História Obsessões | SasuNaru - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Fugaku Uchiha, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Kankuro, Kiba Inuzuka, Konan, Mei, Menma Uzumaki, Mikoto Uchiha, Minato "Yondaime" Namikaze, Nagato, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Obito Uchiha (Tobi), Orochimaru, Rock Lee, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Shino Aburame, Shisui Uchiha, Suigetsu Hozuki, Temari, TenTen Mitsashi, Tsunade Senju
Tags Drama, Fugamiko, Gaanaru, Itanaru, Itasasu, Kibaneji, Konapain, Leenaru, Leeneji, Minakushi, Naruita, Narusasu, Nejinaru, Painkona, Romance, Sasuita, Sasunaru, Shinaru, Shineji, Tenneji, Violencia
Visualizações 731
Palavras 3.339
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Hentai, Lemon, Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi, galera. Vocês estão me dando uma força grande, mas é muito grande mesmo. Todos falando para continuar, favoritando a Fanfic, os leitores fantasmas se manifestando -u-, vocês falando que a Fanfic é boa então eu decidi continuar né. Mas só porque eu decidi continuar não significa que eu não precise de mais comentários, comentários são o máximo e me mostram que eu estou fazendo uma boa Fanfic.

Agora vamos deixar o resto dá falação para as notas finais, tá? VAMOS A FANFIC! boa leitura 😍😎! XO!

Capítulo 6 - Me Faça Feliz...


Naruto On

No apartamento de Deidara.

—Como aquele filho da puta teve a audácia de me trair? Um montão de vezes, logo eu o mais lindo do colégio e o mais gostoso... Como eu troquei o Lee por aquela Coisa? Quer dizer que depois de se agarrar com a Putamu Nara ele vinha frio um sonso falar comigo e dizer que me ama?

—As vezes, Naruto. Mas olha se acalma, por favor.

—Ah! Aquela merda! E ainda diz que eu sou dele, aquela merda. Como ele pode ter me jurado amor e ainda ficar se agarrando com outra pessoa? Logo com um dos meus amigos da escola, logo com o Shikamaru, porra!

—Naruto, por favor se acalma!

—Calma? Aí eu tou com um cara que dizia ser o amor da minha vida e de repente eu descubro que ele sempre me traiu, como quer que eu tenha calma? Como quer que eu tenha calma?

—Naruto, desculpa.

—E você Deidara, ao invés de me falar, não! Fica escondendo tudo, tudo por causa de um medo bobo.

Deidara tenta me abraçar mas eu o empurro de leve apenas para evitar o abraço. Ele então fica me olhando e chorando. Fico o olhando com raiva e pena, por um lado ele só queria não perder a minha amizade, por outro ele escondeu algo que sabe que eu não gosto nenhum pouco. Ele incubriu uma mentira é uma traição, no meu tribunal ele é culpado por ocultação da cena do crime.

—Naruto, me desculpa... Desculpa...- Falou chorando.

Não dá para ficar com raiva de uma coisa tão linda como essa. Vou até ele e então o abraço, um abraço bem apertado e ele então coloca a cabeça no meu ombro e então continua a chorar ali mesmo, molhando a minha roupa.

—Ah Deidara, a culpa não é sua...

—É, naruto! É sim. Se eu não tivesse ficado calado como fiquei você não estaria sofrendo como está agora.

—Deidara, você só não queria perder um amigo. Eu entendo isso.

—Então você me perdoa?

—Não há nada para perdoar. Eu te amo e nunca ficaria com raiva de você.

—Também te amo, Naruto.

—Hm, bem agora temos que parar de chorar e falar com o advogado que você Falou.

—Ok.- Falou me soltando e então limpo as lágrimas que tem no meu olho.

