1. Spirit Fanfics >
  2. O sol da escuridão (escamera). >
  3. Salvando a cobra.

História O sol da escuridão (escamera). - Capítulo 4


Escrita por: PabloPereiraTeixeira

Notas do Autor


Eu sei que o título e estranho mas é só para chamar atenção mesmo, e também a merascylla e uma cobra, ah desculpe a demora para postar os capítulos pois vão se acostumando com a demora, bom boa leitura e... Vamos.

Capítulo 4 - Salvando a cobra.


Escanorzinho amarra uma corda num pedaço de pau, e começa a girar, a corda com um pedaço de pau e joga no alto do castelo fazendo o pedaço de pau se prender em uma das janelas do castelo, escanorzinho da dois puxões para ver se estava preso mesmo _ consegui _ esclamou   escanor.

Depois ele começa a escala a corda até a janela em que a ponta da corda, quando o escanorzinho entra ele vê que no andar em que ele entrou e era um bar.

Escanorzinho (pensamento): ahn, tem um Bar aqui espero que tenha roupa, de barman para eu vesti _ pensou escanorzinho, foi quando ele vê um armário cheio de roupa de barman, de diversos tamanho, são iguais a que ele sempre usa, tanto que parecia sua roupa padrão.

Aviso: e só para o escanor usar a sua roupa padrão, até porque ele não pode ficar só de calça rasgada, o tempo todo.

Depois dele achar uma roupa de barman do seu tamanho, e vesti lá, aparece um guarda dizendo: ei garçom me dá aí uma bebida especial _ escanorzinho disfarçar na hora fingindo ser o Barman daquele local, e oferece um copo cheio de cerveja, mais o guarda começa a desconfiar _ espera eu não me lembro de você?

Escanorzinho: e que eu... Sou novo! _ escanorzinho falava com medo de ele descobrir _ (pensamento): oh porque eu estou aqui, olha onde eu vim para porque eu estou tentando salvar aquela mulher dos 10 mandamentos.

Soldado: eh, tanto faz o importante é que você me sirva cerveja que eu preciso.

Escanorzinho (pensamento): ufa, ele não desconfiou _ escanorzinho fica aliviado com isso, até que ele percebe que ele andava com as chaves _  talvez se meu cálculo estiver certo se eu usar a quantidade de bebidas uma hora ele vai desmaiar _ disse escanorzinho fazendo um cálculo enquanto olha para a cerveja.

Enquanto isso.

Black Knight estava interrogando a merascylla.

Black Knight: fale tem mais dos outros mandamentos, que está viva com você _ ele dá um chute na cabeça de merascylla, enquanto puxava a corrente de sua colera, que estava em seu pescoço _ FALA LOGO.

Merascylla:... Eu... _ merascylla cospe no capacete de Black Knight _ eu não devo satisfação a nenhum humano.

Black Knight: sua cobra _ ele da um soco em merascylla que ela cai no chão.

Enquanto isso com escanorzinho.

Escanorzinho finalmente consegui fazer o guarda desmaia de tanto beber, e ele aproveita para pegar as chaves e a armadura do guarda, depois de vesti lá ele vai procurar a merascylla _ bela dama me aguarde.

Voltando para o Black Knight.

Black Knight: então não vai falar né, então eu...

Black Knight é interrompido por um guarda: senhor Black Knight, achamos algo que você precisa ver _ ele sussurra algo para Black Knight.

Black Knight: ótimo, depois agente continua a nossa conversa demônio _ ele prende a corrente da colera na parede _ guarda, vigie ela para não fugir.

Guarda: sim.

Quando Black Knight saiu ele deu de cara com um outro guarda, pois esse guarda era o escanorzinho mais _ ei você guarda eu sinto que eu nunca te vi antes _ escanorzinho começa a soar e a tremer por debaixo da armadura _ tanto faz vigie a porta para mim _ e Black Knight vai andando, e escanorzinho fica aliviado.

Enquanto isso na sela merascylla.

Soldado: parece que você não pode usar a sua magia, não é demônio assim você não pode me impedir de fazer o que eu vou fazer com você.

Merascylla: se você encosta um dedo em mim eu mato você.

Soldado: como se você pudesse, fazer isso _ então o soldado começa a apalpar os peitos de merascylla, depois da um tapa na cara de merascylla.

Merascylla: isso que você está fazendo com migo... E imperdoável _ merascylla fala tentando levantar mais, leva um chute bem na cara pelo soldado.

Soldado: cala boca, seu demônio o que eu estou prestes a fazer com você, e a sua punição por ser do mal _ ele amarra os seus dois braços juntos na corrente de sua colera _ deveria ser crime um demônio ter esse corpo, na verdade deveria ser crime um demônio ser linda assim como você _ ele cheira o cabelo dela _ mais assim e bom para ser o meu brinquedo. 

Merascylla: se você tocar  em mim eu vou te apagar da face da terra _ ela dizia isso enquanto o soldado abria as suas pernas.

Soldado: agora, como e engravidar um demônio... _ ele é atingido na cabeça por um pedaço de pau, que o escanorzinho que havia acertado na cabeça do soldado, então escanorzinho tira o capacete revelando que era ele para merascylla.

CONTINUA...


Notas Finais


Desculpa eu ter demorado para publicar esse capítulo, mais e porque eu sou lerdo para pensar em um capítulo, mais espero que tenham.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...