, como foi seu dia? - ele perguntou mexendo na panela

- Cansativo, o que está fazendo aqui? - perguntou gentilmente 

- Quando vi os papéis na sua mesa, deduzi que fosse demorar pra sair e que não comeria nada depois do que eu levei então vim fazer algo pra você - ele falou ainda de costas pra ela

A rosada o abraçou pelas costas e sorriu. Como ele conseguia cuidar tão bem dela de forma tão natural? Porque ela era idiota ao ponto de não ver que o ninja mais idiota de todos era absolutamente tudo que ela sempre quis?

- Tadaima - Sakura falou sorrindo quando ele se virou pra ela

- Okaeri - ele a abraçou apertado e ela se permitiu repousar a cabeça em seu ombro




Notas Finais


Lindos? Sim
Perfeitos? Claro!
O que vocês acham que está acontecendo com os ninjas envenenados em?
Acharam mesmo que Sasuke ia ficar quietinho?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...