1. Spirit Fanfics >
  2. O Zelo Do Uchiha >
  3. Capítulo 14

História O Zelo Do Uchiha - Capítulo 14


Escrita por:


Notas do Autor


espero que gostem<br /><br />aviso<br />*hentai*

Capítulo 14 - Capítulo 14


Fanfic / Fanfiction O Zelo Do Uchiha - Capítulo 14 - Capítulo 14

Acordei no dia seguinte e estava deitada no peito do Sasuke que estava sem camisa, desci minha mão lentamente

-Só comece se for terminar- ele falou me dando um susto

-Não ia fazer nada- falei voltando a colocar minha mão sobre o seu peito e olhando para ele 

-Você é bem safada Sakura

-Não sou não- falei e ia me levantar mas Sasuke me segurou- O que foi?

-A gente ainda tem mais alguns minutos antes de sair e nós arrumar, só vamos nos vermos mais tarde

-Tá preocupado com a distância entre a gente?- perguntei na ironia

-Não, você não quer brincar enquanto isso?- ele perguntou passando a mão na minha cintura 

-Pode ser enquanto tomamos banho? se não vamos nós atrasar- falei olhando pra ele. Sasuke estava estranho e sei que isso o animaria

Me levantei e fui escovar meus dentes assim como ele que ficou o tempo todo me olhando, tá, ele está muito estranho

Tirei a minha roupa e liguei o chuveiro me molhando então senti as mãos do Sasuke no meu ombro que desceu pelo meu braço e me virou de frente pra ele

Ele subiu sua mão até o meu pescoço e me beijou, a água já não caia mais sobre a gente. O beijo estava bom, lento e gostoso, uma coisa eu tenho que admitir, o beijo do Sasuke é bom demais

Ele tocou na minha bunda e me prensou contra seu corpo, senti seu pau na minha barriga, encostei no seu maxilar e levei minha mão para seu cabelo segurando, ele me prensou na parede e beijou meu pescoço e depois me beijou de novo só que dessa vez mais rápido e com mais intensidade 

Ele me pegou no colo, entrelacei minhas pernas na sua cintura e ele abocanhou um dos meus seios e massageou o outro

-Sasukee- um gemido saiu da minha boca e ele mordeu o bico do meu peito e depois me beijou

-Meu pau fica tão duro quando você geme meu nome- ele falou parando o beijo

-Fica? deixa eu senti- falei colocando a mão na barriga dele mas ele a pegou e segurou na parede e me beijou e aos poucos foi afrouxando minha mão 

Ele colocou sua mão embaixo da minha coxa e de uma só vez senti seu membro entrar de uma só fez

-Anwww- gemi e ele começou movimentar

-Tá sentindo?- ele perguntou acelerando

-To Sasuke, to sentindo anwww- falei fechando os olhos e gemendo- Isso Sasuke mais rápido- falei e ele acelerou, entrelacei minha perna na sua cintura, nós beijamos ferozmente- Rápido Sasukeee- ele soltou um gemido e eu arranhava suas costas

Ele saiu de mim e me colocou no chão me dando um tapa na cara e um beijo enquanto uma de suas mãos massageava meu clitóris e depois me virou de costas

Me deu tapas na bunda que me deixou com muito tesão, passava suas unhas na minha costa então senti seu pau entrar na minha buceta

-Você é apertadinha- ele falou segurando na minha cintura e começando a estocar rápido e fundo, ele puxou o meu cabelo e meteu mais rápido 

-Diz que eu sou gostosa Sasuke- falei manhosa

-Você é uma puta safada gostosa que eu to tendo o prazer de comer- ele falou com a sua voz rouca que deixa 10x melhor a safadeza

-Puta safada é?- falei soltado gemido enquanto ele massageava meu clitóris 

-Quando a gente voltar do casamento vou comer você de lado, costa, frente... de tudo qualquer jeito cachorra- ele falou me dando um tapa e metendo fundo e lento e fazendo algum movimento que me deixou com as pernas bambas

-Que tortura maravilhosa, acho que eu vou gozar Sasukeee- falei e ele massageou meu clitóris no meu ponto sensível 

-Goza no meu dedo- ele enfiou dos dedos em mim

Ele estava com dois dedos em mim e seu pau, estava gostoso demais. Senti as minhas pernas falharem e minha respiração ficar mais tensa, ele acelerou o dedo e movimentava seu pau devagar até que não aguentei e gozei, Sasuke me segurou e me virou de frente e me beijou

