História Oceanside - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Sakura, Sasuke, Sasusaku
Visualizações 58
Palavras 2.004
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


.eu mudei o curso da Tenten aqui e no capítulo que tinha também.

o próximo será com narração do Sasuke ;)

minha intenção era fazer um capítulo maior, mas eu fiquei agoniada com a demora de postar.

*quando eu falo >módulo<, são os prédios dos cursos do campus*

Capítulo 5 - Capítulo cinco.


Sakura.

Minha semanas na Universidade estavam sendo bem... ocupadas. Eu passava o dia todo no campus, e geralmente encontrava o pessoal no restaurante universitário ou num intervalo de aulas, quando eu dava uma saidinha pra lanchar. Fora isso, só as meninas e na república.

A primeira semana foi pura correria, o tempo todo surgia algo novo que eu como caloura tinha que conseguir, como a carteirinha para o laboratório. A outra parte foi me adaptar ao campus, que era enorme, e descobrir bibliotecas, banheiro, lugares para descansar.

Ao menos eu tinha alguns horários vagos de professores que não haviam voltado de férias ainda, coisa que já acabou. Minha turma era pequena e nós já estávamos bem tranquilos com a presença um do outro. Meus veteranos eram ótimos também, e meu trote foi bem divertido.

O prédio de medicina era enorme e felizmente próximo do restaurante. Também era próximo do prédio de Direito, então quase sempre eu via o Sasuke por ali. Não se enganem, ele não tem o mínimo interesse em ser advogado. Na verdade, ele contou rapidamente que queria seguir na policia, talvez como delegado. O pai dele não gostava nada disso, o que fez com que Sasuke trabalhasse no ano passado uma vez na semana no escritório de advocacia do Fugaku, o que não adiantou nada.

Ino estava cursando moda, como esperado de alguém que tinha muita afinidade e era filha da dona de uma das marcas de roupa mais famosas de LA. A Hinata cursava gastronomia, o que nada tem a ver com sua família composta de políticos e advogados. Ela gostava da área e isso é tudo. Tenten cursava engenharia mecânica e a noite trabalhava no bar Akasuna. Portanto, era a que eu menos encontrava no dia a dia junto com a Temari, que a noite ficava com seu namorado. Naruto estava cursando publicidade, o que eu achava encaixar muito bem.

Algumas semanas antes aconteceu a festa da Kappa para os calouros e foi ótima. Infelizmente, fiquei pouco. Como tinha acontecido na primeira semana de aula, eu estava cansada e em fase de adaptação.

- Eu disse que ele gosta da Hinata e vocês duvidaram. - olhei pro Sasori que estava sentado do meu lado num banquinho do campus.

- Bom, eu não disse nada.

- O Naruto é um estúpido também, né? Eu bem vi a cara que ele fez quando a Hinata beijou o Kiba.

- Naruto é confuso, mas eu tenho conversado com ele. E com ela também!

- Eu shippo. - ele riu e me abraçou pelos ombros.

- Também, também...

Ficamos em silêncio por um tempo enquanto ele mexia no celular e eu mastigava uma barrinha de cereal olhando a movimentação.

- E aquele Hidan, ein? Ele acabou de curtir a foto que postei contigo.

Olhei pra tela do celular, na foto eu e Sasori estávamos agachados com as mãos em posição de arminha. Ele estava com um boné cobrindo os olhos. Eu ri da lembrança.

- É verdade... Nós falamos bem pouco, mas ele é bonito. - dei de ombros.

Hidan era um cara muito bonito de cabelos platinados e olhos penetrantes. Tinha uma certa pose ameaçadora, e um sorriso de deboche, mas foi gentil comigo. Nós nos esbarramos durante a festa e ele parecia interessado em mim, mas eu fiz pouco caso, cansaço do dia define.

- Bom, ele pode ser seu primeiro beijo aqui. - Sasori riu. - Ou eu, S. Posso fazer esse sacrifício.

Revirei os olhos. - Seria uma honra e não sacrifício, Saso.

- Apesar de que acho que você está interessada em outro....

Olhei assustada pra ele e na minha mente apitou "Sasuke! Sasuke!"

- C-como? Pirou?

- Nossa!! - ele deu um grito estridente. - Eu sabia! Você até ficou vermelha. Santa CL!!

