1. Spirit Fanfics >
  2. O retorno >
  3. Provas Finais

História O retorno - Capítulo 49


Escrita por:


Capítulo 49 - Provas Finais


VOLTEEEEEEEEEEIIIIIIIII!!!!!!!!

Sério cara, eu estava com muita saudade de escrever a fic, já dizendo desculpa pelo sumisso, mas eu tive uns proboemas pessoais por um tempo e eu fiquei sem celular e quando recuperei, eu tive que me concentrar nas aulas online e nas atividades por causa da pandemia e dos problemas que estamos vivenciando, mas enfim...

Sobre a fic, eu pensei em uma coisa e como o Midoriya aceitou a One For All do All Might, eu resolvi não fazer ele recebendo os poderes, o capítulo de hoje só vai contar já quando ele já estiver com o poder do One For All, eu resolvi fazer isso por que eu não consegui pensar em uma maneira de fazer durante o processo que ele recebe os poderes, por isso eu vou continuar já quando ele estiver com os poderes do One For All.

Mas agora chega de falatório e vamos a escrita, por que eu já pensei em um monte de coisa, aguardem kkkk.

Beijos do Autor❤

---------------------------------------------------------------------

No capítulo anterior...

All Might: E então o que me diz?

Midoriya: ...Eu aceito...

Agora...

2 semanas depois...

Indústria de Ferro (06:42 a.m...)

Midoriya's POV

Jesus Cristo... Eu juro que se eu pudesse voltar ao passado, eu diria para o Midoriya de duas semanas atrás para não aceitar a proposta do One For All, por que... PUTA QUE PARIL, O ALL MIGHT ESTÁ PENSANDO QUE EU SOU QUEM?!!! O SUPERMAN PARA AGUENTAR TUDO ISSO?!!! Pelo amor de Deus... ele me fez lutar com ele por pelo menos DUAS HORAS, e depois disso ele fez eu limpar uma praia INTEIRA SOZINHO!!! JESUS HOMEM, EU DISSE QUE EU QUERO ME TORNAR UM HERÓI, NÃO UM LUTADOR DE MMA!!!! SE OUVESSE UMA COMPETIÇÃO PARA VER QUEM ESTARIA MAIS ROXO, ENTRE MIM E UMA BETARRABA, EU GANHAVA COM CERTEZA, POR QUE EU ESTOU CHEIO DE HEMATOMAS E DE ROXOS DOS SOCOS QUE EU LEVEI!!!! E O PIOR, É QUE AQUELE LOIRO CABEÇUDO DISSE PARA EU IR PARA CASA SOZINHO, POR QUE A INTELIGÊNCIA AQUI, NÃO VEIO DE MOTO, OLHA QUE LEGAL, NEM PRA ME AJUDAR ELE AJUDA!!! NOSSA QUE ÓDIO!!!

Cara, e ainda... para eu ganhar o poder do One For All, eu tive que comer um fio de cabelo daquele cabeçudo, pelo visto eu tenho que ingerir o DNA dele, para poder receber o One For All direito... brincadeira isso viu...

Tá, mas agora chega de surtar, por que se não eu vou começar a parecer aquele projeto de periquito ou mais conhecido como Katsuki Bakugou.

É melhor eu colocar o uniforme e ir logo para a U.A, antes que eu perca o horário e de tarde o All Might pegue mais pesado comigo, coisa que se acontecer, pode ir dizendo adeus para meu corpo, pois eu vou cair morto no chão.

Narrador POV

Midoriya já vestido com seu uniforme, vai para a U.A, só que sem sua moto, pois ela tinha dado problema e ele não poderia dirigí-la até que concertasse, então ele resolve ir de metrô, no qual tem que correr um pouco para não perder o trem, já que a estação de metrô fica um pouco longe de sua casa.

Ao chegar na estação, ele vê que tem muitas pessoas lá, esperando o trem, como de costume, já que ainda é cedo e eles tem que ir trabalhar, e é por isso que o Midoriya vai de moto, pojs ele odeia tumulto e aglomerações.

No meio de tantas pessoas, ele acaba avistando uma cabeleira loira e espetada, no qual tem o "prazer" de rever.

Vendo o ser ali, resolve ignorá-lo, pois ele não está com cabeça para isso e não quer se estressar logo de manhã.