-Agora eu vou gozar nessa sua boca linda- ele falou segurando no meu pescoço e levou sua mão para o meu cabelo e me abaixou

Segurei no seu pau e abocanhei de uma vez e comecei a movimentar devagar e chupar com muita vontade, o tirei e passei minha língua na sua cabeça fazendo círculos enquanto movimentava com a mão 

-Humm- Sasuke gemeu e me olhou, coloquei só a cabeça na boca e chupei fechando os olhos e abrindo, enfiei ele toda na boca e quase engasguei mas não deixei isso atrapalhar, segurei na sua cintura e comecei a movimentar para frente e para trás, senti sua veia pulsar na minha boca, Sasuke segurou no meu cabelo e começou a controlar as movimentações então o colocou no fundo da minha garganta e gozou. Não coube tudo na minha boca que acabou escorrendo pelo meu corpo, tem um gosto estranho mas bom

-Engole tudo- Sasuke falou e assim eu fiz, segurei na sua cintura e passei minha língua pela sua barriga enquanto dava mordidas

Eu batia no queixo do Sasuke em quesito de tamanho, segurei no seu pescoço e ergui meu pé para beijar ele

-Tá melhor?- perguntei 

-Depois desse sexo não tem como ficar mal- ele falou ligando o chuveiro na gente. Tomamos um banho

-Sasuke para eu vou me afogar- falei empurrando ele que me segurava embaixo do chuveiro

-Isso é pra você aprender a dividir- ele falou desligando e me dando um selinho

-Não gosto de dividir, se é que me entende- falei me apoiando na pontas dos pés e dando um selinho nele

-Mas dividir é bom- ele falou pegando a nossa toalha

-É... ambos somos livres né- falei e ele me olhou bravo, não dei importância e me enrolei na toalha e sai do banheiro depois de me secar e me sentei na cama

-Isso é estranho, nunca fui fiel a uma pessoa- ele falou abrindo a mala dele 

-Acho bom começar- falei e ele me olhou rindo

-Achei que não gostasse de mim

-Não gosto mais não quero ficar dividindo você com a putas do morro- falei e ele me olhou nos olhos

-Me senti ofendido- ele falou tirando a toalha, virei meu rosto- Você já viu tudo isso e viu até demais

-É estranho ver quando não é no calor do momento- falei e olhei para ele que já estava com o short e colocando a camisa

-Então a gente não tem nada sério, mas só podemos ficar um com o outro?

-Você vai deixar eu ficar com outro menino?- perguntei e ele me olhou bravo

-Com quem que você quer ficar?- o celular dele tocou e o mesmo foi até ele

-Ninguém mas...- falei quando ele terminou de falar no celular 

-Então assunto encerrado- ele falou vindo até mim e me dando um selinho mas virei meu rosto e ele segurou no meu rosto me fazendo biquinho para olhar pra ele e me deu um selinho- Eu não vou ficar com ninguém se essa é a seu preocupação- ele falou e sei que ele falou de boca pra fora, acho que só estou falando isso por graça pois nem gosto do Sasuke

-Você tá falando isso só para me agradar?

-Eu tenho que ir agora Sakura- ele falou  pegando o terno dele que estava na cama- Nós vemos na cerimônia- ele falou e saiu, me deitei na cama e depois de um tempo bateram na porta e abriram, Mikoto apareceu

-Sakura- ela falou

-Oi- falei me sentando

-Vamos lá para baixo comer e depois nós arrumar para a cerimônia- Mikoto falou

-Tá, deixa eu colocar uma roupão 

-Ok- ela falou e fechou a porta

Desci e estava a Izumi e a Mikoto e duas mulheres, uma se chamava Kiyomi e a Shiro. Fiquei próxima de todas e ficamos conversando enquanto faziam nosso cabelo e maquiagem 

-Nossa quem diria que a Izumi estaria se casando- Shiro falou

-Então, mas não fiquei muito surpresa ela que tem cara de quem iria se casar primeiro- Kiyomi falou

Já estávamos prontas, subi até o quarto do Sasuke e passei creme no meu corpo e coloquei o vestido que havia comprado, ele era verde quase que fosco e super colado, o decote era reto e de alcinha, ele ia até o meu tornozelo e havia um aberto na minha perna que a deixava exposta, coloquei um salto prata. Meu cabelo estava solto e fiz uma make nude nada muito chamativo

