1. Spirit Fanfics >
  2. O Zelo Do Uchiha >
  3. Capítulo 6

História O Zelo Do Uchiha - Capítulo 6


Escrita por:


Notas do Autor


espero que gostem...

Capítulo 6 - Capítulo 6


Fanfic / Fanfiction O Zelo Do Uchiha - Capítulo 6 - Capítulo 6

Sai do morro e peguei um caminho mais longo para a casa da Ino, quando eles se derem conta que eu sai vão pelo caminho que eu sempre faço então não preferir arriscar

“-como ele ousa falar aquilo sobre mim?-“ fiquei pensando, estava puta com o Sasuke, Naruto, com o meu pai e comigo mesma

Parei numa conveniência e comprei uma vodka e energético

-Me vê um copo com gelo- falei para o moço que me deu- Um cigarro também- ele me deu, paguei e continuei a andar 

Estava bebendo e fumando, talvez eu esteja a destinada a ser igual o meu pai, um bebado de merda e infeliz com tudo

Antes de virar a esquina da casa da Hinata eu olhei para ver se não tinha ninguém então corri até lá e toquei a campainha e por sorte a mesma me atendeu

-Sakura o que aconteceu?

-Explico mais tarde, pega seu celular e vamos- ela me olhou sem entender e pegou o celular que estava na sala, peguei na sua mão e saímos correndo até o outro bairro onde o pai dela tinha uma casa 

-Porque estamos aqui?

-Naruto sabe dessa casa?- perguntei 

-Não

-Então vamos- entramos e não havia ninguém

-As empregadas vem 3 vezes na semana aqui limpar, como hoje é domingo elas não vem

-Ótimo- falei me sentando no sofá e colocando a sacola de bebida na mesinha e pegando outro cigarro

-O que tá acontecendo?

-Liga pra Ino mas age na normalidade, finge que eu não estou aqui e usa o código 

-Sakura você tá me assustando 

-Hinata- suspirei- Por favor- ela pegou o celular e ligou

-Coloca no viva voz- falei e assim ela fez, depois de algumas tocadas ela atendeu 

ligação on

-Hinata, oi o que foi?

-Se tá sozinha?

-Mais ou menos, meus pais estão em casa- eu e a Hinata nós olhamos

-Que coisa, ia te chamar para sair, sabe...- Hinata tossiu- Desculpa to meio gripada

-Que isso, melhoras a gente se vê amanhã vou chegar atrasada na escola então passo na sua casa para ver como você vai estar de tarde por volta das 15:30

-Tá mas vou estar na casa do meu tio

-Ok, tchau, á Hinata

-Oi

-Você viu a Sakura? ela não me responde e nem me atende

-Não, vou tentar falar com ela será que aconteceu algo?

-Não sei mas to ficando preocupada

-Não se preocupa, sabe como a Sakura é

-Sei, por isso tenho medo, mas até logo

-Tchau

Ligação off

-Eles já estão na casa dela, foram rápidos- falei bebendo a garrafa de vodka e fumando

O nosso código funciona assim, quando estivermos querendo falar algo de especial e a outra não pode saber, contamos uma mentira que no caso foi quando a Ino falou sobre os pais estarem em casa, os pais dela não param em casa no final de semana e depois foi a Hinata sobre estar gripada e sobre marcar de se ver era pra avisar onde estávamos e quando a Ino falou que iria ir visitar ela amanhã significa que iria vim as 15:30 por aí 

-Agora me explica- Hinata falou

-Eu escutei a conversa do Sasuke com o irmão dele, você tinha que ver Hina ele me chamou de puta e me descreveu como um objeto e tentou me vender pro irmão dele, e falou se quisesse teria transado comigo- caiu uma lágrima, virei a garrafa- Eu me senti um lixo, como deixei minha vida chegar nesse ponto? as palavras que ele usou nem meu pai... Você é o Naruto ainda estão juntos?

-Sim

-Fui na casa dele, havia uma menina lá toda descabelada que afirmou ter dormido com ele e quando entrei no quarto dele para tirar satisfação ele estava pelado e descabelado também- falei sem olhar para ela, estendi a garrafa para ela que recusou mas logo esculturei barulho de nariz fungando. Sei que não foi o melhor jeito de se dizer isso mas...

