História O que tiver que ser, será! - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Once Upon a Time
Personagens Anna, August Wayne Booth (Pinóquio), Capitão Killian "Gancho" Jones, Cora (Mills), Cruella De Vil, Daniel, David Nolan (Príncipe Encantado), Dr. Archie Hopper (Jiminy Cricket), Dr. Whale (Dr. Victor Frankenstein), Elsa, Emma Swan, Fa Mulan, Hades, Henry Mills, Lilith "Lily" Page, Malévola, Marian, Mary Margaret Blanchard (Branca de Neve), Mérida, Neal Cassidy (Baelfire), Príncipe James, Regina Mills (Rainha Malvada), Robin Hood, Ruby (Chapeuzinho Vermelho), Tinker Bell, Vovó (Granny), Xerife Graham Humbert (Caçador), Zelena (Bruxa Má do Oeste)
Tags Emma Swan, Regina Mills, Swanqueen
Visualizações 378
Palavras 3.593
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, LGBT, Romance e Novela, Suspense, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa Leitura !!

Capítulo 7 - Trabalho em Dupla


Fanfic / Fanfiction O que tiver que ser, será! - Capítulo 7 - Trabalho em Dupla

Capítulo 7 – Trabalho em dupla

**POV REGINA**

Depois de passar parte da manhã com Emma, percebi que ela era totalmente diferente do que imaginava e que talvez a proposta de amizade funcione.

Quando entrei em casa minha mãe estava na sala e foi logo perguntando:

- Cadê o Robin? Podia ter convidado para almoçar conosco.

- Não estou mais com o Robin mamãe – falei revirando os olhos

- Como assim não está mais com o Robin? – questionou ela

- Não estando mamãe, Robin é um babaca

- Você parecia tão apaixonada, a família não tem tanto prestígio assim, mas, não é de todo ruim – ela falou, pensou um pouco e continuou – pelo menos agora você tá livre para arrumar um partido melhor, logo virá a época de eleição e encontrarei com os outros participantes do partido, quem sabe um filho de Senador.

- Qual é mamãe, só se importa com dinheiro, a vida é mais do que isso, a senhora no início era a que mais incentivava minha relação com o Robin, agora tá feliz que ele se mostrou um escroto e eu estou novamente sozinha – falei começando a me irritar

- Antes sim, mas depois que os Nolan Blanchard se mudaram para cá eu estava tão empolgada em você se relacionar com alguém do nível deles, mais o Emerson virou Emma e estragou meus planos, pelo menos percebi que pode aparecer algo melhor que o menino Locksley.

- Melhor encerrar esse assunto mãe, estou faminta. – falei caminhando para cozinha

- O almoço está pronto, vamos ser só nós duas hoje – comentou ela

- Ué, cadê a Zelena e o Papai? – perguntei curiosa

- Seu pai tá em um almoço de negócios e Zelena disse que ia almoçar e passar a tarde na casa dos Luccas, não sei o que Zelena tanto faz lá – respondeu ela se juntando a mim a mesa.

- Ah, precisava da carona de Zelena, tenho que fazer um trabalho com Emma hoje.

- Vocês agora são amigas? O trabalho é que horas, vou para a prefeitura as 14:00 posso ti levar lá

- Não somos amigas ainda, mais ela é legal, vou avisar que irei mais cedo – disse e peguei o celular, só depois lembrei que não tinha o contato dela – Mãe, a senhora tem o número residencial? Não tenho o contato dela para avisar

- Tenho sim, almoce e vá se arrumar que quando acabar aqui eu ligo e aviso

Almocei e vi que só tinha mais 1hora para chegar lá na Emma, subi, tomei banho escovei os dentes, coloquei um vestido preto, sapatilha também preta e um casaquinho cinza, e fui separar umas coisas que íamos precisar para o trabalho, até a hora que minha mãe me chamou pra irmos.

**POV CORA MILLS **

Após deixar Regina na casa dos Nolan, pensei que não seria de tão mal a amizade dela com a tal Emma, apesar de não entender essa menina, se é que podia ser chamada de menina, não sei como os pais aceitaram isso, se fosse filha minha ela ia ter que decidir, ou se transformar definitivamente em um menino ou em uma menina, e não ser os dois o tempo todo, porém, ela fazia parte de uma família muito importante, tanto por parte do pai, quanto por parte da mãe e como não tem a mínima chance de minha filha se relacionar com ela, se fossem amigas ela poderia ser apresentada a alguns primos até amigos de outras famílias importante, e quem sabe Zelena também, então farei de tudo para aproxima-las cada vez mais.