Meu celular vibra então pego o mesmo e percebo ser uma ligação de Sasuke, "Hm, se ele pensa que vou ajudar ele com alguma coisa está enganado. O amo mas eu vou fazer o possível para que ele cumpra o que deve cumprir. Ele me traiu e o que eu puder fazer para que ele se encrence eu farei.". Atendo a ligação calmamente e então ouço sua voz calma falar dou outros lado da linha.

Ligação On

—Dobe, como vai?

—Fala o que tu quer Sasuke.- Falei seco e com certeza surpreendendo o mesmo, o tempo de Naruto bonzinho acabou hoje.

—Nossa, o que você tem?

—Pra que você quer saber? Olha aqui cadicu ou você fala o que quer agora ou eu desligo.

—Eu só liguei para dizer que eu me safei... Eu comprei aqui todo mundo na delegacia então... Não tenho nada a cumprir, e eu Estou dizendo que já estou indo para a casa do Deidara para te pegar e fazer você pagar por tudo o que vez hoje.

—Verme Imundo! (N/A: Novamente apareço aqui para falar com vocês ao vivo, que. Eu estou assistindo DBZ e tou vendo aqui o Freeza, ♥. Por isso está de 'Verme Imundo'.)

Ligação Off

Desligo o telefone e então deixo o mesmo cair. Fico boquiaberto com o que Sasuke disse, ele está vindo me buscar?

—Dei...

—Naruto?- Falou me olhando curioso.

—O Sasuke tá vindo aqui me buscar.

—O que?!

—Isso mesmo. O Sasuke comprou todo mundo já delegacia, o que o dinheiro não faz meu amigo, o que o dinheiro não faz.- Falo com muito nervosismo e com vontade de vomitar. Né controlo um pouco, não posso sair do salto apenas por usa coisa que pode ser um trote. Não, Sasuke não é disso.

—Naruto, ele vai te matar.

—Não ele vai fazer eu preferir a morte. Tenho que sair daqui se não ele pega você também.

—Não, eu vou ficar aqui e para ele te pegar ele vai precisar passar por mim primeiramente.

—Não, eu não vou ficar aqui e deixar ele fazer o que quiser. Hoje eu não vou ser mais uma criança, se Sasuke quer brigar ele vai ter briga. Depois quando ele sair eu venho para cá o mais rápido possível, faz um favor, liga para to tio Bee e diz que eu vou amanhã tá?!

—Ok, Naruto. Boa sorte amigo.

Deidara vai até o telefone e então eu vou para a porta do apartamento sem as minhas malas, eu não vou ficar ali por muito tempo. Saio e então Deidara tranca a porta. Vou até o elevador e desço até a portaria, vejo o carro de Sasuke chegar.

—É a hora. Tenho que resistir bravamente.- Falo para mim mesmo.

Flashback On

Na parte detrás da creche.

—Naruto, eu nunca faria nada com você.- Disse Sasuke calmamente e cheio de inocência.

—Como eu vou saber se isso é verdade?- Perguntou o loiro.

Sasuke vai até uma árvore próxima e então pega um pedaço de metal e faz um coração com o nome 'SasuNaru' dentro.

—Agora nós somos casados literalmente, loiro.- Sorriu e abraçou o menor.

Flashback Off

Sasuke sai do carro e então vem até mim e me puxa solo braço, as pessoas que andam por ali nem ligam para o que está acontecendo, ou se ligam não demonstram, estão ocupadas demais cuidando dá sua pacata e desanimada vida. Entro no carro e então sento no banco da frente, Sasuke coloca o sinto em mim.

—Agora você vai ver o que é realmente bom...- Disse deslizando a mão até minha coxas calmamente, arranhandoas mesmas com as unhas grandes e afiadas.

Sasuke então entra no carro e dirige até a nossa casa, entramos por um portão e então Sasuke guarda o carro na garagem. Saio do carro e entro em casa Sasuke entra também. Fico parado em frente a ele que por sua vez me olha e dá um soco no rosto me fazendo cair no chão.

