História O Rapaz Do Parque - (Imagine Jimin-BTS) - Capítulo 31


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Visualizações 208
Palavras 2.102
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


AAAAA GENTE, MUITO OBRIGADA PELOS 90 FAV ❤ I LOVE YOU ❤

Se tiver algum erro, revisarei depois ❤

B
O
A

L
E
I
T
U
R
A


Capítulo 31 - First official day in Hawaii


Fanfic / Fanfiction O Rapaz Do Parque - (Imagine Jimin-BTS) - Capítulo 31 - First official day in Hawaii


Passaram-se mais alguns minutos e saímos do quarto para ir no restaurante do hotel...


- ah, vou comer tudo que estiver lá - digo rindo enquanto fechava a porta do quarto.


- eu queria comer outra coisa - Jimin diz olhando pra mim.


- aham, tá, eu sei que comida você quer...


Jimin me abraça de lado, com seu braço em minha cintura.


- ei, pode ir tirando essa sua mãozinha boba daí - Jimin estava com sua mão em meu bumbum.


- mas é que é tão bom - ele aperta.


- ai... Jimin, alguém pode ver... para.


- aff - ele tira a mão.


- prometo que terá tempo para fazer isso, mas só quando estivermos a sós...


- Gostei da idéia - ele diz e eu sorrio.


Fomos até as escadas e descemos, logo chegamos no restaurante do hotel.


- Nossa, quanta comida - digo enquanto olhava todos os cantos do restaurante.


- pois é - ele sorri - vamos... - me puxa pelo braço e sentamos em uma mesa.


Logo um garçom vem até nós.


- Boa Noite senhores, o que vão querer ??


- Vamos querer *(alguma comida que você goste)*... - digo e ele anota em seu pequeno caderninho.


- Certo, seus pedidos chegaram logo, com licença - ele sai.


- Tomara que venha logo mesmo - sorrio - minha barriga ta roncando.


- imagino se você trabalhasse em um restaurante... iria só comer.


- não é pra tanto Jimin - rimos.


- ata, sei...


(...)



Terminamos de comer e saímos do restaurante.


Subimos as escadas para voltar ao nosso quarto.


- ji-jimin... o que está fazendo ?? - ele chega perto de mim e começa a beijar meu pescoço. - Jimin... estamos no corredor, se alguém aparecer ... não po...- ele me interrompe.


- shiii - ele põe seu dedo indicador em meus lábios. - ninguem vai ver...


Jimin rapidamente segura em meu braço e começa a correr, eu apenas acompanho com um pouco de dificuldade, pois ele corria muito rápido.


Chegamos em frente ao nosso quarto e ele abre rapidamente, logo fechando a porta em seguida.


Ele me pega no colo e vai andando até cama, me jogando na mesma.


Com sua ajuda, eu tiro sua camisa, revelando aquele abdômen dele que é bastante definido.


Jimin direciona seus lábios em meu pescoço e vai distribuindo beijos, mas logo sinto alguns chupões sendo deixados em mim.


Puxo seu rosto e colo nossos lábios, em um beijo rápido e feroz.


Jimin põe suas mãos por dentro de minha saia e fica passando-as pelas minhas coxas.


Em frações de segundos minha saia, junta de minha calcinha já haviam deslizado sobre minhas pernas e jogadas em algum lugar do quarto.


Paro o beijo e retiro minha blusa e meu sutiã com sua ajuda.


Já estava totalmente despida e Jimin começou a distribuir beijos pelo meu corpo, começando pelo meu pescoço, passando pelos meus seios onde ele chupou e mordeu bastante, chegando até minha intimidade.


Jimin fazia um trabalho incrível com sua língua e seus dedos ao mesmo tempo.


- a-ah jimin - gemi quando ele adentrou-me com dois dedos.


Ele fazia movimentos circulares com a língua, que já batia em meu clitóris, e fazia movimentos de vai e vem bem rápidos dentro de mim.


(...)



Sem nem ao menos me deixar chupa-lo um pouco, Jimin me põe de quatro para o mesmo e dá um tapa forte em meu bumbum.


- você é tão gostosa - bate novamente.


Empino um pouco pra ele e ele segura no meu bumbum.


Vejo ele retirando o resto de roupas que estavam em seu corpo e logo em seguida se ajeita entre minhas pernas.


Direcionou seu pênis em minha intimade, onde ficou alisando e só fingindo que iria penetrar-me.