40 minutos depois...

Midoriya já havia chego na estação onde teria que descer, após pegar o trem, e no momento, se dirige para a U.A, só que o mesmo loiro que estava a estação e no mesmo trem que o esverdeado, estava indo para a U.A e andava um pouco na frente de si.

Pensamento do Midoriya: "Quer saber... vamos nos divertir um pouco...".

Midoriya resolve andar um pouco mais rápido para alcançar o garoto a sua frente, e quando chega ao lado dele, fala.

Midoriya: Bom dia Bakugou *Ele fala em um tom alegre e debochado, como sempre fazia com o loiro quando queria falar com ele ou simplismente irritá-lo".

Midoriya esperava de tudo, que ele esperneasse, gritasse consigo, começasse a tentar acertar-lhe um soco, ou simplismente fizesse o que sempre fazia quando falava consigo, gritaria: "DEKU DE MERDA, O QUE VOCÊ QUER SER INÚTIL?!!! NÃO ESTÁ VENDO QUE EU NÃO QUERO CONVERSAR, AINDA MAIS COM VOCÊ?!!!", mas não, o que ele fez, foi de cair o queixo na visão do esverdeado.

Bakugou: Bom dia Deku *Ele falou em um tom calmo, que até fez o mesmo se surpreender, pois nem ele sabia que podia ser tão... calmo assim".

Midoriya arregalou os olhos e ficou completamente chocado, nunca que ele esperaria por essa, ainda mais vindo do loiro que sempre o odiou e não suportava ficar perto.

Midoriya: Tudo bem? *Ele perguntou um pouco receoso e alerta, pois não sabia o que estava acontecendo com Bakugou, já que ele nunca o respondeu sem gritar ou xingar*.

Bakugou: Sim, e-e com você?

Pensamento do Midoriya: "Espera... Ele perguntou se eu estou bem?! Gente, qual parte do filme que eu perdi?!".

Midoriya: E-Eu estou bem... *Responde meio desconfiado pela pergunta do loiro*.

Bakugou: Ata...

Pensamento do Bakugou: "Pelo amor de Deus... POR QUE EU RESPONDI ELE?!!! E POR QUE EU FIQUEI TÃO CALMO?!!!".

Após esse breve diálogo, os dois foram caminhando lado a lado, porém, nenhum dos dois falava nada e nisso, prevaleceu um silêncio desconfortável e incômodo, já que Midoriya ficou se perguntando do por que Bakugou ter agido dessa forma, já que nunca respondeu a si como uma pessoa civilizada ou que não gritava como uma gazela e também Bakugou, por estranhar estar agindo assim com o esverdeado, pois agiu no impulso e automaticamente.

No meio do caminho, Midoriya percebia que o loiro olhava para si pelo canto dos olhos, o que causou uma sensação de estranheza, mas não incomoda ao garoto.

Bakugou: Tsc...

Bakugou começa a correr para dentro do prédio da U.A, que já podia ser visto aos olhos dos dois garotos.

Pensamento do Midoriya/Bakugou: "Que porra acabou de acontecer aqui...?".

Na U.A...

A aula já havia começado e Midoriya e Bakugou chegaram quase juntos, se não fosse pelo loiro sair correndo e chegar um pouco na frente do esverdeado e quando o mesmo chega na sala, ele vê que foi o último a chegar, já que faltava 2 minutos para começar a aula e quando se direciona para a sua carteira, ele olha para Bakugou e vê que o mesmo estava o olhando, fazendo seus olhares se cruzarem e então, o loiro vira a cara para o outro lado um pouco corado, fato esse que não passou despercebido pelo esverdeado, no qual achou engraçada a cena de Katsuki Bakugou, o cara mais rabugento e explosivo do universo, ficar envergonhado.

Após isso, o sinal do início da aula é soado e o professor Aizawa entra na sala.

Aizawa: Bom dia.

Todos: Bom dia professor! *Respondem gritando animados*

Aizawa: Jesus, como vocês conseguem ser tão felizes logo de manhã? Quer saber, pouco importa, vamos dar início a aula...

O tempo foi se passando e Aizawa ia explicando a matéria, até que o sinal soou, o que significava que  a aula tinha acabafo.

