História O segredo - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Gotham
Personagens Personagens Originais
Tags Arlerquina, Coringa, Drama, Gotham City, Harley Quinn, Lucy Quinzel
Visualizações 77
Palavras 788
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Luta, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Saga, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi gente,bom,primeiramente meu nome é francielle mas podem me chamar de fran.
Eu sempre tive interesse em fanfics e histórias e sempre gostei muito de ler,assim com também de escrever. Eu nunca tinha compartilhado minha imaginação em nenhum outro lugar,e aí pensei:"Eu não aguento mais,tenho que criar uma fanfic!"
Então estou aqui com essa minha primeira fanfic,e antes de lerem,quero informar que não sou profissional,e que só estou fazendo aquilo que mais gosto,que é expressar minha imaginação e criatividade. Mas que vou fazer de tudo para que essa fanfic seja a melhor possivel,e que quero que me desculpem algum erro.
Ah,e por favor,eu gostaria muito mesmo de saber sua opinião,quero que saiba que ela é muito importante para mim.

Bom,é isso...

Então boa leitura!...

Capítulo 1 - "Bem-vinda ao mundo,Lucy!"


Fanfic / Fanfiction O segredo - Capítulo 1 - "Bem-vinda ao mundo,Lucy!"

NARRADOR:
Harley e Hera venenosa estavam em uma casa abandonada bem distante de Gotham,lá,Harley dava a luz a uma linda criança,a mulher estava deitada em uma maca suando de tanto sofrer. Hera estava em sua frente a ajudando com o parto...

- Vai Harley,você consegue!-falou ela em sua frente

- Eu..eu não consigo!-fala ela gemendo de dor

- Vai,você vai conseguir!-exclamou ela persistindo

-depois de alguns segundos Harley se convenceu e continuo a fazer força-ahh..ahh-geme ela em um grito baixo

- Isso,está quase lá,continue empurrando..

- aahhhhh!-grita ela,até que um choro de criança pode ser ouvido

- é uma menina!-diz a mulher das plantas com a criança em seus braços

- harley coloca a mão sobre sua testa para limpar seu suor-Uma..uma menina?-pergunta ela com sua respiração ofegante ainda recuperando o fôlego

- sim!!!-diz Hera sorrindo

- Harley ao ter certeza do que sua amiga estava falando,dá um sorriso de felicidade ainda não acreditando no que tinha acabado de ouvir. Pois ela sempre teve o sonho de ser mãe,principalmente de uma menininha-Uma menina..-sussura ela respirando com dificuldade por conta de seu cansaço-é uma menina!..-diz ela sorrindo e olhando para a mulher-por..favor-gagueja ela enquanto com muita dificuldade,levanta seus braços e os estende tremendo em direção a ela-por..por..favor..

..Hera, com um sorriso em seu rosto,vai mais pra perto dela, e lhe entrega a criança..

- Harley pega o pequeno bebê no colo- .....-e fica alguns segundos em silêncio analisando a beleza da filha que não parava de chorar

- búaaa..búaaa-o bebê não se calava

- shhh..-harley começa a balançar ela e a pequena vai se acalmando-quietinha,não tem porque chorar..-ela sussura com uma voz suave e a bebê para de chorar-você..você é tão linda!-ela sorrir para a pequena,que agora olhava intensamente no fundo dos olhos da mãe-EU TE AMO!-sussura ela pra neném que começa a sorrir

-Como vai achama-lá?-Hera interrompe aquele momento fofo e lindo e Harley olha para Hera-Eu não sei...-ela fica pensando

- Que tal Rosa?ou Violeta?e Margarida?-diz a mulher super feliz dando sua sugestão

- Hera,eu não quero colocar nomes de flores e plantas na minha filha!..-diz ela brincando enquanto virava o rosto para olhar novamente o bebê

- Ok,então. Que cê acha de escolher uma letra do alfabeto que você gosta,e pensar em um nome para ela?-dou uma nova sugestão

-bem..-fico pensando no que ela falou-até que não é uma mal ideia...-diz ela-mas...qual letra?

- Ah,sei lá,alguma letra do alfabeto...-diz ela um pouco desanimada e magoada pelo fato de sua amiga não ter gostado da idéia dos nomes de flores

-bem,deixe-me ver..-fica pensando e coloca o dedo indicador na boca-eu gosto da letra L,eu não dizer,mas ela me traz alguma atração,sei lá..-estava harley pensando até que vem um nome em sua cabeça-já sei...Lucinda!-diz ela feliz

-Lucinda..sério mesmo?-diz ela com uma cara de quem não gostou-não acha meio...feio?-ela tenta fazer Harley mudar de idéia

-Claro que não ruiva,Lucinda é um nome lindo!-ela olha sorrindo para sua neném-é...seu nome vai ser Lucinda,mas para nós será a pequena lucy!-fica pensando no sobrenome-Lucinda Napier Quinzel..igual o sobrenome do seu pai-ao lembrar do Joker ela fica um pouco triste com uma expressão de tristeza e sofrimento,e isso Hera percebe

-Ei!-fala a ruiva-oque que aconteceu?porque ficou tão triste de repente?-pergunta ela preocupada

-É que...-diz ela chorando-ela me lembra tanto ele..-cai uma lágrima encima do rostinho da menina -eu olhando pra ela..parece que estou olhando pro Sr.Coringa
-diz chorando

-ah Harley!-levanta da cadeira aonde estava sentada e vai até ela,então senta ao seu lado na cama-é normal ela se parecer com ele,afinal ela é filha dele não é?

-é....-diz Harley com um tom meio desconfiado pelo fato do que hera queria insinuar

-Então!

-Mas é que...-ela não sabe como responder-olha esses olhos!-ela amostra a criança
pra ela

-Azuis,porque?-dá de ombros

-São idênticos aos dele!!!-diz ela meio nervosa-eu tenho muito medo que ele descubra e tire ela de mim!-ela abraça forte a criança

-Harley minha querida,-olha nos olhos dela-vai ficar tudo bem,estamos muito longe de Gotham e as chances do idiota do Coringa nos achar são muito poucas!

-Eii!-fico brava pelo fato de ela ter chamado o pudinzinho de idiota

-ignoro o nervosismo dela e continuo falando-não se preoculpe,a gente vai para Central City e ele não vai nos achar,eu vou proteger vocês!-tento acalmar ela

-mas..mas..e se um dia ele nos encontrar ou descobrir?-pergunto preocupada e aflita

-relaxa garota,vai dá tudo certo. E se por acaso um dia eles nos encontrar,a gente foge pra longe e protegemos a "Lucinda"-falo meio que com nojo desse nome

-Lucy!-fico brava

-Enfim,tenha fé,não se preocupe loirinha,-Hera abraça Harley-aconteça oque acontecer,Lucy estará a salvo,você não estará sozinha,ficarei com você pro que der e vier!

-Não vou deixar ninguém tirar Lucy de mim,vou proteger ela e não vou a abandonar NUNCA!

Notas Finais


Bom,é isso galera!

Espero que tenham gostado..

Um beijo e tchau,até o próximo capítulo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...