História Obsessão 1 - Capítulo 26


Escrita por:

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Ámbar Benson, Luna Valente, Matteo Balsano, Simón
Visualizações 117
Palavras 1.418
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 26 - Maratona Parte 14


Fanfic / Fanfiction Obsessão 1 - Capítulo 26 - Maratona Parte 14

Luna sai do banheiro depois de tomar banho.Só de lingerie com os cabelos molhados,ela enxuga os enxuga indo em direção a Matteo que esta deitado na cama de cueca mexendo no celular.

Luna:O dia foi ótimos hoje.O que vamos fazer amanha(pergunta sentando na cama ao lado dele.Matteo olha pra ela)

Matteo:Eu não sei voce,mas eu vou ter que ir pra empresa(Luna fica triste)

Luna:Tem mesmo que ir,não pode dar uma fugidinha(fala sorrindo)

Matteo:Desculpa,mas não dá,tenho que olhar se mobilharam a empresa do jeito que pedi e olhar se os representantes de cada departamento lá da Argentina estão fazendo um bom trabalho instruindo os novos funcionários.

Luna:A empresa já esta funcionando.

Matteo:Sim.Precisamos terminar de arrumar algumas coisas e vamos lançar o carro(fala sorrindo)

Luna:Mas o quevou fazer amanha,passar o dia sozinha aqui.

Matteo:Não.Pode sair pra conhecer a cidade.

Luna:Queria conhecer a cidade com você(fala triste)

Matteo:vamos conhecer.Olha,pode ir ao shopping comprar algumas coisas e andar um pouco.(Luna sorri)

Luna:Gostei dessa idéia.

Matteo:Amanha quando eu for para empresa te levo num shopping.(Dá um selinho nela e se deita de lado)Boa Noite

Luna se aproxima dele e começar a dar beijos delicados no pescoço,depois mordidinhas,Matteo se arrepia.

Matteo:Hoje não Luna.

Luna:vamos meu amor(Fala e vira ele se sentando em seu quadril)

Matteo:Eu estou cansado.(fala com cara de sono)

Luna:Eu quero hoje(fala cheirando ele)

Matteo:Acha pouco o que fizemos no barco.(fala rindo)È serio,estou cansado,te prometo que amanha vai se arrepender de me provocar.(Luna se afasta dele)

Luna:Esta bem.

Fala os dois dormem.

No dia seguinte Matteo Levanta sedo se arruma,chama Luna e os dois saem do hotel.Matteo a deixa na frente do Shopping e vai embora.Luna esta usando um jeans escuro,uma blusa branca que marca sua barriga já maior e um colete preto sem mangas aberto.Ela entra no Shopping e vai fazer suas compras,Luna entra em varias lojas,compra roupas pra ela e uns vestidinhos para a bebe,também compra uma bolsa de costa vermelha de couro onde guarda as outras roupas,ainda bem ela tinha o celular e internet para olhar no Google tradutor e não ter problemas nas compras.Esta no horário de almoço,ela sai do Shopping seu celular toca,ela atende.

Luna:Alo(fala andando pela rua)

Simom:Luna.Como voce esta

Luna:Bem,já tem praticamente um mês que não conversamos.

Simom:Eu sei desculpa não atender suas ligações,é que estou muito ocupado,consegui um emprego como professor de musica na melhor escola de arte daqui de París,ando muito ocupado.

Luna:Eu entendo.

Simom:E como anda o bebe.

Luna:Bem,fui na médica e esta tudo bem.

Simom:Já contou ao Matteo.

Luna:Não,é que...(simoma interrompe)

Simom:Deveria ter contado Luna.

Luna:Ele já sabe,mas eu não contei,ele acabou escutando uma conversa minha com a Nina e descobriu.

Simom:E o que aconteceu.

Luna:Bom,ele ficou triste mas me perduo,e eu resolvi dar uma segunda chance a ele.

Simom:Então voltaram

Luna:Sim

Simom:Fico feliz por você Luna,espero que de tudo certo.

Luna:Eu também,mas ainda tenho medo.(Luna pega um Táxi e fala em italiano o nom do Hotel,mas como esta falando com Simom acaba falando o nome errado e não percebe,fala o nome de uma rua que fica num bairro do outro lado da cidade,quilômetros de onde fica o hotel)

Simom:Medo de que.

Luna:De me decepcionar de novo,eu amo o Matteo e confio nele,mas não sei,é como se eu confiasse desconfiando.

Simom:Isso é confuso Luna.

Luna:Eu sei.

...

Enquanto isso na empresa Matteo conversa com Salvatore.

Matteo:Ficou como eu queria a empresa,eu olhei as fotos la em Buenos Aires,mas ainda não tinha confiança.(Matteo olha pra Salvatore,enquanto caminham pela empresa vendo todos trabalharem)

Salvatore:E o que achou do trabalho dos representantes.

Matteo:Melhor do que eu esperava,ve esta tudo em ordem,em pouco tempo poderemos lançar o carro.(Entram na sala de Matteo)

Salvatore:Sim.Temos que resolver hoje o negocio da festa,chamar a imprensa,empresários e outras,é muita coisa.

Matteo:pelo jeito vamos sair tarde hoje.

...

O taxi para Luna desce do carro,e o Taxi vai embora.

