História O príncipe da luxúria. - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Kim Taehyung (V), Park Jimin (Jimin)
Tags Anjo, Chimchim, Demônio, Diabo, Hot, Inferno, Jeon Jungkook, Jeongguk, Jikook, Kookmin, Lucifer, One-shot, Park Jimin
Visualizações 56
Palavras 2.823
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Terror e Horror, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


[CAPÍTULO REVISADO]

Capítulo 5 - O primeiro dia de prova.


Fanfic / Fanfiction O príncipe da luxúria. - Capítulo 5 - O primeiro dia de prova.

                  Capítulo cinco.


O loiro estava estático enquanto seus olhos de cor avelã fitavam os azuis de Jeon. Sua exitação ainda estava acordada entre suas pernas fartas e apetitosas, o suor já se fazia presente em sua testa novamente, seus batimentos cardíacos estavam mais rápidos que antes, ele não sabia o quê estava acontecendo consigo, tudo estava muito estranho, mas um estranho bom, causado pelo demônio Jeon Jungkook.

ㅡ m-mas... ㅡ jimin tentou falar algo coerente, mas sua mente estava com um completo branco, os olhos sexy e profundos de Jeon estava o deixando perdido. ㅡ como? ㅡ ele desceu seu olhar para os lábios do ruivo e percebeu que havia uma pintinha em baixo do seu lábio inferior, deixando-o com um ar mais sexy.

oras! Você fez o pacto! Não se faça de tonto, Park! ㅡ o mais alto revirou os olhos ficando impaciente com o menor á sua frente. ㅡ você não queria alguém para conversar? Então, eu estou aqui.

ㅡ m-mas você é um d-demônio... ㅡ o loiro recuou dois passos para trás, subindo seu olhar para os olhos do ruivo novamente.

ㅡ eu não sou do mal, Jimin... ㅡ Jeon virou-se e caminhou até a cama de casal, onde se sentou apoiando seus cotovelos no joelhos e deixando seu rosto descansar em suas mãos. ㅡ eu puno quem faz o mal. ㅡ falou simplista, encarando as suas duas malas com roupas e brinquedos eróticos que comprou nos dias que não apareceu para o loiro e sorriu tendo uma idéia um tanto que peversa em sua mente.

O menor ficou um tempo parado no mesmo local, enquanto mergulhava em seus próprios pensamentos sobre Jeon, então respirou fundo e chegou em uma conclusão que precisava sim de um amigo e não poderia regeitar um que quer lhe oferecer a amizade. Nesse caso, caminhou até o ruivo e se sentou ao seu lado ainda com um pouco de receio, pois querendo ou não, Jungkook ainda é um verdadeiro demônio; um anjo caído.

ㅡ tudo bem. ㅡ fora a única coisa que Park falou e deitou suas costas no colchão.

ㅡ então vamos conversar... ㅡ o ruivo se levantou e caminhou até o espelho do guarda-roupa e parou em frente a ele fingindo arrumar seu cabelo. ㅡ você é ativo ou o passivo durante a relação sexual? 

Perguntou com toda a normalidade do mundo. Jimin até pensou em reclamar, porém lembrou que Jungkook é um anjo da luxúria, então, apenas se sentou novamente na cama e encarou a silhueta do demônio em frente ao espelho, e sem querer murmurou baixo para sí mesmo: oh, que gostoso. Todavia, mal sabe ele que Jeon escutou perfeitamente isso.

ㅡ eu sou o ativo... pelo menos eu fui assim nas minhas últimas relações sexuais. ㅡ deu de ambros, fazendo o outro gargalhar sarcástico e virar-se para sí. ㅡ por que a pergunta, senhor demônio? ㅡ revirou os olhos, sem achar nenhuma graça na conversa e resmungar baixinho por causa da sua ereção.

ㅡ porque não dúvido que seja cem por cento ativo, loirinho. ㅡ o mais alto virou-se para o menor e caminhou em passos lentos até sí, deixando um Jimin tenso.

