1. Spirit Fanfics >
  2. O Zelo Do Uchiha >
  3. Capítulo 31

História O Zelo Do Uchiha - Capítulo 31


Escrita por:


Notas do Autor


espero que gostem...<br />*aviso*<br />tem hentai seus safadinhos

Capítulo 31 - Capítulo 31


Fanfic / Fanfiction O Zelo Do Uchiha - Capítulo 31 - Capítulo 31

Acordei e estava no nosso quarto de hotel, estou com muita dor de cabeça, o que aconteceu ontem? Sasuke não está aqui

Tomei um banho e coloquei um vestido simples vermelho que fica soltinho no corpo e fui para sala onde não havia ninguém mas a mesa está com comida e tem um bilhete

“coma e depois tome esse remédio deve estar com dor na cabeça

                                Sasuke”

Estranhei e mandei mensagem para ele

conversa on

-Na onde você tá?

Sasuke- Estou chegando- ele respondeu minutos depois 

conversa off

São 10:00, me sentei no sofá depois de comer e tomar remédio, liguei a tevê para passar o tempo. Depois de algum tempo Sasuke chegou, olhei par ele que abriu a porta e me olhou, ele está vestido com um terno mas o seu paletó está nas suas mãos e a sua gravata estava aberta e em volta do seu pescoço 

-Estava na onde?- perguntei olhando pra ele que vinha na minha direção. O mesmo se aproxima para me dar um selinho mas eu virei meu rosto e ele me dá um beijo na bochecha e vai no mini bar e volta com um copo de whisky

-Não fiz nada de importante- ele falou bebendo enquanto me olhava

-Achei que a gente tinha vindo pra cá para uma viagem normal para desestressar e não à trabalho 

-O objetivo principal é desestressar e passar momentos nossos

-Uhum- me levantei 

-Qual é Sakura

-Eu to bem Sasuke só não me incomoda hoje- falei voltando pro quarto. Tirei meu vestido e coloquei uma calça moletom e estou procurando uma camisa

-A gente não vai sair hoje?- Sasuke falou, olhei pra ele e por um momento esqueci que estou sem sutiã e camisa volto a olhar para trás e pego uma camisa e a visto

-Não to afim- falei passando por ele e indo me deitar da cama, fiquei mexendo no meu celular 

-Vamos almoçar fora, para de graça e infantilidade Sakura- olhei pra ele com minha cara de tédio- Tem um país pra gente descobri lá fora e você vai passar esse dia perfeito aqui dentro?

-Sim, se quiser pode ir sozinho eu não mando em você e afinal você não precisa de mim

-Tsc..- ele ficou me olhando e eu olhando para ele- Você é inaceitável, porque tá brava?- me sentei na cama

-Eu não to brava só não gosto de mentiras...

-Eu não menti pra você- sorri irônica 

-Mas também não me contou toda a verdade essa é a questão 

-Só porque não falei que ia sair para uma pequena reunião hoje?

-TUDO SASUKE- explodi- DO PORQUE VOCÊ SEMPRE APARECER NA MINHA TIA DE TERNO, LIGAÇÕES QUANDO FICAVA COMIGO AO INVÉS DE IR EMBORA PELA MANHÃ, O PORQUE DAQUELE MOÇO NA FESTA DE NATAL TER TE CHAMADO DE SENHOR UCHIHA, DE TER SUPOSTAMENTE MUDADO DE CASA, O QUE VOCÊ TÁ ME ESCONDENDO?- ele ficou me olhando sem expressão alguma

-Eu não quero brigar com você 

-E você acha que eu quero Sasuke?- falei mais calma agora e com vontade de chorar

-Eu não to fazendo nada de errado ou pelo menos não tão errado Sakura, você não precisa saber dos detalhes só precisa saber que é uma coisa que nós beneficia muito

-Como assim? porque?

-Eu prometo que vou te contar mas vamos aproveitar a viagem tá?

-Eu não quero sair hoje- falei voltando a me deitar e pegando o ursinho que dei pra ele e o abraçando, se eu falasse mais alguma coisa choraria e não queria chorar, mexi um pouco no meu celular e depois fiquei alisando o ursinho com os olhos fechados

-Vai almoçar?- Sasuke perguntou e eu fiquei quieta- Eu sei que você não tá dormindo- continuei quieta

Fiquei na mesma posição alisando o ursinho até que realmente dormir. Acordei e olhei para janela vendo que o sol estava se pondo, me levantei escovei meus dentes e voltei a me deitar de barriga para cima enquanto mexia no meu celular 

conversa on

Porca- oi testuda como foi o dia hoje?