—Um, fugiu de casa, me jogou uma coisa na cabeça, me denunciou e foi para a casa para aquela puta loira.- Falou Sasuke vindo até mim e me puxando.- Sua ficha é tão grande quanto vai ser a sua surra.

—Sasuke.- Disse e então Sasuke me dá um chute no saco.

Fico me contorcendo de dor, uma grande quantidade de dor. O tormento começou, estou neste tormento a longos anos, Sasuke sempre me batendo e prometendo mudar, eu sempre chorando e sendo sustentado por ele, ele me traindo várias e várias vezes... "Zalker", ainda tem coragem de dizer que eu sou só dele e faz um show quando me vê abraçado com o Deidara.

—Anda, levanta daí.- Falou seco e arrogante.

Crio forças de onde não sabia que havia. Levanto e então vou bem para perto de Sasuke, ele tenta me dar um soco mas eu seguro a sua mão, ele me olha surpreso então o soco no rosto. Ele cai e logo se levanta, o seu olho avermelhado, provavelmente vai ficar roxo mais tarde.

—Agora você fez algo que não deveria.- Falou me derrubando no chão e tirando a minha roupa.

—Não fico surpreso, tudo o que faço te irrita.- Falei enquanto o mesmo termina de tirar a minha roupa.

Ao tirar toda a minha roupa ele levanta e vai a cozinha, eu fico deitado sem poder mover um dedo. Sasuke volta com uma algema e coloca em meus braços. Ele me coloca de quatro, mesmo que eu não queira eu fico empinado para ele.

Sasuke tira a roupa dele. Ele cuspe na mão e leva a mesma para o membro grande, aquele membro que um dia seria a chave para despertar total loucura em mim agora vai despertar total tristeza. Sasuke coloca o seu membro de uma vez sem nenhum cuidado em meu ânus, não sei o que dói mais, ser rasgado como uma folha ou a pessoa que você tanto ama ser o causador desse abuso.

—Ah!- Grito o mais alto Possível.

—Isso mesmo, grita bem alto!

Fico procurando não gritar muito porque Sasuke pode se irritar e me bater mais do que eu aguento, vai que eu desmaio... Durante todo o tempo não consegui ficar ereto um minuto sequer. Sasuke então tira o seu membro de dentro de mim e vem até o meu rosto e goza na minha cara. Fico chorando e me sentindo um lixo completo, sinto que estou coberto de cocô.

—Ai sim, parabéns o seu castigo foi dado e cumprido com sucesso.- Falou rindo da minha cara, eu cuspo o mesmo mas não o atinge.

Sasuke tira as algemas então ele me puxa até o banheiro, eu fico chorando durante o tempo todo e Sasuke só fica gritando comigo. Ao chegar no banheiro ele liga o chuveiro e me empurra para dentro do mesmo, ele me banha já que eu queria mais fazer nada, apenas ficar chorando ali.

Como ele pode ter feito isso? Ele o amor da minha vida me violentou contra a minha vontade, ele me fez sentir um lixo total. Como Sasuke Uchiha virou isso o que ele é hoje? Como aquela criança humilde e inocente mudou.

Flashback On

No colégio de Konoha.

Naruto e Sasuke, amigos desde sempre, agora e não muito diferente das outras vezes Naruto e Sasuke caminhavam pelo pátio do grade colégio de Konoha.

—Naruto, eu amo você.- Falou o pequeno Uchiha.

Ainda no terceiro ano ninguém tem consciência dos seu atos. Sasuke não era diferente.

—Eu também.- Respondeu o menor corando um pouco.

Flashback Off

"Hm, eu lembro muito bem disso. Foi a primeira vez que Sasuke disse me amar, que saudades daquela época que só de brincar juntos todos os dias já pensava que era amor."

Sasuke continua a me banhar passando a mão por todas as partes do meu corpo, ele então termina e me coloca uma toalha me envolvendo. Sento no vaso que estava de tampa fechada. Sasuke toma banho e então pega outro toalha e vem até mim e me puxa até o quarto. Durante todo o caminho não consigo parar de chorar uma vez sequer.