-Sakura... eu gosto mesmo do Naruto- ela falou baixinho

-Eu sei- falei deixando a garrafa na mesa apagando meu cigarro e abracei ela que chorou no meu peito- Homens são assim Hina, ou a gente faz eles de otarios ou eles fazem a gente- fiz cafuné no seu cabelo. Ficamos bebendo e fumando

-Será que eu vou ser uma puta escrava...

-Puta e escrava- Hinata falou virando a garrafa

-Obrigada, uma puta e escrava para o Sasuke pelo o resto da minha vida?- perguntei e a porta foi aberta e logo a Ino apareceu 

-Meninas- ela correu até a gente- Estão bebendo sem mim?- ela se sentou na mesa e pegou a garrafa da mão da Hinata e bebeu- Agora me fala o que aconteceu Sakura

-Estava indo ao mercado, eu nem sabia onde era então voltei para perguntar ao Sasuke e foi quando eu escutei ele me chamando de puta e que poderia me comer a qualquer hora ele tentou me vender pro irmão dele

-É feio?

-Pior que não, mas o Sasuke é mais bonito- peguei a garrafa da mão dela e bebi- Ele fala de mim como se fosse um objeto, me trata como se eu fosse uma ninguém, uma puta virgem de merda

-Do que você tá falando? você é virgem- Ino falou

-Oou- sorri e olhei pra Hinata que me olhava- Vou te contar um segredo mas não conta pras minhas amigas, elas se preocupam muito comigo e isso é vergonhoso

-Não se preocupa, não vou contar- loirinha falou

-Meu pai se aproveitava de mim, ele e os seus amigos, VAI SE FUDER, VAI TODO MUNDO SE FUDER- estava desorientada

-Então você perdeu sua virgindade com o Seu pai?

-sSm e com o amigo dele e meu pai ficou olhando, eu resistir, tentei bater no cara que me alisava mas aí ele me colocou de costa e me apoiou no sofá e enfiou o pau dele em mim- falei olhando para o teto- Fiquei sem andar por três dias e doía para fazer coco- ri e bebi mais

-Sakura...

-Mas quer saber? eu não to nem aí, depois do que o Sasuke falou acho que ele está certo, eu sou fraca e meu destino é ser igual o meu pai, um bebado de merda, será que se eu for puta eu vou ganhar muito dinheiro? igual a Mia Khalifa?- ri e peguei um cigarro

-Chega de cigarro- a loira falou

-Verdade se não o meu pai pode ver e pegar o cigarro e apagar ele no meu braço- falei me deitando- Liguem para as minhas amigas, a Ino e a Hinata e falem tudo isso para elas e falem para não ligar pro Sasuke e que o Naruto traiu a Hinata, coitada eu me sinto culpada pois foi eu quem apresentei aquele idiota para ela, ela é tão legal e não merece um filha da puta igual ele, ninguém merece ela, ela é muito boazinha, fala pra ela que quem está perdendo é ele, dá mais um pouquinho dessa vodka por favor- peguei a garrafa da mão dela e bebi mas ela pegou

-Dorme- ela falou e eu me deitei e dormi

Acordei de madrugada e estava numa cama, a Ino e a Hinata estava comigo, me levantei com cuidado e fui até o banheiro vomitar então senti uma mão no meu cabelo, Ino

-Vem vamos comer algo- ela falou quando eu terminei, descemos para cozinha, ela preparou pão com queijo e presunto para mim

-Obrigada- falei e ela ficou me olhando

-Porque me olha assim?

-Testuda porque não me disse que o seu pai abusou de você?- ela falou e eu parei de comer

-Porque sabia que você iria me olhar desse jeito

-Que jeito?

-Olhar de coitada e como você sabe?

-Você praticamente quase acabou com uma garrafa de vodka e começou a falar as coisas para eu e a Hinata como se fôssemos desconhecidas

-Você já sabe de tudo então?