Desci e todas já estavam lá e depois de um tempo a Izumi apareceu vestida de noiva, seu vestido um estilo sereia rendado e a cauda era enorme, lindo

Elogiamos ela e ela e as damos de honra foram em um carro e eu e a Mikoto fomos em outro

-Sasuke tem se metido em muitos problemas?- Mikoto perguntou enquanto tomávamos champanhe 

-Não- falei a olhando, ela estava com um vestido tubinho preto que ia até um pouco abaixo do seu joelho e de manga comprida

-Depois que o meu falecido marido morreu Sasuke achou que tinha que toma a liderança da família e assim ele fez

-Como ele era?- perguntei curiosa

-Estudioso, dedicado, quieto mas gentil, ele sempre foi um garoto de poucas palavras mas hoje em dia você olha pra ele e ver a frieza no seu olhar mas... acho que deve ser por sua causa que quando olho pra ele não vejo um vazio mais

-Que isso- falei corando

-Eu gostei de você Sakura, você tem um futuro promissor, é decidida, educada e inteligente- ela tocou na minha mão- Você sabe que eu estou morrendo?- a olhei chocada

Sasuke on

Depois da Sakura ter subido minha mãe começou a me encher de perguntas, sobre eu e a Sakura das quais eu respondi sem medo algum, minha mãe queria que eu arranja-se alguém faz tempo, então tecnicamente a Sakura veio num momento bom. Em seguida ela começou a falar do morro e como essa vida me mudou, eu só fiquei escutando

-Sasuke eu to morrendo e você não da a mínima para o que eu falo- ela falou

-Eu to prestando atenção mãe- falei a olhando- Eu também sei as decisões que escolhi e vou arcar com isso, essa é a minha vida agora

-Volta pra faculdade filho- a olhei e ela se levantou- Eu só quero ir embora sabendo que meu filho vai ficar bem

-Eu vou- falei e ela subiu

Mikoto me deixa com raiva mas sei que é pelo meu bem, fui para o jardim de trás e fumei três cigarro enquanto pensava, minha mãe tá morrendo e eu to aqui mentindo sobre um relacionamento que não existe

Subi para o meu quarto e a Sakura estava dormindo, tirei a minha camisa e me deitei do seu lado e em minutos eu dormir 

Acordei com meu celular despertando, já era 07:00. Sakura está deitada no meu peito e dorme serenamente, ela se mexe e parece com medo, faço cafuné no seu cabelo e ela relaxa, fiquei pensando na minha mãe ela só tem mais 2 meses e meio

Sakura acordou toda safada e fomos tomar banho juntos pela primeira vez e foi gostoso demais. Ela estava insistindo no assunto de eu ficar só com ela, não vou mentir o sexo com ela é bom, muito bom, mas não sei se conseguirei cumprir isso e sei que ela sabe mas ela gosta de ouvir que eu vou ser só dela

-Bom dia filho- minha mãe falou quando me viu andando até à porta

-Oi mãe como a senhora tá?- fui perto dela e dei um beijo na sua testa

-Bem, não vai comer nada antes de ir?

-Como no Itachi to atrasado- falei olhando meu relógio 

-Sakura já acordou?

-Sim

-Tá, se cuida- ela falou me dando um beijo na bochecha e subindo as escadas

Sai de casa e fechei a porta

-Sasuke?- escutei uma voz familiar, olhei para frente- Quanto tempo

-Kiyomi- falei à olhando- Eu tenho que ir mas pelos visto vamos nós ver no casamento

-Dama de honra- ela falou, ergui uma sobrancelha e fui até o meu carro e dirigi até o endereço que o Itachi havia me passado, era um prédio 

Subi até o décimo segundo andar e bati na porta e o Itachi abriu

-Maninho- ele falou e me deu espaço para passar 

-Eae Sasuke- Shisui apareceu 

-Eae- nós cumprimentamos e nós sentamos no sofá, Shisui nós serviu whisky e ficamos conversando 

-Itachi tá casando, quem diria- Shisui falou

-Então e olha que eu pensava que ele iria se casar com você- falei ironicamente 

-Se liga- Itachi falou e eu ri

Passamos a tarde no sofá e depois almoçamos e cada um foi tomar um banho e colocamos nossos ternos 

Itachi estava com um terno branco e eu e o Shisui está com com um preto

-Vão passar a lua de mel na onde?- perguntei me apoiando no sofá e olhando meu celular

-Grécia- ele falou arrumando a gravata

-Fiquei sabendo que você comprou uma menina gata- Shisui falou e eu olhei pro Itachi que me olhou e deu de ombros

-É...