- v-vai logo co-com isso j-jimin... - ele estava me enlouquecendo, fazendo com que eu o desejasse mais ainda dentro de mim.


Ele solta um riso sarcástico e me penetra bem forte.


- Ah Jimin - solto um gemido bem alto e tombo a cabeça pra trás.


- Você g-gosta disso ?? hmm ?? - Ele me estocava rápido.


- S-sim... - digo com dificuldade.


(...)



Caímos um do lado do outro, totalmente cansados e suados.


- eu te amo sabia... - ele vira de lado, olhando pra mim e acariciando os meus cabelos.


- também te amo - lhe dou um selinho.


Nos abraçados e dormimos.


.
.
.
.



Me mexo pra todos os lados da cama e percebo que Jimin não estava lá.



Abro os olhos lentamente e me sento na cama.


Escuto barulhos do chuveiro ligado e deduzi que talvez o Jimin estivesse tomando banho.


Me levanto e vou em direção ao banheiro, como estava sem roupa, apenas entrei e fechei a porta em seguida.


A banheira estava cheia de água e ele estava dentro dela, com os olhos fechados e passando as mãos em seus cabelos.


Vou andando devagar até ele e entro na banheiro, sentando em seu colo.


- Bom dia - lhe dou um selinho.


- Uou, me assustou - ele sorri - Bom dia meu amor - põe as mãos em cada lado de meu rosto e me puxa para um beijo.


Minhas mãos iam passando em todo o seu abdômen, chegando até o seu membro.


Me levanto um pouco e seguro em seu membro, direciono em minha intimidade e sento nele.


- Ah-h s/n - ele geme e tomba a cabeça pra trás.


Jimin segura em minha cintura e eu apoio minhas mãos em seus ombros.


Vou fazendo movimentos lentos, subindo e descendo.


Gemíamos ao mesmo tempo.


Ele segura forte em minha cintura e me fez ir mais rápido.


Apoio minha cabeça em seu ombro e meu rosto ficou virado para seu pescoço, onde eu comecei a distribuir beijos e alguns chupões.


(...)



- Se toda vez que a gente tomar banho juntos for assim... - diz enquanto saímos do banheiro.


- Tira o cavalinho da chuva, porque nem sempre será assim...


- Porque não ??... hm ??... posso fazer você querer.


- Ié ?? como ?? - digo para provoca-lo e ele vem até mim, deixa sua toalha cair no chão e logo tenta tirar a minha. Tento segura-la, mas ele puxa com força e a joga no chão.


Jimin começa a dar vários chupões em meu pescoço, e eu apenas gemia de dor.


Logo o mesmo me agarra pela cintura e me beija, por último deixa uma leve mordida em lábio inferior.


- Tá bom... temos que nos vestir. - digo enquanto paramos o beijo.


- Pra quê se vestir ??... gosto de você assim - me olha dos pés à cabeça.


- quer que eu saia pelada na rua então ??


- Não.


- Então eu vou me vestir.


Coloco um short e uma blusa curta com manga de ombro à ombro.


Me sento na cama, mas meus olhares vão em direção a porta quando alguém bate na mesma.


- Já vai - digo enquanto ia até a porta.


Apenas abro um pouco, pois Jimin ainda estava se vestindo.


- Pois não ? - vejo que era uma camareira e sorrio pra ela.


- Bom dia e desculpa encomoda-la senhorita, mas queria perguntar se precisa de algo, e se quiser... posso trazer seu café da manhã.


- Ah, muito obrigada, eu aceito.


- Então, o que deseja para comer senhorita ?



- Pode ser... *(algo que você goste de comer no café da manhã)*


- Está com alguém ??... assim trago pra essa pessoa também.


- Ah estou sim... pode trazer o mesmo para nós dois.


- Certo e me desculpa mais uma vez por incomoda-la.


- Sem problemas - sorrio pra ela.


- Com licença senhorita - ela sorri pra mim e logo sai, eu fecho a porta e volto pra cama, me deitando na mesma e pegando meu celular.


- Era alguém que trabalha aqui ?? - Jimin se deita ao meu lado.


- Era sim... queria saber se queríamos que ela trouxesse algo para comermos.


- Você aceitou ?


- Aham... jaja ela trás.


- O que pediu ?? - ele pergunta e eu digo o que pedi - Hmm... já me deu fome - ele sorri.


- Igualmente - sorrio também.


Meu celular começa a tocar e vejo que era meu irmão, logo atendo a chamada.


Chamada on*



- Alô ??


- S/n... Oii...