A minha mente se tornara um furacão de memórias e tudo passava pela minha mente rapido. Sasuke desta vez foi longe demais.

Ao chegar no quarto eu tiro a toalha e visto um pijama qualquer, Sasuke parecia bem preocupado. Ele veste também um pijama e deita comigo na cama. Ele vira para o meu lado e tenta me abraçar, eu então saio dá cama e fico sentado no canto do chão chorando. Sem nenhum consolo.

Flashback On

No quarto de Naruto.

O loiro estava ali sentado na cama e se desmanchando em lágrimas salgadas.

"Irmão, meu amado irmão. Como eu amo você, como eu te amo tanto. Você vai ficar sem mim nessa vida, eu fugi de casa pois não podia mais morar aí. Tenho meus problemas mas sempre que precisar de mim eu estarei com você, mesmo que meu corpo não esteja aí meu coração estará sempre ligado ao seu. Sempre!                        Menma Uzumaki"

Esse era o conteúdo do bilhete, o papel que mais mecheu com Naruto.

Flashback Off

Autor On

Menma Uzumaki fugiu de casa logo após sofrer abusos de um vizinho, ele então fugiu de casa já que os seus pais não deixaram ele ir morar em outro país. Até hoje não se tem notícias do paradeiro de Menma, mas por onde ele esteve há uma foto dele para deixar a sua marca.

Naruto On

—Vem deitar.- Disse seco e pouco se importando com a minha resposta.

Não respondo fico apenas chorando e chorando mais ainda. Sasuke então sai da cama então vem e me puxa. No começo não quero sair mas depois o Sasuke me puxa e me joga na cama violentamente.

—Quando eu te ser uma ordem você a cumpre!- Gritou apontando o dedo para mim e me dando um tapa.

Fico apenas olhando e concordando com a cabeça. Sasuke então deita e eu coloco a cabeça no peito dele, por obrigação. Ele então dorme por causa do cansaço. Vou até o andar de baixo meio sem jeito, pego umas panelas e faço o almoço. Faço um suco de maracujá e então coloco um remédio bem forte para Sasuke dormir, três gotas já eram necessárias para ele dormir a noite toda porém coloquei 5, vou dopar ele mesmo.

Quando Sasuke acorda vem até a cozinha e vê o almoço feito. Ele senta e então começa a comer, ele as vezes fala mas eu não respondo nada.

Ao tomar o suco ele subiu para o quarto então fiquei assistindo televisão, um programa qualquer passa sem parar no canal. Adoro temporadas mas hoje, hoje não.

[...]

Killer Bee

No apartamento de Killer Bee, Brasil.

—Naruto vai adorar morar aqui um tempo comigo. Aqui tem ótimas faculdades, muitas pessoas bonitas e legais, aqui tem muitas praias, tem eu que sou o melhor de tudo e não vai ter aquele Sasuke Uchiha para ficar aturmentando.- Falei enquanto ajeitava a cama.

Ouço o telefone tocar então vou até a sala, vejo que era o mesmo número que Naruto havia ligado antes então atendo.

Ligação On

—Alô, Naruto?

—Quase. Aqui é o amigo dele Deidara. Olha deixa eu te falar tudo o que aconteceu.

—Hm.- Falei sem entender nada mais curioso.

—Hoje eu estava na casa do Naruto, aí uma Karin veio aqui e disse que estava grávida do Sasuke. Aí quando o Sasuke foi para cozinha eu e Naruto vinhemos para a minha casa. Depois o Sasuke veio para cá e tentou nos estuprar mais foi impedido pelo Naruto que jogou um vaso na cabeça dele, nós o denunciamos mas ele comprou todos da delegacia. Aí veio para cá e pegou o Naruto, só Kami sabe o que está acontecendo com ele agora.

—Ai meu Kami.- Falei e fiquei pasmo com o que Deidara havia me dito no telefone.