-Melhor irmos se não vamos chegar atrasados- Itachi falou e fomos em carros separados

Cheguei na igreja e fiquei parado na frente conversando com algumas pessoas da família até que a Sakura e a minha mãe descem do carro. Nossa, Sakura está gata, ambas vem até eu

-Mãe a senhora está linda- falei colocando o braço na cintura da Sakura

-Você também está filho- ela arrumou minha gravata- Vou comprimentar sua tia- ela saiu

-Você está gata com esse vestido- falei no ouvido dela e senti seu cheiro doce dando uma cheirada e uma mordida no seu pescoço 

-Sasuke- ela falou ficando de frente para mim com o braço no meu ombro- Você também não está nada mal

-Sério Sakura você está muito linda, vamos ali, agora, não vou aguentar vai vai- falei e ela começou a rir, um riso sincero que a deixou mais linda ainda e colocou o braço em volta do meu pescoço 

-Deixa de ser bobo, se bem que a minha calcinha fio dental branca pede para você tirar ela com a boca- ela falou no meu ouvido e me olhou com uma cara de safada- A gente vai ter todo o tempo do mundo não é mesmo

-Nem o tempo do mundo vai tirar o tesão que você me deixou- falei olhando nós seus olhos

-Vamos torcer pro casamento não demorar muito então- ela encostou seu corpo no meu e desceu sua mão para o meu pau e o acariciou. O sino bateu

-Vem Sakura- minha mãe a chamou

-Tenho que ir- ela falou me olhando

-Puta merda garota- ela mordeu o meu lábio e sorriu- Gostosa, vai mesmo se não eu vou te comer aqui mesmo- falei na ironia e ela riu

-Não seria uma má ideia- ela falou e saiu andando rebolando até a minha mãe que pegou na sua mão e entraram

-Ela é a sua namorada?- Kiyomi perguntou 

-Vem madrinhas e padrinhos aqui- não respondi a Kiyomi e fui até a cerimonialista- Sasuke e Kiyomi vão entrar e depois o Shisui e o Shiro- ótimo vou ficar com a Kiyomi 

-Você não me respondeu- ela falou

-Não te devo satisfação- falei me posicionando e ela colocou o braço em volta do meu

-Sabe o que é mais engraçado?

-Hum

-Eu ainda espero por você- ela falou e a música começou a tocar e a cerimonialista falou parar entrarmos

-Não confunda as coisas Kiyomi, eu to aqui pelo meu irmão nem sabia que você estaria aqui

-Mas eu sabia que você estaria aqui só não contava com ela, achei...

-Chega- falei e chegamos no altar e nós separamos

Itachi estava feliz e nervoso, quando a Izumi entrou ela estava linda e o Itachi chorou e por um momento eu me imaginei no lugar deles com a Sakura. Que bobeira

Olhei para ela que olhava para o Itachi então um cara cochichou no seu ouvido e ela riu e empurrou ele, como se fossem bastante íntimos 

A cerimônia foi meio rápida e toda vez que eu olhava para Sakura ela me olhava. Tevê uma vez que ela abriu a perna lentamente e colocou por cima da outra e mordeu seu lábio. Essa garota sabe atiçar mesmo. Na hora dos votos ela chorou assim como a minha mãe

Itachi e o Izumi saíram e em seguida eu e a Kiyomi

-Não desisti ainda- ela falou mas nem dei assunto. Chegamos na porta da igreja e me separei dela e entrei de volta na igreja e a Sakura conversava com o cara de antes

Fiquei observando de longe, eles riram, Sakura pegou o celular dele e eles se abraçaram, ele falou algo no ouvido dela e ela riu mais ainda 

