1. Spirit Fanfics >
  2. O Zelo Do Uchiha >
  3. Capítulo 22

História O Zelo Do Uchiha - Capítulo 22


Escrita por:


Notas do Autor


espero que gostem...

Capítulo 22 - Capítulo 22


Fanfic / Fanfiction O Zelo Do Uchiha - Capítulo 22 - Capítulo 22

Sakura on

Acordei com uma claridade no meu rosto e aos poucos fui recuperando a visão que estava embaçada. Olhei em volta e estava em um hospital, havia cabos ligado no meu braço e com um tubo em meu nariz. Tentei me levantar mas minhas costelas e minha barriga arderam e eu voltei a me deitar. Tirei a coberta de cima de mim e ergui a roupa do hospital, havia um corte na minha barriga e depois de um tempo a porta foi aberta

-Sakura- minha tia falou vindo até eu e me abraçando

-Ai, o que aconteceu?

-Não se lembra?

-Lembro que o Sasori, Utakata e a Karin me sequestraram e abusaram de mim, mas não lembro nada depois que desmaiei

-Sasuke te resgatou

-Cadê ele?- perguntei 

-Lá fora 

-Tia o que aconteceu comigo?

-Sakura você teve uma overdose então fizeram uma lavagem gástrica em você, teve as costelas machucadas, vagina, garganta e o útero. Você ficou insconsciente por um mês querida

-O machucado já era para ter cicatrizado, mas o corte parece recente- falei tocando na minha barriga

-Querida eu fiz o que achei certo e necessário- ela falou segurando na minha mão 

-O que a senhora fez?

-Você estava grávida de algumas semanas e eu mandei tirar o bebê- olhei pra ela

-Grávida?- toquei na minha barriga e fiquei olhando para ela- Como assim? como? eu não... o bebê de quem era?

-Da última pessoa que você teve relações- fiquei pensando e seria o Utakata, ela encostou no meu braço mas tirei sua mão achando que seria ele

-Desculpa- falei- O que aconteceu com eles?

-Sasuke cuidou deles assim como o seu pai- fiquei olhando pra ela- Sasuke fez muita coisa por você, coisas que ninguém faria

-Tia eu posso ficar sozinha?

-Não acho...

-Por favor, e fala pra eles que eu estou dormindo- ela me olhou e me deu um beijo na testa e saiu do quarto

Não conseguia chorar, apenas me deitei e fiquei olhando o teto e fiquei pensando enquanto passava a mão na minha barriga até que cai no sono

Acordei e todos estavam na sala, Ino, Hinata, Tenten, Naruto, Itachi e o Sasuke

-Sakura- Ino falou e me abraçou

-Aí- falei e ela me soltou

-Desculpa, estava morrendo de saudades de você- seu olho encheu de lágrimas 

-Todos estávamos- Hinata falou, dei um pequeno sorriso de lado

-Rosada, deu um susto na gente- Itachi falou me dando um beijo na testa

-Como vai o bebê?- perguntei 

-Bem- ele sorriu

-Como você tá?- Naruto perguntou 

-To bem, só meu corpo que doi um pouco mas nada demais- sorri e olhei para o Sasuke

-A gente já volta- Itachi falou e todos saíram deixando só eu e o Sasuke

-Sasuke obrigada- falei e ele se aproximou de mim e me abraçou, eu levei um susto e não retribui, foi quando a ficha caiu e eu chorei

-Já passou- ele falou passando a mão no meu cabelo 

-Foi horrível Sasuke, eles abusaram de mim varias vezes, depois da quinta vez eu parei de contar. Karin me batia mas eu não tinha forças para revidar e nem tirar eles de mim, eu sentia fome mas não conseguia comer pois o medo de ser envenenada era maior e...- chorei mais

-Não se preocupe, isso nunca mais vai acontecer

-Como você sabe?

