História Obscure - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Chandler Riggs, Lauren Cohan, Lili Reinhart, Nina Dobrev, Sabrina Carpenter, The Walking Dead, Tom Holland, Zendaya
Personagens Personagens Originais
Visualizações 6
Palavras 469
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, LGBT, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Estupro, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Perdoem qualquer erro☺

Capítulo 2 - Prólogo


Samantha Rovia

-Não podemos ficar aqui sem fazer nada Frank o Poul está lá fora!

-Não vamos por a Lydia e a Sam em risco! -Meu pai disse-o Poul sabe se virar!

Eu estou apavorada derrepente as pessoas começaram a comer umas as outras, isso me assusta muito, a Lydia vive dizendo que vai me proteger e que eu não preciso sentir medo.

-Eu to com medo! -falei ao ouvir os tiros e os grunhidos vindos de fora.

-Fica calma ta! -Lydia falou e me abraçou-Aconteça oque acontecer eu vou te proteger de tudo!

Dias depois....

Agora estou em pé olhando pro nada, eu não tenho conseguido Dormir esses dias, a mamãe matou um homem, e isso me deixou mais apavorada ainda, ela disse que eu não Paço de uma criancinha de 9 anos apavorada nada mais que isso. Papai sempre me tratou bem mais ela não, parece que ela sempre me odiou e eu nunca soube o porque.

Fui para perto da mesa onde o homem estava e vi a mão dele se mexendo, quando ele se levantoum e começo a grunhir querEndo me pegar eu gritei .

E assim eu acordei todo mundo, quando ele ia me matar papai me puxou pro lado da Lydia e o monstro comeu um pedaço enorme da sua garganta.

-PAI! -gritei e comecei a chorar.

Minha mãe disse que ele morreu por minha culpa, pelo o menos foi isso que ela conseguiu colocar na minha cabeça durante anos, mais no fundo ela sabe muito bem que não foi isso.

No dia seguinte....

-Onde você está me levando Lids? -pergunto a minha irmã mais velha mais a única coisa que ela faz é me encarar é me prendeu dentro de uma loja.

-Foi mal pequena! -disse é jogou uma mochila pra mim e prendeu a porta, logo vi ela chorar e depois ir embora.

-Lydia me tira daqui! -implorei em meio a lágrimas-Por favor não me culpa também pela morte do papai! Por favor me tira daqui Lids!

-Adeus Mantha! -ouvi ela dizer em meio ao choro

-LYDIA!

Minutos depois.....

-Tem alguém aqui! -ouvi a voz de um homem.

Olhei e vi que era um Sheriff, e também vi um japonês do lado dele quando os dois estavam se aproximando eu corri.

-Hey garota espera! -O japonês me chamou quando eu ia sair o lugar estava cercado por monstros.

-Hey calma nós não vamos te machucar! -O Japonês falou.

-Eu sou o Gleen e esse é o Rick! -o tal Gleen disse

-Qual é o seu nome? -Rick perguntou.

-Samantha Rovai!-respondi.

-Hey vem com agente! Não vamos te machucar eu prometo pra você tá! -Gleen disse e estendeu sua mão para mim.

O encarei com receio mais depois segurei a mão dele e ele disse.

-A partir de agora eu vou cuidar de você! -falou-Eu prometo!




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...