História O pedaço de mal caminho - Jay Park - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Jay Park, Personagens Originais
Tags Hot, Jay Park
Visualizações 67
Palavras 2.168
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 3 - O insistente mais sexy


Fanfic / Fanfiction O pedaço de mal caminho - Jay Park - Capítulo 3 - O insistente mais sexy

Saio do banheiro enrolada em uma toalha com os cabelos soltos e úmidos. - Pra que toda essa barulheira? - resmungou Lia com a mão na cabeça insinuando dor.

S/n: eu achei que hoje teria aula e acabei levantando com pressa. - fui pro closet procurar uma roupa.

Lia: nossa, tô morrendo de dor.

S/n: tem remédio na gaveta do criado mudo ao lado da cama. - ela olhou pro lado se deparando com Son-ha dormindo de boca aberta. - isso eu não posso perder a chance de tirar foto. - a mesma pegou o celular em cima do criado mudo e tirou uma foto de son-ha.

S/n: vai tomar banho, Lia?

Lia: já vou, s/n eu vou usar uma roupa sua, não trouxe pra mim.

S/n: eu já até separei pra você - joguei um vestido, calcinha e uma toalha nela. - Aí! - a mesma resmungou.

= QUEBRA DE TEMPO=

Todos nós estávamos na sala assistindo um filme quando meus pais chegaram.

M.s/n: Oi galera, vejo que a noite passada foi ótima. - disse sorrindo e vindo até nós.

Josh: ah sim, até acordamos tarde.- disse em com um certo orgulho.

Lia: tia, vou dormir aqui de novo, meus pais sairam e só volta amanhã a tarde.

M.s/n: claro querida.- disse ela com um sorriso no rosto e saindo da sala.

Derrepente eu recebo uma mensagem de um desconhecido.

•MENSAGEM ON•

???: Poxa, foi difícil achar seu contato, mas nada pra mim é impossível. - 22:45

S/n: Quem é? - 22:46

???: Já esqueceu de ontem no camarim? Fiquei chateado. - 22:46

S/n: como conseguiu meu número? - 22:46

Jay: eu tenho meus contatos gatinha. Então queria terminar o que começamos, quando posso pegar você? - 22:48

S/n: isso é algum tipo de piada? - 22:49

Jay: Claro que não, eu sou uma pessoa super séria! Mas já que não quer mais nada acho melhor desistir ☹️. - 22:50

S/n: kkkkkkkkkk por que logo eu? Tantas mulheres bonitas lá e você decide querer algo comigo!? - 22:50

Jay: não sei do porque, apenas quis, simples. - 22:51

S/n: então, acho que eu não poderei continuar o que começamos, desculpa. ✓✓ - 22:51

• MENSAGEM OFF•

= QUEBRA DE TEMPO=

Já era segunda e as aulas da faculdade tinha terminado, me despedi das meninas e hoje eu não iria embora com o Parker, pois ele tinha que sair mais cedo pois ia trabalhar, então decidi ir sozinha. Quando estava no portão da faculdade um carro muito bonito parou na minha frente.

Então a janela do carro abaixo e um homen com os óculos escuros olhou pra mim de cima a baixo. - Sim? - retruquei ele.

???: Senhorita s/n?

S/n: eu mesma, por que?

???: Entre no carro por gentileza, o senhor deseja vê-la

S/n: eu não vou entrar, eu nem conheço você! - sai andando sem nem esperar uma resposta.- o carro me seguiu lentamente até eu perder a paciência e parar de andar olhando fixamente o carro.

S/n: você vai me seguir até quando? Quer que eu chame a polícia?

???: Desculpe, mas o chefe pediu que eu a seguisse. - quando ele disse isso um homem sai do banco de trás indo em minha direção. - anda garota, não tenho todo tempo do mundo - ele pegou pelo meu braço me colocando no carro.

S/n: como você sabe onde é minha faculdade e porque me seguiu? - olhei pra ele nervosa e incrédula.

Jay: eu acabei não desistindo de você, e eu já disse que tenho meus contatos!

=QUEBRA DE TEMPO=

Chegamos em uma grande mansão. - é um pouco maior que minha casa. - olhei a mansão e depois a Jay. - sua casa também é bonita! Não igual a minha mas ela é - ele disse com um sorrisinho de convencido e eu fiquei espantada. - como sabe onde eu moro? - ele apenas deu de ombros.

Saímos do carro e ele me levou para dentro da casa dele. Quando entrei dei direto com uma escada grande no centro e um lustre brancos no meio.

