1. Spirit Fanfics >
  2. O som da bala >
  3. Ausência.

História O som da bala - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Créditos: @YuzuriBaka

⚠️ História original ⚠️

⚠️ Personagens original ⚠️

História feita por mim.
História escrita por mim.
@Hayato-boke

Sem previsão para o capítulo 3.

Capítulo 2 - Ausência.


Fanfic / Fanfiction O som da bala - Capítulo 2 - Ausência.

Carregando a arma, barulho do gatilho, mirando, ao som da bala sendo atirada no indivíduo.

- Nossa Zack, nesses anos você não perdeu o jeito mesmo hein.

Suspirou cansado.

- Vamos logo o capitão disse que ia ter uma reunião.

- Vamos.

Anos atrás:

Ao ouvir o som de um bebê chorando. Me levanto da cama vou em direção ao berço, colocando minha mão sobre a cintura pegando com delicadeza, e acalmando o bebê.

- Shh... calma, calma. - Com sua cabeça encostada em seu ombro direito, balançava fazendo acalmando o bebê pouco a pouco.

Derrepente um silêncio, o bebê para de chorar. Ao colocar ele no berço devagar, o alaranjado vai em direção à cama, se deitando e olhando pro teto. Lágrimas escorre em seu rosto mais uma vez.

- Você faz falta Yuuki... - lágrimas escorriam. Virou seu rosto em direção ao o bebê, e continuou a falar - Yuuki, nosso filho vai crescer forte e saudável. Eu prometo que vou cuidar dele até o último dia da minha vida.

Seus olhos brilhando ao olhar o garotinho de cabelo preto escuro, olhos azuis escuro, igual ao de Yuuki, sua pele lisinha branquinha parecia a de Yuuki.

- Acho que já decidir o nome do nosso filho... ele vai ser chamar...

[ ... ]

- Yuuki. Yuuki? Já está pronto? Vamos logo, preciso ir trabalhar.

- Já tô indo pai...

- Estou pronto, vamos?

- Vamos.

Chegando ao local, me viro para Yuuki.

- Boa sorte no seu primeiro dia de aula filho. - O adulto falou dando um leve sorriso, levou a sua mão a cabeça do menino e deixou um beijo em sua testa.

- Obrigado pai. Bom trabalho! - Falou Yuuki dado um leve sorriso, abriu a porta do carro e foi em direção ao portão da escola.

Ao ver Yuuki entrando, Isaac foi seguindo ao seu destino.

[ ... ]

- Bom dia a todos!

-Bom dia! - Todos responderam uníssono.

- Zack, Zack, bom dia! - Fala o de cabelo loiro, com olhos castanhos claros, sua pele bem morena, aparetemante 1.79 de altura.

- Eu já falei pra me chamar de Isaac. - fala o menor olhando para o moreno.

- Sim Zack. - fala o moreno ignorando a última fala do alaranjado - Bom zack, hoje o capitão disse que teremos um reunião. Sobre invadir a favela. Lá estão acumulando e fazendo muita droga. Uma droga que se alguém comer, corre o risco de morrer em questão de segundos. Ele disse que ia explicar o detalhes na reunião. - Fala o moreno ajeitando os papéis em suas mãos.

- Okay, Vou praticar meus tiros. Quando começar me chama. - fala Isaac indo na frente e acenando para trás.

- Ok Zack...

"Por que? Esses sentimentos então voltando de novo?" - Pensa o moreno todo corado.

[ ... ]

Carregando a arma, barulho do gatilho, mirando, ao som da bala sendo atirada no indivíduo.

- Porra, preciso melhor mais. - fala Isaac todo furioso. Com seu olhar frio ao olhar o boneco em que está sendo atirando.

Ao ouvir barulho de Palmas, Isaac olha pra trás e se depara com o homem de 1.77 de altura, olhos vermelhos fixados em Isaac, aqueles olhos marcante que facilmente poderíamos nos perder. Seu cabelo meio rosado e sua pele meio pálida, não tanto a de Isaac.

- Ren...

- Ótimo tiro. - fala o maior olhando fixamente nos olhos de Isaac, e dá um leve sorriso malicioso.

- Estou atrapalhando? - fala o maior indo em direção ao Isaac.

- Sim está. Se me de licença vou continuar. - fala Isaac voltando o seu olhar ao boneco.

- Ora, ora, ora... okay. Que sincero. - fala o maior no tom de deboche.

- Tsc...

- Zack, za-

Falou o loiro, se assustando ao ver a presença de Ren.

- Zack... a reunião - Fala o loiro sendo interrompido.

- Já estou indo. - fala Isaac inclinado seu pescoço e com olhar frio e assustador.

"que olhar e esse do Zack? Nunca vir antes. E o último dia que vir... foi... " - O loiro engoliu seco, não estava gostando daquele olhar direcionado para si.

