1. Spirit Fanfics >
  2. O Zelo Do Uchiha >
  3. Capítulo 33

História O Zelo Do Uchiha - Capítulo 33


Escrita por:


Notas do Autor


espero que gostem...

Capítulo 33 - Capítulo 33


Fanfic / Fanfiction O Zelo Do Uchiha - Capítulo 33 - Capítulo 33

Eu e o Sasuke passamos a madrugada transando até o sol nascer, fazia tempo que não fazíamos isso, um ótimo jeito de começar o ano 

Eu fiquei esperando que ele falasse um “eu te amo” que quando ele falou eu quem não consegui retribuir as palavras, será que isso significa que eu não o amo?

Estamos no jatinho, estamos viajando para Londres agora, eu estou em uma fileira e ele em outra mexendo no netbook dele

Não diria que as coisas entre eu e o Sasuke está estranha pelo ao contrário, no dia 2 visitamos as melhores padarias de Holanda e no último dia fomos ao Keukenhof o maior jardim de flores do mundo, lindo e de noite fomos a um restaurante jantar 

Em menos de 1 hora chegaremos em Londres. Saímos de Holanda 08:00 e chegaremos em Londres as 10:00 

-Um carro vai te levar pra onde vamos ficar, me espera lá- Sasuke falou se sentando do meu lado

-Tá- falei olhando pra janela

-Que fácil, achei que você ia fazer perguntas ou seu draminho

-Se eu fizer qualquer um dos dois não vai dar em nada- olhei pra ele

-Tsc..

-Ou você quer arrumar caso logo cedo, se for isso- coloquei a minha mão no seu pescoço e trouxe ele mais perto de mim e nós beijamos calmamente, desci minha mão pelo seu peito mas antes que eu pudesse chegar no objetivo ele segurou meu pulso

-Você vai começar e não vai querer terminar- sorri

-Você vai pra onde?- estávamos com o rosto perto do dele

-Uma reunião- ele soltou a minha mão, dobrei a minha perna deixando minha coxa exposta, ergui o meu vestido- Grr, você vai acabar me matando- sorri e peguei na sua mão, desdobrei minha perna e coloquei sua mão na minha intimidade mas por cima do vestido 

-Não vamos ter nem uma diversão antes?- ele apertou minha buceta- Annww- gemi baixinho 

-Eu não sei se te venero de joelhos ou se te bato- ele colocou dois dedos na minha boca e enfiou sua mão por debaixo do meu vestido, ele me olhou nós olhos e eu sorri assim como ele. Estou sem calcinha

-Prefiro a segunda opção- falei beijando ele

-Sakura não me atiça pra fazer isso com você- ele falou sua mão já nem está mais entre as minhas pernas e sim no meu rosto

-Eu não to fazendo nada- ele sorriu e me beijou. Ele colocou sua mão na minha coxa e levou ela para a minha buceta onde enfiou dois dedos, gemi olhando nós seus olhos, ele sorria, abri mais as minhas pernas e desci a alça do meu vestido e me aproximei dele que chupou meus seios

Sasuke acelerou seus dedos e eu segurava no braço da poltrona e mordia minha boca para não gemer alto

-Para de reprimir e geme pra mim- Sasuke falou e eu o olhei

-Me chupa Sasuke, quero sentir sua língua em mim- falei e ele sorriu e se levantou ficando entre as minhas pernas e me chupando enquanto olha nós meus olhos ele massageia meu peito e sua outra mão alisa meu clitóris- Annnwww- gemi jogando minha cabeça para trás e gozando

-Senhor Uchiha 20 minutos para aterrissarmos, por favor sente-se e coloque o sinto- a aeromoça falou mas Sasuke não desviou o olhar do meu, seu cabelo que estava arrumado agora está bagunçado e seu rosto molhado

Eu me arrumei e o Sasuke estava sentado do meu lado, colocamos o sinto

-A moça viu a gente

-Não se preocupa com isso meus subordinados são confiáveis, eles têm um contrato de sigilo- ele me olhou e me beijou num beijo calmo que me deixou nas nuvens- Coloca sua calcinha agora- ele falou quando paramos o beijo

-Mas eu to sem calcinha desde que saímos da casa e só tem na mala- ele cravou o maxilar e me olhou

-Já podem sair senhor Uchiha- a aeromoça falou, tirei o sinto e sai correndo e parei na porta onde senti o vendo, desci as escadas mas antes que eu pudesse encostar meus pés no chão senti alguém segurar meu braço

-Sakura- Sasuke está me olhando furioso

-Você não tem um compromisso agora?- puxei meu braço e me aproximei dele- Nós vemos depois- falei no seu ouvido e depois olhando para o seu rosto onde dei um beijo no canto da sua boca

Sai andando para o carro onde havia um homem forte de terno parado na frente, ele abriu a porta e eu entrei

-Huum

-Está tudo bem senhora Uchiha?- o motorista falou, senhora Uchiha? nossa

-Sim só estou cansada- falei e ele ficou quieto

Minutos depois estávamos em frente à uma mansão, a porta foi aberta e eu sai e fui em direção a porta onde havia uma moça

-Olá senhora Uchiha sou a Mikasa, governanta daqui- ela falou simpaticamente e abrindo a porta para que eu entrasse 

-Oi- sorri e olhei em volta, tudo branco e tão limpo assim como cheiroso

-O senhor Uchiha me deu ordens para te servir até ele voltar, gostaria de alguma coisa?