Aizawa: Muito bem, antes de eu sair, tenho um aviso para dar. Só falta uma semana até a prova final, todos estão estudando, assim espero. É óbvio que já devem saber, mas não é apenas a prova escrita que será aplicada, mas também uma prova prática, por isso, façam questão de treinar seus corpos e suas mentes ao mesmo tempo. É isso.

Aizawa sai da sala e logo começa o furdúncio.

Mina/Kaminari: EU NÃO ESTUDEI NADA!!!!

Kaminari: MEU DEUS POR CAUSA DO FESTIVAL ESPORTIVO E O ESTÁGIO, EU NÃO ESTUDEI BOSTA NENHUMA!!!

Tokoyami: É verdade... com todos esses eventos, não tivemos tempo.

Sato: As avaliações parciais foram no começo, não tinham muito conteúdo, não tivemos muitas dificuldades, mas agora, com esse monte de eventos e coisas do tipo, a prova final vai ser completamente diferente.

Mineta: Será duro, já que terá uma prova prática *Diz o menor com um olhar orgulhoso e debochado para os outros*.

Kaminari: Por que diz isso?

Mineta: Por que eu estudei e fiquei em nono lugar na avaliação parcial.

Kaminari/Mina: N-NONO NA AVALIAÇÃO PARCIAL?!!

Mina: E eu pensando que você era uma de nós seu traíra!

Kaminari: Só dá para gostar de gente feito você, se for burra! De onde você tem demanda para isso?

Mineta: No mundo, presumo eu...

Midoriya: Bom... se eu fosse vocês, não perderia meu tempo, até por que tem uma semana para que ocorram as provas finais, ou seja, tempo vocês tem, é só se esforçarem, se vocês quiserem ir para o acampamento de treinamento do final do trimestre, se esforcem!

Iida: Sim! Como representante de classe, tenho grande esperança na melhora de todos!

Todoroki: É difícil rodar se prestar atenção na aula.

Midoriya: Você também não ajuda na autoestima do coitato né...

Yaoyoruzu: Se quiserem, eu posso ajudar com a parte de sala de aula.

Kaminari/Mina: YAOYORUZU!!!

Yaoyoruzu: Só não posso ajudar em nada com a parte prática da prova...

Jirou: Não estou tão péssima quanto os dois, mas também posso participar? Estou com problemas para entender as funções quadráticas.

Yaoyoruzu: Hã...?

Sero: Desculpa! Eu também posso? Eu preciso de ajuda com literatura clássica.

Yaoyoruzu: O-Oi?

Ojiro: Eu também gostaria, tem bastante coisa que eu não entendo.

Jirou/Sero/Ojiro: Por favor!

Yaoyoruzu: Gente... Sim, claro!

Jirou/Sero/Ojiro: MARAVILHA!!!

Yaoyoruzu: Vamos fazer um encontro de estudos na minha casa deste fim de semana!

Mina: Sério?! Mal posso esperar para conhecer a sua casa!

Yaoyoruzu: Ah, eu preciso avisar a minha mãe para que abra o salão! 

Jirou/Kaminari: Salão?

Yaoyoruzu: Que tipo de chá seria do agrado de todos?

Ojiro/Sero: Chá?

Yaoyoruzu: Na minha família, tomamos dois tipos de chá, o Harrod e o Wedgewood. Se tiverem alguma preferência, me avisem! Podem contar comigo para ajudar nos estudos! Vou mostrar como posso ser útil!

Pensamento do Midoriya: "Jesus, essa garota está mais eufórica do que bloco de carnaval...".

No refeitório...

Os alunso depois de conversarem, resolvem ir até o refeitório e almoçar, pois ainda iriam tem mais aulas.

Em uma mesa dos refeitórios, Midoriya, Iida, Todoroki, Uraraka e Asui estavam sentados e comendo seus almoços.

Midoriya: Uma prova prática, né? Estou um pouco curioso para saber o que teremos que fazer nela.

Iida: Não acho que será grande coisa.

Midoriya: É... mas nada impede de que seja algo extremamente difícil, além de que na prova escrita serão da matéria que estudamos em sala de aula, ou seja, não poderemos abaixar a guarda ou achar que será fácil demais.

Uraraka: Pelo que eu sei, o teste prático será um teste compreensivo de todo o 1°trimestre.

Asui: Foi tudo que o professor Aizawa nos disse...