- Bom então eu também já vou. Tchau nos vemos lá. - fala Ren andado, talvez indo até o local ao reunião.

- Por algum motivo nunca fui com a cara desse Ren... - resmunga o loiro.

- Vamos logo, não quero chegar atrasado. - Fala o menor ajeitando a arma e guardado ao seu local.

- Vamos. - fala o moreno andado e abrindo a porta.

- Não precisar abrir pra mim seu idiota, não sou nenhum tipo de dama não. - fala Isaac olhando para o moreno tira sarro da sua cara.

- E-EI! Eu tenho nolá, okay? É Itsuki. - fala o loiro resmungando, olhando para baixo e fazendo biquinho.

- Vamos logo seu idiota - fala o menor colocado seu branco ao pescoço de Itsuki e bagunçando seu cabelo.

- P-PARA! - fala Itsuki ficando rubro. Fazendo o alaranjado rir.

- Isso não tem graça Zack-kun. - fala o moreno olhando para Isaac todo vermelho.

- Vamos logo. - fala Isaac andado.

"Meu deus! nem acredito que isso acabou de acontecer. Meu coração tá a mil. " - Pesava o loiro, em quanto andava ao local da reunião ao lado de Isaac.

Chegando na reunião Isaac senta numa cadeira na frente, enquanto Itsuki senta ao lado de Isaac.

Todo mundo já tava lá esperando o capitão.

Ao ouvirem barulho da porta, rapidamente todos ajeitam suas postura, era o capitão entrado.

- Bom... vamos começar a reunião. - Fala o capitão colocando os papéis em sua mesa ao lado.

- Bom como vocês sabem. A reunião é sobre uma missão que nós vamos ter. E sobre invadir a favela. Lá eles estão fazendo um tipo de droga. Cada uma delas custa em volta de mil reais. Essas drogas são pérolas pequenas de cor azul. Que quando o indivíduo ingere a droga, aparece sintomas, acaba ficando tonto, com dor de cabeça, diarreias, vômito e fica se tremendo todo até que ele sofre um infarto e morrer. Essas drogas são muitos perigosas, já causaram mais de 800 mil mortes. O chefe da quadrilha é um dos mais procurados pela polícia. E devemos agir logo. Mas antes, vamos precisar de um plano. Por que não vamos brotar lá do nada né. - fala o capitão de uma forma sarcástica - e...- fala o capitão sendo interrompido.

- Bom... podemos brotar lá né!? Assim pegamos eles de surpresa.... - fala Itsuki.

- Por isso não te coloquei como vice-capitão. - fala o capitão olhando para o loiro.

- Idiota - Fala Isaac levantando sua mão e dando uma leve batida na cabeça de Itsuki.

- ai. - reclama Itsuki massageando o local que foi agredido.

- bom, continuando.... - Fala o capitão. - O plano vai ser elaborado amanhã. Já são 17:00 então já é hora, que trabalham de manhã irem para casa.

- Sim senhor. - Todos respondem.

- Já o Isaac, fica. Vai me ajudar. - fala o capitão olhando para Isaac.

- Sim senhor. - fala Isaac se levantado da cadeira.

- Bom, podem se retirar. - Fala o capitão. Assim que foi mandado, todos se levantaram e sairam da casa.

- Itsuki espera - Fala Isaac pegando no braço de Itsuki.

- O-o que foi Zack? - fala o moreno todo um pouco corado.

- Você tem o número do meu filho, né?! - fala o menor.

- Sim tenho. - confirmou o maior.

-Pode ligar pra ele avisando que vou chegar tarde essa noite?

-Posso sim, vou ligar agora mesmo.

- Obrigado Itsuki- fala Isaac dado um leve sorriso sem mostrar os dentes e indo em direção a sala do capitão.

- De nada. - fala o moreno todo vermelho.

"Céus, meu coração tá batendo mais que o normal" - Pensa Itsuki pegando o celular para ligar pro filho de Isaac.

[ ... ]

- Alô? Yuuki! Sou eu Itsuki. Liguei pra avisar que seu pai vai chegar tarde hoje. - fala Itsuki no telefone com Yuuki.

- Ah... sim. Ok então. Tchau, obrigado por avisar. - fala Yuuki desligando o celular.

- E mais uma vez... ele não vai tá em casa. - fala Yuuki sentando no sofá e ligando a TV.


Notas Finais


Espero que tenha gostado do capítulo 2 <3 ficou bem longo não é!? Kkkk eu me empolguei. Eu ia escrever mais... mas deixei a parte mais emocionante para o capítulo 3. Eu já escrevi o capítulo 3, mais não vou lançar ainda.

Tem tanta ideia na minha cabeça sobre o capítulo 4 que eu já tô escrevendo, que tipo... nem sei por ondem começar kkk.


Bom... obrigado por ler. :) ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...