-Tá com ciúmes?- escutei a minha mãe 

-Não- falei sem olhar para ela 

-Vem vamos falar com o Itachi- ela me puxou e fomos lá 

-Parabéns- falei e abracei ambos

-Obrigado maninho, você sabe o quão importante é para mim né 

-Eu sei cara, agora aproveita sua vida de casado, você merece- falei e ele me abraçou de novo, olhei pro lado e a Sakura abraçava Izumi e depois abraçou o Itachi e parabenizou eles depois veio para o meu lado, não falei nada 

Fomos ao meu carro eu e a Sakura, entramos e dirigi até o jantar de casamento que seria numa praça reservada 

-O que foi?- Sakura perguntou 

-Nada- falei e ela ficou quieta olhando pra janela

-Nada- ela falou me imitando- Se não fosse nada você já teria feito ou falado alguma coisa

-O que você quer que eu fale ou faça?- perguntei parando o carro, havíamos chegado

-Para com essa infantilidade e fala logo o que aconteceu- ela falou fazendo cara de brava

-Já falei, não aconteceu nada- ficamos nós olhando

-Estão tá- ela falou

Desci e sai andando para dentro, peguei uma taça de champanhe que serviam e fui até a minha mãe 

-Sasuke- minha vó falou

-Oi vovó- falei abrançando ela

-Essa é a namorada dele- minha mãe falou

-Prazer Sakura- Sakura falou e minha vó abraçou ela

-Você está muito bonita

-Igualmente 

-Que educada, esse é meu neto Obito

-Prazer- Obito falou beijando a mão da Sakura que sorriu

-Sakura- ela falou

-Lindo nome- ele falou olhando para ela e  depois pra mim- Sasuke

-Hum

-Vamos nós sentar- minha mãe falou. Segurei na cintura da Sakura enquanto andávamos até a mesa

-Não é pra você ficar de gracinha com o Obito- falei no ouvido dela e nós sentamos

-Não vou nem olhar pra ele se você me dizer o que aconteceu?- Sakura falou

-Quem era aquele cara que estava falando com você na igreja?- perguntei olhando para ela

-Qual?

-Não se faz- falei pegando outra taça de champanhe para gente

-Não to me fazendo

-Então Sakura...- minha vó chamou ela e elas ficaram conversando. Sakura estava se dando bem com todo mundo e parecia que todos estavam gostando dela

Sakura on

Estávamos sentados na mesa e o Sasuke não dirigiu uma palavra comigo diferente da família dele que me enchiam de perguntas, não era chato, eles até que são legais 

-Na onde você vai?- perguntei vendo o Sasuke se levantar

-No banheiro- ele falou me olhando, voltei a prestar atenção na vó dele e na Mikoto

-Sakura- Itachi falou se sentando na mesa

-Oi- falei sorrindo- O que foi?

-Nada- ele falou e me olhou com um olhar de pena 

-Itachi- uma cara apareceu do lado dele- Oi meu nome é Shisui- ele estendeu a mão e eu apertei

-Prazer, Sakura- sorri 

-Belo nome- ele falou sorrindo

-A primeira dança, por favor venham os noivos e os padrinhos juntos com as madrinhas- uma moça falou no microfone

-Com licença- Itachi falou e foi até o centro e começou a dançar com a noiva e o Shisui se sentou no lugar do Sasuke e ficamos olhando eles dançar

-Vamos Shisui- a Shino falou

-Agorinha eu volto gracinha- ele falou piscando e saindo. Sasuke não apareceu para dançar e não via a Kiyomi. Não demorou muito mesmo e o Shisui voltou

-Quer dançar?- ele perguntou e pegou na minha mão 

-Claro- falei virando a taça e me levantando, fomos até a pista. Ele segurou na minha cintura e na minha mão, eu no seu ombro

-Você está bonita- ele falou

-Obrigada, você também está- falei e ficamos girando enquanto dançávamos, uma hora eu vi o Sasuke me olhando parado com a mãos nos bolsos e seu cabelo bagunçado mas era como se ele tivesse arrumado

-Você é a namorada do Sasuke não ê?- ele perguntou 

-Vamos se dizer que sim- falei 

-Porque essa incerteza?- ele me rodou e me puxou para bem perto do seu corpo, ficamos cara a cara

-Você namora?- perguntei olhando nós seus olhos

-Não, não tive essa dádiva ainda- ele falou e senti ironia, rimos 

-Engraçadinho, você achar que não vai encontrar?

-Se até o Sasuke arranjou alguém 

-Você o conhece a muito tempo?