-Você não confia em mim?- ele segurou meu rosto e me olhou nós olhos, confirmei com a cabeça- Vou te proteger até quando eu puder- ele me deu um beijo na testa e depois ficou me olhando e limpou as minhas lágrimas 

-Eu pensei que nunca mais te veria e isso me assustava, nunca mais ver as meninas e nem ninguém- ele segurou a minha mão e fez carinho nela 

-Sakura desculpa te envolver nisso, eu entrei em desespero por não conseguir achar você, se você tivesse morrido eu não saberia o que fazer. Eu usei tudo o que eu tinha para te encontrar- ele falou com a cabeça na minha mão 

-Eu to bem agora, vamos reconstruir tudo de novo e voltar a nossa vida normal

-Sakura- ele me olhou com os olhos lacrimejando e me deu um selinho- Eu precisava disso assim como preciso de você- ele falou me olhando

-Com licença, o almoço senhora- uma enfermeira falou entrando e colocando a bandeja em cima de um negócio que ficou em cima de mim 

-Obrigado- falei e ela sorriu saindo da sala, comecei a comer e o pessoal voltou pra sala e ficamos conversando 

-...Juro Sakura- Ino falou de um menino que caiu na frente dela na escola e eu ri

-Para de me fazer rir, minhas costelas doem- falei 

-Pessoal o horário acabou- um médico falou entrando na sala

-Tchau Saky- Hinata falou me dando um beijo na bochecha 

-Tchau testuda, melhora logo- Ino falou me dando um abraço 

-Tchau Sakura- Naruto falou 

-Tchau rosada- Itachi falou me dando um beijo na testa

-Tchau Sakura- Sasuke falou com um som de adeus e me deu um beijo na testa, segurei na sua mão 

-Até amanhã?- perguntei olhando nós seus olhos, a porta foi aberta e fechada

-Sakura...- ele apertou a minha mão e a soltou e encostou no meu rosto fazendo carinho- Até amanhã- ele me deu um selinho demorado e saiu da sala, caiu uma lágrima mas assim que a porta foi aberta limpei meu rosto 

-Olá Sakura, sou o seu médico, pode me chamar de Hidan

-Oi

-Posso fazer um checape em você?

-Uhum- falei e ele colocou o estetoscópio no ouvido e encostou em mim, levei um susto e ele se afastou- Desculpa

-Tudo bem- ele falou e colocou de novo- Respira fundo- respirei- Solta- ele colocou na minhas costas, estava gelado

-Então?

-Posso ver o corte?- me arrumei para trás e ele erguiu a roupa, senti vergonha- Vou ser rápido- ele falou e tirou às gazes e depois colocou outras novas- Tudo certo- ele sorriu e abaixou a roupa e colocou a coberta de volta

-O que vai acontecer agora?

-Sakura você tem tomado vitaminas para recuperar o que perdeu, vou receitar um psicólogo e remédios para dor e anti-inflamatórios, você pode sangrar como se estivesse menstruando e isso é normal, vai ficar desregulado no começo mas vai tomar uns anticoncepcionais para voltar ao normal

-Tá, obrigada- falei me mexendo e sentindo dor

-Vai sentir dores no começo mas daqui alguma semanas vai passar- concordei e ele saiu do quarto me deixando sozinha na sala

Faz três dias que eu estou no hospital e todas as noites eu tenho pesadelos e surtos achando que alguém está encostando em mim, a enfermeira me seda e eu consigo dormir sem pesadelos, às vezes

-Como você se sente?- uma psicóloga veio me ver hoje, está só eu e ela na sala 

-Cansada- falei olhando para o meu dedo e mexendo eles

-Porque cansada?

-Eu não consigo dormir a dias, toda vez que eu durmo tenho aquela sensação de estar sendo tocada e...- engoli em seco- Quando fico tempo demais sozinha parece que tem alguém me observando

-Isso é comum quando se passa por tudo o que você passou

-Eu vou conseguir esquecer?

