1. Spirit Fanfics >
  2. O verdadeiro assassino ("18) Imagine Jungkook >
  3. Acredita em mim... (Clima quente)

História O verdadeiro assassino ("18) Imagine Jungkook - Capítulo 13


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura meus amores 💜 eu espero que gostem do capítulo, já avisando que haverá muitos mistérios aí rsrs.

Então não esqueça da meta ok? Agora vamos para a leitura, bjs ~ ♡ desculpa os erros ortográficos.

Capítulo 13 - Acredita em mim... (Clima quente)


Fanfic / Fanfiction O verdadeiro assassino ("18) Imagine Jungkook - Capítulo 13 - Acredita em mim... (Clima quente)

| Algumas horas depois... |

| Jeon On: |

Depois de horas no escritório pensando no que houve depois do almoço, fico pensando em uma maneira de falar com uma certa pessoa que eu não foi com a cara dele...

Com os dedos entrelaçados em cima da mesa, o meu telefone toca, aperto o botão de por em viva voz e atendo a ligação.

| Jeon Off. |

Jeon — Alô...╺Falei passando a mão no rosto e solto um suspiro.

Xxx — Jungkook? Tenho uma notícia... O Kim dog contratou uma pessoa para vigiar o cassino, o meu retaguarda me disse que o vigilante dele matará o Senhor Hong essa noite no cassino.

Jeon — O que?! Você tem certeza disso?╺Tirei a mão do rosto para prestar mais atenção na fala da pessoa.

Xxx — Sim, estará no topo de um prédio em frente as 21:00...

Jeon — Ok, estarei lá antes das 21:00, se descobrir mais alguma coisa me liga imediatamente!

Xxx — Está bem, tchau.╺Desligo a ligação e entrego o celular para a pessoa.

??? — Muito bem meu querido, é assim que eu gosto, desculpa chefinho, mas eu vou preferir matar o Jungkook com as minhas próprias mãos... O seu amigo meu rapaz, sofrerá as consequências .

Xxx — Vai pro inferno vadia, o Jungkook é muito esperto, ele vai descobrir a sua disfarça.

Viny — Seu...╺Dou um soco no rosto dele fazendo o mesmo cair no chão com as mãos amarradas. —Tira ele daqui!

O meu retaguarda pega ele e coloca no carro, pego uma maleta pequena preta de dentro da cômoda e coloco em cima da mesa.

Abro a maleta e pego um injeção e um vidrinho com química, injesto o injeção no vidro tirando um pouco da química e fico olhando com um sorriso de vitoriosa.

Viny — Eu te amo Jungkook, mas agora eu vou passar te odiar, você já me deu muito trabalho... Agora vou me preparar para a ação!

..........

| S/n On: |

Acordo com uma dor de cabeça, levanto devagar me sentando na cama e fico passando a mão no rosto, depois vou até o banheiro e jogo um pouco de água no rosto.

Volto para o quarto e saio indo pra sala, vou em direção à porta da saia da casa, mas a empregada do Jungkook me chama.

| S/n Off. |

Empregada — A onde vai Senhorita S/n!? Não pode sair, o Jungkook vai ficar bravo com você...

S/n — Ele não manda em mim, eu vou da uma volta por aí, com licença.╺Falo saindo da casa indo até o portão da mansão.

Retaguarda — A onde pensa que vai, não pode sair! O Jungkook me deu ordem de não deixar você sair.

S/n — Você está muito afim de parar no hospital né.╺Falei indo até o rapaz com uma expressão séria.

Retaguarda — Er... Posso saber onde está querendo ir?╺Dei uns passos pra trás.

S/n — Na cachoeira.╺Abro o portão e saio da mansão entrando na mata.

Como eu notei o caminho, chego na cachoeira e dou um sorriso assim que eu vejo a paisagem que estava extremamente linda.

Aproximo de umas das pedras e tiro a roupa, fico apenas de lingerie e dou um mergulho na água indo pra mais perto da cachoeira.

Deito na água e fico boiando, fecho os olhos e fico sentindo o sol aquecer no meu rosto, eram tão bom ouvir aquele silêncio que soava em meus ouvidos.

Apenas escutava os cantos dos pássaros e o barulho da água da correnteza da cachoeira cair, mas de repente o flashback do beijo com Jungkook passa na minha cabeça, aquele toque suave, mas saio do meus pensamentos assim que eu lembrei do beijo do Jungkook com a Viny.

S/n — Aish... Por quê eu estou pensando nisso, sou uma idiota de ter acreditado nele... Aish!╺Dou um mergulho e fico nadando para ver que passa a raiva que eu estava sentindo por ele.

........

Jeon — Aish, eu preciso conversar com a S/n, ela já está no quarto trancada faz algumas horas, aff.

Levanto do meu lugar indo até a porta do meu escritório, saio indo pra sala e vou até as escadas, mas a minha empregada me chama.

Empregada — Senhor...

Jeon — Hum? O que foi?╺Vou até ela que estava um pouco nervosa e olho pra ela com as mãos dentro dos bolsos da calça.

Empregada — Senhor está procurando a S/n?╺Falei com uma expressão de nervosismo.

Jeon — Sim, ela saiu do quarto?

Empregada — Sim... Ela... Er... Ela saiu Senhor, a S/n me disse que foi da uma volta...

Assim que eu falei, ele me olhando com uma expressão sairá e me afasto ficando com a cabeça baixa.

Ele sai sem falar uma só palavra, e eu saio da sala voltando pra cozinha meio preocupada com a S/n.

Jeon — Quando eu ver a S/n na minha frente...╺Saio da mansão indo até o portão onde estava o meu retaguarda. —Aonde a S/n foi?! Eu mandei não deixar ela sair!

