1. Spirit Fanfics >
  2. O poeta >
  3. Chapter one

História O poeta - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - Chapter one


Deito-me na cama ao atender uma ligação da Sarah, que assim como eu, estava bastante animada para a volta as aulas, quero dizer... eu nem tanto.

— Hae-un, pensa bem, você vai me ver pessoalmente! Verá seus amigos...

— Sarah, você sabe que quando as aulas começam eu nunca me dou bem, sempre tento dar o máximo de mim em uma coisa que não precisa... Além do meu pai me enxendo o saco pra que ser médica.

— É.. eu sei que tem tudo isso, mas amiga, eu prometo a você que irei dar o meu máximo para fazer esse ano o melhor ano de todos, ok?

— Ok - dou uma pequena risada.

“— Hae-un, desce, vamos jantar!" 

Escuto meu irmão mais velho me chamar pra jantar e vou me dispedir da Sarah. Desço as escadas e sento-me na mesa.

Então... vou dar uma breve apresentação da nossa querida Son Hae-un. Ela nasceu no Brasil, e hoje em dia mora nos Estados Unidos por motivos de trabalho do seu pai. Hae-un tem um irmão mais velho, chamado Son Hyungwoo, porém, é mais conhecido por ShowNu (nome coreano pois sua mãe era coreana). Ela tem 18 anos e está no último ano do ensino médio, já seu irmão tem 27 e trabalha como cardiologo. A mãe da Son morreu à 5 anos atrás adiognosticada com câncer no pulmão.

Começo a comer a lasanha que provavelmente meu pai que fez, já que o Hyungwoo é extremamente desastroso na cozinha, e começamos a conversar.

— Então Hyungwoo, como está indo lá no hospital? - meu pai pergunta pegando o copo e dando um gole do suco.

— Bem, somente uma cliente que está com um risco enorme de morrer por não se controlar e administriar sua alimentação, e isso está afetando a veia cavar inferior, mas já estou tentando fazer o possível para ajuda-la.

— Que bom ver você se esforçando tanto. - sorrir - e você Hae-un, está pronta pra amanhã?

— Não mesmo - sorrir fraco.

— Porque não, minha filha? 

— Ah pai... Esquece... - vejo que o mesmo iria começar a dar um discurso sobre a importância dos estudos e tudo mais, então decido corta-lo antes mesmo dele abrir a boca e perguntar - e o seu dia, como foi?

— Bem. - responde percebendo que eu o havia cortado para não falarmos sobre o assunto.

Daí em diante não conversamos naads, ficamos calados até cada um terminar a comida e sair da mesa. Vou até o meu quarto e deito-me na cama novamente, agora desta vez pondo meus fones de ouvido e colocando uma das minhas músicas preferidas, "Maroon 5 — One More Night". 

Até que fui interrompida por uma batida na porta do meu quarto e vejo o Hyungwoo entrar.

— Eai, tudo bem? - senta-se na beira da cama.

Balanço a cabeça em forma de sim e tiro os fones dando pause. Sem entender muito o que o Son queria conversar, fico o encarando até o mesmo abrir a boca.

— Eu sei que é difícil todos os dias papai falando sobre o quão seria bom você seguir os paços da família e virar médica, ou até ser rabugento as vezes, mas lembre-se que ele ficou assim depois da morte da nossa mãe, era ela que fazia ele ficar mais alegre todos os dias, e agora que ela não está mais entre nós, devemos nos ajudar, só temos nos três. Então, seja menos ignorante com nosso pai, ok? 

— Tudo bem... você está certo. 

O mesmo da um sorriso e me abraça.

— Agora vai dormir que amanhã nós temos que acordar cedo, pois eu irei te deixar.

Balanço a cabeça concordando e desejo boa noite e o mesmo sai do meu quarto. Levanto-me e tomo um banho, coloco meu pijama e deito em minha cama, ansiosa começo a fitar o teto, e logo em seguida adormeço.


Continua...


Notas Finais


espero que tenham gostado, esse primeiro ep. foi só para mostrar mais ou menos como é a Hae-un, mas no próximo, a fanfic irá ser melhor, prometo. :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...