História O que importa é o que acontece atrás das câmeras! - Capítulo 24


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Sehun, Seungri, T.O.P, Taeyang, Xiumin
Tags Baekhyung, Bangtan Boys, Chanyeol, G. Dragon, Jikook, Namjin, Sehun, Seungri, Shipps, Taekook, Taeyang, Top, Vkook, Xiumin, Yoonmin
Visualizações 59
Palavras 1.034
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Fluffy, Harem, Hentai, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Shounen, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


HAHAHA
Preparem os cus ^^
La vem treta...
La vem lágrimas...
Mas pelo menos não é fake love que nem a musica que to ouvindo ^^
Boa leitura bbs^^

Capítulo 24 - Taekook... Acabou?


Fanfic / Fanfiction O que importa é o que acontece atrás das câmeras! - Capítulo 24 - Taekook... Acabou?

TEMPO REAL ON: 

JUNGKOOK ON:

Eram perguntas demais para minha cabeça, e eu não pensava em nada além de ''como está Taehyung?". Dóia demais...

Estavamos todos preocupados e, certamente tristes também! Eu não sabia o que responder, era muita coisa para pensar, mas o certo a partir de agora era, claramente, manter taekook -nome inventado pelo Tae- em completo segredo, sem interações na frente das câmeras! 

Fui em direção ao banheiro, onde poderia chorar mais e ligar pra minha mãe. 

''Taehyung me odeia?''

''Somos uma vergonha a todos?''

''Estamos terminando sem ao menos começar direito?'''

''O que os meus pais vão pensar disso?''

Eram as perguntas mais crueis que não saiam da minha pobre cabeça! Eu não me lembro de ter chorado tão desesperadamente na vida como agora e, o medo de perder Taehyung aumenta a cada minuto. Eu sou um adolescente de 16 anos, não tenho cabeça pra essas coisas dificeis! 

-Jungkook? -ouvia a voz baixa e delicada de Jimin por trás da porta onde estava trancado. Ele poderia me ajudar, eu sei, mas eu quero e preciso ficar sozinho agora!

-Me deixa, Hyung!

-Mas, Jung...

-Por favor, Hyung! 

-Mas eu preciso usar o banheiro... -Porque não falou de vez? Mas que raiva...

-Ata, desculpe! -abro a porta e deixo meu Hyung fazer suas necessidades. Assim que ele acaba -o que não demora, porque era só xixi mesmo- entro novamente e volto a pensar em coisas chatas e negativas. Não é voluntario! Também não é voluntario pensar em Taehyung, se tornou uma rotina.

PONTO DE VISTA DE TAEHYUNG: TAEHYUNG ON:

Sinceramente, eu não sabia quem chorava mais. Na verdade, acho que Jungkook, porque dificilmente demonstro meus sentimentos, ainda mais a quem me fere. Eram perguntas demais sobre algo que não queriamos falar. Jungkook corre para o banheiro primeiro, o lugar era meu antes de ser dele, o que faz la? Não me importa! Saio da casa e entro em meu carro. Vou ate qualquer lugar onde não tenha tanta gente e fico la chorando e lutando contra meus pensamentos imbecis assim como eu. 

''Jungkook me odeia"

"Somos uma vergonha pra todos!''

''Estamos terminando sem ao menos começar direito!''

''Meus pais vão odiar saber disso!''

Afirmações que, mesmo que fossem falsas, eu nunca iria me convencer disso e continuaria pensando em um plano para não partir o coração de Jungkook. Ele precisa me odiar? Precisamos ser uma vergonha? Precisamos terminar? Eu não sei ao certo, mas minha mente me prende a achar que sim! Que estamos ferrados pra sempre e que, Taekook acabou antes mesmo de começar a existir! É mais que obvio que agora não vamos mais ter interações na frente de qualquer câmera, mesmo sendo da mais boba delas. É obvio que não vamos mais poder sair juntos com tanta frequência e, a pior parte é, claramente outro casal entre nós terá que se exaltar! Jikook? Vmin? Taegi? Namkook? Eu não sei, mas temos que dar um jeito nisso antes que queiram arrumar namoradas falsas pra gente!

Ouço um som de carro se aproximando do meu, um som de um carro que eu conheço! Olho pro lado e, sim, Hoseok veio até aqui me seguindo! Ele  é doido! Abro a janela de vidro e ele faz o mesmo.

-Oi... Você ta bem?

-Aham.

-Porque veio pra tão perto de casa? Assim até Jimin te acharia andando!

-Porque me seguiu?

-Porque você precisa conversar com alguém e, eu to aqui pra hora que você quiser falar! E diferente dos outros, eu tenho o dia todo! -Hobi era paciente e legal comigo, sempre. Ele era meio doido, ok, mas era divertido ficar com ele fazendo seja la o que fosse!

-Ok, você tem razão! -admito.

-Então... posso te levar a um lugar legal, deserto e bonito?

-Pode, é longe?

-O suficiente.Vamos?

-Sim, e meu carro?

-Deixa ai, ninguém vai pegar, não Taehyung!

-Eu sei...

Entro no carro com Hoseok e vamos até onde ele disse que  me levaria. Depois de alguns minutos, chegamos em uma praia que nunca tinha visto aqui e paramos o carro. Ele me trouxe em uma... praia? Saimos do carro e sentamos um ao lado do outro na areia úmida. Ali era realmente bonito, legal e deserto.

-Quer me contar?

-Quero.

-Tenho o dia todo, sem pressa.

-Eu... eu não lembro de ter feito nada com Jungkook que não podia ter feito aquele dia! Eu juro, eu não lembro mesmo! Eu sei que não me lembro de tudo, posso ter esquecido, mas se aconteceu foi uma coisa tão normal e irrelevante que acabei nem notando ou lembrando! -meus olhos se enchem de lágrimas por lembrar dos palavrões e acusações feitas pelo nosso CEO.-Eu não precisava ouvir tantos xingamentos, tantas coisas ofensivas e tantas acusações pra saber que estava errado! Ele não precisava gritar! -começo a chorar.

-Chora, Taehyung! Não faz mal! Muito pelo contrario! Você tem que se soltar mais, chora mesmo! Chora até cansar, e quando cansar, chora mais se precisar! Eu não to aqui pra mandar você engolir o choro, falar que tudo vai ficar bem, dizer que não vale a pena tentar... Estou aqui pra dizer a você que é dificil, que vai doer e que se você quer mesmo o Jungkook, não vai ser algo fácil ou divertido! Vai doer, vai machucar muito, mas você tem que saber se vale a pena passar por tudo isso com ele e por ele! Também pra te dizer que, se isso tudo acabou, quem decide é vocês dois e, espero que seja um não, porque eu não sou amigo de quem desiste na primeira tentativa! -ele é bom com palavras e com pessoas. Se apenas fizesse o que disse que não ia fazer, eu ia chorar baixo em seus braços até anoitecer e depois voltar pra casa pensando que tinha perdido Jungkook pra sempre. Fazendo o que ele fez, me sinto com vontade de continuar chorando pra todos ouvirem, desabafar com meu subconciente e voltar pra casa pensando em um jeito de continuar, porque não quero desistir e perder um amigo desses como Hoseok! Eu não sei como, mas sinto que ele sempre sabe o que faz! 

Me sinto a vontade pra sentir que sei o que faço também!


Notas Finais


Haha... Vhope... ;---;
Fofo?
Concorda com Hoseok?
Querem que volto quando?
COMENTAAAAAAAAAAA
Beijos de algodão doce bbs^^ <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...