ㅡ como pode ter certeza disso? ㅡ ele ergue uma sobrancelha, tentando não se intimidar com a presença do Jeon abusado.

ㅡ de quatro. ㅡ o ruivo indagou sério, fazendo o loiro arregalar os olhos e se tremer de exitação por conta da voz grossa e grave de jungkook. ㅡ é uma ordem, Park! ㅡ sua voz estava tão sexy que o pequeno não conseguia negar o pedido, quer dizer, a ordem do mais velho, então com um pouco de receio fez o que foi pedido e ficou de quatro na cama, com suas nádegas redondinhas e cheinhas, empinada para Jungkook. ㅡ awn...

Aquela, com certeza, era a visão do paraiso. Jeon se deliciou com a cena á sua frente e pensou em como o loiro ficaria melhor sem roupa, com sua entradinha rosada bem á mostra para sí, enquanto piscava para tê-lo dentro de sí.

O anjo caído deixou um pouco de lado aqueles pensamentos e se pôs de joelhos na cama, assustando jimin e fazendo ele olha-lo por cima do ombro.

ㅡ o-oque você es... ㅡ o loiro se calou ao sentir o pau totalmente eréto de Jungkook encostar em sua bunda, fazendo-o morder os lábios de prazer. ㅡ Jeon... 

ㅡ shh... ㅡ calou o loiro e agarrou sua cintura afeminada com possessão, para logo em seguida esfregar seu membro com pura vontade e desejo nas nádegas fartas de Park que, maltratou dos seus lábios para não gemer. ㅡ eu vou mostra-lo que você é flex, mas não hoje, agora só vou cuidar da ereção que deixei no meio de suas pernas. ㅡ o ruivo sussurou no ouvido alheio, fazendo Jimin arfar de prazer a assentir levemente.

Ah, essa cena está tão... erótica!

Depois de passar mais alguns segundos esfregando seu pau em Jimin, Jeon Jungkook simulou estocadas fortes, levando um certo Park ao delírio que apertou o lençol da cama com força para não gemer, algo que estava sendo quase impossivel.

ㅡ hum, park... preciso da sua permição para te tocar. ㅡ falou jeon tombando sua cabeça para trás e mordendo seus lábios de puro tesão e deleite. 

ㅡ p-pode... awn... me tocar. ㅡ sem ao menos perceber, o loiro rebolou contra o pau do ruivo querendo mais do toque. Ele está completamente êxtasiado.

Jungkook agarrou as nádegas do menor com força, se saboreando com a carne farta, para logo em seguida abaixar as calça e a box branca do Calvin Klein do loiro e olhar para a bunda redonda e branquinha alheia, com uma enorme vontade de deixar várias marcas no local tão... apetitoso.

Jeon deitou seu torso nas costas de Jimin, encostando seu falo eréto em seu bumbum novamente, para logo em seguida rodear o membro alheio com suas grandes mãos e apertar com o polegar a glande levemente inchada e suja de pré-gozo do loiro.

ㅡ Jungkookie... ㅡ Park arfou e mordeu os lábios. Céus! Jeon é um puro tesão! Só de olha-lo, o menor jura ter um orgasmo. ㅡ mais, p-por favor... 

ㅡ hm hm ㅡ negou com a cabeça e aproveitou que a parte de trás do pescoço de Jimin estava á mostra e começou a maltratar o local, com chupões; lambidas e mordidas. ㅡ me chame de príncipe! Ou irei te punir loirinho!

O maior começou a movimentar sua mão no falo alheio, em um movimento de "vai e vem" lento, para maltratar do loiro que, tentava não gemer e descontava em seus lábios fartos ㅡ Ninguém nunca o tocou desse jeito e se soubesse que a sensasão seria tão maravilhosa, já teria feito algo do tipo antes.

ㅡ aawn! ㅡ park gemeu dengoso ao sentir o pau eréro de Jeon simular estocadas em sí, enquanto maltratava da pele do seu pescoço e masturbar seu pênis que é três centímetros menor que do ruivo.