Retaguarda — Perdão Senhor... Ela me disse que foi até a cachoeira, ela foi pra aquela direção, quer que eu vou atrás dela?

Jeon — Na cachoeira?! Estranho... Não precisa, eu vou atrás dela.╺Tiro o meu terno ficando apenas de camisa branca e entrego pra ele. —Guarda pra mim.

Retaguarda — Sim Senhor.╺Pego o terno da mão dele, quer que eu vou com o Senhor.

Jeon — Não, fica aqui vigiando, qualquer coisa liga pra mim.

Retaguarda — Sim Senhor!

Saio dali entrando na mata, caminho em direção a cachoeira e logo chego, aproximo mais e vejo a S/n nadando na água.

Então tiro a roupa do corpo e entro na água sem fazer barulho, aproximo dela por trás e fico olhando pra ela por um instante.

Jeon — S/n...

Ao ouvir a voz do Jungkook por trás de mim, me viro ficando de frente pra ele, e olho pro mesmo um pouco séria.

S/n — O que você está fazendo aqui Jungkook, eu não quero ver você, eu quero ficar sozinha...

Jeon — S/n, está mais calma agora? Eu tenho que te explicar sobre o beijo, eu...╺Fui interrompido.

S/n — Eu não quero ouvir Jungkook, me deixa sozinha, não quero ver ninguém.

Jeon — Mas eu quero ficar com você S/n.╺Falo aproximando dela, mas ela se afasta de mim. —S/n por favor, vamos conversar.

S/n — Não.╺Nado em direção às rochas, mas ele me agarra pela cintura de uma forma rápida. —Me solta Jungkook!

Jeon — S/n, eu não beijei ela, a Viny me pegou de surpresa, ela deve ter feito pra te provocar, não sei.

S/n — Estou mandando você me soltar Jungkook! Me solt...╺Fui interrompida por um beijo inesperado.

Tento afastá-lo de mim, mas sem sucesso, o moreno me abraça fortemente pela cintura e afunda o beijo que foi calmo.

Envolvo os meus braços em volta do pescoço dele e acabo retribuindo o beijo do moreno. Mas por um instante paramos por falta de ar.

Jeon — Acredita em mim, eu não beijei ela, só beijo a sua.╺Falo voltando a beijá-la. —Hum, eu ainda estou esperando S/n.

S/n — Esperando o que?

Jeon — Lembra da nossa conversa no escritório, você prometeu, então já que estamos sozinhos... Que tal hein.

S/n — O que, tá doido, estamos no meio do mato alguém pode vir aqui a qualquer momento.

Jeon — Ninguém vai vir aqui S/n, uma boa parte é da minha propriedade, os guardas então vigiando a mansão, então ninguém vai aparecer.

S/n — Jungkook...

Jeon — Vamos aproveitar por favor, ou vai me dizer que não gosta quando a gente faz amor.╺Falei dando uma mordida na ponta da orelha dela.

S/n — Jungkook, eu...

Jeon — Por favor, não quero ficar longe de ti S/n, ficou louco sem você por perto...

Ele se aproxima do meu rosto e sela os nossos lábios, o beijo foi calmo mas aos poucos ficou selvagem, ele segura a minha nuca e pede passagem de língua.

Mas rapidamente paro o beijo e olho nos olhos dele.

S/n — Aqui não Jungkook...

Jeon — Então vamos para um canto ali, vem.╺Pego na mão dela e fomos pra mais perto da cachoeira.

Saimos da água indo para um canto da rocha, assim que se aproximamos, agarro ela pela cintura e prendo ela me meu corpo.

S/n — Aqui?

Jeon — Sim.╺Mordo o meu lábio enquanto tiro o sutiã dela, deixo no chão. —Seus seios são tão lindo...

Aperto os seios dela e logo dói uma bocanhada em um dele.

S/n — Jungkook.... Humm~╺Seguro o cabelo dele e puxo de leve. —Ju-Jungkook, trouxe camisinha?

Ele para no que estava fazendo e olha pra mim mordendo o lábio.

Jeon — Não, mas assim que voltamos pra mansão você toma o remédio, eu quero sentir o seu leite no meu pau, eu vou fazer me dar dois dois copos de leite.

Diz ele se aproximando do meu pescoço e chupa fortemente deixando umas marcas.

S/n — Awwnn Jungkook... Devagar, oh~╺Arranho as costas dele.

Jeon — Seus gemidos são tão excitante, já está deixando o meu amiguinho duro...╺Pego a mão dela e coloco dentro da cueca. —Aperta um pouquinho.

Seguro o membro dele que já se encontrava duro e ereto e faço um movimento de vai e vem arrancando uns gemidos rouco da boca dele.

Jeon — S/n...╺Aproximo do pescoço dela e fico chupando e gemendo ao mesmo tempo.

S/n — Jungkook... Humm~ está tão duro o seu amiguinho.

Jeon — Por sua causa.╺Falei agarrando ela pela cintura e selo os nossos lábios por um beijo molhado.

Sem parar o beijo, ele desce com as suas mãos até a minha bunda e enfia as mãos dentro e fica apertando fortemente.

Jeon — Vamos para a melhor parte.╺Diz dando uma mordida no lábio dela.

Sorry meus amores, vou ter que parar por aqui kkkk (ΘεΘ;)


Notas Finais


Vou ter que deixar o climinha do casal para o próximo capítulo, pois agora eu vou ter que sair aff... Quem sabe eu posto mais um hoje a noite, só depende de vocês, sabe disso kkk

Bom, eu espero que tenha gostado do capítulo, dei o meu melhor ^^ não Deixa de comentar e deixar o seu favorito ♥️ amo vocês de vdd! ~ ♡ bjs armyguinhas, até o próximo capítulo! (♡˙³˙)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...