História O senhor Arrogante - Capítulo 25


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts, Kim Taehyung, Tae
Visualizações 116
Palavras 2.236
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Lemon, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura! 😘❤
Nada a declarar so contemplem 😂😂

Capítulo 25 - Treta e reconciliação


Fanfic / Fanfiction O senhor Arrogante - Capítulo 25 - Treta e reconciliação

Tae-Você é cego ou o que seu babaca?

S/N-Por favor não comecem! -Exclamo me soltando de Taehyung, vamos Park Hiung! -Dito puxando o mesmo para sairmos.

Park H.-Vamos o caralho! O que esse imbecil estava querendo? -Questiono olhando furioso para Kim.

Tae- Por que não acertamos as contas aqui então, seu merda fica cantando de galo e não faz porra nenhuma.

Park H.-O seu porra então cai para cima.-Dito indo em direção do mesmo.

S/N-Por favor vamos embora! -Seguro o mesmo mais uma vez,passando em sua frente o barrando, vamos embora por favor, Park Hiung para e fita minha face preocupada e parece pensar.

Park H.- Eu só vou porque você esta me pedindo.-Dito olhando para a mesma e logo me inclino para beijar-la,porém ela vira seu rosto. O que deu em você?

S/N-Nada só quero ir embora.-Minto para o mesmo, mas na verdade só me sinto desconfortável ao saber que Tae nos observa.

Tae- Ver s/n de melação com esse babaca me irrita e logo ando em direção a entrada da boate. -Isso corre mesmo otário! -Park Hiung diz me provocando, volto sem me hesitar e o empurro socando sua cara logo em seguida, fazendo com que s/n me olhe assustada. Quem você chamou de otário? -Questiono irritado segurando a gola de sua blusa.

S/N- Parem por favor! -Imploro desesperada mas ambos estão cegos de raiva que nem me ouvem, uma aglomeração de pessoas se reunem vendo os dois brigando, mas ninguém separa, Tae desfere vários murros no rosto de Park Hiung que suas mãos se sujam de sangue, puxo Tae para que ele pare com seu ato mas o mesmo só grita pramim tirar as mãos dele, o desespero me consome e não sei mas o que fazer, resolvo entrar na boate e logo avisto os meninos bebendo juntamente com minhas amigas. MEU DEUS! OS MENINOS ESTÃO BRIGANDO, SEPAREM A BRIGA POR FAVOR! -Dito puxando Namjoon e todos vem atrás, no momento em que volto Park Hiung ja desferia socos em Tae ao qual estava com um corte perto de sua sombrancelha que sangrava, no momento em que Namjoon juntamente com Kookie foi separar, Tae é acertado em cheio no olho, mas antes mesmo que o mesmo revide ambos são segurados.

Yoongi-Mas que porra é essa! O que deu em você Park Hiung!

Park H.-Cala a boca seu branquelo, o meu lance é com esse babaca aqui.-Dito olhando para Taehyung com fúria.

Yoongi-Eu sei disso verme! Só estou me referindo ao vexame que estão passando aqui mais que caralho!

S/N-Fico boquiaberta com a cena e as pessoas se dispersam ficando somente nós, os meninos se mantem segurados, pois ambos não param de insultarem um ao outro.

Park H.-Você me paga Kim isso não vai ficar dessa forma não, fique esperto comigo.

Tae-E você acha que tenho medo de você?Pode vim que não me hesitarei seu merda.

Park H.-Me solta Namjoon, QUE PORRA!

Nanjoon-É melhor não, vocês dois estão muito exautados.

Tae-Me solta Kookie, não to mais afim de dar uma surra nesse babaca, vou embora! -Exclamo furioso e olho rapidamente para s/n, que me olha aflita, balanço minha cabeça em negação e a mesma desvia seu olhar para o babaca do Park Hiung.

S/N- Ver Tae dessa forma me deixa sem rumo, tenho medo que Park Hiung realmente faça algo com Tae, pois nunca vi o mesmo dessa forma, Megan juntamente com as meninas me olham e entram na boate com Tae, Namjoon solta Park Hiung que parece pacivo e logo entra na boate também, dou alguns passos para entrar também mais logo Park Hiung segura minha mão.

Park H.-Onde pensa que vai?

S/N-Vou entrar!

Park H.-Nós vamos embora agora!

S/N-Não quero ir, me solta Park Hiung! Você esta me machucando! -Dito tais palavras sentindo o mesmo apertar meu pulso agora com força.

Park H.-O que é? Ficou com dó daquele otário Hum? Você tem que se preocupar comigo que sou seu namorado, não com aquele imbecíl traidor.

S/N-Ja estou de saco cheio de você, fica agindo como idiota, você mudou muito Park Hiung! -Exclamo com raiva.

