História O último de nós - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Resident Evil, The Last of Us
Personagens Ashley Graham
Tags Crossover, Games, Lesbicas, Resident Evil 4, Romance, The Last Of Us, Universo Paralelo
Visualizações 34
Palavras 924
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Romance e Novela, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - Resistir e sobreviver...


Fanfic / Fanfiction O último de nós - Capítulo 1 - Resistir e sobreviver...

Ellie e Joel haviam perdido muita coisa em suas vidas.Parentes,amigos,esperança.Ellie se recusou a morar junto do irmão de Joel,Tommy,e como o homem já não poderia contrariá-la,resolveu aceitar a situação.

“Tudo bem,Ellie...faremos do seu jeito,garotinha”-Dizia Joel,enquanto acariciava seus cabelos sujos.

Ellie sorriu,olhando por alguns poucos instantes a pequena vila onde o irmão de Joel residia.Não havia mais como ter uma vida normal,não em um mundo como esse.

Deram meia volta e se afastaram do local.Todo o trabalho que tiveram para salvá-la...em vão.Não podiam salvá-la de si mesma.Ninguém podia...

Perambulando pela cidade vazia,estava um caos.Carros destruídos,corpos de rebeldes linchados espalhados pelas ruas,lojas fechadas,água suja inundando os bueiros,sangue seco em todos os cantos,Ellie apenas suspirava enquanto caminhava,quieta,com Joel ao seu lado.

Foi então que uma voz quebrou o silêncio.Uma voz metálica,como se estivesse sendo dita através de uma máquina,ou algo do tipo:

“Parados aí!!!!Parados aí!!!!”-Gritava a voz,logo os dois sobreviventes se viraram de costas.

Um exército gigantesco estava cercando eles,forças especiais.Soldados apontavam metralhadoras automáticas para eles,as miras laser pairando bem no ponto entre seus olhos.Inúmeros soldados.

Pessoas saíam de trás de um carro velho e abandonado,várias famílias que se escondiam entre as árvores podres também saíam de seu esconderijo,chegando perto de Joel e Ellie.

“Pro chão,agora mesmo!!!!”-Gritava um dos soldados,enquanto todos se ajoelhavam no concreto duro,molhado e nojento.

Todos os soldados então fizeram fila indiana,um helicóptero de combate pairava nos céus,descendo aos poucos,pousando na outra esquina de trás da rua.

A porta do helicóptero se abriu,e dele saiu uma mulher alta,loira,cabelos curtos.Usava um suéter laranja com um cachecol marrom amarrado no pescoço,uma saia xadrez verde e calçava um par de botas de couro marrom.

A garota andou até eles com as mãos nas costas,como se não quisesse perder a pose.

“Relatório da situação atual”-Disse ela,seca,rígida,como um capitão a um recruta.

“Sim senhora...encontramos a garota e o velho andando pela cidade,enquanto aquelas famílias amontoadas se escondiam atrás dos carros,provavelmente esperavam roubar esses dois”.-Disse o soldado,levando a mão aberta para o topo da cabeça,como um sinal de respeito.

Ashley Graham era uma mulher de 25 anos,a filha do presidente dos Estados Unidos.Seu pai,que estava muito doente,abdicou temporariamente do cargo,e quem o assumiu foi sua filha.

Ashley havia passado por situações um tanto...assustadoras no passado.8 anos atrás,havia sido raptada por uma seita religiosa,quando estava saindo da faculdade de medicina.Ela havia sido infectada por um vírus,e levada até uma prisão dentro de uma Igreja em um vilarejo remoto na Espanha.Havia sofrido muito até ser resgatada por um agente da forças americanas,porém o trauma...mudara completamente sua personalidade.

“Entendo....”-Dizia a loira,olhando as pessoas novamente,parando o olhar sobre Ellie.Ashley se aproximou da menina e se abaixou,ficando da sua altura-“E você?”-Perguntou ela.