- Quem diabos é CL? E fala baixo, tá todo mundo olhando pra gente!

- Uma cantora, estúpida! De KPOP. Vale a pena ouvir. Não foge do assunto, sua rata, é o Sasuke não é? - prendi a respiração. - Oh meu Deus! Você tá vermelha, é ele!

- Cala essa boca, inferno! Não é nada disso. - levantei o indicador. - Veja bem, eu e Sasuke somos amigos. A-m-i-g-o-s.

- Por favor, não ache que vai me enganar com essa. Vocês tem um magnetismo assustador. Lide com isso.

- Arghh! - tampei o rosto com as mãos. - Que situação terrível.

- Eu não vou falar pra ninguém, tá? Segredinho.

E mais uma vez, ele riu.

Acordei uns minutos antes do despertador tocar naquela sexta e me espreguicei ouvindo barulhos de conversa no andar de baixo. Quando desci, só de pijama ainda, encontrei a cozinha cheia com os meninos, a Ino, a Hinata e a Temari. Neji não estava presente.

- Ora, bom dia. - cumprimentei quando todos me olharam.

- Bom dia, Sakura. - Naruto me deu um caloroso abraço e eu fiquei tímida ao notar que era a única de pijama.

- Você deve tá estranhando isso. - Temari me entregou uma xícara de café. - Mas desde que nos mudamos para esse bairro, nas sextas comemos todos juntos. Geralmente é aqui, mas as vezes é na casa deles.

- Está sendo novo pra nós também. - Ino apontou pra ela e Hinata. - Mas nós já sabíamos porque eles nos contavam, desculpe, esqueci de avisar.

Hinata concordou e voltou a conversar com o Sasuke, que me olhou mais uma vez rapidamente e deu atenção a ela depois.

- Sem problemas. - respondi sem graça caminhando para o lado de Sasori que não despregava os olhos da tela do celular.

- Fala sério! - ele resmungou. - Oi, amor da minha vida. Como vai? - me abraçou rapidamente. - Esse pessoal da minha turma é um saco, briga a essa hora da manhã.

- Estou bem. Nem você se lembrou de me avisar disso, né?

Ele riu maroto. - Eu fui até o seu quarto e pensei em acordá-la a la Sasori, mas estava tão bonitinha babando e roncando.

Fingi indignação enquanto ria. - Palhaço. - olhei de canto pra tela do celular dele e reparei numa foto de um loiro bem bonito. - Quem é esse?

- Ai, amiga, Deidara. Ele é uma coisinha, não é? E alemão. - sorriu malicioso e aumentou o tom de voz logo depois. - Dizem que alemães fodem bem. Estão certos, Naruto?

O loiro que até então estava se empanturrando de comida e com os dedos sujos gargalhou. - Eu sou um mero descendente, mas me garanto. - e piscou.

Hinata ficou vermelha e eu tive que rir disfarçadamente, enquanto o resto do pessoal ria de Naruto.

- Se você que é um mero descendente se garante, imagine esse aqui.. Hum.. Amei.

As atenções retomaram para o que estavam fazendo e eu ri enquanto me despedia e subia as escadas acompanhada de uma Ino falante.

- ...então eu disse "nós precisamos ir!" e o Sai finalmente aceitou. Você sabe como são Uchihas, chatos, méh!!

- Tem razão. Então vocês vão mesmo?

- Sim! No final de semana. Você deveria ir.

- Náh, vocês vão todos em casal, tô sentindo. - entrei no quarto e comecei a vasculhar o guarda-roupa. Ino começou a arrumar minha cama como a boa doente por organização que era.

- Fala sério! Não é nada disso. Hinata vai com o Sasuke, o Naruto tá livre.

Quase tropecei nas roupas que estavam no chão com o que ela disse. - Hinata e Sasuke? Eles...? Quero dizer-

- Não, louca! Eles são bem amigos. Isso é outra coisa que você não sabe. Qualquer dia desses se chegar e encontrar os dois juntos na cozinha, é normal. - ela me ajudou a ajustar o vestido no meu corpo. - Antes de se mudar pra republica, Hinata sempre cozinhava as loucuras dela pro Sasuke provar. Sabe como japoneses são, né? Comem de tudo.

Eu ri. - Ah, sim. Eles se parecem um pouco, eu acho. - me olhei em frente ao espelho. Como estava calor, optei por um vestido azul bebê de alcinhas e justo que ia até metade das coxas.