Park H.-Esta falando isso por que se abalou com a presença desse idiota não é mesmo, pois você vai ver o que vou fazer com esse desgraçado!

S/N-Pare de arrumar confusão, o que vai fazer? Pare de agir como otário Park Hiung!

Park H.-Otário?! Vamos ver.-Dito me soltando da mesma, procurando algo que de para acerta Kim.

S/N-Fico em choque com tamanha fúria de Park Hiung e o mesmo avista uma garrafa de vidro no chão e quebra deixando pontas afiadas. O que pensa que vai fazer? -Questiono o segurando e logo o mesmo me empurra para que eu me afaste.

Park H.-Fica na sua s/n!

S/N-Park Hiung entra correndo com a garrafa na mão e eu vou atrás mas o perco de vista, a música estava muito auta e as pessoas se aglomeravam pulando ao som da música, entro em desespero pois não avisto ninguém, procuro por todos os lados e avisto Megan e Bianca conversando a respeito da briga. Cadê o Tae?

Bianca- Que desepero é esse?

S/N-Não da tempo de explicar cadê o Tae?

Tae-Que foi?

S/N-Me viro e avisto Tae me olhando com seblante curioso, porém de cara fechada para mim, seu olho inchou e esta ficando roxo.-Dito preocupada, tento me aproximar mas Tae se afasta sem deixar que eu o toque.

Tae-O que você quer s/n? Ja não basta aquele idiota do seu namorado me enchendo o saco, quer saber pramim ja deu tchau galera.-Dito me virando para ir embora, mas logo sinto s/n puxando minha jaqueta e me viro para a mesma.

S/N-É que Park Hiung... antes mesmo de eu terminar de falar, Park Hiung aparece de uma vez e eu grito, Tae vira rapidamente e para que a ponta do vidro não acerte seu rosto ele põe a mão, em questão de segundos sangue começa a escorrer por sua mão, no calor do momento Tae fecha seu punho mesmo sangrando e acerta Park Hiung o derrubando ao chão,antes mesmo que Tae vá para cima do mesmo os meninos correm e o segura,as pessoas presentes na boate se despersam com medo dos mesmos estarem armados, mas logo que percebem que os meninos não estão armados se aglomeram em volta de nós e com os olhos curiosos nos observam. Tae você esta bem?

Tae-O que você acha.-Dito furioso.

S/N-Sua mão esta sangrando muito, deixe-me ver, o mesmo não me diz mais nada e irritado sai de dentro da boate, vou atrás do mesmo mas Namjoon me impede.

Nanjoon-Ele esta de cabeça quente deixa para conversar com ele depois e aliás o maluco do Park Hiung esta te olhando com cara de merda.

S/N-Olho para o mesmo e uma raiva me percorre.

Megan-Vou com os meninos e te ligo mandando noticías.

S/N-Tabom Megan, respondo para a mesma sentindo meus olhos lacrimejarem.

Megan-Fica assim não! Mas um conselho lhe dou, sai fora desse Park Hiung, ele é louco e possessivo.

S/N-Fico calada olhando para Megan com semblante preocupada e ela vai rapidamente até que alcança Namjoon, as meninas se foram juntamente com os meninos deixando somente eu o Park Hiung, o mesmo se aproxima e tenta me beijar mas eu o empurro e saio de dentro da boate sendo alcançada pelo mesmo.

Park H.-Onde pensa que vai?

S/N-Para minha casa não esta vendo!

Park H.-Ha s/n, nós vamos estragar o nosso sábado mesmo por causa daquele babaca do Kim? Fala sério.-Dito rindo deboxado, ele foi quem começou me afrontando e agora você fica de frescura?

S/N-Frescura? Tem noção do que fez com ele? Sua intenção era matar ele seu doente!

Park H.- Eu não sou louco a esse ponto, vamos para minha casa eu te levo.

S/N- Não quero ir com você.-Dito irritada.

Park-Você não acha que é perigoso demais para ir embora as quatro e meia da manhã não?

S/N-Eu pego um taxi, me deixa sozinha, você ja fez merda demais para uma noite só.

Park H.-Quer ficar sozinha para ir na casa daquele imbecíl! Esta pensando que sou algum idiota s/n, depois de tudo que ele te fez você ainda fica de melação com aquele imbecil que apostou você como um objeto.

S/N-Isso não vem ao caso, você o machucou e eu me preocupo sim com ele se quer saber! Após lhe dizer tais palavras o mesmo sai me deixando sozinha, procuro por um taxi mas não acho, vejo uns homens estranhos se aproximando e resolvo voltar para a boate e ligo para Megan.

Ligação on...

-Megan onde você esta agora?

-Acabamos de chegar na casa do Tae.

