História O Poderoso Destino - O Casamento? Terceira Temporada - Capítulo 20


Escrita por:

Postado
Categorias Pretty Little Liars, Teen Wolf
Personagens Alison DiLaurentis, Emily Fields
Visualizações 107
Palavras 1.810
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 20 - Cap. 19


Fanfic / Fanfiction O Poderoso Destino - O Casamento? Terceira Temporada - Capítulo 20 - Cap. 19

19 de Outubro - Sexta-feira

10:00Hs da Manhã

Jacob narrando....

Estamos no lugar onde sempre fazemos nossas reuniões...

A Cozinha da minha mãe!

Hanna nós chamou pra contar o que aconteceu em Miami, principalmente a parte sobre a Maya. Spencer e Aria falaram sobre o médico do medo que invadiu a casa delas, contei sobre o que aconteceu com a Alison e que a Emily não lembra de nada.

-A culpa é minha! -Maya diz

-Não foi nada! -Hanna diz e segura a mão dela- Maya não foi sua culpa, ele acessou suas memórias! Você não teve escolha..

-Eu dei... -Maya ia falar, mas eu não deixo

-Você falou?! -pergunto serio e ela me olha confusa- Você abriu sua boca e falou como matar a Alison?! -pergunto e ela nega

-Eu nunca trairia a confiança que a Alison e a Emily me deu! Eu não entregaria a Alison nunca... -diz forte

-Então pronto! Não foi sua culpa, você não entregou ninguém Maya. -seguro sua mão e aliso ela com meu polegar- Ninguém vai te culpar pois sabemos que não é sua culpa, você não teve escolha! Não diga que foi sua culpa sobre isso, nunca! -digo olhando em seus olhos

-Obrigado! -ela diz e eu me afasto

Continuamos conversando sobre os Médicos e procurando uma forma de pegar o Theo!

-Podemos capturar um médico do medo, que tal? -Caleb diz e Spencer concorda

-Estou louca pra pegar um! Principalmente o que apareceu na minha casa, ele interrompeu algo muito importante! -diz chateada

-Você ia transar né? -pergunto e ela fica com as bochechas coradas

-Se entregou! -Hanna diz rindo

-Onde foi a tentativa de sexo? Sala? Quarto? Banheiro? Cozinha? -ela fica mais vermelha- Vamos Spencer diga!

-Ía ser na sala se o médico ridículo não tivesse interrompido! -Aria diz e Spencer olha pra ela seria

-Aria! -reclama fazendo todo mundo rir

-O que foi?! Todo mundo nessa cozinha transa, bom... -Aria me olha- Tirando o Jacob!

-Ei! -reclamo

-E a Maya!

Spencer diz e vejo que Maya ficou vermelha, suas bochechas estão parecendo um pimentão. Ela morde o lábio inferior com força, percebo que ela apertou os papéis com força.

-Verdade! -Hanna diz e eu olho pra ela- Por que não juntar o útil e o agradável? Jacob leva a Maya pra jantar e depois vão para um motel, olha que coisa boa!

Maya olha pro chão, ela quer sair correndo. Merda Hanna!

-Gostei da ideia! -Maya fala e eu a olho surpresa

-Da ideia da Hanna? Eu topo! -digo e ela me olha seria

-A do Caleb! -diz forte e eu reviro os olhos- Podemos capturar um médico, mas precisamos de uma isca!

-Eu! -digo e ela rir

-O que você tem de lindo tem de lerdo!

Aposto que ela nem percebeu o que falou, as meninas olham surpresas pra ela e eu mordo meu lábio. Olho dentro de seus olhos e dou um sorriso de canto de boca, chego minha boca próximo a sua orelha e ela fica tensa.

-Você acabou de me chamar de lindo! -digo e ela engoli a seco

-Saí de perto de mim! -diz me empurrando- Não pode ser alguém sobrenatural, eles fazem experimentos em sobrenaturais mais é bem raro! Eles querem mais humanos! -diz a última parte me olhando

-Larga de ser chata! Deixa eu ser a isca, o que é que tem?! -pergunto

-Você é lerdo mesmo! Não escuta nada do que eu falo não é?!