Uraraka: Tudo que fizemos até agora foi treinamento de resgate e combate, e também tivemos o treinamento básico.

Midoriya: Ou seja, além de estudar, teremos que ter uma boa noção de combate e porte físico.

Assim que Midoriya termina de falar, ele sente uma forte dor na parte de trás da cabeça, pois foi atingido pelo cotovelo de Monoma, que o atingiu de propósito.

Midoriya: EI!!! *Ele se vira irritado e vê Monoma*

Monoma: Ah, me desculpe, sua cabeça era tão grande que eu bati nela sem querer.

Pensamento do Midoriya: "Ah não... esse cara não... por que a minha vida só gira em torno de loiros idiotas, hein?!!".

Midoriya: O que você quer cabeça de milho...?

Monoma: Soube que vocês encontraram aquele tal de assassino de heróis.

Midoriya: Sim... e...?

Monoma: Assim como no festival esportivo, vocês da turma A sempre têm que ser o centro das atenções, não é?

Todos na mesa olhavam para o garoto irritados pelo que ele falava.

Monoma: Toda essa atenção não rola por que as pessoas têm grandes expectativas de vocês, mas por que vocês vivem se metendo em encrenca, não é mesmo?

Pensamento do Midoriya: "Eu juro que se esse cara continuar falando ele vai ter um encontrinho com Júpiter, por que eu vou mandar ele para lá!".

Monoma: Ah, que medo! Algum dia o resto de nós pode se meter na encrenca que vocês causarem e também acabar sendo vítimas. Como se vocês fossem amaldiçoados pelo deus da peste. Ah, que medo!

Monoma para de falar após receber uma pancada forte na nuca o que faz com que ele caia no chão desacordado e quando todos olham, veem que foi Kendo que deu um golpe na nuca de Monoma.

Kendo: Monoma, isso não tem graça. Por acaso não sabe o que aconteceu com o Iida?

Iida: Kendo?!

Kendo: Desculpa pessoal da turma A, sabem como é o coração desse cara.

Midoriya: Obrigado, você realizou o meu sonho.

Kendo: Qual, falar do coração do Monoma?

Midoriya: Não, bater nele, na próxima deixa eu fazer isso?

Kendo: Claro, mas... vocês estavam falando que não sabiam como seria a prova prática final, não? Parece que será um combate contra robôs, como na admissão.

Midoriya: Sério?! Como você descobriu?

Kendo: Um amigo mais velho me contou, é meio que uma cola.

Midoriya: Hmm... sendo assim, obrigado.

Kendo: Imagina.

Monoma derrepente acorda e acaba ouvindo Kendo falando sobre o combate da prova prática final.

Monoma: Kendo, você é idiota? Você tinha uma vantagem nas informações! Era a nossa chance de passar na frente da abominável turma A!

Midoriya levanta da cadeira e se aproxima dos dois, então olha para Kendo.

Midoriya: Posso?

Kendo: Vá em frente.

Midoriya aproveita a distração de Monoma que ainda estava no chão apesar de consciente, então dá um golpe na nuca do garoto, o fazendo desmaiar novamente.

Midoriya: Bons sonhos cabeça de milho...

Apos o intervalo...

O sinal já havia batido e todos os alunos já haviam chegado em suas salas.

Na sala do 1-A, Midoriya, Iida, Todoroki, Uraraka e Asui falam sobre o teste prático ser uma luta contra robôs.

Kaminari/Mina: Viva!

Kaminari: Se for apenas robôs, vai ser tranquilo!

Mina: Põe tranquilo nisso!

Shoji: Vocês tem dificuldade em controlar suas individualidades contra pessoas, certo?

Kaminari: Sim, mas eu posso me soltar contra robôs! Vitória fácil!

Mina: Vai ser fácil para mim derreter todos eles!

Sero: Agora só falta a Yaoyoruzu ajudar vocês a estudarem e a prova fica no papo!

Kaminari/Mina: Certamente vamos ao acampamento!

Midoriya: Não contem vitória antes do tempo, não é bom fazer isso, ainda mais em uma prova.

Bakugou: Ele tem razão, pessoas ou robôs, tem que acabar com eles do mesmo jeito, não? Que mané vitória fácil, idiotas.

Pensamento do Midoriya: "Espera um pouco... ele concordou comigo?! Okay, quem é esse e o qye fez com o projeto de calopsita que eu conheço?!".