-Sim, Sasuke e o Naruto foram lá em casa ver se você estava lá, Naruto estava quase branco de preocupação mas agora eu sei do porque dele estar tão preocupado e o Sasuke estava com raiva

-Cachorro sem vergonha, pra ele eu sou só uma empregada que limpa e faz comida pra ele 

-E um saco de pancada- Ino falou e rimos- O que você vai fazer agora?

-Não vou voltar por enquanto pro morro, se eu voltar agora...

-Tudo bem, fica na casa de piscina lá em casa e quando você se sentir bem eu te levo pro morro 

-Posso mesmo?

-Claro, meus pais te amam e você é bem vinda- ela falou e me abraçou

-De tarde deixamos a Hinata na casa dela e fomos para a da Ino

Iria fazer duas semanas que eu estou aqui

-Ele não para de me ligar- Hinata falou sobre o Naruto

-Você atendeu alguma vez?- perguntei, estávamos na casa de piscina 

-Sim, ele ficou pedindo desculpas e falando que estava bebado pois estava numa festa

-Você não o proíbe?

-Não, eu deveria?- Hinata falou e eu e a Ino se olhamos

-Tá e aí?- falei

-Eu falei que quem gosta, ama como ele diz, não trai mesmo bebado e que era melhor terminar

-Você chorou?

-O começo até o final da ligação- ela falou abraçando o travesseiro 

-Sasori me pediu em namoro- falei e ambas me olharam surpresas

-E aí?

-Eu falei que não 

-Porque?

-Minha vida tá uma confusão, não to com cabeça pra namoro

-Sai falou que o Sasuke tá de boa- Ino falou

-Você ainda conversa com ele?- perguntei 

-A gente fica algumas vezes

-Acho que semana que vem eu volto- falei e todas me olharam

-Tem certeza? 

-Sim, andei pensando bastante sobre

-Tudo bem então- Ino falou

Sasuke on

Depois que a Sakura saiu o Itachi ficou me olhando

-Desembucha de uma vez- falei acendendo um cigarro 

-A mamãe tá com câncer- ele falou me olhando

-Quanto tempo?

-5

-Anos?

-Meses- ele falou, puxei o ar do cigarro e soltei

-O que você quer que eu faça?

-Você é um filha da puta de merda mesmo

-Um dos melhores 

-Porra Sasuke o que você tá fazendo da sua vida?

-Exatamente, minha vida eu faço o que quiser porque você não volta para nova iorque e vai ter a vida perfeita que você sempre sonhou- falei apagando o cigarro e pegando uma cerveja

-Sínico, a vida que um dia foi sua também 

-Porra, entenda minha vida é essa agora, tenho tudo o que eu quero na hora que eu quero e quando eu quero, sou o dono dessa porra toda

-E a Sakura? ela sabe onde está se metendo?

-Ela não tem que saber de nada, eu a comprei por diversão, eu tenho um objeto e parece ser mais minha empregada ela limpa a casa e faz comida

-Você já...- ele pareceu desconfortável, sorri de lado

-Se eu comi ela? ainda não 

-Dá nojo de olhar para você- ele se levantou e ficou encostado na parede com as mãos nós bolso me olhando

-Tá sentimental por causa dela? me fala seu preço que eu penso se a vendo par você 

-Ela é uma pessoa, uma mulher

-Uma puta Itachi, o pai dela fazia o que queria com ela e duvido se alguém não fazia com ela, ela é fraca e não sabe se defender direto 

-Mamãe estava certa

-Sobre?

-Você mudou, parece o papai

-NÃO ME COMPARA COM AQUELE LIXO

-Tá no sangue, sangue dos Uchiha, aqueles que mataram mais do que se pode imaginar, você é igual a ele Sasuke

-EU FALEI PRA VOCÊ NÃO ME COMPARAR COM ELE

-Não tem como

-Eu estou tomando conta da herança da família, quem pagou a porra da sua faculdade? 