**POV EMMA**

Cheguei em casa e fui direto pro quarto, não parava de pensar no que Regina falou, tenho certeza que foi apenas uma brincadeira, mas seria muito bom que fosse um flerte. Deus, que garota linda da porra, provavelmente não tem interesse nenhum em mim, então vamos investir apenas na amizade. Fiquei na cama pensando e acabei adormecendo. Acordei uma hora depois com minha mãe perguntando se estava tudo bem, avisar que já estava saindo com o meu pai e que a Sra. Mills ligou e a Regina viria de carona com ela, chegando uma hora mais cedo. Então eu tinha exatos 10 minutos para me preparar, já que minha mãe logo depois ligou para minha tia Ingrid para falar da consulta que faria nessa tarde e esqueceu de me dá o recado antes. Levantei correndo e fui tomar um banho, mas antes liguei o som que fica no quarto, amo me banhar ouvindo música e bem alto.

Terminei meu banho e fui pro quarto me vestir, coloquei uma cueca box da Calvin Klein vermelha, um top branco e quando estava colocando uma camiseta branca ouvir umas batidas na porta, fui abrir achando que era minha mãe para falar mais algo que esqueceu, só que quando abrir a porta estava lá ela, aquela linda morena com os mais belos olhos castanho que já vi na vida segurando uma cesta de maçãs. Eu ainda estava com a camiseta no meio da barriga e percebi seu olhar percorrer todo meu corpo, e só aí lembrei que estava praticamente seminua na frente dela.

- oh, Regina, desculpe, pensei que era minha mãe, vou terminar de me vestir – disse já toda vermelha de vergonha, se fosse em outra ocasião eu iria aproveitar a situação, mas algo nessa morena me deixava meio lenta.

- aah, claro, desculpa ter chegado assim, quando cheguei sua mãe estava saindo, me informou onde era o quarto e que você estava esperando.- falou ela e percebi que também estava envergonhada.

Fui no guarda roupa e peguei um shortinho de malha e coloquei por cima, enquanto Regina me esperava na cama e observava o quarto. Chamei ela para o meu cantinho, e não, não um cantinho de pegação, e sim o meu lugar naquela casa. Meu quarto tinha um closet absurdo de grande, era tipo um quarto dentro de outro e eu não usaria tudo aquilo nem com o triplo de roupas que eu tinha. Então minhas roupas ficava em um guarda roupa próximo a cama e no closet tinha uma mesa tipo de escritório com notebook, impressora e material de estudo em um canto, uma estante repleta de livros e um sofá que eu gostava de deitar e ler, no outro extremo tinha violão, guitarra e um teclado, tinha também umas prateleiras com uns troféus e medalhas e outras coisinhas, as paredes eram cinzas e tinha alguns detalhes pretos.

- Nossa, gostei desse lugar, ter dois quartos em um- comentou ela observando o espaço.

- Na verdade isso aqui era um closet antes, mas transformei no meu espaço, tem tudo que mais gosto aqui, só faltou o Xbox, mas preferir deixar próximo a cama.- falei rindo- bom vamos começar, pelo que observei da cesta, vamos fazer sobre maçãs.

- Preciso de um closet desses, mas pra roupas mesmo, o meu está lotado, bom vamos lá, você deve saber que meu pai é dono das fazendas Mills, você provavelmente passou por elas enquanto vinha para a cidade, e ele é o maior exportador de maçã do país, e é minha fruta preferida, então, pensei em unir o útil ao agradável. – comentou ela

- Ah, Zelena comentou, ela está trabalhando em algumas áreas da fazenda para decidir que faculdade fazer no próximo semestre, mas iremos usar uma cesta inteira de maçãs no trabalho?- perguntei meio confusa

- Não, trouxe para vocês, essas aqui são da minha árvore, fica no Jardim de lá de casa, e são as melhores maçã que você irá comer na vida, aproveite, poucos tem a oportunidade de experimentar- quando ela falou isso, minha mente viajou legal, como eu queria experimentar tudo que aquela morena tinha a oferecer – toma, experimenta – falou ela me estendendo uma das maçãs e me tirando da viagem mental.

- ok, tou louca para experimentar seu fruto proibido – falei e ela me olhou meio confusa, só depois percebi que ficou totalmente em duplo sentindo a frase, e resolvi mudar de assunto. – bom, já temos a planta que usaremos, então vamos começar a fazer.

E assim foi durante umas três horas seguintes, estávamos concentradas confeccionando nosso álbum, e quase concluímos no mesmo dia, já que ainda não éramos tão íntimas e não tínhamos muita conversa, então ficamos no trabalho.