S/n: por que me levou até sua casa? E até onde pretende me levar? - disse brava e cruzando os braços.

Jay: calma, eu só preciso de você em um evento como minha acompanhante. Vai tomar banho não vou levar você assim. - disse ele me puxando subindo as escadas.

Quando ele virou o corredor da esquerda entrou na segunda porta dando pra um quarto enorme. Era básico uma suíte. - vai tomar banho sua roupa tá em cima da cama. Vou tomar banho no outro banheiro, fica a vontade. - ele disse saindo do quarto e fechando a porta sem nem esperar minha resposta.

S/n: como assim, o que eu faço? Eu devo obedecer ele?. - olhei pra cama me deparando com um vestido prateado todo parecendo aqueles vertidos de burguesinha, ao lado da cama um salto alto também prateado.

Entrei no banheiro dando de cara com uma banheiro e uma ducha no box.- bom, acho que vai ser na ducha mesmo. - tomei meu banho e saí do banheiro apenas de toalha.

S/n: poxa Jay, que calcinha vou usar? - disse a mim mesma revirando os olhos. No mesmo instante a porta abre.

Jay: tô entrando. - disse ele com a cabeça na porta olhando pra mim. Então acabou entrando por completo.

S/n: Jay, se você não percebeu eu não tenho calcinha, você apenas providenciou o vestido. - Jay me fitava com os olhos com um olhar de luxúria.

Jay: então fica sem. - disse ele com um sorrisinho de lado.

S/n: como assim? Cê acha mesmo que eu vou ficar sem calcinha com você me desejando, é pedir pra ser estrupada!

Jay: então quer dizer que você vai mesmo comigo?

S/n: é.... - eu não sabia oq responder apenas olhei pra ele.

Então Jay saiu do quarto rindo. - se vista logo S/n, eu só vou colocar meu relógio e um sapato. - ele acabou não fechando a porta.

Fui em direção a porta fechando ela com raiva. Depois vesti o vestido, sim! Sem a calcinha. Estava tentando colocar o salto mas não conseguia fechar o fecho. Quando Jay entrou com uma caixinha na mão.

S/n: o que tem na mão? - olhei fixamente pra caixinha.

Jay: um colar pra combinar com o seu visual, ou você acha que vai sair comigo assim, sem nem um brinco! - disse me olhando com um olhar de confuso.

S/n: ah claro, você pode me ajudar a colocar o salto? - disse sentando na cama e estendendo o pé na direção dele. Ele apenas confirmou com a cabeça.

Ele se ajoelhou colocando meu pé em sua coxa dando uma visão da minha intimidade completamente NUA, ELA ESTAVA NUA! ele olhou ela fixamente mordendo o lábio inferior e continuou a fechar o salto e depois o outro.

Jay: pode levantar e vira de costas pra mim. - eu apenas fiz o que ele mandou. Ele colocou meu cabelo pro lado, colocou um colar de diamante em mim e me virou pra ele e me olhou de cima a baixo. - faltou um brinco, mas isso não é importante.- ele me olhou e deu uma piscada.

S/n: eu tenho um brinco na minha bolsa, talvez combine.- peguei minha bolsa e coloquei os brincos. Olhei pra ele e mostrei os brincos.

Jay: agora ficou perfeito, vai pentear o cabelo. - ele disse passando sua mão em minha cabeça bagunçando ele.

Acabei arrumando meu cabelo, nós descemos entramos no carro e fomos direto a esse certo evento que eu não sabia do que era ou onde era.

= QUEBRA DE TEMPO=

Chegamos nesse tal evento e era tudo luxuoso e bonito, tinha muitas pessoas lá com câmera tirando foto, então Jay saiu primeiro indo até minha porta abrindo pra mim, ele estendeu sua mão pra mim e eu a segurei saindo do carro, nisso já tinha centenas de câmeras tirando fotos nossa.

Ele sussurrou pra mim.- haja naturalmente e finja que não tem câmera- nisso meu deu um beijo na bochecha me deixando corada. Seguimos em frente entrando em um salão.

S/n: você ainda não me disse o que era esse evento. - olhei pra ele com uma certa dúvida.

Jay: é aniversário de um amigo. - disse na maior tranquilidade quando ele vê um homem e foi cumprimentar ele com um abraço. - poxa cara, aqui tá demais, onde é o bar quero beber muito. - ele olhou pra mim e me apresentou ao amigo dele.- Suk essa é a S/n, S/n esse é o Suk, meu melhor amigo.