Kaminari: Quem é idiota?!

Bakugou: CALA A BOCA!!! SE PRECISA CONTROLAR A SUA INDIVIDUALIDADE, CONTROLA!!! IMBECIL!!!

Pensamento do Midoriya: "Ah... ele voltou...".

Bakugou: Né... Deku?

Midoriya: Ah, pronto... lá vem...

Bakugou olhava para Midoriya com um olhar de pura irritação e fúria, o que fez com que Midoriya franzisse seu cenho e fechasse seu semblante.

Bakugou: Eu não sei o que você fez para pode controlar a sua individualidade ainda mais ou o quê, mas você ainda me deixa puto.

Pensamento do Midoriya: "Gente, cade aquela gentileza de um minuto atrás?".

Midoriya: Nossa... olha a minha cara de quem se importa com isso... *Ele faz uma cara de tédio e desinteresse para o loiro.

Uraraka: Ele deve estar falando sobre como o Deku se movimentou no campo beta.

Mina: Ah, verdade.

Bakugou: Não preciso de outro resultado meia boca que nem aquele do festival. Nessa prova, serão notas individuais, aí vamos ver quem é melhor, goste você ou não! Vou ganhar de você com uma diferença incontestável! Eu vou te esmagar até morrer!

Midoriya se levanta de sua mesa e vai até o loiro, então ao chegar lá ele para em frente à Bakugou e começa a falar.

Midoriya: Eu seria mais cuidadoso no meu julgamento.

Bakugou: Como é?!

Midoriya: Bakugou, você está ainda mais irritado, por quê? Só pelo fato de eu ter melhorado? De eu ter controlado a minha individualidade? *Ele se aproxima do ouvido do loiro e sussura com uma voz grossa e arrepiante em seu ouvido* Ou será que é pelo fato de que nós dois sabemos muito bem o que você esconde e guarda dentro de si? *Antes de afastar do loiro, Midoriya dá uma mordida discreta no lóbulo de sua orelha, fazendo o loiro sentir um arrepio e suas pernas falharem por um momento, pois não esperava por essa ação do esverdeado, ainda mais na frente de todos os outros alunos de sua sala, que por sorte, não veem o que Midoriya fez, e quando Midoriya se afasta, ele olha para Bakugou e vê que o mesmo está corado e com os olhos arragalados, o que faz o esverdeado dar um sorriso malicioso e debochado para o loiro*.

Bakugou: Tsc... VAI A MERDA SEU INÚTIL  EU VOU GANHAR DE VOCÊ COM CERTEZA E TE MOSTRAREI QUE NÃO SE DEVE ME SUBESTIMAR!!!.

Bakugou sai da sala a passos pesados e irritadiços, e quando vai fechar a porta, bate ela com força, fazendo um estrondo alto ecoar pela sala.

Pensamento do Midoriya: "Uiii... ela ficou brava...".

Kirishima: Ele parece mais animado que o normal...

Tokoyami: Impaciência, talvez?

Midoriya: Não... Ele está pior do que eu pensava...

Kirishima: Hã...? Como assim?

Midoriya: Ah... nada não...

1 semana depois...

O tempo foi passando conforme os dias iam se finalizando, nesse meio tempo, os alunos da U.A do 1-A, se concentravam em fazer de tudo ao seu alcançe para se darem melhor nas provas finais, desde estudar até treinar o físico, alguns inclusive estudavam enquanto treinavam, até que chegou o dia das provas serem feitas e nisso, os alunos estavam concentrados, cada um fazendo a sua própria prova.

Todos estavam fazendo a última prova do dia até que o sinal bateu, ou seja, acabou a aula.

Aizawa: Parem de escrever! A última pessoa de cada fileira, reúna os cartões resposta e me entregue.

Mina: Obrigada, Yaoyoruzu!

Kaminari: Não sei se fui muito bem, mas não deixei nada em branco!

Midoriya olhava os dois animados e pensava.

Pensamentos do Midoriya: "É... agora é hora do teste começar de verdade...".

20 minutos depois...