-Sinceramente... não, mas vamos continuar com as nossas visitas e você vai ter controle

-Eu penso às vezes que me matar seria uma ótima escolha- falei olhando para minha cama, eu não conseguia olhar nos olhos de ninguém pois via o Utakata, Sasori ou a Karin

-Porque?

-Eu...- segurei no lençol- Me sinto um nojo, eu tomo banho mas parece que as digitais deles não sai do meu corpo e a sensação deles me tocando...- meu coração acelerou

-Respira- a médica falou e assim eu fiz- Você acha que se matar é a única opção para se livrar desse fardo?

-Sim, mas... eu não quero deixar a minha tia e meus amigos

-Falando neles como anda a comunicação entre vocês?

-Minha tia não sai do meu lado e as meninas vêm todos os dias me visitar

-E o Sasuke? você me disse que morava com ele

-Sim, ele vem todo dia também mas...

-Tudo bem, eu entendo perfeitamente 

-A gente pode acabar por aqui? eu to cansada- falei 

-Claro, nós vemos semana que vem, tchau Sakura- ela saiu e eu finalmente olhei em volta e estava sozinha, me deitei melhor na cama e fiquei olhando pro teto. As memórias na minha cabeça ainda estava nítida 

-Oi testuda- escutei a Ino

-Ainda não é 10 horas- falei sem olhar pra ela. Esse era o horário das visitas

-Só assim para te ver acordada, quando eu venho aqui você sempre está dormindo- ela estava do meu lado

-Desculpa

-Não se desculpe- ela falou e ficou um silêncio no quarto- Estamos sentindo sua falta 

-Ino- olhei pra ela- Eu amo você, tá

-Eu também te amo Sakura, você é a minha melhor amiga, minha irmãzinha e eu amo tanto você- ela segurou firme na minha mão, estava chorando

-Ino eu to com medo

-Do que?

-De mim- comecei a chorar silenciosamente, Ino se deitou do meu lado e me deitei no seu peito, chorei até dormir

Acordei e já é de noite, olhei em volta e não havia ninguém. Fui ao banheiro e me olhei no espelho, estou pálida e acabada quanto mais eu olho no espelho mais tenho nojo de mim

Procurei minhas giletes reservas na minha necesser, assim que achei olhei pra elas e para o meu braço e não pensei duas vezes. Peguei uma e passei ela no meu pulso e fui ficando tonta até cair no chão mas logo senti alguém me segurar

-Sakura fica acordada, fica comigo eu não quero e não posso te perder

-Sasuke... desculpa- falei baixinho e com dificuldade

-AJUDA- ele gritou e eu desmaiei

Sasuke on

Como já era esperado Sakura mudou, estava mais distante, quieta, parecia muito cansada e triste

-Isso já era de se esperado, não é culpa de ninguém- Hinata falou

-É minha, se eu não tivesse deixado ela ir ou sei lá, talvez ela não estaria aqui

-Não sabemos, Sasori quem iniciou isso ele poderia ter sequestrado a Sakura quando achasse melhor- Ino falou e ela está certa

-O importante é que ela está aqui, bem- Tsunade falou

-Não está bem, essa não é a Sakura que conhecemos- falei

-Aos poucos ela vai voltar ao normal- a psicóloga da Sakura falou

-Como você tem certeza?

-Já vi vários casos parecidos, mulheres estrupadas e aos poucos elas vão se recuperando mas vai precisar da ajuda de vocês, não para julgar e sim para confortar então vou abrir o horário de visitas e deixar restrito para vocês, não deixem ela sozinha- ela falou e saiu junto com a Tsunade

-Eu vou falar com ela primeiro- Ino falou e entrou na sala e depois de minutos entramos na sala onde ela estava deitada com a Sakura deitada no seu colo. Até dormindo essa menina é bonita

Está de noite e eu estou com a Sakura, ela acordou algumas horas atrás falando que eles estavam aqui e se debatendo enquanto chorava, sedaram ela que voltou a dormir