-E como ele esta?

-Furioso com Park Hiung, mas não fala nada de você, ele levou alguns pontos na mão. Você esta chorando s/n?

-Megan quero ir para casa, briguei com aquele idiota e ele me deixou sozinha aqui na boate, vem me pegar e me leva para o dormitório da faculdade.

-Estou indo amiga, vou pedir um dos meninos um carro e vou ai te pegar.

Ligação of.

S/N-Fico esperando por Megan que após uns quarenta minutos chega no carro de Tae e logo entro no carro e a mesma da partida.

Megan-Amiga o que foi aquilooooo? Tae estava cego de raiva e ciúmes, ele realmente gosta de você s/n, vocês deveriam conversar.

S/N-Ele me beijou la na boate! -Exclamo tocando meus lábios e pensando em sua face.

Megan-E o que espera para ir atrás dele, Park Hiung é um otário, que arruma confusão e é um grude com você e tenho certeza que você não gosta dele.

S/N-É não sei o que deu em mim, para ficar com ele esses três meses.

Megan-Então o que espera para ir atrás de quem você gosta de verdade, olha eu conversei com ele na boate ele esta chateado com você, mas em meio a palavras nota-se que ele gosta de você de verdade e não é pouco não.

S/N-Mas ele não quer que eu me aproxime dele.

Megan-Isso é o que sai da boca dele não do coração, sabe o que vou fazer agora? Te levar para a casa dele, afinal de contas todos ja foram e ele esta sozinho precisando de alguém para cuidar dele.-Dito rindo empolgada.

S/N-Mas Megan eu não sei se isso será uma boa ideia agora! Tento fazer a mesma mudar de ideia mas é envão, quando dei por mim ja estavamos parando na porta de sua casa.

Megan-Vai la atrás do homem que você ama deixa de ser boba, vai logo dou-lhe as chaves do portão principal e da casa e a mesma pega. Vou embora, amanhã eu trago o carro dele, porque não estou afim de servir de vela para vocês dois.

S/N-Até parece. Obrigado Megan por me encorajar.-Dito sorrindo e a mesma da a partida indo embora, abro o portão principal e ao entrar olho em direção a casa e percebo que a luz do quarto do mesmo esta acesa, fico me hesitando em entrar até que crio coragem e abro a porta de entrada da sala, por um instante me recordo da cena onde vim aqui pela última vez e tinha uma vadia em cima do mesmo, balanço minha cabeça em negação e começo a subir a escada até que chego na porta do seu quarto, crio coragem e abro a porta de vagar mas não o avisto dentro do quarto, termino de entrar e ao lado da cama vejo a roupa que o mesmo usava na boate jogadas ao chão,ouço o barulho do chuveiro e logo meu lado pervertido se aflora o imaginando nú em baixo do chuveiro, fico rindo com a situação em que me imagino com o mesmo dentro do banheiro e logo sou desperta de meus devaneios com Tae entrando em seu quarto somente com a toalha enrolada em sua cintura e se assustando comigo no quarto.

Tae-Que susto.-Dito pegando em meu peito. O que esta fazendo aqui, como entrou? Megan! -Dito me lembrando de ter dado a chave de casa a ela. Veio rir da minha cara? Por brigar com aquele babaca por sentir ciúmes de você, pode rir acho que sou um trouxa mesmo.

S/N-Não, não vim rir de sua cara! Vim ver como você esta por que fiquei preocupada, Megan me disse que você levou pontos na mão.-Dito me aproximando, mas o mesmo não me da ousadia, você esta bem? Quer que eu faça algo para você comer ou beber? Me diz algo Tae! -Exclamo olhando em seus olhos.

Tae-Eu quero que você me ame s/n do mesmo jeito que amo você agora!

S/N-Me paraliso toda e fito seu rosto, Taehyung se aproxima demim e acaricia meu rosto, fecho meus olhos sentindo seus toques e logo sinto seus lábios próximos ao meu, um beijo calmo e cheio de saudades nos domina no momento, Tae pega em minha cintura colando nossos corpos ainda mais, o mesmo cessa o beijo e morde meu lábio inferior e me da vários celinhos em seguida, Tae me olha ainda com nossos corpos colados e logo se inicia um beijo árduo e afoito nos deixando ofegantes, sinto ser guiada até sua cama enquanto nos beijamos, Tae me deita em sua cama sem largar meus lábios se deitando por cima demim,seus lábios vão dando celares de minha boca até meu pescoço me deixando arrepiada, de olhos fechados solto um arfar por sentir seus toques sobre minha pele agora sensível, minhas roupas são retiradas rapidamente por Tae...

Continua...






Notas Finais


Parei na melhor parte pq sou dessas kkk.😁

Hehehe adoroooooo.😊😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...