História (Kakasaku) O tempo e o destino. - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Akamaru, Anko Mitarashi, Boruto Uzumaki, Chomaru Akimichi, Chouchou Akimichi, Chouji Akimichi, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hanabi Hyuuga, Himawari Uzumaki, Hinata Hyuuga, Hyuuga Hiashi, Ino Yamanaka, Inojin Yamanaka, Iruka Umino, Jiraiya, Kakashi Hatake, Kankuro, Karin, Kiba Inuzuka, Killer Bee, Kizashi Haruno, Konohamaru, Kurama (Kyuubi), Kurenai Yuuhi, Maito Gai, Mebuki Haruno, Metal Lee, Mirai Sarutobi, Mitsuki, Moegi, Naruto Uzumaki, Orochimaru, Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Sarada Uchiha, Sasuke Uchiha, Shikadai Nara, Shikamaru Nara, Shino Aburame, Shizune, Temari, TenTen Mitsashi, Tsunade Senju, Yamato
Tags Hentai, Kakasaku, Kakashi, Naruhina, Naruto, Sakura, Universo Alternativo
Visualizações 739
Palavras 945
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Fluffy, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Cross-dresser, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Galera, em primeiro lugar, quero dizer, que escrever uma fanfic, nos dá poder para criar um "universo alternativo" onde nossa criatividade é que manda.
Apesar dessa fic se passar nos tempos de Boruto e conter "SPOILERS", 👉não👈🏻 serei totalmente fiel ao anime. Estarei mudando de acordo com o que se encaixar a minha história.
Só quero que se divirtam e se apixonem como eu estou me apaixonando por essa história.
Eu já havia postado ela, porém resolvi mudar algumas cenas!
Ela era um oneshot e devido aos vários pedidos, estou transformando-a em uma fic longa! Então...
Boa leitura...

Capítulo 1 - Prólogo.


Fanfic / Fanfiction (Kakasaku) O tempo e o destino. - Capítulo 1 - Prólogo.

  

Eram três da madrugada e Sasuke se remexia na cama. Não era uma coisa normal para o Uchiha, dormir tranquilamente em casa, tendo em vista a quantidade absurda de missões a ele dadas.

Se mexeu mais uma vez e passou a mão ao seu lado na cama de casal, constatando que estava sozinho no quarto. Se levantou e fitou o relógio, era realmente tarde, sabia onde provavelmente a esposa estaria.

Andando a passos leves, entrou no quarto da filha recém-nascida, esboçando um pequeno sorriso ao ver a esposa dormir no pequeno sofá do quarto com a filha nos braços. Foi até elas e pegou Sarada no colo com cuidado, colocando-a no berço. A pequena dormia como pedra, mas tem feito Sakura sair da cama muitas vezes durante a noite.

As dores no braço recém implantado estavam se tornando frequentes, porém o Uchiha omitia essa informação para sua esposa, não queria preocupa-la. Achava também, que as tais dores logo passariam, visto que ainda estava em fase de adaptação do mesmo.

Sasuke voltou-se para a esposa e a pegou no colo com cuidado, andando até o quarto do casal e deitando-a na cama. Apagou o abajur e se deitou ao lado da mesma, fitando o rosto da rosada que dormia tranquila. Seu peito estava cheio de dúvidas com relação ao seu casamento com a ex companheira de time.

Tinha um sentimento de carinho com a esposa e gratidão por ajuda-lo a reconstruir o clã, mas tinha dúvidas com relação a continuar com aquela vida. Nunca se viu preso a uma vida monótona, seu desejo por ficar mais forte ainda era latente e por mais que gostasse de Sakura e Sarada, sentia-se encomodado com aquela vida.

Seria eternamente grato a rosada por ter trazido ao mundo sua filha querida e sentia-se culpado por não poder retribuir o sentimento que Sakura sempre nutriu por ele. Dera uma oportunidade para a rosada esquece-lo quando partiu em sua jornada de redenção, deixando-a livre para encontrar alguém que a merecesse de verdade, mas ela optou por espera-lo.

-Sakura...- sibilou.

...