-Desde criança, sou o melhor amigo do Itachi

-Que legal- falei e a música parou

-Foi uma honra senhorita- ele beijou a minha mão fazendo graça, ri e entrei na brincadeira e me despedi dele igual a princesa segurando no meu vestido e me curvando. Sai dali e caminhei até o Sasuke, peguei um champanhe no caminho

-Onde você estava?- perguntei 

-Tive que fazer um negócio, se divertiu aqui?

-Demais- falei olhando pra ele- Que foi? tá bravo?

-Não, quem vai dar tapa nessa bunda depois sou eu mesmo, pode dançar com quem quiser- ele falou colocando a mão na minha cintura e levando ela para minha bunda

-Para, sua família toda tá aqui- falei erguendo sua mão levando até as minhas costas 

-Quem liga pra eles- Sasuke falou 

-Se eu posso dançar com quem quiser isso inclui o Obito- falei virando a minha taça

-Você não é doida

-Será que não?- olhei pra ele que estava com o maxilar cravado, ri e dei um beijo na sua bochecha- Porque não quer deixar eu falar com o coitado?

-Só faz o que eu mando- ele falou sem me olhar e bebendo todo o champanhe na taça

Depois de um tempo o Itachi e a Izumi foram para a lua de mel, nós despedimos deles, procurei o Sasuke e o vi um pouco afastado da gente fumando cigarro, fui até ele

-Tchau Sakura, foi bom te reencontrar- Kakashi falou me parando

-Tchau Kakashi, vê se mantém contato- falei e nós abraçamos e ele foi embora

-Esse cara- Sasuke falou olhando pro Kakashi

-Meu amigo de infância- falei

-Só amigo?- ele apagou o cigarro

-Só amigos e além do mais ele namora a Shiro- falei olhando pra eles- Hum tá com ciúmes?- falei olhando pra ele rindo

-Tchau queridos- a avó do Sasuke apareceu

-Tchau May- falei abraçando ela e ela abraçou o Sasuke depois

-Cuida do Sasuke e você cuida dela- May falou olhando pra gente

-Eu cuido vó- Sasuke falou colocando a mão em volta da minha cintura

-Aham- ela falou e saiu

-Vamos pra casa?- ele perguntou 

-Vamos, to morrendo de cansaço e sono- falei me afastando dele e indo até o carro dele, ele destrancou e eu entrei- Por quanto tempo a gente vai mentir?

-Dois meses- olhei pra ele que acendeu um cigarro

-Porque tudo isso?

-Mikoto vai embora com a gente e vai morar lá em casa- ele falou dirigindo 

-Você vai falar pra ela a verdade, não?- perguntei ainda olhando pra ele que me olhou e voltou a olhar pra frente e sorriu de lado

-Não gosta de ser a minha namorada?- ele perguntou soltando fumaça 

-Não tenho que gostar- falei e ele parou o carro num semáforo 

-Olha tá aprendendo- ele falou ironicamente 

-Você já namorou antes?

-Já, quando eu tinha 18, 19 anos

-Pera da última vez você falou que nunca namorou 

-Confiança tem que ser conquistada- ele falou colocando o cigarro na boca e trocando de macha

-Porque terminou?

-Porque eu quis- ele falou e começou acelerar o carro

-Sasuke vai devagar- falei e ele ignorou pois continuou acelerando e parando na frente da torre eiffel. Saiu do carro e abriu a porta pra mim, ele pegou na minha mão 

-O que estamos fazendo aqui?- perguntei, estávamos indo até o elevador e indo ao topo da torre, a cidade é linda- Paris é linda- falei me apoiando na grade e admirando a vista

-Eu costumava vim aqui todo natal, meu pai nós trazia, minha mãe ama aqui- ele falou acedendo outro cigarro e me ofereceu mas neguei e ele ficou olhando para o vista, parecia pensar

-Eu passei meus natal até os 15 sozinha e depois a Ino me chamava pra passar com ela e sua família 

-Eu fui ver seu pai na semana seguinte que você foi morar no morro

-Ele tá vivo?

-Sim- ele me olhou- Você tem raiva dele?

-Não consigo ter raiva de ninguém- falei e bateu um vento, fechei meus olhos e apreciei

-Nem de mim?- o olhei

-Porque eu teria raiva de você?

