História O Popular e A Nerd - Capítulo 21


Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alix Kubdel, Alya, Chloé Bourgeois, Gabriel Agreste, Lila Rossi (Volpina), Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Mylène Haprèle, Nathalie Sancoeur, Nathanaël, Nino, Personagens Originais, Plagg, Sabrina, Tikki
Tags Romance
Visualizações 202
Palavras 609
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Bishoujo, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá galera!
Esse capítulo foi inspirado na ideia de uma leitora:

Desculpem a demora 😅

Aviso: Este capítulo contém palavras de baixo calão.

Capítulo 21 - Incidente....


Anteriormente...

Eu:pra que você voltou hein Luka? Pra que vir de novo à um lugar ,aonde nada tem o seu interesse?

Luka:nesse ponto, você se engana. Tem algo que me interessa e está bem na minha frente

No capítulo de hoje...

Luka começa a beijar Marinette a força. A azulada tenta - em vão - se soltar do moreno á sua frente, começando a chorar em seguida...

De súbito, sente-se livre, sem as mãos de Luka em contato com seu rosto, escondendo-o com as mãos logo em seguida. Ao afastar as mãos e abrir os olhos que até então estavam fechados por medo, percebe que o moreno que até então estava á sua frente, agora encontrava-se no chão, com um fio de sangue escorrendo de sua boca.

- Quem, te deu permissão, para encostar nela? - Marinette reconheceu aquela voz. Afinal, como esquecer? O loiro que havia saído há alguns minutos havia voltado. E aparentava uma raiva indescritível.

- Não é da sua conta. - O adolescente de madeixas azuis responde friamente limpando o sangue que escorria de sua boca com as costas da mãos.

- Se tem a ver com a minha namorada, é sim.

- Acho que tenho mais direito do que você, de ficar com ela. Afinal, fui o primeiro namorado dela. - Antes que o moreno pudesse continuar, o loiro lhe acerta mais um soco.

- Então você é o desgracado que fez a Marin sofrer? - Disse preparando-se para dar mais um soco em Luka.

- Adrien, por favor, para. - Marinette ainda estava com o rosto vermelho e os olhos inchados pelo choro de momentos antes. - Você só vai perder tempo. Deixa ele pra lá. Por favor.

- Mas Marin, ele fez você sofrer, voltou só pra infernizar a sua vida e- O loiro foi cortado por um beijo da azulada.

- E eu tenho você agora. - Diz sorrindo. - Esquece ele. Nós íamos no cinema não é?

- Já que você diz, vamos.

Quando o casal estava quase saindo do local, o moreno de madeixas azuis dá uma rasteira em Adrien, o que faz o loiro perder o equilíbrio, em seguida acertando um soco em seu rosto. fazendo com que o Agreste caísse no ginásio abaixo.

- Adrien!!! - Marinette gritava, pois ao cair, o loiro havia perdido a consciência. A azulada estava em completo pânico. Gritava e chorava em excesso. E torcia, rezava para que tudo ficasse bem.

- Adrien! Por favor, acorda! Você tem que acordar! Não pode me deixar aqui! Não pode me deixar sozinha!! Acorda! Anda logo! Por favor!!! - O choro se tornava mais alto a cada segundo - Por favor Adrien... - Disse a azulada num quase sussurro.





Minutos depois....

Marinette P.O.V.'s

Depois do "incidente" com Luka, chamei uma ambulância, pois percebi que ficar chamando e chorando por Adrien não iria adiantar de nada. Não sei o que aconteceu com Luka. Enquanto colocavam Adrien na ambulância, não vi Luka onde estávamos, e nem nos arredores. Apenas quero que ele fique longe. Isso já foi o bastante. Nesse momento, estou no hospital. Do lado da cama de Adrien. Torcendo pra que ele acorde logo. 

Sabe, nunca imaginei que ele seria capaz de brigar por minha causa... Tá legal, ele me defendeu muito bem no dia em que a Chloé veio implicar comigo, e também me ajudou quando Luka veio encher meu saco. Mas nunca achei que ele chegasse a brigar... Mais uma vez, ele me mostrou, que me ama de verdade. E quem sabe um dia, eu chegue a não ter literalmente mais nenhuma dúvida sobre ele. E que se eu pedisse pra ele me provar que me ama pulando de um penhasco, ele pudesse se virar para o nada e responder...









"Me empurra!"





















To Be Continued....


Notas Finais


E aí pessoal? O que acharam?
Não esqueçam de comentar. E digam também quem vocês querem que escreva o próximo capitulo. Eu e a Gi lemos todos!

Bye bye
Até a próxima!! 😉


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...