-bem e o seu?

Porca- só bem? normalmente você me mandaria um áudio de horas explicando o que vocês fizeram hoje e todas as fotos que tirou

-Eu não quis sair hoje

Porca- porque?

-Sasuke fez essa viagem a trabalho e não para passar um tempo comigo

Porca- aí amiga, mesmo sendo a trabalho ele te levou para não te deixar aqui

-Eu sei mas não é essa a questão Ino ele não me fala nada

Porca- você conversou com ele?

-Sim

Porca- mesmo?

-Sim

Porca- só você Sakura, tenta ver as coisas pelo lado dele ele sabe o que faz

-Vou entender isso como um “eu não to do lado dele”

Porca- você sabe que eu sempre to do seu lado mas deixando de lado esse assunto você tem sonhado ou pensando no que aconteceu?

-Para ser bem sincera com você o Sasuke me deixou muito ocupada para pensar sobre isso então nem lembrava desse assunto se não fosse pela sua pergunta 

Porca- Isso é bom

-Sim

conversa off

Realmente ontem eu não lembrei uma vez sequer do meu ocorrido, isso é bom

-Acordou- escutei o Sasuke, olhei para ele  que está na porta, voltei a olhar para o meu celular- Você ainda tá brava comigo? odeio quando você não fala comigo- ele se sentou na cama

-Eu não to brava com você- suspirei, deixei meu celular de lado e olhei para ele e me sentei 

-Eu não minto pra você Sakura só to fazendo uma coisa que realmente não é legal de falar sobre

-Você não vai se machucar com isso né?- ele fez uma cara e desviou o olhar- Sasuke- ele me olhou e se aproximou o suficiente para colocar sua mão no meu pescoço 

-Não, eu to fazendo isso por nós- ele colocou uma mecha do meu cabelo atrás da orelha, abracei ele 

-Quando estava na casa de Anne Frank ela falou que quando não se consegue expressar em palavras o abraço expressa o que queremos falar, eu não quero fazer mais perguntas sobre isso e nem prolongar esse assunto mas com esse abraço eu quero que você saiba que eu to aqui, por você e para você- falei ainda em um abraço apertado, ele fez com que eu me sentasse no colo dele e me abraçou pela cintura 

-Eu sei- ele falou baixinho me apertando e me puxando mais para o seu corpo. Nós separamos e olhei para ele enquanto alisava meu dedão na sua bochecha 

-Me faça sua de novo- falei olhando nós seus olhos e boca. Ele sorriu e me deu um selinho e pediu passagem com sua língua e obviamente permitir. O beijo nada desesperado, calmo, intenso, explorávamos cada canto de nossas bocas, e chupávamos nossos lábios e às vezes a língua entrava na brincadeira também, quando dei por mim estava no seu colo

Levei minha mão aos seus cabelos onde segurei firme e comecei a rebolar no seu colo, nós faltou ar e ele começou a beijar o meu pescoço, o chupando e passando sua língua de um jeito bom e depois voltamos a nós beijar só que dessa vez mais rápido. Sasuke levou suas mãos para a minha cintura por de baixo da camisa onde segurava firme e desceu para a minha bunda

Tirei a camisa dele e passei minhas mãos no seu abdômen, peguei uma de suas mãos e levei até os meus seios onde ele apertou tão gostoso

-Anww- soltei um pequeno e baixo gemido durante o nosso beijo. Sasuke tirou a minha camisa e eu fiquei com vergonha 

-Não precisa ter vergonha- ele falou com a mão na minha cintura fazendo carinho com seu dedão na minha barriga, concordei e voltamos a nós beijar

Sasuke me deitou na cama e ficou entre as minhas pernas enquanto me beijava e massageava meu peito, ele desceu o beijo pelo meu pescoço até chegar nós meus seios onde passou a língua no bico, cravei meu maxilar para conter os gemidos, esqueci o quão bom é sentir isso. Enquanto ele chupava um ele massageava o outro

Ele parou e beijou minha barriga me dando arrepios assim quando ele beijava meu pescoço, ele segurou na barra da minha calça moletom e me olhou, concordei e o mesmo a tirou me deixando só de calcinha, ele cravou o maxilar e me olhou