Após a prova escrita terminar, todos os alunos do 1-A foram liberados, porém, não para ficarem descançando, mas sim para poderem ir se trocar e colocar seus uniformes de herói, pois após a após prova escrita acabar, seria a prova prática, e no momento, todos os alunos estavam reunidos na praça central, local onde seria feita a prova prática, mas precisamente, estavam na entrada, só que havia um detalhe, não era apenas o professor Aizawa que estava lá, mas sim, a maioria dos professores, esses os quais eram, Midnight, Treze, Aizawa, Present Mic, Snipe, Cementoss, Ectoplasm e Power Loader, o que fez os alunos estranharem esse fato de estar um monte de pessoas reunidas.

Aizawa: Agora, começaremos a prova prática. Claro, ó possível não passar nessa prova. Se quiserem ir no acampamento de treinamento, não cometam nenhum erro estúpido.

Pensamento do Midoriya: "Quantos professores gente...".

Aizawa: Espero que tenham reunido o máximo de informações e tenham alguma ideia do que vão fazer.

Kaminari: Vamos lutar contra robôs como na admissão!

Mina: Fogos! Luta! Prova de coragem!

???: Que pena!

Todos olham direito e não conseguem identificar de onde veio essa voz então derrepente, das faixas que Aizawa usava como cachecol ao redor de seu pescoço, saiu o diretor Nezu.

Nezu: Por diversos motivos, a prova será diferente a partir deste ano!

Sero/Ojiro/Jirou: Diretor?!

Yaoyoruzu: Diferente?

Midoriya: Diferente como?

Nezu: De agora em diante, será um combate individual em trabalho de super-herói, com foco em simular o mais próximo de uma batalha de verdade. A prova consiste em... vocês formarem duplas para lutarem contra um professor!

Todos: O QUE?!!!

Uraraka: Contra os professores?!

Aizawa: Além disso, as duplas em que que cada um vai lutar já foram decididas previamente, tudo determinado ao meu critério, com base em vários fatores, incluso o estilo de luta, notas e relações interpessoais. As duplas são: Primeiro, Todoroki e Yaoyoruzu, e irão contra mim... Midoriya e Bakugou ficam em outra.

Midoriya/Bakugou: COMO É QUE É?!!!

Aizawa: E... o seu adversário...

Após terminar de falar, um enorme impacto é feito no chão, onde se levanta um pouco de poeira, e ao olharem direito, veem quem é.

All Might: Serei eu!

Todos: O ALL MIGHT?!

Midoriya/Bakugou: Fudeu...!

All Might: Trabalhem juntos para me derrotarem, meninos!

Pensamento do Midoriya: "Isso não vai acabar bem...".

Nezu: Enfim, vamos anunciar cada partida!

Partidas...

1° partida: Kirishima/Sato VS Cementoss

2° partida: Asui/Tokoyami VS Ectoplasm

3° partida: Iida/Ojiro VS Power Loader

4° partida: Todoroki/Yaoyoruzu VS Aizawa

5° partida: Aoyama/Uraraka VS Treze

6° partida: Kaminari/Mina VS Nezu

7° partida: Jirou/Koda VS Present Mic

8° partida: Hagakure/Shoji VS Snipe

9° partida: Mineta/Sero VS Midnight

10° partida: Bakugou/Midoriya VS All Might

Nezu: O tempo limite para a prova será de 30 minutos. Seu objetivo será ou colocar as algemas de captura no professor contra quem irão batalhar ou que um de vocês consiga fugir do local!

Kaminari: Capturar o professor ou fugir... É uma espécie de treinamento de combate.

Mina: Podemos mesmo fugir?

Nezu: Sim.

Present Mic: Mas vai ser diferente do treinamento de combate que estão acostumados! Vocês vão contra alguém beeeem melhor do que vocês!

Jirou: Melhor que nós? Não consigo imaginar isso.

Present Mic: How is it?! Hey girl, watch your mouth, okay?! (Como é?! Ei garota, cuidado com a boca, ok?!)

Treze: Desta vez, a prova será bem parecida com uma batalha real, por isso, pensem em nós como vilões.

Snipe: Assumindo que encontrem um inimigo, se acreditarem que podem vencer, tudo bem, agora...

Aizawa: Havendo grande diferença, seria mais inteligente fugir e buscar ajuda. Todoroki, Iida, Midoriya... sei que entendem bem o que quero dizer.

Pensamento do Todoroki: "Certo...".