Acabei que dormindo na poltrona ao lado da cama da Sakura. Acordei e fui pegar um café e quando voltei a mesma não estava na cama, vi a luz do banheiro acesa então me sentei mas em seguida ouvi um barulho e fui até a porta e abri ela, Sakura está caída no chão sai sangue pelo seu pulso, segurei ela 

-Sakura fica acordada, fica comigo eu não quero e não posso te perder- falei tremendo e vendo o sangue saindo do seu pulso e depois olhando para os seus olhos verdes que estavam quase que fechando, meus olhos encheram de lágrimas. Eu não posso perder ela agora

-Sasuke... desculpa- ela falou baixinho e com dificuldade

-AJUDA- gritei e logo vi seus olhos fecharem

A peguei no colo e coloquei na cama e apertei no botão vermelho e logo apareceram um monte de enfermeiras(o)

-Vem comigo- uma enfermeira falou e me colocou para fora da sala, me sentei na cadeira e fiquei olhando para porta, enfermeiros entravam e saíam correndo, um deles estavam com bolsa de sangue nas mãos 

-O que aconteceu?- escutei a tia da Sakura, olhei pra ela então a ficha caiu

-Eu.. estava lá e depois ela foi.. eu tentei... mas ela- tentei falar mais não conseguia

-Respira e me conta- ela tocou na minha mão que estava cheia de sangue assim como a minha camisa

-Eu amo a Sakura, muito e ver ela assim me deixa... acabado.. ela tentou se matar, cortou os pulsos mas eu cheguei e chamei as enfermeiras que estão lá dentro

-Sasuke você já fez muito por ela, não se cobre tanto

-Eu prometi proteger ela, mas acho que eu sou o problema Tsunade, se não fosse por mim..

-Sakura ainda estaria na casa do pai dela sendo humilhada fisicamente e verbalmente, você salvou a minha sobrinha e está dando a sua vida por ela

-Eu nunca senti isso por ninguém e por isso não quero perder ela, Sakura significa muito pra mim

-Eu sei- ela apertou a minha mão

-Senhora Senju- uma médica se aproximou 

-Sim- Tsunade se levantou

-Ela vai ficar bem, perdeu sangue mas estamos fazendo uma transfusão e ela ganhou pontos

-Menos mal, podemos vê-la?

-Sim- a médica falou e saiu, entramos na sala e a Sakura dormia 

-Eu sei que ela vai melhorar, ela só precisa da motivação certa

-Quando a Sakura ganhar alta ela vai morar com você- falei olhando para ela

-Tem certeza? não acha que você deve conversar com ela sobre isso?

-Vai ser o melhor pra ela e afinal você é médica e tia dela

-Tudo bem- Tsunade falou- Pode ir para casa se quiser, trocar de roupa, tomar um banho e descansar 

-Tá, eu volto agorinha- falei e dei um beijo na testa da Sakura e sai da sala e fui para minha casa

Tomei um banho e coloquei outra roupa. Havia deixado as coisas aqui do morro nas mãos do Shikamaru e do Neji pois sabia que não conseguiria prestar atenção em nada enquanto soubesse que a Sakura está mal

Voltei para o hospital e fiquei com ela na sala até que a mesma acordar e começar a chorar

-Sakura- segurei na sua mão boa que está em cima da sua barriga

-Porque não me deixou morrer?- ela falou entre choros olhando nós meus olhos, fiquei em choque, só estava nos dois na sala

-Não fala isso- falei apertando sua mão 

-Sasuke eu não me sinto bem e não quero viver mais com isso... eu to cansada de tudo. Eu só quero morrer e ficar em paz comigo mesma

-Mas eu te amo Sakura, como deixaria a mulher que eu amo morrer na minha frente?- ela ficou me olhando e chorou mais

-Você me... eu também.. Sasuke...- ela ficou sem jeito, dei um beijo na sua mão 

-Chorona- falei limpando suas lágrimas

-Saky- Ino falou entrando na sala junto com a Hinata. Sakura olhou pra elas e depois olhou para baixo soltei sua mão. Percebi que sempre quando estávamos aqui ela ficava brincando com a sua mão e nunca nós olhava diretamente 

-Sasuke deixa a gente sozinha- Ino falou me olhando, suspirei e me levantei saindo do quarto

-Então você realmente ama ela?- Naruto falou me dando um susto 

-Baka não sabia que estava aqui

-Como foi quando falou “eu te amo” pra ela?

