1. Spirit Fanfics >
  2. O Zelo Do Uchiha >
  3. Capítulo 5

História O Zelo Do Uchiha - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


espero que gostem...

aviso
*hentai*

Capítulo 5 - Capítulo 5


Fanfic / Fanfiction O Zelo Do Uchiha - Capítulo 5 - Capítulo 5

-Itachi e você?- ele se levantou e fechou o terno

-Sakura

-Belo nome, igual você- ele falou e eu corei

-Você, você... o que você tá fazendo aqui? devo me preocupar? 

-Porque deveria?

-Não é normal eu chegar e ter um homem bem vestido sentado no sofá 

-Hmm, não é normal eu chegar aqui e encontrar uma menina descente que não estivesse drogada- ele falou e eu o olhei, vendo agora ele se parece com o pai do Sasuke

-Você é o irmão do Sasuke?

-Você é o que dele?

-Nada, quer almoçar?- perguntei esquentando o arroz

-Quero, então porque está aqui?

-Aí você vai ter que perguntar para ele, vou fazer bife tá?

-Claro- ele respondeu, olhei de novo e ele já não estava mais de paletó- Você não se incomoda né?

-Não imagina fica a vontade a casa é sua- falei temperando o bife, ele pegou uma garrafa de vinho

-Você bebê?

-Sim mas não sei se é uma ótima ideia

-Não quero beber sozinho

-Tá- ele sorriu e pegou duas taças e colocou vinho para nós 

-Sasuke vai vim?

-Não sei, hoje é quinta? provavelmente não, ele deve aparecer só de noite- falei colocando o bife para fritar

Almoçamos em silêncio e bebendo, lavei a louça e quando terminei o Itachi estava na sala sentado, fui até ele, o mesmo me entregou a minha taça e colocando mais vinho

-O que você veio fazer aqui?- perguntei 

-Estava na cidade e resolvi passar aqui- ele me olhou- Sakura, eu não posso perguntar o que você faz aqui

-Na verdade não é que não pode, eu também não sei e se eu falar não quero complicar pro lado do Sasuke

-Eu não espero nada dele então...- ele colocou mais vinho

-Você trabalha do que?

-Sou médico 

-Que incrível 

-Uhum e você?

-To terminando à escola

-Tem 17?

-sim e você?

-24

-Velhinho você em- falei e ri

-Sou nada

Sasuke on

Sakura fala demais e isso é irritante mas é bom, não sei

Deixei ela em casa e fui ao escritório resolver algumas coisas e acabei fumando um pouco e a Samui apareceu e já sabe

Quando cansei voltei para casa, Sakura ainda estava acordada assistindo tevê, me sentei do lado dela e a olhei, ela estava de pijama e estava bonita e pelo rosto dela ela estava cansada

Ela me olhou e seus olhos verdes claros, não sei se é o efeito da maconha mas eu senti vontade de beijar ela então eu fiz, a beijei e no começo ela estava desorientada mas foi pegando o jeito, foi diferente 

Nós separamos e ficamos nós olhando, ela se levantou e saiu, encostei minha cabeça no sofá e dormi ali mesmo acordei cedo e fui para o meu quarto dormir mais

Acordei 10:00 e fui pro escritório, fiquei a tarde toda lá e também hoje as amigas do Sakura iria pra lá. Quando escureceu eu voltei para casa, Sakura estava sentada no sofá, fui na cozinha e peguei uma cerveja e me sentei na cadeira 

-Sasuke- Sakura me chamou

-Hum- falei sem olhar pra ela 

-Posso sair amanhã?

-Na onde?- perguntei olhando para ela

-Ino vai fazer uma festa do pijama

-Faça aqui

-Por favor, nunca te pedi nada- ela fez uma cara de coitada

-Tá, mas não se acostuma- falei e subi pro meu quarto

Não tem o porque de ficar prendendo totalmente ela, mas não sei

Dormi e acordei no dia seguinte com varias ligações do Naruto, desci e abri a porta pra ele

-Faz tempo que eu to batendo aqui- ele falou e olhei para ele e subi de volta para o meu quarto peguei minhas coisas e fui ao banheiro, tomei um banho e escovei meus dentes, coloquei uma roupa e desci

-Naruto são...- peguei meu celular- 11:00 o que você tá fazendo aqui?

-Não tinha nada pra fazer lá em casa, a Hinata não me responde então vim aqui- ele falou ligando a tevê 

-Hinata amiga da Sakura?