-Poderia me mostrar meu quarto por favor?

-Claro siga-me- ela falou e subimos a escada, havia duas escadas uma do lado direito e a outra do lado esquerdo e havia dois corredor- Aqui senhora- ela falou abrindo a porta

-Obrigado- ela fechou me deixando sozinha, só esse quarto era do tamanho do quarto de hotel que estávamos em Holanda

Havia dois closet, um banheiro com uma banheira mas parecia ser uma hidro enorme e um espelho com duas pias, o vaso e um chuveiro 

Me olhei no espelho e tirei o meu vestido, meu corpo está com chupões e mordidas da nossa noite de ontem, me apoiei na pia 

-Você não se sente culpada por fazer meu Sasuskezinho de besta?- veio a voz da Karin na minha cabeça, olhei pro espelho e vi ela me olhando

-Não to fazendo ele de besta

-Você o ama Sakura?- Utakata falou

-Não ama se o amasse falaria pra ele sobre a faculdade e do seus últimos pesadelos- Karin falou

-Calem a boca- falei, estou respirando pesado 

-Admite para si mesma, só está usando ele pois ele é o único que aliviou tudo o que você tem sentido mas a questão aqui é... até quando isso vai funcionar?- Utakata falou

-Eles não são reais- falei e fui até o chuveiro e o liguei na água gelada e entrei debaixo dela

-Tem certeza?- Utakata falou no meu ouvido apertando meus peitos por trás, gelei

Estou sentada na poltrona de roupão, suspirei 

ligação on

-Oi..- Ino falou sonolenta

-Ino eu te acordei?- falei baixinho

-Não já ia levantar mas o que aconteceu? chegou bem em Londres?

-Ino eu acabei de ver o Utakata e a Karin de novo e senti ele me tocando

-Cadê o Sasuke? na onde você tá?

-Estou em um quarto o Sasuke teve que sair

-Tomou seu remédio?

-Não mas eu estava bem mês passado

-Tem algo te incomodando?- mordi minha boca

-É sobre aquilo...

-Não contou pra ele?

-Ino eu to assustada faz tempo que eu não sinto isso 

-O que aconteceu exatamente?

-Eu cheguei aqui na casa dele e me olhei no espelho e vi as marcas que ficaram no meu corpo da noite de ontem e me veio o Utakata na cabeça e a Karin apareceu e depois eu fui tomar banho e senti ele me tocar 

-Eu não sei o que falar ou fazer Sakura

-Me conte algo para me fazer mudar de pensamento 

-Mas antes, você não tomou nada?

-Não 

-Quer que eu fale com a sua..

-Não e nem conte ao Sasuke eu não quero estragar essa viagem 

-Não vou

-Me prometa Ino, por favor

-Eu não vou Sakura

-Obrigado- falei e me deitei na cama e a mesma começou a falar varias coisas e depois contou uma história pra mim e eu dormir

Sasuke on

Sakura saiu correndo pro carro e eu quis deixar tudo de lado e ir até ela e brincar com ela pois ela mexe comigo de um jeito que só ela sabe fazer

-Pronto senhor Uchiha?- meu motorista falou e abriu a porta, entrei e fui até o meu escritório aqui em londres e coloquei um terno e fui para reunião 

A reunião, nunca passei tanta raiva quanto passei aqui, invés de duas vão ser três reuniões pois as pessoas não sabem o que é organização e me faz perder tempo, 5 horas do meu tempo jogado fora e no final não fechei contrato pois odeio gente desorganizada

Meu motorista me levou de volta para minha casa e a Sakura vai surtar com certeza por eu estar chegando esse horário e sem contar que o Itachi me mandou mensagem falando que veria aqui

Cheguei e a minha governanta me recebeu e falou que a Sakura está no nosso quarto, subi até lá e a mesma está dormindo na cama só de roupão com o celular no rosto

Peguei ele e havia varias mensagens da Ino e uma do Kakashi, porque ele tá mandando mensagem pra ela? a mensagem diz “soube que você tá em Londres, se quiser podemos sair para tomar um café enquanto você estiver por aqui” Me senti esquisito e com vontade de quebra esse celular mas apenas o coloquei na cômoda e olhei para Sakura, não deve ser nada

