História O Principezinho - Philippe Coutinho - Capítulo 11


Escrita por:

Visualizações 277
Palavras 609
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 11 - Pazes


Fanfic / Fanfiction O Principezinho - Philippe Coutinho - Capítulo 11 - Pazes

Coloco os meus headphones na cabeça, clico numa playlist aleatória, onde a música " It Girl" foi a escolhida, e subo para o autocarro onde me sento ao lado de Laís, nos últimos bancos de trás. Sou seguida por Thiago que se posiciona ao meu lado.

Thiago:

- Oii - apenos aceno calculando que Thiago tenha me cumprimentado- tira os fones.

Gabriela:

- Diz.

Thiago:

- Podemos falar?

Gabriela:

- Claro.

Thiago:

- Quando voltarmos a Sochi, o que dizes de te apresentar miúdos!

Gabriela:

- Não sei,achas boa ideia?

Thiago:

- Sim,porque não.

Gabriela:

- Tudo bem,então.

Thiago:

- Te amo- diz dando-me um selinho

Gabriela:

- Também te amo.

Laís:

- Alerta vela.

Neymar:

- Ah mas eu agora tenho de estar ouvir isto? - diz se virando para trás

Gabriela:

- Lá porque tu não estás feliz no teu relacionamento,não quer dizer que eu não esteja no meu - digo revirando os olhos

Eu e o meu irmão temos estado mal,desde que eu e o Thiago começamos a namorar, está sempre implicar e a meter defeitos.

(...)

O jogo estava prestes e eu sento-me ao pé de Firmino,na esperança de ter alguma companhia durante o jogo.

A primeira parte foi uma autêntica desgraça, pondo de parte o golo que estava fora de jogo de Gabriel Jesus.

A equipa voltou motivada para a segunda parte mas pouco ou nada adiantou, tivemos mais posse de bola e um futebol mais bonito até ao minuto noventa mais um, o Philippe marcou, abraço Willian que já tinha sido substituído,tivemos também o privilégio de ver o Mister,Tite, a cair.

Quando pensávamos que tudo já estava resolvido, o Neymar marca um e aí não pude-me conter, afinal apesar de estar chateada com o meu irmão fico sempre contente com o seu sucesso, é a razão porque eu estou cá,por ele.

O jogo termina assim, duas bolas a zero para o Brasil. Espero pelo Thiago,no corredor, tinhamos combinado de até não contarmos aos seus filhos,não nos íamos mostrar publicamente.

Gabriela:

- Parabéns,Capitão - digo dando-lhe um beijo

Thiago:

- Obrigado,amor.

Neymar passa por mim,dando-me um empurrão,mas agora ele teria de me ouvir.

Entro pelo balneário a dentro,seguida por Thiago.

Geromel:

- Nós ainda não estamos vestidos.

Gabriela:

- Já vos vi a todos só de boxers, na fisioterapia,não é uma novidade para mim.

Geromel:

- Bem pensado

Thiago:

- Gabriela,acalma-te!

Gabriela:

- Neymar, tu vens falar comigo!

Neymar:

- "Como tu tivesses que aprovar algo que eu faço na minha vida"

Gabriela:

- Queres falar aqui ou lá fora?

Casemiro:

- Estamos a assistir a uma DR de irmãos?

Miranda:

- Deixa ouvir!

Neymar:

- Podemos falar aqui-diz vestindo as suas calças

Gabriela:

- Porque é que me estás a tratar mal?

Neymar:

- Porque tu o fizeste primeiro?

Gabriela:

- Pareces uma criança!

Neymar:

- Eu pareço, já tu...

Thiago:

- Gabi, espera por ele lá fora...

(...)

Thiago:

- Agora conservem - diz Thiago arrastando Neymar para o parque de estacionamento

Gabriela:

- Eu não te percebo,Neymar! Eu vim para aqui,por ti e agora fazes-me isto?Viras-me as costas!- digo depois de ver o meu namorado ir em direção ao autocarro

Neymar:

- Tu não percebes!

Gabriela:

- Se me contares!

Neymar:

- O Couto - apelido que o chama desde pequeno - contou-me o que se passou.

Gabriela:

- Espero que também te tinha contado,o que depois me mandou.

Neymar:

- Eu sei que tu estás a sofrer. Eu sei que não és cem porcento feliz ocm o Thiago.

Gabriela:

- Eu dei-nos uma chance! E ele está me a fazer bem. Eu falei com a Rafa, e ela apoia-me, eu só queria o teu apoio também.

Neymar:

- Se tu estás bem!

Gabriela:

- Estamos bem?- digo abrindo os braços

Neymar:

- Estamos - diz recebendo o meu abraço

Gabriela:

- E tu estás cem porcento feliz com a Bruna?

Neymar:

- Já não existe eu e Bruna!

Gabriela:

- aleluia jesus

Neymar:

- Estou noutra.

Gabriela:

- Não precisas dizer nada que eu já imagino.

Neymar:

- Aí é? - diz pegando-me ao colo e de seguida colocando me nas suas costas

Gabriela:

- Ney,larga-me!Eu vou cair!

Neymar:

- Vamos embora - diz entrando no autocarro

Casemiro:

- Já estão bem?

Miranda:

- Não,não! Não vês que não!


Notas Finais


Pensavam que as pazes iriam ser com o Coutinho?
Pois ainda não foi desta vez , ( infelizmente ), ainda falta algum tempo para esses dois se acertarem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...