Pensamento do Iida: "Não cometerei o mesmo erro de novo, vou passar nesta prova e mostrar isso!".

Midoriya: Lutar e vencer ou correr e vencer... interessante.

All Might: Isso mesmo! As duas capacidades de decisão serão testadas! Embora, dadas as regras, devem estar pensando só em fugir, certo? Por isso... pedimos ao curso de suportr para fazer isso! *All Might tira de seu bolso, o que parece um pulseira, só que toda feita de metal*.

Present Mic: PESOS ULTRA COMPRIMIDOS!!!

All Might: Colocaremos eles e ficaremos com cerca de metade da nossa massa corporal, é para dar uma vantagem à vocês. É um pouco antiquado, mas vai dificultar a nossa movimentação e dimimuir a nossa energia.

Bakugou: Para nos fazer pensar em lutar contra você? Está nos subestimando?

All Might: Hahah... *De uma hora para outra, All Might muda sua cara que era alegre para assustadora e intimidadora* Será...?

Aizawa: Certo, cada dupla fará a prova prática em ordem, no local preparado. Sato, Kirishima, preparem-se.

Sato/Kirishima: Sim!

Aizawa: Quem for esperar, pode assistir às provas na sala de monitoração ou pensar em estratégias de equipe, como preferirem. Dispensados.

Os professores saem do local e entram no campo da praça, deixando os alunos sozinhos.

Iida: Ojiro, gostaria de ver o que dá para combinar com as nossas individualidades?

Ojiro: Claro.

Asui: Tokoyami, vamos pensar em uma estratégia?

Tokoyami: De acordo.

Mineta: O problema é como tirar a roupa da professor Midnight, não é?

Sero: Nada disso, idiota.

Na sala de monitoramento...

Os alunos já saíram do local de entrada do campo da praça principal, e agora estavam espalhados aos arredores, porém, Midoriya resolveu seguir o conselho de Aizawa e foi até a sala de monitoramento para observar as batalhas de cada dupla e Recovery Girl, que era quem estava comandando tudo na sala de monitoramento.

Recovery Girl: Bem, parece que eu terei bastante trabalho hoje.

Midoriya: Pense, você poderia não estar trabalhando e não ganhando nada.

A porta da sala é aberta derrepente e quando os dois olham, veem que é Uraraka adentrando a sala.

Uraraka: Ué? Também vai assistir, Deku?

Midoriya: Sim, não é todo dia em que se tem a oportunidade de assistir os alunos lutando contra os professores. Além do mais, mesmo que eu quisesse falar de estratégia... o Bakugou provavelmente iria me mandar tomar no cú e sairia do local xingando tudo e todos para os quatro cantos do mundo. Aquele lá é mais irritado do que um pinscher gente, eu não me atrevo não, eu gosto de viver.

Uraraka: Ah, entendi... Bom, para mim...

Midoriya: Deixa eu tentar adivinhar... o Aoyama achou um espelho e ficou fazendo milhares poses de todos os ângulos possíveis, se achando a luz mais brilhante de todas, e não estava prestando nem um pouco de atenção em você?

Uraraka: Acertou, não adiantaria tentar falar com ele...

Midoriya: Imaginei...

Uraraka: Por isso eu pensei em usar as lutas dos outros como referência.

Midoriya: Eu também.

Na tela onde se podia ver as batalhas, apareceu o local onde seria a batalha de Kirishima e Sato contra Cementoss, e logo foi anunciado.

"A seguir: Equipe Kirishima e Sato, prova prática. Prontos? Vão!"

No campo...

Após o pronunciamento do início da prova, Kirishima e Sato começam a correr em alta velocidade.

Kirishima: Nesta prova, vamos descolar uma nota maior na captura do que fugindo, não?

Sato: Eu acho que sim.

O diálogo dos dois é cortado pelo susto, pois eles quase bateram em uma parede de cimento, que foi criada por Cementos que estava a frente deles, só que distante de onde os jovens se encontravam, e logo, os dois avistam Cementoss a sua frente.

Kirishima: O professor Cementoss se move devagar! Vamos atacar de frente e buscar um notaço!

Sato: Pode crer!

Sato pega um tubo de açúcar que estava guardado em seu bolso e o ingere de uma vez, o engolindo rapidamente e então, seu corpo começa a crescer e seus músculos aumentam ainda mais.