-Como você é perfeita- ele falou e eu corei, o puxando para um beijo, meu coração está acelerado, ele tocou no meu clitóris ainda por cima da calcinha

-Hum- gemi e ele começou a beijar o meu pescoço enquanto passava seu dedo na minha intimidade ainda por cima da calcinha, ele levou sua mão para cima na barra da calcinha e a tirou lentamente enquanto me olhava

Estou nua na frente do Sasuke e isso me causa ansiedade e um pouco de desconforto, fecho meus olhos e sinto ele beijar a minha coxa na parte interna, levanto minha perna a deixando dobrada e sinto ele dar vários beijos na região o que me deixa com mais tesão

Logo sinto sua língua subi lambendo de baixo para cima e uma chupada sensacional no meu clitóris 

-Anww Sasuke- solto meu primeiro gemido alto e olho para ele que está me olhando sorrindo e logo volta a brincar na minha intimidade com sua língua que se dedica no clitóris assim como no minha entrada onde ele coloca uma pressão à fazendo entrar, sinto seu dedo no meu clitóris massageando- Isso Sasuke, isso... é tão bom- falei tocando no seu cabelo 

Sasuke chupava e lambia minha intimidade sem parar, ele beijava minha coxa mas logo dava um chupão no meu clitóris. Ele passou sua língua devagar no meu clítoris bem no meu ponto sensível que fez a minha perna tremer, uma sensação surreal, logo sentir um dedo entrar devagar em mim

-Hummm- eu gemia enquanto me contorcia na cama e fechava meus olhos. Minha respiração está descontrolada e meu coração a mil, pressiono o Sasuke mais na minha intimidade que brinca com meu clitóris e seu dedo que está movimentando para frente e para trás dentro de mim- Eu vou... eu vou...- falo já sentindo o êxtase vindo e antes que eu pude falar mais alguma coisa o Sasuke tira seu dedo e coloca sua língua e imediatamente eu gozo na sua boca. Ele chupa meu gozo enquanto me olha 

Olho pra cima eufórica, tinha esquecido como é essa sensação de prazer

Olhei pro Sasuke que está desabotoando seu short e o tira e em seguida vem até mim e me beija, sinto seu dedo passar em mim de novo e em seguida a cabeça do seu pau 

-Tem certeza?- Sasuke pergunta me olhando

-Eu quero Sasuke- ele voltou a me beijar 

-Vou ser o mais sensível possível mas se doer demais você fala que eu paro- ele falou e eu concordei, ele pegou uma camisinha e colocou 

Então senti seu pau entrar em mim lentamente, dói demais

-Aaaaaa- gemo de dor, Sasuke vai movimentando devagar. Com meus olhos fechado e essa dor eu lembro do Utakata e do Sasori. Meu coração acelera mais ainda e a dor parece aumentar 

-Ei- Sasuke fala me fazendo olhar pra ele, ele passa seu dedo no meu rosto, estou chorando? estou chorando!

-Continua- falei e assim ele fez movimentando lentamente. A dor que está insuportável vai ficando suportável era como se eu estivesse perdendo a virgindade de novo

Sasuke também percebe que já não demonstro dor ele vai aumentando a velocidade 

-Sasukee- falo jogando minha cabeça para trás com os meus olhos fechados

-Sakura- ele beija o meu pescoço, lembro imediatamente do Utakata e o Sasori fazendo isso enquanto ele acelera mais

Seguro no seu rosto e o beijo, ele se senta e me senta no seu colo, ele passa suas unhas nas minhas costas e me trás mais para ele, vou controlando os movimentos com a minha cintura indo lentamente para frente e para trás enquanto nós beijamos 

Ele me senta meio que deitada também, estou com o começo das costas na cabeceira e o resto na cama. Ele beija meu pescoço enquanto arranho suas costas ele enfia em mim de novo só que mais rápido, reviro os meus olhos

-Sasukeee ahhhhn- gemo sem parar e cada vez mais alto. Agora mesmo com os olhos abertos eu lembro do Utakata mas as lembranças vão embora quando Sasuke geme o meu nome e eu o vejo na minha frente suado mordendo seu lábio com a mão na cabeceira

