História O reino do besterol - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Shingeki no Kyojin (Attack on Titan)
Personagens Annie Leonhardt, Armin Arlert, Connie Springer, Dot Pixis, Eren Jaeger, Erwin Smith, Farlan Church, Grisha Yeager, Hange Zoë, Historia Reiss, Isabel Magnolia, Levi Ackerman "Rivaille", Mikasa Ackerman, Ymir
Visualizações 21
Palavras 1.180
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Ficção, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Blu! Voltei e com estilo, como já avia dito demoro pra postar e volto como se nada tivesse acontecido pq eu posso!

FIM.

Capítulo 7 - Conselhos amorosos de vitor o barata


 

*Chirp, chirp *( som dos insetos e é nós )

 

 

pov autor

O sol bateu no rosto de eren oque fez o mesmo se virar, fazendo o moreno sentir uma pequena dor na bunda e abraçar um corpo forte, olhou pra cima do travesseiro e viu o rosto do alfa, pálido como um papel, com os olhos um pouco inchados, cabelos bagunçados e franziu o cenho abrindo um pouco os olhos. Seu olhar foi em direção ao omega que fingiu dormir ao ver que o mesmo acordou.

- ugh - gruniu um pouco com o cheiro que vinha em seu nariz. - que fedor é esse, vindo dele? Noite passada ele cheirava tão bem.

" UQUEEEE??!"

O omega rosnou ao ouvir tais palavras, mas não abriu os olhos continuo abraçando o mesmo, por causa do comentario o mesmo apertou um pouco mais o abraço, fazendo o alfa torcer o nariz e empurrou um pouco eren.

- aff, me larga. - se levantou da cama procurando sua calça e blusa. - achei. - falou sem cerimonia. - vou comer.

O moreno esperou ele sair do quarto e apertou o lençou com raiva, imaginando ser o pescoço do mais velho. Como levi ousa chamar ele de fedido? Esse é o cheiro natural dos zumbis! Se sentou na cama, fez um bico e caiu no colchão.

- cheiro doce hein..? - passou seu rosto no lençou. - ter que conviver com ele pela eternidade e com filhos dele, aff essa nunca foi a vida que eu imaginei pra mim.

- duro né?

Uma voz que eren conhecia bem ecoou pelo quarto.

- hum..? VITOR!

Vitor era uma barata que eren conhecia desde criança, ele foi o primeiro amigo dele e que sua mãe quase matou por ser uma barata.

- Eu mesmo, e você porque dessa cara de derrotado? - mecheu suas antenas com curiosidade.

- O levi! Ele falou que eu sou fedido, acredita nisso? E ainda por cima transou comigo ontem enquanto eu estava no cio e eu estou destinado a ele! Um absurdo oque o universo fez comigo.

- Primeira mente - você fede sim!, Segunda mente - eu não sabia que você tinha entrado no cio ontem, se não teria avisado você a tomar seus enibidores e porque você não tomou? terceira mente - você são um casal tem que se amar! e por ultimo e não menos importante - perfume faz a diferença baby.

- Eu estava bêbado por isso não tomei os remédios. Se agente estava destinados desde o começo então porque ele não me ama? - afundou seu rosto no travesseiro. - Ele não gosta de mim porque eu sou um zumbii!

- Se ele não gosta de você, faça ele gostar! E se ele ainda assim não gostar foda-se se vocês estão destinados abandona ele e vai viver com um alfa que te ame, homem para de ser trouxa.

- talvez você este-já certo.

* PLIM!PLIM! *

Vitor olhou pra perna e viu que estava na hora de sua entrevista de emprego.

- Bom pensa bem no que eu disse. 

- Espera, mas ele já demonstrou que gosta de mim.

- É? Quando?

- Quando o farlan ia jogar uma vassoura em mim e ele apareceu pra me defender. - pensou.

- Bom isso significa que ele gosta um pouquinho de você. - abriu um sorriso. - Até mais eren tenho que ir. - polocou seu chapéu e saiu voando pela janela. - Até mais!

- Até! - esticou um pouco os braços pra cima se espriguiçando e sorriu positivo. - Bom tá na hora de mim levantar. 

No momento que ia sair da cama viu levi parado na porta de boca aberta, segurando um copo de leite quente para dar a eren, mas quando viu aquela cena quase infartou, no mesmo instante que a barata voou.

- V-você estava falando com uma barata? Meu deus e eu aqui me preocupando em levar um leite pra você e eu encontro você conversando com uma barata voadora?

- Não é oque você está pensando! - apontou para levi com um sorriso bobo no rosto.

- Eu vou descer é muita decepção.

- E-espera! - levantou correndo. - Ele é um amigo meu!

O alfa congelou ali mesmo, eren percebendo a loucura que disse gritou internamente.

- Eu vou fazer o almoço! - saiu do quarto que nem um raio.

" Ai meu deus mas eu sou burro hein, como eu quero que ele goste mais de mim se eu falo que tenho uma barata como amigo? "

pov eren

Vejo levi aparecer na cozinha me olhando fixamente desconfiado, tento disfarçar procurando a panela de pressão com um pouco de desconforto pelo tanto que ele olhava.

- então você... foi no quarto só para me trazer um copo de leite?

- sim, mais ai encontro você falando com uma barata e ainda falando mal de mim e da nossa relação, como quer que eu reaja?

Me irrito com oque ele diz e me viro para encarar seu rosto. - olha eu nunca falei mal de você alem de hoje, ao contrario de você que me chama de carne podre, fedido e ainda me trata mal as vezes, eu devia é ir embora como vitor disse!.. Eu amo você desdo dia em que o vi pela primeira vez e soube que eramos destinados, você ao menos me ama? Me diga.

pov autor

Levi se levantou serio e andou em direção de eren que estava preste a chorar com a ultima frase que disse, olhou bem no fundo dos olhos que estavam ficando marejados.

- tem razão, eu não gosto de você e nunca vou gostar. - aquelas palavras quebraram o coração de eren. - Apenas vá embora e arranje outro. - levi falou serio não podia ficar com alguém que almenos gostava, pois não ia conseguir faze-lo feliz.    

Os olhos de eren se arregalaram ele não queria realmente ir embora da vida do alfa, fitou o chão com o olhar confuso, vários pensamentos passavam por sua cabeça, oque ele estava falando era verdade? Levi realmente nunca o amou? Mordeu o lábio e se lembrou da noite que entrou no cio. Levi não poderia deixa-lo se o tivesse atado.

- ontem a noite, enquanto eu estava no cio você me atou?

O mesmo olhou para eren quando se lembrou que o atou, não querendo falar a verdade para que eren não tenha um motivo para ficar em casa.

- não tenho que falar algo pra alguém que eu ao menos gosto. Se você está gravido ou não o problema não é meu, apenas fiz o meu trabalho como alfa que foi te foder, era a resposta que você queria? Agora pode ir pois não temos mais nada. - falou num tom frio.

Eren sai da cozinha e vai para o quarto soluçando pegar suas roupas e pertences, não pensou que iria ouvir isso dele. Quando terminou de arrumar olhou pro alfa que tinha um rosto de indiferença para o mesmo, deu meia volta e foi embora.

 

continua.

        


Notas Finais


Não me matem okay? :3

Falei que ia atualizar maaaas não falei que viria coisa boa.

espero que tenham gostadoo.

beijos de carne podree.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...