- Oii maninho, como está ?


- Tranquilo e você ?


- Ótima.


- Como está a viagem ?


- Ah, já tá sendo incrível.


- Hm, que bom então... o que está fazendo ?


- Tô deitada com o Jimin, esperando uma camareira trazer o nosso café da manhã.


- Nossa, cheios de mordomia - ele ri.


- Então né - rio também.


- Vou desligar aqui... vou trabalhar, te amo.


- Te amo, tchau...


- Te ligo amanhã de novo, tchau - ele desliga o celular.


Chamada off*



(...)



Alguém bate na porta novamente e eu vou até ela, quando abro era a camareira, ela estava segurando uma bandeja com as comidas que eu pedi.


- Aqui está senhorita - ela me entrega a bandeja.


- Muito obrigada, quanto que devo pagar ??


- Não senhorita, o café da manhã aqui é grátis, só o almoço e jantar que são pagos.



- Ah, me desculpe, não sabia, mas obrigada por ter trazido a comida.


- De nada senhorita - ela sai e eu fecho a porta.


- Hmmm, traz logo - Jimin diz se sentando na cama.


- Calma, não quero derramar.


Com muito cuidado me sento na cama e coloco a bandeja na mesma.



Eu e Jimin começamos a comer.


As vezes dávamos frutas na boca do outro.


(...)



Quando terminamos, fomos até a varanda e ficamos um pouco lá, admirando a vista.


- O que acha de irmos a praia hoje ? - digo animada.


- Acho ótimo.


- Vamos agora ??


- Acho melhor irmos depois do almoço.


- Sério ?? - faço biquinho.


- Não faz isso, eu não resisto - ele me dá um selinho.


- É a intenção - sorrio.


(...)



Saímos do quarto e fomos até o restaurante do hotel, pedimos nossas comidas e logo trouxeram.


Comemos e voltamos pro quarto.


- Qual devo usar ?? - digo mostrando dois biquínis para o Jimin.


- Toma banho de short e blusa mesmo.


- hahaha... muito engraçado você. - reviro os olhos.


- Tô falando sério.


- Eu também... aff, deixa que eu escolho sozinha.


Pego um que tinha estampa de florzinhas, vou em frente ao espelho que tinha no quarto e vou colocando o biquíni.


- Pode me ajudar aqui ?? - digo tentando colocar a parte de cima do meu biquíni.


- Tô indo... - ele larga o celular na cama e vem até mim.


Enquanto ele amarrava meu biquíni, ficava roçando seu membro que estava coberto pela bermuda, em mim...


- Para com isso - sorrio.


- Isso o quê - se faz de desentendido.


- Besta...


- Você gosta que eu sei. - ele termina de amarrar meu biquíni. - Pronto.


- Obrigada.


Visto as roupas que eu estava hoje de manhã e pego uma bolsa de praia que eu tinha colocado na minha mala.


Pego toalhas, meu celular e coloco tudo dentro da bolsa.


- Vamos ?? - olho pra ele que ainda estava deitado na cama mexendo no celular.


- Ah, vamos... - ele se levanta e segura em minha mão.


Nos direcionamos até a porta e saímos do quarto.


(...)



Atravessamos a rua e já estávamos na praia.


- Ainda bem que é perto - digo.


- Né - ele sorri.


Fomos andando pela areia até chegar o mais próximo na água.


Deixei minha bolsa do chão e peguei uma toalha.


Estendi ela no chão e retirei minha roupa, logo guardando dentro da bolsa.


Me deitei na toalha e fiquei de barriga pra baixo.


- Argh... - ele se senta ao meu lado.


- Que foi Jimin ?? - olho pra ele confusa.


- Estão todos olhando pra você - revira os olhos.


- Calma - sorrio.


- Calma ??... esses caras estão te comendo com os olhos.


- Sabe que eu sou só sua né.


- Sei... mas por mim, eu quebrava a cara desses homens tarados.


- mas você também é tarado - começo a rir.


- hahaha... você entendeu.


- Ciumento...


- Só cuido do que é meu... 


- Aham. - sorrio.


- Vou nadar um pouco, você vem ?


- Pode ir, ficarei aqui um pouco... depois eu vou ok...


- Blz - ele se levanta e vai até o mar....



Notas Finais


Gente... olhem essa outra fic que eu criei com uma prima minha, espero que gostem ❤
https://www.spiritfanfiction.com/historia/my-pervert-boss--hot--imagine-yoongi-13925993

Beijos ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...