-Sim, a gente tá juntos ou sei lá 

-Conta outra- falei e ele me olhou sério e sorriu- Igual o Sai com a Ino

-É to sabendo, soube também que você deu um beijo na Sakura

-Tava chapado, não conta

-Aham

Ficamos assistindo tevê e depois fomos pegar algo para comer na cozinha quando a Sakura desce

-Oi Naruto, Sasuke- ela falou

-Sakura quanto tempo em- Naruto falou

-Então você quem sumiu dessa vez- ela falou sentando na mesa

-Sabe como é

-Sei muito bem

-Em deixa eu te falar

-Se for sobre a Hinata eu já sei- ela falou terminando de passar manteiga no pão 

-Então?

-Eu super apoio mas se magoa ela Naruto... Não vou pensar duas vezes- dei um sorriso de lado

-Sai loca

-Eu vou indo- ela falou se levantando 

-Na onde?- Naruto perguntou 

-Ino, eu volto amanhã- ela falou e saiu

-E você deixou?

-Deixei, ela tem se comportou

-Aham, foi por bondade ou porque você gosta dela?

-Cala boca Naruto- falei e me levantei e ele em seguida e saímos 

Passei o resto do dia na rua e a noite numa resenha que alguém estava dando. Acordei no dia seguinte estava na cama com uma menina, me levantei e coloquei minha roupa e sai dali 

Estou com uma dor de cabeça por causa da ressaca e voltei andando pra casa e subi direto pro meu quarto onde voltei a dormir

Se passaram alguns dias, não falava tanto com a Sakura só o necessário

Passei o dia todo fora de casa resolvendo umas coisas, cobrando pessoas que deve quantias altas em dinheiro e chegou hoje a encomenda das drogas então está muito corrido 

Quando o sol se pôs eu voltei para casa, abri a porta e o Itachi estava sentado no sofá com a Sakura deitada com a cabeça no colo dele, ele fazia cafuné na cabeça dela

-O que você tá fazendo aqui?- perguntei deixando minhas coisas em cima da cômoda ao lado da porta

-Estava com saudade maninho- ele falou sem me olhar, fui na cozinha e peguei um copo de água e me sentei na poltrona de frente pra eles

-Aham- falei- Pelo visto já conheceu ela

-Uhum, quem é ela? não me fala que é sua namorada porque eu te conheço 

-Comprei ela- falei e ele me olhou

-Como assim você a comprou? ela tá aqui contra vontade então?

-Não sei, mas o que você tá fazendo aqui Itachi?

-Estava sem nada pra fazer

-Então resolveu vim aqui embebedar minha convidada?

-Escrava- ele falou- O que será que a mamãe vai achar quando souber que você comprou uma menina de 17 anos- Sakura tem 17, não sabia

-Eu me resolvo com ela

-Você já viu isso?- ele levantou o braço da Sakura mostrando as queimaduras- Isso- pegou na mão dela e havia uma cicatriz enorme que estava cicatrizando na verdade, não havia visto- E isso- levantou a camisa dela e havia marcas de corte e alguns roxo 

-Você ficou olhando o corpo dela enquanto ela dormia?- perguntei 

-Não, foi quando ela estava acordada mesmo- ele falou sorrindo pra mim, fechei a minha cara- Enfim, não foi você né?

-Não- me levantei e subi até o meu quarto e fiquei pensando no que ele falou sobre ver ela acordada, mas porque estou bravo? 

Dormi e acordei no dia seguinte, me arrumei e desci, estava a Sakura e o Itachi na cozinha

-Vamos Sakura- ele falou

-Não, não posso- ela falou e se virou de costa e me olhou- Oi Sasuke- ela falou

Me sentei na cadeira 

-Oi maninho- Itachi falou mexendo no celular

-O que a Sakura não pode?- perguntei e o Itachi sorriu olhando pra Sakura

-Quero ir ver a Kushina mas a Sakura não pode sair- Itachi falou

-Hm

-Sasuke...

-Não

-E se eu sair com ela sem você saber?

-Sakura sabe o que vai acontecer- falei olhando pra ele que olhou pra ela 

-Qual é, você quer deixar a gente aqui sozinhos?- ele me olhou com malícia, neguei com a cabeça 

-A resposta ainda é não- me levantei e fui até a porta e indo para o meu escritório 

-Sasuke chegou mais maconha e cocaina- Shikamaru falou

-Distribua e vende- falei me sentando 

-A polícia está na nossa cola desde a semana passada

-O que fizemos?

-Morreram gente deles e estão achando que foi alguém daqui

-Foi?- perguntei olhando para ele enquanto acendia um cigarro

-Não, tudo aponta para o morro rival

-Falarei com a polícia, com o meu informante e enquanto isso mandem separarem as drogas assim como as armas e mande também andarem por aí, to sentindo algo

-Pode deixar- ele saiu me deixando sozinho

Olhei para o teto e fiquei fumando, são 08:30 e eu estou olhando uns papéis e vendo que a conta não bate, alguém está me roubando. Chamei o Shikamaru 

-Tem razão alguém está te roubando

-Mas quem?