ㅡ ow, Jimin-ssi... imagine eu tocando com minha boca cada pedaçinho do seu corpo... te penetrando com lentidão, enquanto seu cuzinho aperta gostosamente meu pau... ㅡ jungkook sussurrava no ouvido do loiro com uma voz grossa e sexy, fazendo o menor gemer ainda mais manhoso, e pouco a pouco fora aumentando seus movimentos no falo alheio. ㅡ imagine eu te fodendo com força, acertando seu ponto franco... de todas as formas possiveis... fodendo bem gostoso e fundo... com você sentindo meu pau entrando e saindo do seu cuzinho... hm... ㅡ park não aguentava mais, ele gemia loucamente, sem se importar se alguém o ouvira, apenas queria se aproveitar dessa sensasão nova. 

ㅡ awn, príncipe... tão gostoso! ㅡ Jimin rebolou contra o membro alheio e mordeu seus lábios com força, fazendo o ruivo gemer rouco em seu ouvido, em quase em um sussuro. ㅡ hm... e-eu estou perto.... 

Em um passe rápido, jungkook virou o loiro fazendo ele ficar de costas para o colchão e abocanhou seu membro sem pudor algum, fazendo Jimin soltar um gemido um tanto que alto e prazeroso.

ㅡ awn! Jeon.... ㅡ park gemeu manhoso sentindo a cavidade bucal quente do maior lhe engolir de um jeito tão gostoso. Jungkook era de fato experiente em sexo oral, e seu boquete estava levando o loiro a loucura total, o que era o significado de sanidade? Essa palavra era inexistente no momento para ambos. ah, Park é fodidamente gostoso! ㅡ ah! ㅡ ele gemeu assim que sentiu um tapa forte do anjo caído em sua coxa, e sim, ele adorou.

O ruivo era tão bom... ele descia e subia com sua boca no pau de jimin que gemia manhoso em resposta. Suas grandes mãos apertava possesivamente as coxas fartas do loiro ㅡ ah ele é tão perfeitamente gostoso!  ㅡ e com toda certeza, jeon é um demônio de sorte.

Ele chupava com vontade, passava sua lingua por toda extensão do menor, vezes ou outro chupava com vontade a glande alheia e masturbava o resto que não cabia em sua boca, e ao sentir as veias de Park Jimin se engrossarem, jungkook fez garganta profunda sentindo a glande inchada do loiro encostar em sua garganta.

                 Ah, tão gostoso!

awn! Jungkookie! ㅡ sem querer, Jimin deixou escapar um gemido alto e prazeroso ao sentir se desfazer na boca do alto, e jeon gemeu contra o pau alheio ao sentir o gozo quente e levemente salgado preencher sua boca e engoliu tudinho se saboreando com o gosto do sêmen.

ㅡ ah, tão fodidamente gostoso! ㅡ o ruivo gemeu em deleite e limpou com a lingua os cantos da boca sujos com o gozo do humano, sem desviar o olhar dos olhos de avelã de jimin. 

ㅡ jungkook... ㅡ o loiro corou morrendo de vergonha e se sentou novamente na cama, ficando cara a cara com o demônio.

ㅡ shh... ㅡ pôs o indicador nos lábios carnudos do menor e deu um selar em seu pescoço. ㅡ não vejo a hora de te fôder, loirinho...

Jimin estava ficando louco...

Estava prestes a transar com um demônio.

Ah, mas se o caso é Jeon Jungkook, ele ficaria louco para sempre...

Louco para ter o pau do ruivo dentro de sí de todas as maneiras possiveis.




[...]




Segunda-Feira já havia chegado, todos estavam em uma sala de aula que havia dentro da mansão que fora feito a mandato de Kim namjoon, para falicitar a explicação sobre o treino da carreira deles.

Os jovens estavam sentado em seus devidos lugares, com o Jimin na primeira carteira da segunda fileira, de frente para Jeon que estava ao lado de namjoon que, estava entre Jungkook e Taehyung.