As 17:30 ela disse que já estava tarde e que ia pedir para alguém buscá-la, mais como boa cavalheira que sou, ofereci carona.

- Vamos, eu ti levo, marquei de encontrar meus pais no Grannys, para jantar e saber o resultado da consulta, só vou trocar de roupa. – disse e fui em direção ao guarda roupa, peguei uma calça jeans clara e um moletom da Adidas preto com detalhes brancos, um tênis branco e uma toca preta, ambos da Adidas também. Me troquei e fui encontrar ela que me esperava olhando um mural de fotos que tenho no quarto.

-Uau, acho que alguém aqui gosta muito da Adidas- falou ela

- Ah sim, gosto muito da marca e um amigo meu é herdeiro dela, vamos lá – disse e fomos em direção ao Grannys, no final ela também encontraria a irmã lá, então estava tudo ótimo.


 

**POV REGINA**

Chegando no Grannys e Emma cumprimentou as meninas e foi falar com os pais, enquanto eu me juntei a Zelena e Ruby. Conversamos um pouco mas eu não era muito de interagir assim então só comentava algumas coisas. As vezes olhava Emma de longe e lembrava do corpo dela quando eu vi só de cueca e camiseta, ela tinha um corpo muito belo, percebi isso desde a primeira aula de educação física na escola, mais hoje deu para reparar bem mais, tinha o corpo não muito musculoso, mais todo definido, coxas firmes e grossas, abdômen trincado e um volume que não teve como não reparar..pera..como assim, para Regina, isso lá é coisa que se pense. Depois da autor repreensão voltei a mim quando ouvi Ruby comentar.

- Nossa a Emma é muito gata, Storybrooke precisava de meninas novas, e ela veio com tudo. – disse ela enquanto observava a loira

- Nossa Ruby, a garota chegou a um mês e você já tá de olho? Vai com calma – comentei rindo

- Um mês? Eu estou de olho desde que vi ela no parque, no seu segundo dia na cidade, qual é, não tem como reparar numa gostosa daquelas, Lilly que deu sorte – falou ela e Zelena deu uma fuzilada com os olhos, que ela não percebeu, e resolvi provocar por que não era de hoje que percebia esse tipo de atitude dela

- ela me falou que ela e Lilly não tem nada, só foram uns selinhos, por que não investe? – perguntei

- Sério? Que vocês vai ficar falando de rabo de saia? Até você Regina, achei que sua praia fosse outra, vai se encontrar com o Robin vai – comentou ela de forma grossa

- Só estou ajudando a Ruby, e eu não estou mais com o Robin, fique feliz com isso, e voltando ao assunto, vai investir Rubs? – provoquei mais

- Não, Emma é uma baita de uma gostosa, mais é minha amiga – respondeu ela

- então você não ficaria com amigas? – perguntei e Zelena ficou mais atenta na conversa.

- Quem sabe né, a amiga que eu quero não quer nada comigo – respondeu ela

- Quem é essa amiga? – perguntou Zelena bastante curiosa

- ué, não foi você mesmo que estava reclamando de estarmos falando de rabo de saia? Agora eu quero trocar o assunto – falou Ruby tentando desconversar

- eu sou sua melhor amiga, eu tinha que saber tudo – falou Zelena e eu só observava a DR

- Você também é interessada em alguém e nunca me falou quem é, então, se você contar eu conto – desafiou Ruby

- Quer saber, esquece – falou Zelena e levantou rumo ao banheiro, enquanto eu e Ruby falávamos de uma festa que haveria no Rabbit Holle esse final de semana.

**POV ZELENA**

Eu ficava muito puta quando via a Ruby paquerando ou comentando sobre as outras garotas, ela repara em todas, mas, parece que nunca vai reparar em mim, e isso tá me matando.

- Zelena, tá tudo bem? – perguntou Emma saindo de uma das cabines do banheiro, deve ter ouvido eu bater a porta com força

- Não Emma, a Ruby é uma idiota – falei ela já chorando de raiva

- o que ela fez com você? - questionou-me

- Nada, esse é o problema, comigo ela nunca faz nada – respondi e fui lavando o rosto pra melhorar a cara- você já vai, vamos pra mesa comigo pf, quem sabe assim elas trocam o assunto.

- Eu já ia com meus pais, mais posso ficar mais um pouco, vamos – cruzamos o braço um ao outro e eu deitei a cabeça no ombro dela e fomos em direção a mesa. Percebi Ruby nos fuzilando, devia tá com ciúme da Emma, já que a 10 minutos estava comentando o quanto ela era gostosa.

