1. Spirit Fanfics >
  2. O recomeço é o início do fim. >
  3. Overdose sentimental.

História O recomeço é o início do fim. - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Essa fanfic é dedicada pra alguém muito especial
Alguém que sempre fez de tudo por mim, mesmo que eu a machuque sem querer

Capítulo 1 - Overdose sentimental.


Fanfic / Fanfiction O recomeço é o início do fim. - Capítulo 1 - Overdose sentimental.


Tweek estava em um beco vazio e solitário, os pequenos flocos de neve caiam sobre seus cabelos, o cheiro de lixo e o frio da madrugada o incomodavam, mas ele não parecia se importar em estar sentado ao lado de uma lata de lixo ou de sentir frio, até por que ele acredita ser igual aquilo: um lixo. Ele tremia muito, não só pelo frio, sua ansiedade estava o matando. 




As lágrimas escorriam pelo seu rosto enquanto algumas caiam no chão e outras sujavam sua roupa, ele não sabia como se sentir, se sentia traído mas também sabia que era aquilo que ele merecia, no fim das contas. 




Alguns passos preocupados chegam no beco chutando o lixo em volta, logo Tweek desvia os olhos enrugados, entristecidos e cheios de lágrimas do chão, porém logo seu olhar triste vira um olhar raivoso, como se tivesse visto alguém que não queria. Era Craig, Craig Tucker. 




      Craig: O que você tá fazendo aqui? — a sua voz era preocupada, o mais velho tinha olheiras, como se estivesse a noite toda preocupado e procurando Tweek, ele se agaixa e tira a jaqueta, envolvendo o loiro encolhido com a mesma Você não atendeu minhas ligações e simplesmente sumiu do mapa, o que aconteceu? 



Tweek: S-saí de perto d-de mim!  sua voz falhava por conta de sua ansiedade, mas também por conta das lágrimas E-eu não quero t-te ver! 



Craig: Se acalma, você mal tá conseguindo falar. Ao menos tenta me dizer o que aconteceu ou o que eu fiz de errado. — este agora colocou o braço por trás de Tweek, ele estava preocupado e queria saber o que aconteceu, queria poder ajudar, mesmo sabendo que Tweek provavelmente não queria essa ajuda agora O Token e o Clyde nem estão olhando no meu rosto ou me respondendo. O que você disse a eles? O que eu fiz? 



Tweek: N-não! V-Você não deveria estar aqui! — o loiro retirou o braço do moreno, se afastando, este pensava que ninguém o entendia ou sequer ninguém tentava o entender, principalmente Craig e seus "amigos", tudo o que ele queria era um momento de solidão S-só sai l-logo! 



Craig: Você não respondeu minhas chamadas. Seus pais estavam chorando no telefone ao me falarem que você tinha sumido. A única coisa que Clyde e Token chegaram a me dizer era que você estava mal pra caralho. Seu último sinal de vida foi uma carta de suicídio e um texto me dizendo o quanto você me odiava e o quanto você era um merda estúpido. Sabe o quão preocupado eu fiquei? 



Silêncio. Apenas o som das lágrimas e dos gafanhotos no fundo era o que se escutava no momento. Craig tinha algumas lágrimas em seus olhos, mas estava tentando não chorar, para acalmar Tweek. 



Craig: É sério que é isso que eu represento pra você? Você tinha mesmo que me falar tudo que sentia, por uma merda de uma mensagem? — Craig sentia-se apunhalado pelas costas, ele amava Tweek acima de tudo, mas mesmo assim pensou que não passava confiança o suficiente para Tweek sequer falar sobre seus sentimentos com ele, era inevitável que ele também começasse  a lacrimejar Eu só queria poder te ajudar...  



Nenhum dos dois sabiam como se sentir. Tudo o que queriam naquele momento, era qualquer tipo de consolo. O peito de Tweek doía, ele queria gritar bem alto e queria pedir desculpas por ser um idiota fracassado, mas isso não iria ajudar agora, e ele sabia bem disso. Então... O que ele podia fazer? 



Ele não sabia o que fazer, mas... Tweek aproxima seus braços em um abraço, um abraço quente e apertado. Aquele movimento havia sido quase que involuntário, ele não sabia o que fazer, mas queria de algum jeito ajudar. Queria retribuir tudo o que Craig havia feito por ele. 



Mais um longo silêncio. Já o Tucker não sabia bem como responder a esse gesto de carinho, mas de certa forma... Era aquilo que ele precisava no momento. Nenhuma palavra ou nenhuma explicação, tudo o que ele queria agora era um abraço. Seus braços envolveram lentamente Tweek, algumas lágrimas que ele estava segurando finalmente caíram. 



O aperto dos peitos dos dois finalmente haviam sumido. Um pequeno sorriso surgiu no rosto de Tweek enquanto Craig chorava em seu ombro, pensamentos de desilusão invadiam seu cérebro, mas o pensamento que mais estava em sua mente agora era a sua felicidade, por saber que Tweek estava bem. Por mais que lágrimas caíssem, era quase que como sua primeira overdose e crise sentimental, então ele já sabia tudo o que precisava saber. 



Mesmo com as lágrimas, estava tudo bem. Mesmo depois de uma longa tempestade... O Sol sempre chega. 



Eles nem haviam percebido, mas... O abraço quente entre os dois, conseguiu esquentar todo o frio ao redor. Era isso que precisavam, afinal.




 




Notas Finais


👉😎👉 desculpa


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...