-Pelos meus cálculos foram 5 mil- fiquei pensando 

-Isso fica entre a gente, vamos analisar todos e ver quem vai ficar estranho nós próximos dias

-E se não acharmos nada?- ele perguntou me olhando, acendi outro cigarro e ele saiu

Fiquei a manhã no escritório e a tarde na rua, andei de moto nós ponto onde vendiam e peguei um dinheiro e forneci eles

Parei na Samui que estava sentada na frente da casa dela fumando um back de pijama

-Ora ora- ela falou soltando fumaça e me entregando, peguei e fumei

-Agora- falei e ela se levantou e abriu a porta, desci da moto e entrei na casa dela a mesma me guiou para o quarto dela ou de alguém 

Ela começou a me beijar, o gosto de bebida e maconha estava transparente. A deitei na cama e continuei o beijo, tirei sua camisa deixando seus peitos amostra e ela tirou a minha camisa. Abocanhei um e massageei o outro, ela soltava pequenos gemidos

Ela trocou de posição e desabotoou meu short, abaixando ele e minha cueca, ela pegou meu pau e começou a bater uma nele para que ele ficasse duro que não demorou muito e logo a mesma abocanhou. Ela chupava com vontade e enfiava no fundo da sua garganta, segurei no seu cabelo e a fiz olhar para mim e quando nossos olhos se encontraram eu lembrei da Sakura, segurei firme no seu cabelo e comecei a movimentar rápido e depois tirei sua boca e a coloquei de quatro

Enfiei meu pau no seu cu de uma só vez, ela gritou mas logo comecei a movimentar e ela começou a gemer alto, não era a primeira vez ali afinal Samui era de todos que a pagassem e se pagassem bem poderiam explorar ela de qualquer jeito

Segurei no seu cabelo o puxando para trás e dei um tapa na sua bunda

-Isso Sasuke- ela gemeu

Me tirei dela e a coloquei de frente e passei meu pau na sua buceta que estava bem molhada

-Enfia em mim de uma vez- ela falou segurando no lençol da cama

-Pede com jeitinho cadela

-Enfia seu pau em mim, por favor- ela falou e assim eu fiz, enfiei devagar e fui acelerando e seus gemidos iam aumentando- Você é tão gostoso- ela falou massageando o próprio clitóris, dei tapa na sua cara e segurei no seu pescoço, comecei a meter rápido 

Ela contraia sua buceta no meu pau fazendo ele ficar apertado, ela gemia alto

-SASUKEE- ela me chamava. Ela gozou no meu pau, me tirei dela e a mesma abocanhou e eu gozei na sua boca, ela engoliu tudo 

Me levantei e coloquei minha camisa e arrumei meu short. Ela continuou deitada nua, ascendeu um cigarro

-Isso é tão gostoso, fazer isso com você é bom- ela falou, peguei 500 reais na minha carteira e joguei pra ela e sai dali 

Subi na minha moto e fui para casa, já estava escurecendo. Cheguei e abri a porta não havia ninguém na sala ou na cozinha, subi para o quarto da Sakura e abri a porta, ela estava sentada de frente para escrivaninha me olhando com uma toalha na cabeça e de pijama

-Cadê o Itachi?

-Não sei- ela falou, fechei a porta e fui para o segundo quarto de hóspedes e nada, fui ao meu e o mesmo estava deitado na minha cama fumando cigarro

-Oi maninho como foi seu dia?

-Que merda você tá fazendo aqui?

-Seu quarto fica bem ao lado do dela da para escutar tudo 

-Você é pervertido- falei tirando meu tênis 

-Achei que você andasse armado- ele falou apagando o cigarro no cinzeiro 

-Nem sempre é necessário 

-Amanhã eu vou embora 

-Hum, e aí?

-Vai sentir saudades?- ele perguntou irônico parado na porta, fiquei quieto e ele saiu

Me deitei na minha cama e acendi um fininho e fiquei fumando, to tão paranoico em saber se o Itachi ficou com a Sakura, mas porque eu quero saber? porra

Sakura on

Depois que o Sasuke foi embora eu e o Itachi almoçamos

-Com que o Sasuke quis dizer sobre você saber o que vai acontecer se você sair sem a permissão dele?

-Não é nada- falei, a última coisa que eu quero é causar rebelião entre eles- Parece que vocês não se gostam

-Porque parece?

-Não sei, o jeito que ele age e você fala com ele na ironia

-Somos assim desde pequeno mas ele mudou depois que o meu pai morreu- ele olhou para baixo, parecendo pensar 

-Como ele morreu?- perguntei olhando para ele

-Desculpa rosada mas isso não vou poder dizer, Sasuke me mataria se soubesse que te contei- ele falou e eu voltei a comer

Almoçamos em silêncio e depois assistimos a um filme de terror

-Vai embora que dia?- perguntei 

-Amanhã

-Ah, sim

-Você já sabe o que vai ser? qual faculdade quer ir?

