1. Spirit Fanfics >
  2. O Pecado dos Deuses >
  3. Capítulo X

História O Pecado dos Deuses - Capítulo 10


Escrita por: e Tio_Juuh


Capítulo 10 - Capítulo X


Ryudoshel ON

- Eu e Nerobasta estamos juntos.

(...)

Quando a noite caiu, fui para meu quarto e sentei-me numa poltrona que lá havia.

Eu não podia acreditar no que Sariel tinha me dito naquela manhã. Eu não queria acreditar de jeito maneira!

E a promessa que fizemos um para o outro?! Será que ela não foi leal a sua palavra?

Não... Nerobasta é a deusa mais leal e honesta que eu conheço. Ela jamais mentiria para mim, já que a nossa relação é admirável e respeitosa.

Eu não consegui dormir. Aqueles pensamentos tortuosos martelavam em minha cabeça a todo momento. Nerobasta... Você realmente me deixaria? Me trocaria pelo Sariel?

E quando me dei conta, já havia me entregado ao sono.

(...)

No dia seguinte, houve uma reunião especial dos Quatro Arcanjos. Sariel estava lá, com aquele sorriso nojento de sempre e me encarava com o olhar debochado e arrogante.

Ao fim do encontro, Sariel debochou novamente de mim. Eu fiquei bastante frustrado com tudo aquilo e, para piorar a situação, Nerobasta me olhava com desprezo, o que perfurava meu coração.

Mas, eu reparei algo estranho naquilo tudo. Nerobasta realmente não seria capaz de me olhar daquele jeito. Tenho a impressão de que era um "olhar forçado".

Não foi apenas isso que me chamou atenção. Mael estava com feições de que algo de errado havia acontecido. Além disso, Tarmiel também não tinha as melhores da expressões; alguma coisa os preocupava.

(...)

Retornando aos meus aposentos no período da tarde, avistei Nerobasta na metade de um dos corredores.

O Sol iluminava seu rosto a deixando mais bonita. Eu não sei se foi minha imaginação, mas por um instante, ela me olhou com uma expressão triste.

O que será que houve com ela?

(...)

No mesmo dia, à noite, saí para tomar um ar e ir até Zukwik restaurar as energias.

Pousei no pátio que lá havia e, mal tinha chegado, e já tinha aliviado boa parte do estresse. Andei por um ou dois minutos, lentamente, até ouvir um barulho de alguém chorando.

Fui atrás do emissor do choro e encontrei Nerobasta encolhida e encostada na fonte.

Curioso com tudo que estava acontecendo, me aproximei dela e ajoelhei, de modo que ficasse a sua altura.

- Nerobasta, por que está chorando? - disse em tom sereno. Ela não conseguia responder devido aos soluços e a excessiva quantidade de lágrimas que escorriam de seu belo rosto.

- R-Ryudoshel-sama... - finalmente ela falou - M-Me perdoe... P-Por favor, me perdoe! E-Eu não devia t-ter te tratado daquela forma. - dizia Nerobasta sem parar.

Vê-la daquele jeito partia meu coração em mil pedaços. Sariel fez alguma coisa com ela e eu sei que fez, caso contrário, ela não estaria tão deprimida assim.

Se eu colocar as minhas mãos naquele anão de jardim desgraçado...

- Nerobasta... - disse enquanto a abraçava. Envolvi minhas asas entorno de seu corpo frio devido a brisa de Zukwik.

- V-Você sabe que eu jamais faltaria com r-respeito... - tentava falar em meio aos soluços.

- Nerobasta, acalme-se. - pedi na tentativa de deixá-la à vontade - Você não fez nada de errado. Eu sei que você nunca falaria daquele jeito com ninguém. - complementei - Só te faço apenas uma pergunta...

- E-Eu respondo o que quiser, R-Ryudoshel-sama.

- O que aconteceu enquanto eu estava fora? - perguntei olhando em seus olhos - Me diga por favor, eu não suporto ter você longe de mim.

Senti que Nerobasta ficou um pouco receosa em me dizer a verdade, mas mesmo assim eu precisava e estava determinado a saber.

- Sariel ameaçou te matar.

Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...