-Não pedi pra pagar, nunca quis o dinheiro sujo dessa família 

-E por isso você tenta fazer o certo, virou médico e os caralho a quatro

-Tentar tomar um rumo diferente do seu, do papai, do nosso avô- ele falou e ficou quieto- Eu vou me casar, daqui dois meses, nesses dois meses a mamãe vai passar o dia comigo e depois do casamento ela vem com você e fica dois meses aqui e quando estiver próximo do fim ela vai ao médico 

-Hum

-Sasuke você quer ser meu padrinho?- o olhei e coloquei minha cerveja na mesa

-Se você queria perguntar isso porque começou uma briga?

-E a emoção?

-Idiota

-Sim?

-Pode ser- ele sorriu de lado, peguei duas cervejas e nós sentamos- Não tem cura?

-Não, ele é maligno não tem nada que possamos fazer, ela já se cansou das radioterapia 

-E se...

-Não tem como Sasuke, agora é só esperar- o olhei e virei a minha garrafa

-Sasuke a Sakura tá aqui?- Naruto abriu a porta com tudo eufórico 

-Ela foi no mercado, porque?- Itachi respondeu 

-Ela apareceu lá em casa e me viu com a Konan

-Você não tá com a Hinata?

-To, mas a questão é que ela saiu correndo- olhei para ele e peguei meu celular- Já tentei mas ela não atende- Itachi pegou o dele e ligou para ela, o celular estava aqui- E agora?- ele falou me olhando, acendi um cigarro e fiquei pensando, peguei meu radinho

-Uma menina de cabelo rosa passou por aí?

-Sim 

-Deixaram ela passar?

-Ela falou que você deixou então liberamos- porra

olhei para eles

-Ela já fugiu antes?- Itachi perguntou 

-Não- falei balançando a minha perna

-Tem alguma coisa que não tá se encaixando, se ela tivesse visto a infidelidade do Naruto ela teria vindo para cá então...- Itachi estava certo

-Liga pro Sai, só tem um lugar a onde pode estar- falei me levantando 

-O que você vai fazer quando achar ela?- olhei pro Itachi e sai dali indo para fora junto com o Naruto 

Entramos no meu carro e fomos para casa da Ino. Toquei a campainha e a mesma me olhou espantada

-Sakura tá aqui?- perguntei 

-Não- ela falou, olhei pro Naruto e voltamos olhar para ela- O que aconteceu?

-Tudo bem se eu entrar então?- falei entrando

-Eu já falei que ela não tá aqui- ela falou me seguindo, subi as escadas e entrei em porta e porta até que chegamos no quarto da Ino onde abri o closet, banheiro e a sacada

-Não- Naruto falou entrando no quarto 

-Sakura fugiu e não sabemos onde ela está- falei e ela ficou espantada

-Como assim? já ligou pra ela?

-Ela não saiu com o celular- Naruto falou e o celular dela tocou, nós olhamos

-Age como se não soubesse de nada e pergunta pela Sakura- falei e ela atendeu o celular se sentando na cama- viva voz- falei só mexendo a boca e ela fez

ligação on

-Hinata, oi o que foi?- Ino falou

-Se tá sozinha?- Hinata perguntou e eu olhei para ela e ergui minha camisa para mostrar a minha arma

-Mais ou menos, meus pais estão em casa

-Que coisa, ia te chamar para sair, sabe... Desculpa to meio gripada

-Que isso, melhoras a gente se vê amanhã vou chegar atrasada na escola então passo na sua casa para ver como você vai estar de tarde por volta das 15:30

-Tá mas vou estar na casa do meu tio- gesticulei com as mãos para ela falar logo 

-Ok, á Hinata

-Oi

-Você viu a Sakura? ela não me responde e nem me atende

-Não, vou tentar falar com ela será que aconteceu algo?

-Não sei mas to ficando preocupada

-Não se preocupa, sabe como a Sakura é

-Sei, por isso tenho medo, mas até logo

-Tchau

Ligação off

-Ela não sabe- Ino falou 

-Se eu souber que você...

-Sakura é como uma irmã para mim, eu to preocupada mais que você 

-Para onde você acha que ela foi?- Naruto perguntou 

-Não sei, mas porque ela fugiu?

-Não sabemos ainda mas quando ela der as caras você me liga- falei saindo do quarto dela e depois da casa e entrando no carro

-E agora?- Naruto perguntou 

-Não sei- acendi um cigarro- O que aconteceu exatamente?