-Enfermeira ou médica, não vi nenhuma faculdade ainda

-Não deixa para escolher de última hora- ele falou

-Qual você cursou?

-Havard

-Que incrível 

-É- ele falou olhando para a tevê assim como eu até que levei um susto e ele deu risada

Quando o sol estava se pondo fui tomar banho e lavei meu cabelo depois fui estudar. Estava sentada na escrivaninha mexendo no meu netbook quando a porta se abre. Sasuke

-Cadê o Itachi- ele perguntou 

-Não sei- respondi e ele saiu fechando a porta

Voltei a estudar, tirei a toalha da minha cabeça e penteei meu cabelo e acabei dormindo em cima da mesa

Acordei no dia seguinte e fui tomar banho e escovar meus dentes, coloquei uma lingerie branca e me olhei no espelho, meu corpo inteiro tem marcas e cada uma conta uma história, não tenho vergonha delas mas não gosto que fiquem perguntando sobre, as do corpo que são piores são fáceis de esconder mas nós braços onde ficam as queimaduras e uns cortes são de boa. Coloquei uma camisa polo rosinha e um short jeans azul claro e meu chinelo branco e desci para fazer o almoço, Itachi e o Sasuke estavam na mesa

-Sakura você sabe fazer sopa de tomate?- Itachi perguntou

-Sei mas não tem tomate- falei olhando para ambos

-Sasuke da dinheiro para ela ir ao mercado enquanto a gente conversa- ele falou e Sasuke o olhou e depois de um tempo ele tirou 100 reais da carteira e jogou na mesa

-Compra cerveja- ele falou, peguei o dinheiro e sai dali, subi a rua e na onde tem mercado por aqui? e nem trouxe meu celular para perguntar para a Tenten, voltei para casa e abri a porta devagar para não chamar atenção mas mal abri e escutei o Itachi falar

-...porra Sasuke o que você tá fazendo da sua vida?

-Exatamente, minha vida eu faço o que quiser porque você não volta para nova iorque e vai ter a vida perfeita que você sempre sonhou

-Sínico, a vida que um dia foi sua também 

-Porra, entenda, minha vida é essa agora, tenho tudo o que eu quero na hora que eu quero e quando eu quero, sou o dono dessa porra toda

-E a Sakura? ela sabe onde está se metendo?

-Ela não tem que saber de nada, eu a comprei por diversão, eu tenho um objeto e parece ser mais minha empregada ela limpa a casa e faz comida

-Você já...

-Se eu comi ela?- Sasuke perguntou- Ainda não 

-Dá nojo de olhar para você 

-Tá sentimental por causa dela? me fala seu preço que eu penso se a vendo para você 

-Ela é uma pessoa, uma mulher

-Uma puta Itachi, o pai dela fazia o que queria com ela e duvido se alguém não fazia com ela, ela é fraca e não sabe se defender direto 

-Mamãe estava certa?

-Sobre?

-Você mudou...- fechei a porta e fui na rua de cima tentar achar a casa do Naruto, vi a moto dele parada na frente de uma casa, toquei a campainha e uma moça de cabelo roxo atendeu

-Objeto do Sasuke, o que você quer?

-O Naruto tá aqui?

-Tá deitado

-O que você tá fazendo aqui?

-Não que seja da sua conta mas eu dormi com ele, acho que você sabe o que isso significa não?- a olhei e entrei na casa, subi para o segundo andar e entrei na porta que estava aberta e ele estava dormindo 

-Naruto acorda- gritei e o mesmo acordou e me olhou 

-Sakura? o que faz aqui?- ele falou sonolento e me olhou depois olhou para porta onde estava a menina- Pera eu posso explicar- ele falou se levantando e o mesmo estava pelado, ele pegou o lençol e se cobriu

-Homens- sai do quarto e desci as escadas e sai da casa dele

-Sakura- ele me gritou mas eu continuei andando e depois correndo, fui por outra rua para não passar na frente da casa do Sasuke e fui até a entrada do morro

-Gracinha para onde vai?- um menino falou

-Eu posso sair?

-Pera você é o objeto do Sasuke, ele sabe?- o outro falou

-Sabe, vou no mercado da cidade comprar tomate pois os daqui estão feios, sabem como o Sasuke é- ele me olharam desconfiados- Quer que eu ligue para ele?- falei e eles abriram passagem- Foi o que eu pensei- falei e sai dali



continua...


Notas Finais


espero que tenham gostado. Comentem o que acharam e favoritem. Até o próximo capítulo...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...