-Eu fiz uma troca com você por dinheiro, você mora numa casa, bati em você e faz o que eu quero

-No começo eu tinha raiva de você, não gostava de jeito nenhum de você mas hoje... não sei, você é legal- falei e ele apagou o cigarro e cravou o maxilar suspirando

-Eu sou só um cara legal então?- ele perguntou na ironia

-Uhum- ele sorriu e ficou me olhando, ele se aproximou, segurou no arco do meu pescoço e me deu um selinho demorado

-E você é uma garota simpática- ele falou olhando nós meus olhos, me arrepiei

Voltamos para casa, tomei um banho e me deitei e rapidamente dormi

No dia seguinte, acordei e o Sasuke não estava deitado me arrumei fiz minha higiene e desci, só estava a Mikoto

-Vamos ir às compras?- Mikoto perguntou quando me sentei na mesa

-Vamos sim, a senhora sabe do Sasuke?

-Ele saiu faz um tempinho- ela falou tomando café, comi um pão, tomei suco e depois fomos ao shopping 

Compramos roupas, maquiagem, tudo e acabamos na praça de alimentação 

-Faz tempo que não me sinto bem assim

-Porque?- perguntei tomando milkshake 

-Normalmente eu não tenho companhia para passar o dia

-Tá se divertindo?

-To adorando- ela falou dando um sorriso retribui 

Fomos ao carro e ainda estava de tarde

-Vamos ao parque?- ela perguntou 

-Vamos- falei animada, nunca havia ido, o celular dela tocou

-Sai com a Sakura... sim... to me divertindo muito.. vamos ao parque... sim... tá, vamos te esperar lá... tchau, te amo- ela desligou o celular e me olhou- Era o Sasuke, ele vai nós encontrar no parque- concordei e alguns minutos chegamos

-Que bonito- falei

-Muito- ela falou. Entramos no parque e fomos até um carrinho de sorte e compramos. Depois de uns minutos vi o Sasuke vindo até a gente

-Filho- Mikoto falou

-Oi- falei e ele me deu um selinho 

O resto da tarde foi basicamente ir em quase todas as montanhas russas, compramos algumas coisas lá dentro e eu me acabei no sorvete 

-Você parece uma criança- Sasuke falou, estávamos parados na frente do castelo das princesas para ver a apresentação, sorri olhando pra ele

Ele colocou o braço em volta do meu pescoço e me puxou para perto dele, ele estava com um cheiro de perfume diferente, feminino, olhei pra ele que olhava para frente e vi um chupão no seu pescoço, ele me olhou e sorriu olhei pra frente e começo os fogos de artifício e tudo mais

Fomos embora, voltei com a Mikoto no carro com ela e fiquei pensando no chupão do pescoço do Sasuke

Chegamos em casa e arrumamos nossa mala, ainda faltava algumas horas para o voo, quando meu celular tocou, minha tia me ligando, atendi 

ligação on

-Sakura, minha filha como você está?

-Oi tia, to bem e a senhora- perguntei, estava sentada no chão arrumando a minha mala, Sasuke estava no banheiro tomando banho

-To bem, como anda as coisas? e o seu pai incompetente?- me levantei e fui até a sacada fechando a porta de vidro

-Não moro mais com ele- falei mordendo meu lábio

-Com quem tá morando?- ela perguntou e eu suspirei e expliquei a história pra ela mas deixei de fora as brigas minha e do Sasuke- Como assim ele te vendeu?

-É... mas pelo menos eu to longe dele

-Porque não me ligou antes menina?

-Porque eu to bem

-Vou pegar um voo e amanhã estou aí

-Não precisa

-E a escola?

-Tenho ido todos os dias

-Já tá vendo a faculdade?

-Não, ainda tenho bastante tempo pra isso

-Humm, amanhã a gente se vê

-Tudo bem tia- falei 

ligação off

Suspirei e fiquei olhando à vista do jardim, é enorme e lindo. Voltei para o quarto, Sasuke estava sentado na cama, fechei a minha mala e desci sem olhar para ele 


Notas Finais


vestido da Sakura- <a href="https://www.spiritfanfiction.com/link?l=https://pin.it/40iwe55" class="link" rel="nofollow" target="_blank">https://pin.it/40iwe55</a><br /><br />espero que vocês tenham gostado. Desculpa pelos erros de ortografia. Comentem o que acharam e favoritem, até o próximo capítulo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...