—Ai o Naruto disse que eu ligasse para falar que ia hoje para aí, tá?

—Tá! Compra as passagens dele que eu pago.

—Ok. Já vou indo, Tchau!

Ligação Off

—Meu Kami, eu não sabia o que aconteceu, do jeito que Sasuke é ele pode até matar Naruto.

Vou até o quarto e então término de ajeitar tudo é então sento no sofá esperando uma nova ligação informando que horas o avião iria chegar.

O telefone toca novamente e então eu corro para atender. Ouço a mesma voz de antes.

Ligação On

—Oi, eu já comprei e eu e Naruto já estamos no aeroporto.

—Você vem também?

—Não pode?

—Claro, só que você não havia me falado antes.

—Eu me chamo Deidara. Olha o avião vai chegar aí lá pelas 9:00 horas dá noite, prepara janta que eu e o Naruto estamos morrendo de fome.

—Hahaha!- Ri do sermão do tal Deidara.

Ligação Off

Autor On

No aeroporto de Konoha.

Naruto e Deidara estavam muito nervosos, Naruto por causa do medo de Sasuke aparecer ali a qualquer hora e Deidara por causa que Naruto o estava deixando nervoso. O avião chega e então os dois entram e vão para a primeira classe.

—Nossa isso aqui é muito lindo...- Disse Naruto olhando em volta.- Deidara você é muito rico.

—Ue.- Disse Deidara corando.

Os dois se sentam e então Naruto coloca um fone de ouvido e fica vendo um filme que Deidara havia escolhido, uma mulher vem com algumas comidas e então Naruto pega e come tudo. Deidara fica morrendo de vergonha pelo loiro e sua enorme fome.

—Aqui o dinheiro.- Falou pagando a comida.

Deidara

A mulher foi embora e Naruto só continuava comendo feito bobo. Quando o mesmo termina a refeição a mulher vem e pega a bandeja. Quando Naruto termina de comer vejo ele ficar triste.

—O que o Sasuke fez, loiro?

—Não quero falar sobre isso, não agora.

—Quando quiser eu estarei aqui, do seu lado.

—Ok, boquinha.

Fico com raiva e então Naruto vê e ri da minha cara. Dou um peteleco na cabeça dele de leve. Tabom não foi tão leve assim foi um pouco forte.

—Você sabe que eu não gosto desse apelido.

Se você não está entendendo eu vou explicar. Quando eu nasci eu tive uma má formação, eu nasci com duas bocas amais, uma em cada mão. Mas havia apenas os lábios. Depois de uns meses eles tiraram e trocaram por pele normal aí pronto, acabou.

—Quando você era pequeno você batia punheta ou pagava boquete? (N/A: Quem viu essa foto levanta a mão. \O/).

—Cala a boca.

Encosto a cabeça no banco e tomo um remédio para dormir melhor. Adormeço lentamente olhando para Naruto, esse loirinho ainda vai me causar muitos problemas...

[...]

Acordo com Naruto me chamando, já havíamos chegado no Brasil então saímos do avião e pegamos as nossas malas no aeroporto. Fico vendo o tio do Naruto chegar e nos ajudar a colocar as malas dentro do carro dele.

Entramos no carro e então eu vou no banco da frente, fico vendo o tio de Naruto, ele não é lá uma das pessoas mais bonitas que eu conheci na vida mas esses músculos... Esse corpo de Deus grego, assim você vai matar papai...

—Então, Naruto. Como estão as coisas ultimamente?- Falou Killer Bee, nossa parece que tem um velho dentro desse corpo.

—Mais ou menos, tio.- Respondeu cabisbaixo e triste.

O silêncio se instalou dentro daquele carro, passando 10 minutos nós finalmente chegamos a casa do tio do Naruto. Casa não, mansão. Em volta havia um muro e então nós passamos pelo mesmo. Vi uma casa de aparência moderna e de dois andares, uma piscina do lado e do outro uma garagem.