Buguei.

O loiro sorriu disfarçadamente, com as buchechas rúbras ao lembrar do oral que o anjo fez em sí, e para piorar sua situação, o ruivo não parava de lhe encarar com um sorriso de lado, mas isso nem chegou perto quando depois daquele momento gostoso, ambos desceram para almoçar e todos os olharam estranho, e claro que eles ouviram os gemidos de Jimin, e um certo Hoseok ficou se corroendo de raiva por dentro pois não acreditou que o professor gostosão fez coisas obscenas com o desprezado da turma, porém isso é inveja:

Inveja de querer estar no lugar de Jeon; Fodendo gostosamente Jimin.


bem, como hoje é o primeiro dia de prova... apenas testarei um pouco vocês, certo? ㅡ todos assentiram ㅡ pois bem. Como aqui tem dez alunos, iremos fazer uma dupla temporária para nossa primeira missão... "que missão professor?" ㅡ o kim mais novo imitou a voz dos alunos, fazendo alguns rirem, e um deles fora jimin, que surpreendeu todos com a sua risada fofa e minimamente alta, e logo abaixou a cabeça com vergonha. ㅡ bem, a dupla ira fazer uma apresentação aqui na frente, um será o hater e o outro o K-idol, e vice e versa. O hater julgara o k-idol e ele terá que responde-lo da forma que achar melhor.

Todos reviraram os olhos tediosos, bem, todos entre áspas, pois hoseok sorriu ladino para Jimin, rezando para cair com ele.

ㅡ Jeon e Taehyung irá avaliar vocês, para ver se estarão respondendo os haters da maneira certa, então... vamos começar? ㅡ todos assentiram e o diabo apareceu com uma caixinha com dez papéis dentro. Tirou dois dalí e entregou para Jungkook.  

ㅡ primeira dupla: Taemin e Kwan. ㅡ ambos se entreolharam sorrindo amigáveis. E o Kim mais velho foi entregando os papéis logo em seguida para o príncipe. ㅡ segunda dupla: Yoongi e Woozi. Terceira dupla: BamBam e E'dawn. Quarta dupla: Kino e Yuto. E por último e nem menos importante: Jimin e Hoseok. ㅡ o jung sorriu largo e maléfico, mas o loiro nem fez questão de olha-lo.

Óbvio que jungkook não gostou nada daquilo, ele sabia muito bem como cada um dalí era, e Hoseok não era um dos melhores homens, porém se ele fazer algum mal á jimin Jeon não deixará barato... ira puni-lo da pior forma e não sexualmente dizendo.

Todos dalí fez suas apresentação, mas não convenceram nenhum dos jurados com as suas respostas, todavia, faltava a dupla do Park e Jung, que se entre-olharam e foram para perto dos "professos", com um Jimin um pouco ㅡ muito ㅡ receoso.

ㅡ hm... ㅡ o lider fez cara de pensativo. ㅡ o Hoseok será o hater e o Jimin o K-idol. Então podem começar.

Ambos ficarem de frente um para o outro e o Jung sorriu ladino ao ver a cara de receio do colega, então começou.

ㅡ sabe jimin... ㅡ ele deu um passo a frente tentando intimida-lo em vão, pois o loiro continuou em seu lugar. ㅡ sua voz é muito desafinada, isso é um erro no mundo musical... e seu jeito de dançar é horrivel, podemos o assemelhar com uma estátua, pois você fica mais parado do que dança... ㅡ seus amigos riram do seu comentário, menos os jurados que ficaram sérios. ㅡ e nem se fala nesse seu corpo... ㅡ ah, não! Park se mecheu incomodo. ㅡ você não pensa em fazer uma diéta? Pois pelo que me pareçe está acima do peso, céus! Que tipo de k-idol é você, hm? Não tem vergonha de sí mesmo? ㅡ claro que hoseok falava tudo *da boca pra fora pois, na verdade, ele achava sim que a voz de Jimin, seu jeito de dançar, seu corpo, tudo perfeito! Mas adora irritar o mesmo... 