Rikido Sato

Individualidade: Sugar Dope

Para cada dez gramas de açúcar ingerido, ele fica cinco vezes mais forte por cinco minutos, porém, quando usa açúcar demais para mais poder, as suas funções cognitivas caem proporcionalmente.

Kirishima e Sato começam  a correr muito rapidamente em direcão a Cementoss, para tentar abatê-lo de uma vez.

Cementoss: Como previsto, vieram me atacar de frente.

Cementoss começa a criar várias peredes de cimento, que vão indo em direção aos dois alunos.

Kirishima: Vamos meter bronca, Sato!

Sato: Vamos sim!

Ao chegarem perto de uma parede, os dois dão um soco poderoso na parede, fazendo ela ter uma grande cratera, por conta da força usada nos socos e do amortecimento da parede, então novamente os dois socam a parede fazendo ela se partir e ser destruída completamente e então, os dois começam a avançar, socando as paredes que iam sendo criadas a medida que iam avançando.

Cementoss: Ainda falta muito.

Na sala de monitoração...

Uraraka, Midoriya e Uraraka assitiam a batalha da equipe de Kirishima e Sato contra Cementoss, atentamente.

Uraraka: Vocês conseguem, Kirishima e Sato!

Midoriya: Se continuarem desse jeito, não vai dar e eles não conseguirão ganhar.

Uraraka: Hã...?

Midoriya: O Kirishima e o Sato possuem individualidades muito poderosas, porém, tem um limite de tempo de uso delas, os quais devem ser respeitados. Por outro lado, o professor Cementoss não perece ter esse problema, ou seja, se o Kirishima e o Sato continuarem fazendo o que estão fazendo agora, não conseguirão vencer essa batalha, pois quanto mais tempo passar, mais em desvantagem o Kirishima e o Sato irão ficar.

Uraraka: Não pode ser...

Midoriya: Essa prova prática coloca os alunos contra professores contra quem eles apresentarão grandes dificuldades para vencer, por isso acho que a chave será como eles lidam com as suas fraquezas para poder passar e vencer.

Recovery Girl: Exatamente.

Midoriya: Hã...?

Recovery Girl: Antes da sua vez chegar, pensem bem na sua compatibilidade com o professor que vão lutar.

Midoriya: É... pelo visto não vai ser nada fácil...

No campo...

Kirishima e Sato já haviam destruido muitas paredes de cimento, porém elas continuavam vindo, já que Cementoss continuava criando cada vez mais.

Kirishima: Isso não acaba nunca não?! Não importa quantas eu quebre, continua vindo mais!

Kirishima continuava quebrando as paredes, porém só ele estava quebrando no momento, pois o efeito do açúcar em Sato já havia passado e ele estava cansado e sonolento.

Sato: Ah... que sono... eu estou cansado...

Kirishima: Pô, animo aí!

O que os dois não perceberam, era que estavam sendo encurralados pelas paredes de Cementoss e Kirishima tentava socar elas com seu endurecimento, mas não funcionava, pois sua individualidade já não funcionava como antes.

Kirishima: D-Droga!

Os dois são pegos de surpresa pelo cimento ao seu redor, os deixando presos e sem escapatória, pois estavam encurralados, então o cimento começou a se misturar, caindo em cima dos dois, os deixando nocauteados.

Cementoss: São extremamente fracos em combate de resistência. Ouçam, em uma luta, é preciso ver o que lhes favorece.

Após o cimento baixar, mostra Kirishima e Sato inconscientes e caídos no chão, e logo o alarme é soado e se pronuncia nos auto falantes do local.

"Equipe Kirishima e Sato eliminada, já que ambos perderam a consciência."

Na sala de monitoramento...

Recovery Girl: Ai, ai. Foi só a primeira e eu já tenho que trabalhat?

Recovery Girl sai da sala, deixando Midoriya e Uraraka sozinhos.

Uraraka: Mentira... foi tão desequilibrado assim?

Midoriya: Não tinha o que fazer, as individualidades deles eram ineficazes contra a do professor Cementoss.

Pensamento do Midoriya: "Isso não vai ser fácil, ainda mais lutando contra o All Might junto com o Bakugou...

.

.

.

.

.

.

.

.

.

Essa prova vai ser muito mais difícil do que eu imaginei...















Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...