-Naruto cala boca, você consegue estragar tudo- falei me sentando. Ficamos conversando e depois de uns minutos a Ino apareceu e deixou a gente entrar

-Como foi ficar entre a vida e a morte?- Naruto perguntou e a Hinata deu um empurrão fraco no seu braço 

-Naruto isso não é coisa que se pergunte- Hinata falou

-Mas eu também estou curiosa- Ino falou e a Sakura mexeu mais seus dedos

-Não sei explicar, eu me senti bem mas mal ao mesmo tempo- ela falou e uma enfermeira bateu na porta

-Sakura trouxe seus remédios e seu almoço- ela se aproximou da Sakura com uma bandeja de comidas e os remédios 

-Quanto remédios, pra que são?- Ino perguntou tirando a minha dúvida também 

-Para dor, anti-inflamatório, ansiedade e outros mas é para tomar a cada uma hora, aqui o primeiro- ela entregou para Sakura que tomou- Volto daqui uma hora para entregar o outro e tente comer toda a comida assim como a médica pediu- ela falou e saiu

-Sabe do que eu tenho saudade?- Sakura falou do nada

-Do que?- Ino perguntou 

-Quando íamos ao shopping comer lanche e comprar roupas e das festas dos finais de semana- ela falou então finalmente nós olhou

-Quando você melhorar podemos fazer tudo isso- Hinata falou e a Sakura sorriu

-Sim, por isso vou dar o meu melhor na recuperação- ela falou ainda sorrindo e em seguida comeu a comida dela e por incrível que pareça comeu tudo

Passei a noite com ela junto da Tsunade que estava dormindo, ela começou a se debater

-Sakura, ei eu to aqui, shiuuu- falei segurando seu braço, ela acordou e me olhou chorando

-Sasuke eu to com medo- ela falou baixinho- Deita aqui comigo- ela falou e foi pro lado e eu me deitei, ela ficou sem jeito mas logo se deitou no meu peito- Eu sempre sonho com a mesma coisa mas no sonho eu nunca sou resgatada e acabo viajando para outro lugar onde sou maltrada para sempre, ela segurou na minha camisa- Eu fico me perguntando o que teria acontecido se você não tivesse aparecido 

-O importante é que eu apareci Sakura

-Mas e se..

-Não importa o “e se...” o importante é que você está aqui, do meu lado, viva

-Não importa eu estar viva e por dentro estar morta

-Acaba comigo quando você fala isso, eu queria poder ter evitado tudo isso 

-Sasuke- ela me olhou- Quando você falou que me ama, era verdade?- concordei e a mesma me deu um selinho que me pegou de surpresa e se deitou no meu peito, fiquei fazendo cafuné no seu cabelo e a mesma voltou a dormir 

Acordei no dia seguinte e me levantei da cama com cuidado e sai do quarto dando de cara com a Tsunade

-Vai voltar?- ela perguntou 

-Mais tarde- falei e ela concordou e eu fui para casa

Sakura on

Ganhei alta depois de mais uma semana do ocorrido no hospital. Está fazendo uma semana desde que ganhei alta, estou melhor fisicamente mas mentalmente estou um caos, ainda tinha muitos pesadelos e medos

-Aqui- Ino falou segurando minha bandeja de comida, olhei pra ela. Ino e a Hinata passam a tarde toda comigo já o Sasuke... eu estou evitando ele

-Não to com fome- falei quando ela se sentou e colocou a bandeja no meu colo

-Eu prometi pra Tsunade que ia cuidar de você então pode comer tudo- Ino falou, minha tia viajou mas sempre antes de eu dormir ela me liga

-Oi- Hinata entrou no quarto

-Oi Hina- falei comendo

Terminei de comer e ficamos conversando e depois a Ino fez brigadeiro para gente e ficamos assistindo série enquanto comíamos porcaria

-Como tá você e o Sai?- perguntei pra Ino

-Bem, mas eu to dando uma afastada dele

-Porque?

