História O pedaço de mal caminho - Jay Park - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Jay Park, Personagens Originais
Tags Hot, Jay Park
Visualizações 37
Palavras 1.501
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 7 - Compras


Fanfic / Fanfiction O pedaço de mal caminho - Jay Park - Capítulo 7 - Compras

• S/N ON•

Depois da faculdade eu fui na empresa de Jay mas ele estava em reunião, então decidi ir a uma cafeteria, pedi uma torta doce (de sua preferência), avistei a Rafa do outro lado da rua e chamei ela.

Rafa: s/n, você não vai acreditar no que aconteceu. - ela disse dando saltinhos.

S/n: o que aconteceu?

Rafa: eu tô gostando de um dançarino do Jay, ele é tão lindo.

S/n: então isso significa que você finalmente esqueceu o meu irmão?

Rafa: eu não era apaixonada pelo seu irmão, eu só tinha umas quedinha e agora que eu conheci esse dançarino eu esqueci o Parker completamente.

Nós conversamos sobre esse dançarino que a Rafaela disse que gostou e depois fomos pra casa, chegando lá fomos tomar banho e se arruma pra dormir, jantamos e ficamos assistindo filme na sala.

No dia seguinte eu recebi uma mensagem de Jay dizendo pra irmos ao uma casa de férias no final de semana, ele disse também que eu podia chamar meus amigos então pensei em chamar a Lia, son-ha, Josh, Parker e a Rafa.

Chegando na faculdade encontrei todos reunidos, cumprimentei todos e decidi já perguntar.

S/n: gente, o Jay me chamou pra uma casa de férias pra esse final de semana e ele disse que eu poderia chamar vocês então, vão querer?

Lia e son-ha: claro que sim.

Parker: eu vou.

Josh: pode contar comigo.

Mandei mensagem pra Rafaela perguntando se ela queria ir e ela disse que sim e se poderia levar o BM.

•RAFA ON•

S/n me mandou uma mensagem perguntando se eu queria ir pra casa de férias do Jay, eu queria era óbvio mas iam todos os casais e eu ficaria de vela? Então decidi pergunta ao BM se ele queria ir comigo.

Avistei o BM saindo do vestiário, então fiz um sinal com a mão chamando ele e ele veio até mim.

BM: Oi Rafaela, o que foi?

Rafa: então, minha amiga vai a uma casa de férias do namorado e disse que eu poderia chamar alguém, mas como eu só tenho você como amigo então...- olhei pra ele com cara de coitada e fazendo biquinho.

BM: Ok, eu vou ver se eu vou poder ir, mas que dia vai ser? - deu um sorrisinho de lado.

Esse final de semana- retruquei

BM: ah, não sei, mas vou ver se posso ir ok.

Eu confirmei com a cabeça e entramos no estúdio pra ensaiar.

•S/N ON•

Eu já tinha terminado a segunda aula então aproveitei pra ir ao banheiro. Chegando lá tinha duas meninas se arrumando e passando maquiagem em frente ao espelho, eu decidi só fazer xixi e vazar dali.

Encontrei as meninas no refeitório, me sentei ao lado delas.

Son-ha: não vejo a hora de chegar o final de semana.

Lia: mas a casa de férias dele é na praia ou faz frio lá? Preciso já preparar minhas roupas e talvez comprar mais.

Son-ha: verdade Lia, eu preciso comprar biquíni também.

S/n: eu ainda não sei, preciso perguntar ao Jay.

Lia: então pergunta logo amiga, porque preciso de roupas novas.

Son-ha: eu não vejo a hora de arrumar o look de cada uma.

S/n: mas nós só vamos a uma casa de férias, não há necessidade de arrumar um look.- dei uma gargalhada no final.

Son-ha: sim, mas eu também preciso arrumar um look, já pensou nos chegar lá e nada combinar com nosso visual. Eu fico até com arrepios. - fez um biquinho debochado no final.

Decidi mandar mensagem pro Jay.

• MENSAGEM ON •

S/n: Jay, a casa de férias é na praia ou neve?

Jay: na praia gatinha, aliás preciso comprar sunga, vamo comigo?

S/n: vamos, preciso de biquíni também.

Jay: então sai mais cedo da faculdade, chego aí em 5 minutos.

• MENSAGEM OFF •

"Meu Deus, Jay é muito rápido" - Pensei.

Eu avisei as meninas que ia sair mais cedo e fui ao portão da faculdade esperar o Jay. Seu carro chegou e eu entrei.

Jay: já pensou que tipo de biquíni vai querer?

S/n: ainda não, talvez um normal da cor azulada.

Jay: normal? Ah não, você vai pegar o melhor que tiver na loja, você precisa tá muito sexy pro Daddy aqui. - apontou pra ele mesmo.