-Eu estava dormindo e ela me acordou, eu falei que iria explicar e ela falou “homens” e saiu, eu tentei ir atrás dela mas quando cheguei na porta ela já estava longe

-Porque não foi atrás dela?

-Porra eu estava pelado, mas o que você vai fazer quando encontrar ela?

-O que você acha?- falei colocando o cigarro na boca e ligando o carro e indo embora, voltamos para o morro

-Acharam ela?- Itachi perguntou 

-Não- falei pegando uma cerveja na geladeira 

-E você não vai fazer nada? nem parece que está ligando- olhei pra ele e levantei minha sobrancelha- Você é um cuzão

-Sou- falei subindo as escadas- Tenha uma ótima viagem

Passei pelo quarto da Sakura e entrei, estava arrumado e não havia uma bagunça ou sujeira, o celular dela estava sobre a mesa quando me aproximei para pegar ele alguém ligou para ela, Sasori, a raiva tomou conta de mim, apaguei o cigarro na mesa dela e coloquei a minha cerveja ali e desliguei a chamada, na tela dela apareceu as ligações perdidas tanto da Ino, Naruto, Itachi e o Sasori

Peguei o celular e vi as mensagens que ele mandou 

“-Sinceramente o encontro foi legal, e o beijo principalmente”

“-Sakura você tá bem?”

“-Me liga quando ver essa mensagem”

Quando vi essas coisas meu sangue ferveu, ataquei o celular no chão e desci as escadas, Itachi ainda estava aqui

-Quero a Sakura aqui agora

-Mas não achamos ela

-TO NEM AÍ, PROCURA, MATEM QUEM FOR NECESSÁRIO EU QUERO ELA AQUI- eles ficaram me olhando- É pra ontem Naruto- falei e ele saiu

-O que aconteceu?

-Sakura estava saindo com o rival do morro- andei de um lado pro outro

-Você acha que...

-Não sei, e se ela estiver lá eu não vou pode fazer nada- acendi um cigarro

-Sasuke eu tenho que pegar meu voo daqui uma hora, eu preciso ir

-Tudo bem

-Não faça nada de estupido- ele falou e escutei a porta sendo fechada

Continuei andando de um lado pro outro e liguei pro meu informante que era do morro do Sasori

ligação on

-O que foi?

-Tem alguma menina aí com os cabelos rosas, baixinha dos olhos verdes

-Não 

-Tem certeza, ela tem rolo com o Sasori

-Não tem ninguém aqui com essa descrição 

-Porra- desliguei 

ligação of

Passei o resto do dia bebendo e fumando, a noite também e quando amanheceu eu dormi

-Sasuke- escutei o Naruto- Sasuke

-O que foi porra?- falei me levantando e pegando uma garrafa de uísque no chão e bebendo 

-Não achamos ela

-Ela tá saindo com o Sasori- falei olhando para ele

-Ela tá lá?

-Meu informante falou que não, mas isso não tira o fato dela ter saído com ele

-Para de beber e vamos para o escritório- Naruto falou

-Eu vou continuar aqui até eu quiser, você causou esse problema então você resolve, eu quero ela aqui- falei voltando a me sentar- Tá aqui ainda porque?- falei arrumando um beck, escutei a porta sendo fechada

Se passou uma semana e ninguém sabia nada sobre a Sakura, minha casa já havia virado uma festa 24 horas, quando eu piscava estava cheio de gente aqui bebendo e fumando e sempre que eu acordava, acordava com mulheres ao meu lado

Estávamos na metade da segunda semana

-Ela tá na Ino- Naruto falou- E que merda está a sua casa

-Porque ela não está aqui?

-Sasuke ela quer um tempo e a gente tem que dar isso a ela

-Não era isso que eu queria ouvir

-Ela vai voltar, mais cedo ou mais tarde- subi as escadas- E quando ela voltar tenho certeza que não vai querer encontrar você desse jeito 

Subi para o meu quarto e dormir..



continua...


Notas Finais


espero que vocês tenham gostado. Comentem o que acharam e favoritem, até o próximo capítulo hehe


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...