**RUBY**

Vendo Emma e Zelena tão próximas e íntimas percebi o por que ela se incomodou tanto com a conversa, deve ser Emma a pessoa que ela está interessada, idiota eu, em achar que Zelena Mills veria Ruby Luccas com outros olhos, serei sempre só a melhor amiga.

- De que rabo de saia vocês estavam comentando dessa vez? Regina tou começando a desconfiar que você gosta da coisa- perguntou Zelena

- Rabo de saia nenhum Sis, e eu diferente de vocês só gosto mesmo de homem, estávamos falando sobre a festa do sábado – respondeu Regina e eu só ouvia e olhava para a janela, não queria ver Zelena tão próxima da Emma, já passou da hora delas se desgrudarem

- Pera, vocês são lésbicas também? – perguntou Emma animada

- Bom, eu sou bi, Ruby é sapatão mesmo, e Regina se diz hétero- respondeu Zelena

- eu não me digo hétero Zel, eu sou hétero – respondeu Regina

- ainda Sis, um dia alguém vai despertar seu lado colorido da força, mais voltando a falar da festa, vamos não é, preciso beber, dançar e beijar na boca – falou Zelena, olhei pra ela e percebi que ela me olhava

- A Lilly me chamou pra essa festa, entrou eu vou – respondeu Emma

- Eu acho que vou com as meninas e você Ruby, não vai? tava super animada até agora – falou Regina

- Acho que não, desanimei- respondi sem nenhuma empolgação

- Como assim não, você vai sim, sempre vamos juntas Ruby, não posso ir sem minha melhor amiga – falou Zelena

- tá bom Zel, vou, tenho que fazer meu papel de melhor amiga né- comentei

- Zel, você vai agora? Já tá na minha hora, tenho que fazer umas coisas – perguntou Regina

- Eu tenho que ver umas coisas com Ruby, sobre nossa mudança pra Boston daqui há 2 meses, precisamos pesquisar o lugar que ficaremos lá – respondeu Zelena

- Acho que a procura de vocês acabaram – comentou Emma

- como assim? – perguntei confusa

- Morávamos em um apartamento lá, e estava alugado há uns 3 meses atrás, meus pais querem alugar novamente, é bom ter alguém lá, mantendo tudo organizado

- Sério? Que máximo, será que eles vão querer alugar pra gente? Já vou falar com a mamãe hoje – Zelena falou animada

- Claro que alugaria, e vocês vai gostar, fica a umas 5 quadras da universidade e é bem seguro, é um dos prédios da família- respondeu Emma

- Vish, então a coisa é chique né?- perguntei

- Não, não, é um prédio bem maneiro, bem residencial, não é tão chique como os outros hotéis. – falou Emma

- pera, vocês não eram de NY? – perguntou Regina confusa

- Éramos de Boston, só fui pra NY aos 10 anos, então vão querer? Fala com seus pais e falo com os meus hoje. – falou Emma

- aaaaaaaaah, eu quero sim, já vou falar com a mamãe, manda o nome do prédio pra mim pelo WhatsApp que já vou procurar umas fotos pra ir mostrando. – Zelena falou super empolgada, seria difícil estar somente eu e ela num apartamento, e eu segurar toda essa paixão em segredo, mais são planos que fazemos desde pequenas, não vou muda-los agora.

Depois dessa conversa as garotas foram para casa e eu continuei no restaurante, ia ajudar minha vó a fechar, sim, ela é dona, montou logo depois que saiu da casa das meninas, há 6 anos. E já tinha montado uma pensão em cima do mesmo.


 

**POV REGINA**

A caminho de casa, fiquei observando Zelena e lembrando das suas reações hoje no Grannys, era óbvio que o que ela sentia por Ruby era muito mais que a amizade e isso era recíproco, e só elas não percebiam, mas tinha um plano e precisava colocá-lo em prática.

Ao chegarmos em casa eu comecei o plano

- Zel, vamos na Emma por favor, fui fazer trabalho de biologia lá e esqueci um caderno que vou usar amanhã. – pedi

- ah não Regina, sério? Acabamos de chegar e eu só quero tomar um banho e deitar – respondeu ela já subindo pro quarto

- Então manda uma mensagem no WhatsApp dela, pedi pra ela levar amanhã pf, eu não tenho o número – falei indo atrás dela

- Pega o celular aí e manda vou tomar banho – falou e entrou no banheiro

Aproveitei a oportunidade e em vez de mandar mensagem peguei o número dela, pois, precisaria da ajuda dela e me tranquei em meu quarto. Resolvi tomar banho enquanto pensava em como mandar mensagem, após uns 15 minutos resolvi mandar

20:36 - boa noite – mandei

20:37 – opa, boa noite, quem é? – respondeu ela

20:37- Regina Mills – respondi

20:38 – Olá, ao que devo a honra? – perguntou

Regina Mills

20:40 – desculpa incomodar, mais preciso da sua ajuda em uma coisinha.