Talves só precisasse de atenção do loiro que tem uma má impressão de si.

Sim, o mais velho dos jovens dalí ficou tocado, uma enorme vontade de chorar o consumiu e jungkook percebeu isso e cerrou os punhos tentando conter a raiva, porém antes de fazer algo, Park abriu um sorriso e se pronúnciou:

ㅡ desculpe-me, Hoseok. Mas a sua opinião não faz diferença. Eu não irei parar de lutar pelo meus objetivos, por palavras de baixo calão. ㅡ jung entre-abriu os lábios surpreso e incrédulo e o loiro deu um passo a frente o intimidando. ㅡ e lhe pergunto: quem é você no meio disso tudo?

ㅡ oooh! ㅡ todos dalí gritaram e bateram palmas pela resposta de jimin que, alargou o seu sorriso sem desviar o olhar do jovem a sua frente.

ㅡ ow! Parabéns, park jimin! Sua resposta foi muito boa! Quer dizer, foi a melhor de todas daqui! ㅡ namjoon aplaudiu com um sorriso orgulhoso, fazendo hoseok revirar os olhos raivoso. ㅡ e vocês, jurados? O que acharam? 

ㅡ eu amei a resposta dele, foi exelente! Ele agiu com gentileza, admirei isso! ㅡ o Kim mais velho elogiou o loiro com o seu sorriso quadrado, fazendo-o abaixar a cabeça rúbro de vergonha.

ㅡ condordo! A resposta de Park foi maravilhosamente sábia, ele respondeu a "esse hater" com sabedoria e inteligência, fiquei realmente orgulhoso disso. ㅡ Jeon o elogiou, deixando o menor ainda mais rúbro.

Jung explodiu de raiva e bateu seu pé direito no chão, assustando a todos, e se virou para jungkook bufando de ódio.

ㅡ ELE SÓ ESTÁ FALANDO ISSO, PORQUÊ TRANSOU COM O JIMIN NO PRIMEIRO DIA QUE O CONHECEU! ㅡ gritou, fazendo todos arregalarem os olhos, assim também como jimin que estremeceu de medo por namjoon o expulsar do grupo. ㅡ ELE É UM APROVEITADOR! E MAIS TARDE VAI LÁ FUDER MAIS UMA VEZ ESSE LOIRO ÁGUADO! COMO PODEM CONTRATAR UM PROFESSOR PEVERTIDO COMO ELE?

O menor sentiu seus olhos se encheram de lágrimas, no entanto, antes de começar a chorar, jungkook se pronúnciou com um sorrisinho de lado. Abusado.

ah, Jung... ㅡ o ruivo negou sarcásticoㅡ confessa, você adoraria estar no meu lugar. ㅡ isso calou hoseok que engoliu seco na hora e rosnou de raiva, fazendo todos dalí cairem na gargalhada.

Desgraçado! ㅡ pensou o de madeixas vermelhas caminhando para perto de taemin que cessou a risado ao vê-lo se aproximar.

            ㅡ eu vou me vingar daquele filho de uma bela mãe! Ah! Se eu não posso ter jimin em minha cama, então ninguém nunca poderá! ㅡ resmou para o platinado que o olhou risonho e se pronúnciou:

ㅡ e o que eu tenho a ver com isso? ㅡ hoseok desviou seu olhar para os olhos do amigo e sorriu maléfico.

pois você é o homem perfeito para o meu plano, amiguinho.


Regra número um: sorria e seja gentil sempre. Independente da situação.


Notas Finais


Cap meio grande? Hm, talves... mas não pule nenhuma parte, okay? Okay?

><><><><><><><><><><><><><><><><><
NÃO SEJA UM LEITOR FANTASMA.
ME DIZ O QUE ACHARAM, POR FAVOR.
><><><><><><><><><><><><><><><><><

Até o próximo cap e boa noite meus amores! <3 <3 <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...