“Eu sou Ellie...Ellie Williams.Não tenho nada a ver com essas pessoas,estava apenas saindo da cidade.”-Dizia ela,quase gaguejando.

“Você está em Washington agora,garota.”-A loira sorriu e se levantou,olhando os soldados.

“Matem todos,mas quero a garota e o velho algemados e levados até minha presença imediatamente”-Respondeu Ashley.Os soldados assentiram com a cabeça e apontaram as armas para todos,começando a atirar.

Pássasros saíavam voando e assobiando loucamente devido aos barulhos,os corpos de todos caíam moles pelo chão,o sangue das vítimas escorria até cair dentro do bueiro podre e sujo.

Ellie gritou,horrorizada,curvou o corpo e recostou a testa sob o chão,gritando,chorando,seu rosto ficando vermelho,sentia mais dor do que raiva.

Ashley a olhava seriamente,enquanto virava de costas e andava em direção ao helicóptero.Joel tentou se libertar,pisando no pé do soldado e o acertando com a cabeça,porém o soldado o acertou em cheio na barriga com a base da arma,o fazendo cair de joelhos.Puxou Joel pelos cabelos,enquanto outro soldado dava um mata leão em Ellie...a garota se debatia,mas em alguns minutos amolecia,apagando,sendo carregada nos ombros do outro soldado.

Colocaram Ellie e Joel dentro do helicóptero,dois soldados sentaram ao lado de cada um deles,enquanto Ashley observava.

Levantando vôo,em poucos minutos o helicóptero logo pousava suavemente em um gramado verde bem cuidado.Ellie acordava,um tanto zonza,olhando em volta.Joel já havia acordado,fulminando Ashley com o olhar.Os soldados os tiraram do helicóptero,os jogando no gramado.

Ellie tentou correr,mas 4 cachorros da raça rottweiller latiram para ela,correndo na frente.Eles rosnavam a salivavam,latindo ameaçadoramente para a garota.

“Não tente lutar com eles,vai perder tempo e energia”-Dizia Ashley,enquanto apenas fazia um gesto com a mão e os cachorros se acalmavam,como se nada tivesse acontecido.

“O que quer com a gente?Como sabia onde estávamos?Por que nos trouxe aqui?”-Perguntava Ellie,impaciente,tentando não demonstrar medo.

“Você saberá...na hora certa”-Respondeu a loira.

Ellie e Joel foram levados para os confins da gigantesca casa.Era a famosa Casa Branca,mais parecia o Jardim do Éden.Era perfeito,enorme,gramado verde,árvores em volta,todo feito em mármore branco...era como o único lugar no planeta onde a infeccção dos vírus que assolaram a humanidade não podesse chegar.

Joel foi trancado no calabouço,mas Ashley exigiu que Ellie fosse levada para sua sala pessoal,onde conversariam.

Revistaram a garota,tiraram sua faca de bolso e sua pistola automática,juntamente de sua mochila.

Um soldado entrou junto com ela na sala de Ashley,mas esta o dispensou,dizendo que estava tudo bem.

Ele a reverenciou e fechou a porta,deixando ambas sozinhas,e trancadas.

“Eu tenho assistido você,Ellie...seu senso de coragem...me encantou.”-Dizia Ashley,andando pela enorme sala,com as mãos em suas costas,nunca perdia a pose,em momento algum.

“Saiba que eu sei de tudo,sobre o vírus,os infectados,sobre Joel,sobre você....”-Ela dizia enquanto parava perto da enorme janela de vidros blindados,olhando a cidade totalmente destruída e arruinada que existia fora de seus gigantescos portões de aço.

“Como?P-por que eu?Por que....”-Perguntava Ellie,enquanto cobrava uma resposta da loira.

“Porque fui eu quem criou o vírus”-Dizia Ashley,enquanto se virava para olhar a expressão de espanto da mais nova.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...