S/n: Oi, prazer. - disse corando e sorrindo com vergonha.

Suk: então você finalmente deu um sossega no Jay? Poxa achei que seria difícil ver o Jay namorando.

S/n: N-não, eu não tô.- Jay me interrompe. - pois é cara nem eu sabia que isso seria possível.

Olhei pro Jay indo pro bar com o Suk e me ignorando completamente sem nem se importar com oq eu iria dizer.

Confesso que fiquei um pouco envergonhada com oq ele disse pro amigo sobre namorar comigo, então eu decidi ir ao banheiro ao invés de ficar lá parada.

Cheguei no banheiro e fui fazer xixi. Quando sai esbarrei em uma loira alta, acho que ela era modelo. - oh, desculpa eu não vi você, desculpa mesmo.- disse a ela. - não tem problema moça. - disse ela com um sorriso forçado.

Procurei Jay e vi ele com algumas meninas ao redor dele. Ele parecia feliz com elas. Até que um cara me parou e perguntou se eu estava acompanhada, eu acenei com a cabeça como um sim e ele saiu.

Olhei novamente para o Jay e ele estava me encarando, até que um loira interrompe nossos troques de olhares e pelo incrível que parece é aquela mesma loira que eu esbarrei.

Ele estava totalmente se jogando nele. Eu fiquei brava e fui ao bar pegar uma bebida, pedi um coquetel pro barman. Peguei minha bebida eu fui dar uma volta pelo salão.

Quando eu estava distraída olhando um quadro uma moça puxou assunto comigo.

??: Você é muito bonita, é da família do Suk?

S/n: não eu vim com um amigo, conheci o Suk hoje.

??: Ah, como se chama?

S/n: eu me chamo s/n e você?

-Min Jee- disse com um sorriso meigo

S/n: lindo seu nome, você quer beber comigo?

Min Jee-: claro. - fomos ao bar e bebemos um pouco.

Estávamos conversando quando Min Jee olhou a loira e fez uma certa cara de nojo. - eu não gosto dela, ela se joga pra cima dos homens sem nem se importar se eles estão acompanhados ou não.- Olhei pra loira e vi ela dando em cima de outro cara.

Quando de repente senti uma mão grande em minha cintura apertando ela, olhei pra ver quem era e me deparei com Jay me olhando com desejo.

Jay: por que sumiu assim sem falar nada? Achei que tinha me deixado.

S/n: achei que ficaria desconfortável comigo olhando você e aquela loira. - revirei os olhos com um certo ódio.

Jay: isso é ciúme? - me olhou sorrindo.

S/n: não!

Min Jee: acho que já vou indo s/n.

S/n: até mais Min Jee. - balancei as mãos insinuando tchau.

Jay: vejo que já fez amizade.

S/n: não enche Jay, vai lá com a loira. - levantei do banco onde estava e ele me puxou colocando nossos rostos juntos. Então sussurrou - preciso muito ver você sem esse vestido.

Isso me deixou completamente arrepiada, quando sinto uma mão passando em minha bunda. Eu tirei ela imediatamente dali e olhei pra ele.

Jay: aah s/n, não acaba com minha diversão. - me olhou com uma expressão triste.

S/n: não faça isso na frente dos outros! - falei rindo pra ele e colocando uma mão em seu rosto fazendo uma carícia nele.

Jay: vamos embora daqui, quero me divertir em outro lugar

S/n: vamos.

Saímos de la e quando estávamos quase entrando no carro ele apertou minha bunda. Eu fiquei envergonhada porque tinha câmeras lá, e se eles postarem algo a respeito? Fiquei com medo.

=QUEBRA DE TEMPO=

Chegamos em sua case ele ele pegou em minha mão me levando direto ao quarto dele. Quando chegamos lá ele fechou a porta e me jogou na cama.

Jay: é agora que terminaremos oq começamos na balada. - ele me olhou com um olha de predador e isso me deixou completamente exitada.

S/n: faz o que você deseja Daddy.

Como assim por que eu disse isso? Foi no calor do momento, confesso que gostei do que disse pois isso me deixou mais com vontade de ter ele pra mim e isso parece que ele quis o mesmo.

Jay: é agora que eu faço você grita meu nome.

Ele me beijou passando sua mão por todo o meu meu corpo me deixando arrepiada. E abriu o zíper lateral do vestido tirando ele e me deixando nua apenas com o salto então ele tirou também.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...