Sua boca sempre chama a minha atenção! Penso em responder isso, mas só dou de ombros fazendo ela ficar mais chateada.

-Se prestasse atenção saberia que é melhor um humano pois tem mais chances de ser levado do que um cachorro de quase dois metros de altura! -diz e eu cruzo meus braços- Eles foram atrás da Spencer e da Aria as primeira opções são elas duas!

-Eu topo! -Spencer diz e eu nego

-É perigoso! Melhor colocar alguém que saiba de defender do que uma pessoa que nem sabe pegar numa arma! -digo e Specer revira os olhos

-Melhor colocar alguém que sabemos que vai ser pega do que alguém que vai morrer esperando! -Maya diz e fica em pé- Olha só você não sabe praticamente nada, então deixa quem saber trabalhar! Vai ser a Spencer e pronto! -diz seria

-Não vou deixar você colocar alguém que eu amo em perigo! -digo e chego perto dela- Eu vou!

-Não Jacob! Qual a parte do ELES PREFEREM UM HUMANO você não entendeu?! -fala alto- Não adianta colocar um transformado! Eles não escolhem assim!

-Eu já perdir gente demais, não vou deixar isso acontecer novamente! Você já perdeu alguém importante pra saber?! Aposto que não!

Pergunto forte e ela me olha surpresa, seus olhos ficam cheios d'água e ela rir.

-Você não é lerdo... É idiota mesmo! -diz olhando em meus olhos e vira pras meninas- O que vocês decidirem tá bom! Eu preciso de ar...

Maya sai pela porta do quintal e Hanna me olha furiosa, eu não devia ter falado aquilo com ela. Hanna levanta e sai atrás dela, me sento na cadeira e passo a mão em minha cabeça.

-Não devia ter falado aquilo! -Caleb diz sério- Você não sabe nada sobre ela Jacob!

As meninas concordam e eu dou um soco na mesa, merda! Não dou uma dentro com a Maya! Porra!

Me levanto pra ir atrás dela, mas paro assim que escuto um coração super acelerado. Sinto cheiro de raiva, olho pra trás assim que escuto a porta ser aberta com força.

Emily!

Seus olhos laranjas brilham de raiva, ela olha ao redor como se procura-se alguém.

-NÃO DEIXEM ELA CHEGAR PERTO DA MAYA! -o grito do Luke deixa todos na cozinha confusos e nervosos

-Cadê ela? -Emily pergunta cheia de raiva

-Nao sei! -digo sorrindo e ela dá um passo pra frente

-Fala! -diz forte

-Pra chegar nela você tem que passar por mim! -digo indo em sua direção

-Moleza!

Ela vem até mim e me acerta um soco, sinto meu labio arder e gosto de sangue. Levanto meu olhar e ela me olha com mais raiva, fecho minhas mãos com força e empurro ela. Emily vem pra cima de mim, seguro ela pela cintura e nós levo ao chão.

-Emily para! -digo segurando ela no chão

Emily acerta um chute no abdómen me lançando contra a parede e eu dou risada ao cair no chão. Ela tira sua espada e vem até mim, me levanto num pulo e ela acerta a espada em meu braço.

-Vadia! -digo sentindo meu sangue escorrer

-O que ta acontecendo?! -Maya entra e eu olho pra ela

-Sai daqui! -digo e ela olha pra Emily

-Ele disse que eu entreguei você e a Alison, não foi? -pergunta e Emily aperta a espada com força- Se tem dúvidas da minha lealdade a você e a Alison venha logo me matar! Mas se acredita que eu mudei e que eu só quero ajudar vocês, como eu venho fazendo desde que cheguei... -Maya chega mais perto e eu fico nervoso- Solte a espada!

Emily respira fundo, balança a cabeça rapidamente e solta a espada.