Beijo ele enquanto cravo minhas unhas nas suas costas

-Mais fundo- falo entre gemidos, Sasuke obedece indo mais fundo e rápido. Ele leva sua mão para o meu clitóris onde massageia enquanto vai estocando devagar e fundo- Eu to chegando no meu limite- falo passando minha mão no cabelo dele e o puxando para um beijo

-Então goza pra mim- ele falou próximo do meu rosto me olhando e me deitando na cama e colocando uma de minhas pernas no seu ombro e enfiando mais rápido e fundo

Sinto minhas perna falharem, fecho meus olhos jogando minha cabeça para trás e arqueando minhas costas de prazer e gozo, Sasuke dá mais umas estocas e se retira de mim e em seguida se deitando do meu lado e vejo ele tirar a camisinha

Estamos eufóricos olhando para o teto procurando por ar 

-Sasuke

-Sakura- falamos ao mesmo tempo, olhei pra ele que me olhava

-Foi bom- falei e ele me puxou para o seu colo fazendo eu me deitar no seu peito, fiquei alisando seu peito que está arranhado

-Estava com saudade de sentir você me arranhando e gemendo por mais e mais- ele falou passando sua mão na minha bunda, olhei pra ele e dei um selinho- Você se lembra de ontem?- coloco minha mão no seu peito e meu queixo sobre a minha mão, olhando para ele

-Humm...- penso- Só que fomos num barco- ele passou as pontas do dedo nas minhas costas acariciando

-Não se lembra o que aconteceu depois?

-Que você me rejeitou?- ele fez uma expressão engraçada, me sentei e coloquei um lençol na frente do meu corpo

-Não foi bem assim- ele colocou a mão na minha coxa

-Me lembro nitidamente que foi- ri

-Você estava bebada

-Se eu lembro do que aconteceu- ele mordeu o lábio- Mas eu entendo, posso ter passado um pouco do limite e não me lembro exatamente do que fiz espero que não seja nada vergonhoso 

-Nada que eu não esteja acostumado

-Besta- dei um “empurrão” nele que ria

-Vamos jantar fora?

-Sim- falei me levantando e indo tomar banho e como já era esperado o Sasuke veio junto mas só tomamos banho 

Fomos em um restaurante lindo e pegamos uma mesa ao lado da parede de vidro, conseguíamos ver a cidade inteira daqui. Sasuke está de terno e eu estou com um vestido preto de alcinha com um decote reto no meu seio colado no meu corpo que ia até a metade da minha coxa e de salto alto nude 

Chegou a entrada, uma sopa de tomate e Sasuke pediu vinho

-Aquele cara tá olhando pra cá- falei olhando pro moço que nós olhava

-Droga- Sasuke falou suspirando- É o meu tio- ele falou me olhando mas eu continuava a olhar para o moço que se levantou e veio até a gente com a companheira dele

-Boa noite- ele falou

-Tio essa é a Sakura minha namorada, Sakura esse é o meu tio Madara- engraçado como o Sasuke fala para as pessoas que eu sou a namorada dele sendo que não temos nada definido 

-Oi- falei me levantando e apertando a mão dele e dando um beijo no rosto dele, na verdade só encostando nossas bochechas, fiz a mesma coisa com a companheira dele e voltei a me sentar

-Muito prazer em finalmente te conhecer você é muito linda- ele falou, e eu sorri- Essa é a Kaguya minha noiva-  a mesma só sorriu- Nós vemos amanhã sobrinho, até logo Sakura- ele sorriu e saiu

-Porque eu não vi ele no casamento do Itachi- perguntei 

-Não sei o porque dele não ter ido- Sasuke falou tomando o vinho

-Por que você fica falando que eu sou sua namorada?- falei tomando meu vinho e segurando a taça com força

-Você é atraente Sakura e só de olhar pra você já me atrai muito agora imagina pra quem está no nosso redor, os homens te come com os olhos igual a metade está fazendo nesse restaurante

-Que exagero, mas precisa mentir até pro seu tio?

-Principalmente, ele tá noivo mas trai a Kaguya assim como a Kaguya trai ele

-E porque eles estão juntos?

-Boa pergunta, também queria saber- Sasuke me olhou então chegou o garçom e fizemos nossos pedidos


Continua...



Notas Finais


espero que vocês tenham gostado, comentem o que acharam e favoritem. desculpa pelos erros de ortografia e até o próximo capítulo 🥰


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...