S/n: ATA - comecei a rir da cara dele

Chegamos no shopping e fomos a uma loja de praia, Jay foi pra área que tem sungas e eu para a do biquíni, Peguei vários estilos de biquíni e fui ao provador.

Jay: sai logo daí, eu quero ver.

S/n: calma eu tô colocando ainda.

Terminei de colocar e era um biquíni simples preto.

Jay: não gostei, troca. - fez sinal de não com a mão.

Voltei ao provador e coloquei um maiô branco e valorizava minhas curvas.

Jay: ainda não tá bom, pode colocar outro.

Experimentei vários tipos de biquíni e Jay não gostou de nenhum, até que eu mostrei o último, que era azul e estilo ciganinha.

Jay: é esse daí! Agora dá uma voltinha.

Dei uma volta e Jay me olhava de cima a baixo com uma expressão de desejo.

Jay: vamos embora logo, você precisa me ajudar com um serviso.

Ele foi ao caixa e pagou algumas coisas que ele pegou, como a sunga, toalhas, protetor, chapel e outras coisas que não prestei muita atenção.

Saímos da loja e Jay andava com pressa até o estacionamento, quando entramos no carro ele suspirou fundo.

S/n: por que tava andando rápido? - olhei pra ele levantando uma sombrancelha.

Jay: fiquei com medo que alguém percebe o efeito que você causa em mim. - ele apontou pro seu membro que estava ereto.

S/n: meu Deus Jay, pq você é assim? - dei risada e dei um tapinha no seu ombro.

Jay riu e logo deu partida indo direto para a casa dele. Chegamos la e ele foi pro quarto deixando as sacolas de compras no seu closet. Eu fui para a cozinha beber água.

- S/n? - Jay chegou sem eu perceber me dando um susto.

S/n: caramba garoto, pq não avisa que tá chegando perto? - coloquei a mão em meu peito.

Jay se aproximou de mim e me agarrou pela cintura selando nossos lábios e começando um beijo lento. Envolvi meus braços pelo seu pescoço e colando mais nossos corpos e acabei encostando no seu membro, Jay acabou dando um suspiro.

Jay: vamos pro meu quarto.

Ele me agarrou no colo dele e eu envolvi minhas pernas na sua cintura, chegando no seu quarto Jay me jogou na cama e tirou sua camisa e a calça. Depois ele acabou tirando o vestido que eu usava, me deixando só de calcinha, e eu não estava com sutiã porque não gostava de usar muito.

Ele subiu em cima de mim e eu envolvi minhas pernas em sua cintura encostando seu membro na minha vagina e eu acabei soltando um pequeno gemido por conta do tesão.

Ele explorava meu corpo com sua mão, ele começou a beijar meu pescoço dando chupões e mordendo, isso me deixava tão excitada. Ele foi descendo seus beijos até minha barriga chegando a minha vagina.

Ele deu um beijo nela e olhou pra mim, logo em seguida ele tirou ela e começou a massagear com seu dedo indicador fazendo movimentos circulares. Eu dava leves gemidos e isso deixava Jay louco e então ele começo a lamber e chupar ela até fazer eu gozar.

Peguei o Jay e o sentei na cama e fiquei de joelhos a sua frente. Peguei seu membro e comecei a masturba ele e olhando para o Jay fixamente, depois dei um beijo na cabeça de seu membro e dei um sorrisinho. Abocanhei o mesmo fazendo movimentos de vai e vem, Jay gemia meu nome e jogava sua cabeça para trás enquanto segurava o meu cabelo. Jay gozou na minha boca e eu engoli.

Levantei e empurrei Jay com minha mão e subi em cima dele sentando em cima de sua barriga e comecei a beijar ele. Nosso beijo estava tão intenso e eu conseguia escutar nossas respirações profundas, Jay me pegou pela cintura e fez eu sentar em seu membro que entrou em mim, demos um breve gemido então comecei a cavalgar nele e Jay controlava os movimentos com sua mão na minha cintura, eu arranhava o peito de Jay deixando mais excitante.

Jay saiu de dentro de mim e me deixou de quatro pra eles, então ele deu mais estocadas em mim com mais intensidade deixando mais prazeroso, a gente gemia de tanto prazer, Jay dava tapas fortes na minha bunda, arranhava minha costas, puxava meu cabelo, isso me deixava louca e me fazia gemer seu nome.

S/n: Oh Daddy.

Depois de horas de prazer nós finalmente chegamos ao nosso ápice, deitei em cima de Jay e ele fazia cafuné no meu cabelo.

Jay: essa foi a melhor foda que eu já tive na vida.

S/n: eu não sabia que você era tão bom, essa foi a melhor mesmo.

Jay deu um beijo na minha nuca e dormimos.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...