Luna:Esta bom Simom,me liga no seu tempo livre,foi muito bom conversarmos, e manda um abraço pra Ambar sinto saudade dela também,Tchau.

Luna se distraiu tanto conversando com Simom,que nem percebeu que demorou uns 40 minutos para chegar ao seu destino.quando Luna olha pra Rua percebe.

Luna:Espera essa não é a rua do Hotel,estou no lugar errado.(Ela olha pros lados da rua do bairro,o chão feito de blocos de pedra,pessoas passando tranquilamete)

Ela pega o celular para olhar sua localização no GPS,mas ela usou muito o celular pra fazer as compras e passou praticamente um hora conversando com Simom,o celular estava em um por cento,quando abre o GPS o celular descarrega.

Luna:Droga...e agora,como vou voltar pra casa.(Luna se desespera e começa a andar,pra ver se reconhece alguma rua,mas não)

Luna anda ate chega em uma lanchonete e ela entra.Tenta se comunicar com a venderora mas não consegue,nem uma entende o que a outra fala,ate que Luna faz gestos e a mulher entende que esta pedindo um celular.Ja são 4:00 dá tarde,tem umas duas horas e meia que Luna anda e pede ajuda.Ela pega o telefone que a mulher lhe deu e liga pra Matteo.

Luna: Por favor atende.

Mas não como ele atender,já tem horas que Matteo estava trabalhando com Salvatore no projeto do lançamento do carro,os dois deram um tempo e foram tomar um suco na lanchonete da empresa.O celular de Matteo toca varias vezes.

Luna tenta mais cinco vezes,como não atende ela desliga,dewvolve o celular para a vendedora e vai embora decepcionada.Então resolve andar ate achar uma rua que conheça.Anda por mais umas horas,já são seis horas,suas pernas doem e esta com fome.Ela resolve entrar em um restaurante.

Com muita luta consegue fazer seu pedido,enquanto espera fica pensando.

Luna:Como vou voltar pra casa(passa a mão na barriga que já esta redonda)Oh meu Deus me ajuda,preciso falar com alguém,quando sair daqui vou pegar um táxi.

O pedido chega,Luna come e paga o que comeu,pelo menos com o dinheiro ela sabe mexer.

Luna esta andando na rua de novo,já esta anoitecendo,ela pede ajuda de novo,mas não consegue se comunicar e continua andando.

...

Matteo esta saindo do elevador do prédio,ele entra no apartamento e chama por Luna.Ja são 8:00

Matteo:Luna!Luna meu amor,cheguei,desculpa chegar tarde o trabalho foi pesado hoje(fala colocando as coisas em cima do sofá e tirando a gravata,blaser e blusa)

Olha pelo apartamento e não ve Luna,vai ate o quarto e não a encontra.

Matteo:A Luna ainda não chegou,eu a deixei no shopping cedo,vou ligar pra ela.(pega o celular e liga mais da fora de área)Depois eu ligo de novo(Matteo vai tomar banho e não se preocupa tanto,afinal Luna demora muito pra fazer compras,é muito indecisa, talvez tenha ido a um restaurante)

As horas se passam Matteo liga pra Luna de novo e ela não atende,começa a ficar preocupado.Enquanto isso Luna continua andando,agora esta andando pela rua de um bairro onde não a ninguém na rua,seus pés doem,concerteza esta com calos andou o dia inteiro,os saltos já devem ter machucado seus pés.

Enquanto Luna anda sente uma pressão atrás de se,como se sentisse que alguém esta lhe seguindo,mas não dá muita bola e continua andando.Quando passa pela Luz de um poste,ve sua sombra na frente e a de um homem.Luna fica nervosa e começa a andar mais rápido.O homem percebe e sorri.

Homem:Esta fugindo de mim(fala em italiano Luna não entende e começa andar praticamente correndo,o homem vai atras dela e pucha seu braço.Luna olha pra ele assustada,esta tremendo,o homem olha pra ela e ve que esta grávida)

Luna:Por favor não me machuca(fala nervosa e tenta se soltar)

Homem:O que disse.È estrangeira,muito bonita por sinal(toca a barriga dela)È menino ou menina(sorri deixando ela mais nervosa).Calma.(passa a mão pelos cabelos dela,os olhos de Luna começam a descer lagrima)Sua barriga não vai atrapalhar a gente.

Luna não entende o que ele diz,mas por seus gestos sabe que não é bom,fica parada olhando seus olhos obscuros e seu sorriso malicioso.

Luna:Pode levar o que quiser eu tenho dinheiro(fala chorando)

O homem se aprozima e começa a beijar o pescoço dela,Luna sente mais medo,agora sabe o que ele pretende,começa a chorar mais ainda.Ele beija a boca dela Luna tenta se afasta mais não consegue,ele a empurra.volta a beijar o pescoço dela,passa as mãos pelo corpo de Luna ate chegar a sua intimidade,coloca a mão por dentro da calça de Luna e a toca.

Luna não consegue fazer nada alem de chorar,é como se seu corpo perdesse as forças para luta,sente ele a tocando,se fosse Matteo sentiria desejo e com certeza estaria gemendo,mas com esse homem a tocando ela sente nojo.Matteo,o que ele estaria fazendo agora,daria tudo para que ele estivesse ali e a salvasse disso



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...