- A Hinata é um anjo tímido. Sasuke é só um caladão que se acha. Leoninos! - revirou os olhos.

- Sei, sei.. - nós descemos juntas com ela tagarelando sobre esse final de semana em Los Angeles, num parque aquático.

Quando desci as escadas, aqueles olhos escuros e intensos me encaravam. Sasuke era difícil de decifrar, e eu já tinha aceitado minha atração por ele. Era quase palpável. Mas todos dizem que o primeiro passo é aceitar, e com isso, estou tranquila. As coisas seguem normais. Mesmo com essa atração, eu o trato como apenas amigo e tinha o maior respeito por Karin também. Era só uma atração e eu poderia lidar com isso sem fazer alarde.

Aula vaga finalmente! Sai da sala ajeitando meu vestido seguida da minha colega, Marie. Ela estava discutindo a matéria enquanto eu checava no celular onde o pessoal estava.

- ...e eu não entendi porcaria nenhuma.

Eu ri dela. - Não tenho como te julgar, aquele professor é louco. Uma hora e quarenta minutos de tortura.

Marie era negra, o cabelo era um emaranhado de belos cachos chocolates e seus olhos eram ambar. Era baixa como eu, e muito engraçada.

- Eu vou encontrar o pessoal, quer ir?

- Eu iria, amiga... principalmente para ver aqueles seus amigos gatissimos. Mas vou resolver algumas pendencias. - me deu dois beijos e saiu para outra direção.

Arrumei minha mochila nas costas e sai do prédio aproveitando o calorzinho agradável. De longe vi Sasuke saindo do prédio dele e se despedindo de alguns colegas. Ele usava uma bermuda preta, uma camisa de manga curta da mesma cor e tênis vermelho. Seu cabelo estava amarrado deixando a maioria dos fios longe da nuca.

Meu coração disparar ao vê-lo era completamente normal, só mais algo para se acostumar. Seus olhos escuros me miraram e eu acenei em resposta. Quando ele caminhou em minha direção, parei de andar para esperá-lo.

- Ei.

- Boa tarde, Sasuke. Aula vaga também?

Começamos a caminhar lado a lado.

- Na verdade estou liberado.

- Bom...

Estávamos descendo pelo campus quando vi Hidan, o Hidan, subindo as escadas e a rampa nos acalçando. Seus olhos brilharam ao me ver, com um reconhecimento imediato. Ôh, droga. Não sei lidar com flertes.

- Sakura! Eu sabia que a encontraria em breve, uau... Você... - ele olhou pros módulos atrás de nós enquanto nós paravamos e Sasuke observava atentamente. - Ah, claro! Medicina, não é?

- Sim. Você cursa o quê?

- Ahh, cinema. Fica do outro lado do campus. - ele sorriu. - E aí, Uchiha!

Sasuke meneou a cabeça em resposta.

- Ei, Sakura. Eu queria conversar um pouco contigo, sabe. Você poderia me passar seu número ou algo assim?

- Er.. Claro. Hum..

Ele me estendeu o celular e eu digitei meu número.

- Te mando um oi. Tchau! - me deu um beijo rápido na bochecha, o que me fez corar, e saiu.

Puxei minha franja pra trás da orelha tímida e sorri contida pro Sasuke. Ele arqueou uma sobrancelha e recomeçou a andar ao meu lado.

- Você e o Hidan...?

Sua voz saiu baixa como se estivesse com vergonha de perguntar.

- Ah, não temos nada. - eu ri. - Ainda.

- Hn.

- Você o conhece?

- Ele é colega do Itachi, que também faz cinema. É um membro da Kappa também, mas fica em outra república.

O pessoal estava sentado na grama, incluindo Karin dessa vez, com lanches e alguns fazendo atividades.

- Entendi.

Finalizei o assunto assim que chegamos perto e cumprimentei todos. Ele foi se sentar do lado da Karin, e eu fiquei do lado da Hinata e Ino. Sasori começou a tagarelar com a ajuda de Naruto que ria mais que tudo.

Sasuke puxou um cigarro da carteira e acendeu, logo em seguida tragou e fechou os olhos. Na minha mente surgiu um "sortuda" direcionado a Karin.


Notas Finais


foi mal qualquer errinho


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...