-Desculpa, eu acredito em você.. Só que quando eu vi eu.... Me desculpa? -Emily diz e coça a nuca

-Tudo bem, estou acostumada com pessoas querendo me matar! -Maya fala sorrindo

-Que bom que estão todos bem! -digo alisando meu braço- Eu levei uma espadada! -digo e Luke rir- Cala a boca babaca!

-Podem me explica quem é Theo? -Emily fala chamando a atenção- Vamos falar tudo o que cada um sabe? -pergunta e Maya concorda

-Eu sei sobre o Theo! -Maya diz e senta na cadeira- Ele foi o primeiro Guimera criado pelos Dread Doctors que conseguiu completar com sucesso a sua transformação, embora ele não tenha sido considerado um verdadeiro sucesso.

-Theo matou sua irmã de propósito para que os Dread Doctors pudessem transplantar seu coração para ele, fazendo dele uma quimera natural. -Luke diz e Spencer fica surpresa

-Que filho da puta! Ele matou a própria irmã pra conseguir o coração? -pergunta e Luke concorda

-Theo não liga pros outros, ele só quer poder! -Hanna diz

-Theo é parte Werecoyote, bem como parte Lobisomem, que lhe dá ambas as suas habilidades, incluindo a mudança para um lobo e coiote. -Maya concluí

-O que ele quer? -Aria pergunta sentando no colo da Spencer

-Ele quer transcender seu status de quimera e se tornar um verdadeiro lobisomem, pra ser mais exato um alfa! -Caleb diz lendo um papel

-Ele planejou pegar o bando e o poder da Alison para si mesmo, fazendo com que Ali fose morta por você... Só que não deu muito certo! -Maya diz e Emily sorrir

-Ele é um psicopata! -Spencer diz e Vicky rir

Eu nem vi quando ela entrou!

-Theo tem um comportamento sereno, ele é ousado, charmoso, carismático, inteligente e suave. É muito habilidoso em usar seu charme, perspicácia e boa aparência para conquistar o lado bom das pessoas e fazê-las baixar a guarda. -Vicky diz e Luke olha sério pra ela

-Cuidado pra não perder a namorada sobrinho! -digo rindo e Luke rosna pra mim

-Ele é um Peter Hale dois! -Emily e Maya falam juntas

-É um completo sociopata, trapaceiro e um mentiroso! -Hanna diz e todos concordámos

-Maya me dê um resumo! -Emily pedi e Maya suspira

-Auto-absorvido, com direito e narcisista, Theo simplesmente procura apenas seus próprios interesses, é sedento de poder e é um oportunista que espera uma chance de fazer um nome para si mesmo a qualquer custo. Theo acredita que abraçar as trevas, ser um monstro, torna-se forte, digno e capaz de sobreviver. Apesar de ser geralmente calmo, colecionado e presunçoso, Theo tem um complexo de inferioridade, está propenso a perder a paciência quando seus planos falham e vai matar qualquer um que entrar em seu caminho!

Maya diz tudo num fôlego só, olho pra Emily e ela está tensa. Ela desce o olhar pra sua aliança e começa a brincar com ela, tirar e colocar novamente. Rodar ela em seu dedo..

Emily sem a Alison não consegue pensar, não consegue vê soluções!


[…]

Emily narrando....

Depois de saber, quase, tudo sobre o Theo com o Luke e a Maya decidir sair um pouco pra pensar um pouco. Mesmo eles explicando tanta coisa eu ainda tenho muitas dúvidas, na verdade acho que é mais medo de dúvida. Sem a Alison ao meu lado eu não consigo raciocinar direito, esqueci até que tinha que ir na médica hoje pra saber se eu posso engravidar.

Estaciono o carro perto da clínica e saio, arrumo minha jaqueta vermelha e tranco o carro. Escuto um som estranho e paro, olho pelo reflexo do vidro se tem alguém perto de mim e nada. O som fica mais forte e antes deu fazer qualquer coisa alguém me puxa pelo braço.

Meu corpo é lançado em cima de um carro e vejo três médicos do medo, dois seguram meus braços e outro coloca algo próximo ao meu olho e eu só vejo um clarão.

Continua?.... 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...