-Daqui alguns meses vou para faculdade e não quero um relacionamento a distância. Não quero privar ele e nem me privar

-Entendo e você e o Naruto?

-Estamos bem mas to fazendo a mesma coisa que a Ino

-Não vejo a hora de você melhorar pra gente ter nossa noite das garotas nível hard- Ino falou e eu sorri 

-Vai ser legal, daqui algumas semanas eu já paro de tomar meus remédios então não vai demorar muito

-Não dá corda Saky, na nossa última festa das garotas fiquei o dia inteiro na cama com dor na cabeça

-Mas não vamos ter tempo para festas, as provas finais estão chegando

-Sua tia falou pra você não se preocupar com isso- Ino falou

-Eu sei... mas não quero ficar pra trás 

-Sakura sinceramente a gente que está para trás, até os professores falam que você é a mais inteligente da nossa turma- Hinata falou

Quando escureceu ambas tomaram banho enquanto eu me sentava e mexia no meu celular 

-Podem ir eu vou jantar e depois dormir- falei olhando para Ino que se trocava e a Hinata no banho

-Tem certeza?- Ino falou

-Sim, sei que vocês têm coisa para fazer- Ino êxito 

-Não queremos te deixar aqui sozinha- Hinata apareceu enrolada na toalha 

-Como eu disse, vou ficar bem- sorri abraçando as minhas pernas, estou com meu roupão 

-Tá, mas qualquer coisa liga pra gente- Ino falou penteando o cabelo dela

-Tá- falei e levei elas para a porta quando terminaram de se trocar

-Senhorita o que gostaria de comer?- a minha governanta falou

-Não estou com fome Kirari se quiser pode ir

-Tem certeza senhorita?

-Sim- olhei pra ela sorrindo- Vou tomar banho e dormir então não vai ter muito o que a senhora fazer aqui- ela me olhou e êxito também- Eu vou ficar bem, não se preocupe 

-Tudo bem senhorita, vou me trocar e irei embora em seguida

-Tá, tchau- sorri e subi para o meu quarto. Fechei a porta e preparei a banheira então o meu celular tocou fui até ele e era a minha tia

ligação on

-Oi querida como está?- ela falou e eu fui ao banheiro 

-To bem, estou indo tomar banho e a senhora?

-To no hospital, a Ino está com você?

-Não

-Entendo

-Não precisa se preocupar tia

-Não estou preocupada querida

-Então tá, vou tomar banho eu te ligo amanhã quando eu acordar

-Tá, tchau

ligação off

Assim que a banheira ficou numa quantidade significativa de água, tirei minha roupa e entrei, meu celular apitou, peguei ele e era o Sasuke mandando mensagem

Respondo ele às vezes quase nunca assim como atendo suas ligações

conversa on

Sasuke- Sakura? 

Sasuke- ...

conversa off

Fiquei olhando para sua mensagem então deixei o celular de lado e me afundei na água depois voltei a me sentar e abracei as minhas pernas e encostei a minha bochecha no meu joelho e fiquei pensando em tudo o que aconteceu comigo, encostei na minha barriga, não havia contado pra ninguém que fiz um aborto e a minha tia jurou que não contou pra ninguém 

-Não me responder e nem atender as minhas ligações não vai fazer eu desistir de você- escutei a voz do Sasuke, estremeci 


continua...



Notas Finais


espero que tenham gostado, comentem o que acharam e favoritem. Desculpa pelos erros de ortografia e até o próximo capítulo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...