História Obsession - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Amor, Aventura, Bts, Drama, Revira-voltas
Visualizações 20
Palavras 569
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Suspense, Violência

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Desculpa por atrasar pra postar o capítulo 5 amores.
Não está revisado desculpe os erros que econtrarem

Capítulo 5 - E agora?


Fanfic / Fanfiction Obsession - Capítulo 5 - E agora?

Continuei parado por alguns instantes na frente do polícial que me falou que minha tinha sido assassinada, minha mãe ja estava dentro de um saco preto para ser levada ao necrotério eu vi o carro saindo e só sentia dor, muita dor.

Já era noite quando pude entrar em casa, eu não conseguia ficar ali tudo me lembrava minha mãe, peguei minhas coisas e coisas que eram valiosas para ela guardei em uma mala, tranquei a casa e fui direito para um hotelzinho que tinha ali perto enquanto esperava que me ligassem para poder enterrar minha mãe. Naquela noite eu não dormi, só passava pela minha cabeça o por que de tudo aquilo ta acontecendo, minha vida tava igual uma roda gigante e eu não sabia o que fazer...

8:30 da manhã, meu celular tocou eram os caras me dando a permissão para enterrar minha mãe, e lá fui eu... Não tinha caixão, nem lugar para fazer o velório teria que arrumar pelo menos o caixão mas não tinha dinheiro pra nada, teria que fazer um empréstimo. Fui  ao banco, expliquei toda a situação é consegui 10.000 wons, comprei um caixão. Aquilo era a coisa mais dolorosa que eu fiz em toda a minha vida eu estava comprando um caixão pra minha mãe, era tão horrível, que sensação horrível eu sentia. 

Minha mãe estava tão calma, seus olhinhos fechados, mãos frias, o cabelinho continuava preso com a prisilha que de flores que ela amava, usava desde que se casou com meu pai ela iria ser colocada do lado dele.

Pra mim não existia o amor até a morte, minha mãe sempre dizia que havia dois amores: O amor pra sua vida, e o amor da sua vida. Creio que meu pai era os dois pra ela, não acreditava nisso até então...

Colocaram-a no caixão toda arrumada como ela sempre gostou, sua aparência estava serena, coloquei algumas flores em suas mãos e depois em cima do caixão é la se foi ela descendo para nunca mais subir... Eu só sabia chorar e chorar, não ela pra ela ter ido de uma forma tão cruel mas estava em um lugar melhor.

Esperei o coveiro terminar de tampar o buraco e sai. Tirei todas as coisas da casa, resolvi vender já que não pretendia morar ali mais, a casa também foi posta a venda. Esperei 1 mês para vender, quando estava quase desistindo apareceu Kim Lee para comprar, ele iria dar o preço que eu estava vendendo, com o dinheiro eu pagaria o empréstimo e iria para Seoul mas a ideia dele não era tão boa.

- Você quer transformar essa casa, ESSA CASA em um bordel? - eu perguntei com os olhos arregalados e com a garganta seca a ele. 

- Sim, por que não? Essa cidade precisa se divertir e a casa é grande era o que eu procurava. - ele disse andando pela casa e sorrindo como se estivesse certo de que aquilo daria certo.

- O senhor não pode fazer Isso, meus pais moravam aqui essa casa tem história.

- Você vai querer o dinheiro ou não jin? Você precisa, da pra ver no seu rostinho bonito que está desesperado! - o velho tinha razão, e agora? Eu pegava o dinheiro e deixaria a casa que meus pais construíram virar um bordel de quinta, resolvia minha vida ou ficava sem e sem saber que rumo tomar? Não sabia o  dizer nem o que fazer naquele momento.


Notas Finais


Espero que tenham gostado amorzinhos❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...