Vou em direção a porta e então vejo um tapete com Welcome escrito, entro na casa calmamente e vejo uma sala grande. Um sofá, uma, estante moderna, uma tv 50 polegadas 4k, uns vasos de flores, uma escada muito linda e uma mesinha de vidro.

—Nossa.- Falei boquiaberto com a casa do moreno.- Não ouço a sua música mas deve ser muito boa.

—Obrigado! E tenho certeza que é...- Disse Bee.

O moreno maior então sobe as escadas, Naruto e eu o seguimos até um quarto que ele disse que podia ser da gente.

—Não tem problemas vocês dormirem juntos não, né?- Falou abrindo a porta do quarto.

—Não.- Eu e Naruto falamos em uníssono.

O moreno apenas responde com um "Hm". Eu coloco as malas na cama então abro um guarda roupas que havia ali mesmo, coloco as minhas roupas e Naruto faz o mesmo. Naruto deita na cama então fica ali deitado mesmo chorando.

—Sabe, você é bipolar.

—Como assim, Deidara?- Respondeu sentando e limpando as lágrimas.

—Uma hora você está morto de felicidade, rindo e tudo, e outra está deitado chorando.- Falei dobrando uma blusa.

—Isso é culpa sua.- Falou deitando de novo e chamado minha atenção.

—De muá?- Respondi indignado.

—Sim, se não fosse por você eu estaria só chorando, mas você me faz rir.

Fico todo corado e Naruto ri, vou até ele então o abraço, ele então me aperta tanto que eu acho que vou explodir.

—Eu estou me sentindo... A sei lá.

—Nossa, Deidara. Que engraçado.

—Olha me solta que eu quero terminar de ajeitar as coisas e depois quero jantar.

—Ta.

[...]

Termino de ajeitar tudo e então vou para a cozinha e vejo a mesa com três pratos sento na cadeira e então começo a comer. No meu prato tem uma macarronada com bastante carne e queijo, uma delícia total, "Será que o tio do Naruto que fez isso?".

Ao terminar de comer tudo eu bebo um copo de suco e então lavo as vasilhas. Subo para o segundo andar e então tomo um belo banho de banheira.

Sai do banheiro e então vou para o quarto com um pijama e deito na cama com Naruto que já havia tomado banho, o abraço e digo a ele que está tudo bem.

—Deidara, quero que me faça um favor.

Fico curioso com o que Naruto irira me pedir, o que será? Hn, não sei. Respondo o mesmo calmamente:

—Pode dizer...

—Me faça feliz.- Falou me beijando na bochecha.


Notas Finais


Que fique bem claro que eu não estou apoiando o estupro, de nenhuma forma. Estupro é um crime que deve ser denunciado, eu vejo, eu ouço, eu denuncio!

O que vai acontecer com Deidara e Naruto hoje?

O que Sasuke irá fazer quando souber que o Naruto saiu de casa? E principalmente: quando ele souber que vai se divorciar?

Será que Naruto irá ter algo sério com o Bakurei?

Será que Naruto irá conhecer novas pessoas?

Hm, eu não sei só vocês que sabem, e me dizem comentando tá?

Depois eu leio esse Capítulo de novo e então corrigo os erros, mas mesmo me esforçando sempre vai passar um erro despercebido por isso eu quero que me falem, tá?

Acho que o capítulo ficou grande, acho que foi o maior até agora. Mas não importa, bem é isso... Tchauzinho!Introdução: Oi, galera. Vocês estão me dando uma força grande, mas é muito grande mesmo. Todos falando para continuar, favoritando a Fanfic, os leitores fantasmas se manifestando -u-, vocês falando que a Fanfic é boa então eu decidi continuar né. Mas só porque eu decidi continuar não significa que eu não precise de mais comentários, comentários são o máximo e me mostram que eu estou fazendo uma boa Fanfic.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...