Emma Swan

20:41 – tou aqui para o que precisar

Regina Mills

20:43 – é o seguinte, não sei se você já percebeu, mais, Zelena e Ruby se gostam em um nível maior que amizade, e bolei um plano para fazer elas perceberem isso, quero que você me ajude, sei que elas tão sofrendo, mais são tapadas demais para perceber que o sentimento é recíproco.

Emma Swan

20:45 – Caralhooo

- achei que só eu tinha notado isso, percebi desde a primeira festa que fomos juntas no meu terceiro dia aqui.

- me explica aí o plano que vou lhe ajudar

Regina Mills

20:50 – é o seguinte, Ruby hoje fez alguns comentários a respeito da senhorita e Zelena ficou bastante enciumada, então, pensei em ir sondando Zel durante essa semana e você ir sondando Ruby.

- Ruby gosta muito de dançar e tal, e ela dança muito bem, pensei em você tirar ela para dançar na festa no sábado, e dançar de forma bem provocante, você fala com ela que é pra fazer ciúme em Zelena, que você acha que ela gosta da Ruby e se vocês provocarem ela não vai se aguentar e acabar tomando a iniciativa.

- enquanto isso eu vou ser aquele diabinho que fica no pé do ouvido, vou ir alfinetando ela até ela ir e puxar Ruby.

Emma Swan

20:52 – Eiita zorra, gostei do plano, que mente maléfica garota.

- mas, e se Zelena não tomar coragem? Faremos o que?

Regina Mills

20:54 – obrigada pelo elogio kk’

- bom eu espero realmente que Zelena tenha coragem, se não teremos que pensar em alguma coisa.

Emma Swan

20:57 – podemos fazer o seguinte.

- em vez de eu dançar com Ruby e você conversar com Zelena, você poderia dançar com a Ruby e eu com Zelena, aí as duas estariam sendo provocadas, se elas demorarem e não tomarem iniciativa, a gente troca os pares, o DJ será o Killian e eu deixo certo com ele de colocar duas músicas bem sensuais e em sequência uma romântica , a primeira a gente faz assim, e na segunda eu ti puxo pra dançar, e você incentiva Ruby a puxar Zelena, aí elas dançariam uma sensual para começar a criar o clima e na romântica elas não vão se controlar, só é a gente ficar num local mais escuro e depois se afastar um pouco e da privacidade.

-e aí, gostou do plano?

Regina Mills

21:02 – nossa, você sim tem uma mente maléfica.

- adorei o plano, com certeza dará certo.

-obrigada por aceitar me ajudar.

Emma Swan

21:06 – eu que agradeço por me incluir, ajudarei a formar mais um lindo casal lésbico e de quebra dançarei com as duas mais gatas da festa.. ;)

Regina Mills

21:10- Zelena e Lilly? vai tá bem acompanhada em Swan

Emma Swan

21:10 – Lilly não irá mais, precisará visitar uns familiares no Fds, eu nem iria também, só vou por causa do seu plano

Regina Mills

21:11 – então não será duas, e sim uma, há não ser que já tenha outro alvo.

Emma Swan

21:11- releia o plano Mills e irá saber que eu dançarei com as mais belas irmãs dessa cidade, oh genética boa essa viu..

Regina Mills

21:13 – há, não tinha percebido que precisaria dançar comigo.

Emma Swan

21:14 – dançar com você é um na das melhores partes do plano.

- preciso ir agora.

Regina Mills

21:15 – fazemos tudo pelo plano

- boa noite Srta. Swan

Emma Swan

21:16 – claro, “somente pelo plano”, kk

- boa noite majestade.


 

**POV EMMA**

Meu Deus, eu flertei com a Regina Mills. Sei que ela não quer nada comigo, mais ficarei muito feliz em dançar com ela, imagina só aquela garota, dançando sensualmente comigo. Precisarei de muito controle, mas, quem sabe ela não se interesse.

Sem pressão Emma, faça seu melhor e o que tiver que ser, será.


 


Notas Finais


e ai, estão gostando?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...