Os primeiros raios de sol batiam no rosto da jovem mãe, fazendo um carinho aconchegante. Sakura se remexeu sentindo um vazio no outro lado da cama.

Abriu os olhos e encarou todo o cômodo, constatando que seu marido se levantara cedo. Estranhou ao perceber um pequeno papel no travesseiro e seu semblante se tornou confuso.

Abriu lentamente o papel, vendo a letra impecável do Uchiha e começou a leitura do mesmo.


"Estou partindo em uma missão importante e secreta, não posso dar mais detalhes. Por favor, cuide da nossa filha por nós dois, sempre deixarei dinheiro para vocês e enviarei cartas. Não sei quando voltarei, espero que me perdoe por sair sem me despedir direito.

PS: Fiz seu café preferido.

Sasuke Uchiha".


Sakura não sabia o que pensar, não sabia o que fazer, mas sabia quem teria as informações sobre a tal missão e ele teria que falar.

-Kakashi-sensei! Você vai me explicar isso direitinho! - murmurou irritada.


...


-Calma Sakura, eu dei a ele apenas uma missão! - Kakashi dizia exasperado, sentado em sua cadeira, fitando a jovem mãe rosada com sua filha no colo.

-Que tipo de missão é essa? No papel ele fala de um jeito que dá a entender que passará muitos anos fora - seu semblante suavizava aos poucos, tornando-se perdido.

-Hei! Que história é essa do teme sair da vila, sensei? - Naruto bradava entrando na sala, fazendo o prateado soltar um suspiro e Sakura espantar-se ao ouvir o "embora da vila" - Sakura-chan?

-Oi Naruto! - Sakura o cumprimentou meio tristonha e voltou seu olhar para o ex-sensei - ele foi embora, não foi? - deduziu.

-Não pode ser! Não podemos aceitar isso! Kakashi-sensei, temos que fazer alguma coisa! - Naruto explodia.

-Eu concordo, Naruto! Para início de conversa, eu o designei a missão de investigar sobre um pergaminho do clã Ootsutsuki e que ele o trouxesse para a vila. Mas o pergaminho chegou pelas mãos do clone do Sasuke, que disse que iria para outro lugar, em busca de mais informações.

-Ele sempre disse que a jornada de redenção não foi o suficiente para tirar o peso da culpa que ele sentia. - Sakura completou.

-Lembro que ele citou isso, na verdade disse que iria proteger a vila como o irmão Itachi fez, mesmo que tivesse de abrir mão da companhia da familia. Mas Sakura, se quiser, eu posso...

-Não Kakashi-sensei - Sakura o interrompeu - não precisa fazer nada.

-Você vai concordar com essa loucura dele, Sakura-chan? - Naruto estava furioso.

-Naruto, perdemos toda nossa juventude correndo atrás dele. Ele voltou incompleto e se Sarada e eu não somos suficientes pra ele, então que fique o tempo que quiser longe. Diga a ele Kakashi-sensei, que se quiser, não precisa voltar - virou-se saindo da sala.

-Sakura...

-Não, Naruto! Deixe-a, ela precisa de um tempo sozinha para pensar.

-Nós vamos deixa-la sozinha? - Naruto estava incrédulo com a tranquilidade do sensei, sabia que ele acima de todos, odiava ver a ex- aluna triste e sempre procurava conversar com ela.

-Acredite, Naruto. Neste momento é tudo o que ela precisa. - Kakashi suspirou - depois falarei com ela - concluiu fitando os vários papéis em sua mesa, colocando mais tédio em seu olhar, enquanto Shikamaru chegava com mais papéis e Naruto fitava a aflição do velho sensei.


...


Sakura entrou em sua casa observando a imensa sala. Sentou-se no sofá enquanto um filme de sua vida passava por sua cabeça.

-Filha - suspirou - de agora em diante seremos apenas você e eu. Mais uma vez ele partiu e dessa vez, nem sei se irá retornar - seus olhos marejavam, transbordando a tristeza e a frustração que estavam se formando em seu peito - me dedicarei única e eternamente a você filha!

[...]


Notas Finais


Pois é galera! Capítulo curto, porém muito importante para o desenrolar da fic!
Grande beijo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...