1. Spirit Fanfics >
  2. O Peso da Coroa >
  3. Cavalos

História O Peso da Coroa - Capítulo 5


Escrita por:


Capítulo 5 - Cavalos


Fanfic / Fanfiction O Peso da Coroa - Capítulo 5 - Cavalos

23 dias para o Casamento.

Os dias passavam de maneira lenta e pesada, eu mal conseguia sair do quarto, haviam roupas jogadas pelo chão, os lençóis bagunçados, e meu corpo pálido e cansado jogado no chão. Eu precisava de forças para sair dali, mas eu estava de castigo desde a fatídica noite do jantar, eu não podia sair de casa, nem para ir ate os jardins, ate o dia da festa de minha festa oficial de noivado que seria dali a alguns dias. Meus pais esperavam que eu fosse apresentada oficialmente como noiva do príncipe, e que nos tivessemos tempo para fazer atividades juntos antes do casamento, como se fazer algumas aulas de equitação, dar uma festa do chá, ou passear de carruagem por Olbin ,fosse capaz de fazer a gente se apaixonar dentro de 1 mês.

Fico imaginando aqui trancada no meu quarto onde esta Elisa, o'que esta fazendo, nos não nos vimos desde o dia do jantar. Já sabia ela do que aconteceu? Por que não veio mais me ver? Ela está bem?

Preciso responder as minhas perguntas e para isso, eu vou ter que conseguir sair desse quarto primeiro, mas como? Os cavalos. A idéia caiu leve como um pingo de chuva. Os cavalos que estavam do lado de fora pra as aulas. Eu só precisava que ninguém me visse. A essa hora meu pai estava na cidade, minha mãe provavelmente ocupada com suas tarefas. Pela porta seria fácil de mais, então abri a janela.

Olhando pra baixo respirei fundo. Era isso ou nada. Pulei. O barulho que eu fiz caindo no chão chamaria atenção de mais então corri para subir no cavalo... Montada nele eu sentia o vento e com ele a liberdade passando pelos meus longos cabelos loiros, a medida que corriamos e eu me distanciava do castelo, eu sentia paz de novo... A casa de Elisa ficava no bosque, perto de uma clareira. Na parte mais afastada da floresta, desci do cavalo quando cheguei na frente da casinha para meu total alívio a porta estava aberta e tinha cheiro de bolo de frutas oque me sinalizava que ela estava lá. Eram as frutas que nos colhiamos juntas... Sem bater, entrei e la estava ela, com seu com seu pequeno avental cobrindo a torta com com recheio do que pareciam ser morango.

_ Oii

Ela se virou para mim, com um susto

_ Victória o'que você esta fazendo aqui?

_ Não esta feliz em me ver?

Ela não parecia nada feliz.

_ Você esta feliz em me ver?

_ Elisa, eu não viria ate aqui, se não quisesse te ver, o'que esta acontecendo?

_ Eu que te pergunto Victória o'que esta acontecendo, tem boatos correndo por todo reino de que você...

_ Elisa, eu não sabia, eu não sabia de nada.

_ A você não sabia, você parecia bem feliz naquele dia, se arrumando para o príncipe

_ Ei, não fala assim comigo. Você não tá vendo a situação

_ Eu não tô vendo a situação? Então me diz qual é a situação? Você é tudo que eu tenho Victória e você vai me deixar, vai virar uma princesa, vai morar num castelo, vai se casar com aquele príncipezinho

_Meu amor vem aqui, me escuta - Segurei sua mão tentando afastar aquela distância que havia ali entre nós - Meu pai me prometeu para quando eu era criança - começei a chorar - e eu nunca sou de nada, naquele dia havia chegado um convite para um jantar, eu não sabia de nada, só descobri tudo durante a festa

Ela soltou a mão da minha... Eu chorava ainda mais e nos olhos dela também haviam lágrimas começando a brotar

_ Não faça isso comigo Elisa, não seja dura comigo, eu te amo

Silêncio...

_ Elisa por favor, fala comigo

_ O'que você quer que eu fale Victória, o'que vai ser de nos duas, não temos mais chance

_ Não fala isso, eu vim. eu vim aqui para te chamar pra irmos embora daqui. Vamos deixar tudo isso pra trás e irmos em bora só nos duas como tínhamos planejado

_ Não da Victória, não dá

_ Como não da? Eu vou cuidar de tudo ta legal? Do dinheiro de um lugar pra ficarmos, vai ser tudo perfeito, nos vamos ser muito felizes 

_ Eu não posso simplismente deixar a minha família aqui, eles precisam de mim

_ Eu sei meu amor, a minha também, mas quando estivermos bem la, podemos mandar mensagens para eles

_ Não é disso que se trata... meu pai... meu pai esta doente

_ Doente? Eu não sabia

_ Claro que você não sabia, você nem se preocupou em me contar que estava noiva. Simplismente sumiu por dias

_ Me desculpa Elisa, eu não tava bem, você não sabe o quanto mexeu comigo essa história toda

_ A única coisa que eu sei é que parece que estamos vivendo em mundos diferentes

_ A culpa não é minha, você podia pelo menos parar de me tratar como se eu estivesse adorando tudo isso

_ Não ta sendo fácil pra mim também, olha é melhor você ir em bora, eu preciso fazer as coisas para ajudar minha família

_ Você ta me botando pra fora é isso?

_ Você entendeu é melhor você ir

Ela estava me botando para fora. E eu estava magoada, com meus pais e agora com ela.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...