Tomei um banho e comi alguma coisa depois me sentei em uma poltrona que fica de frente para cama, preparei um copo de whisky e tomei enquanto olhava uns papéis que trouxe do trabalho 

Se passou algum tempo e a mesma acordou e se sentou na cama olhando em volta coçando seus olhos então me olhou e sorriu

-Faz muito tempo que você chegou? desculpa eu dormi- ela pegou o celular, me olhou e voltou a atenção pro celular, coloquei os papéis na mesinha que está do meu lado 

-Faz um tempo que eu cheguei mas não precisa se desculpar- ela sorriu pro celular e o colocou na cômoda de volta

-Hum, e como foi na reunião?- ela se levantou e foi ao banheiro 

-Normal, eu meio que adiei ela então...- ela apareceu na porta 

-Quando é a próxima?

-Daqui dois dias- tomei meu whisky e ela veio até mim e se sentou no meu colo

-Mesmo eu tendo dormido eu me sinto tão cansada- ela se acomodou mais nós meus braços, coloquei meu copo na mesinha e a segurei

-Você tem se esforçado bastante ultimamente, seu sono tá desregulado vamos parar com nossas brincadeiras de madrugada

-Humm mas eu gosto tanto delas- ela me olhou nós olhos com uma expressão fofa

-A gente não pode esquecer do que aconteceu com você, você tem que descansar 

-Mas eu não quero senhor Uchiha- ela falou se sentando e colocando suas pernas de cada lado da minha cintura 

-Não estou te dando outra alternativa senhorita, estou dando uma ordem

-E eu não to afim de seguir ela- Sakura falou no meu ouvido- O que vai fazer a respeito?- ela me olhou

-Vou te que te mostrar quem manda- tirei seu roupão e a peguei no colo e deitei na cama

Chupei os bicos do seu seio e dava chupões e lambidas no seu corpo sem contar com as dedadas

-Haaaah- Sakura dava gemidos baixos

-Vai se recusar ainda?- falei tirando a minha camisa

-Vou- ela falou se levantando mas ainda sentada e me olhando, segurei no seu pescoço 

-Eu falei que hoje não foi um ótimo dia e você ainda vai me desobedecer?- me aproximei do seu rosto, coloquei minha mão na sua coxa apertando e subindo minha mão 

-Uhum- ela falou ainda me olhando a joguei na cama para que ela se deitasse

-Então você não me dá outra escolha- levei minha mão para sua cintura e a enchi de cócega a mesma ria e se contorcia na cama, subi na cama e fiquei em cima dela com minhas pernas de cada lado da sua cintura 

-Para Sasuke- ela falava entre risadas então escutei alguém bater na porta

-Entra- falei parando a cócegas e olhando para ela

-Com licença senhor Uchiha mas o seu irmão está aqui- a minha governanta falou e vi a Sakura ficar vermelha e colocar o braço em cima do seu peito 

-Fala pra ele que já estamos descendo- Sakura olhava para ela e depois me olhou vermelha, sorri

-Sim senhor, com licença- escutei a porta sendo fechada

-Sasuke pelo amor de Deus eu odeio que as pessoas me veem nua- Sakura falou colocando a mão no rosto

-Humm ela é a minha governanta já viu de tudo- falei e a Sakura me olhou

-Como assim? eu não sou a primeira que você trás aqui?- Sakura falou normalmente mas parecia brava

-E isso importa?- falei no seu ouvido e dando beijo no seu pescoço, ela trocou de posição ficando por cima

Ela foi um pouco para trás e desabotoou meu short e se inclinou para perto do meu rosto onde me olhou nós olhos enquanto passava sua mão por cima do meu membro 

-Você gosta?- ela perguntou então enfiou sua mão por dentro da cueca- Me responde se não vou achar que não gosta 

-Gosto- falei então ela sorriu e me deu um beijo enquanto bate uma com a sua mãozinha 

-Que bom, agora pede pra aquela pessoa que você trouxe aqui antes de mim continuar- ela se levantou da cama, coloquei meu cotovelo para trás me apoiando neles

-Sakura não faz isso- falei vendo ela sai andando até o closet, seu corpo violão, sua bunda rebolando e as marcas nas suas costas e bunda da noite passada. Ela deixou o closet aberto para que eu pudesse ver trocando de roupa e me olhou furiosa e foi em direção a porta- Ah Sakura não sai, volta aqui...

-Não to afim de escutar nada de você e ande logo que você tem convidados

-Mas você me deixou assim- olhei pro meu pau que está duro

-Use as suas mãos- ela falou sem me olhar

-Mas eu quero a sua boca- ela me olhou passando sua língua nós seus lábios, safada

-Acho que você não tem muita opção- ela abriu a porta e saiu, me deitei e suspirei


Continua...



Notas Finais


espero que vocês tenham gostado, comentem o que acharam e favoritem. desculpa pelos erros de ortografia e até o próximo capítulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...