1. Spirit Fanfics >
  2. Ódio se torna amor(vhopekook)(hopekook)(vhope)(vkook) >
  3. Incômodo

História Ódio se torna amor(vhopekook)(hopekook)(vhope)(vkook) - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura amores.

Capítulo 2 - Incômodo


Fanfic / Fanfiction Ódio se torna amor(vhopekook)(hopekook)(vhope)(vkook) - Capítulo 2 - Incômodo

HOSEOK ON

Erá 2:45 da madrugada,e eu me remexia inquieto na cama,os gemidos do nojento do taehyung não me deixava dormir em paz...Então cansado de ouvir os barulhos chatos do idiota do taehyung dizendo:Ai kookie...vai mas rápido blá blá blá.Eu tive uma Idéia.

Eu peguei um blusão preto,minha sandália,e meu celular e sai de meu quarto indo pra porta de saída do appê...Peguei a chave do meu carro e fui pra casa do meu amigo jimin,sem que taehyung ou jungkook percebesse que eu sai.Park jimim sempre me acolhe e cuida de mim quando eu preciso dele,eu o amo de mas.

~~~~

Finalmente cheguei no appê do minie,o avisei que estava a caminho quando eu ainda estava no carro,e ele me deixou dormir na casa dele por essa noite.Bate na porta e ele logo abriu para mim.

-Oi minie...Desculpa te incomodar a essa hora-Ele me olhou sorrindo fofo e disse.

-Você não me incomoda não hobie...Você é o meu melhor amigo...Sempre que precisa vou estar pra você.

Eu o abraço forte e desabo em choro,não queria ter que volta pra aquele appê,não enquanto taehyung esteja lá...Eu contei tudo para jimin e ele me consolou,como sempre foi.Depois disso ele me ajudou a arrumar a cama do quarto de hóspedes.E então fomos dormir,finalmente eu consegui pregar os olhos depois de três dias sem dormir direito.

[ DIA SEGUINTE]

Acordei as 8:50 da manhã,eu esfreguei meus olhos com as costas das minhas mãos e me levantei indo pro banheiro,como eu não tinha levado minha escova de dente,eu peguei uma nova dele e abri...Banhei e vestir uma roupa que jimin me emprestou,depois entregaria as roupas dele que erá uma camiseta preta que vai na metade das minhas coxas,uma boxer nova e uma bermuda curta preta,e também daria uma nova escova de dente para ele depois.

Eu assim que sai do banheiro fui pra cozinha dele,ele estava tomando um suco de morango.Me sentei do lado dele e ele passou a me olhar.

-Muito obrigado por estar fazendo isso por mim...Daqui apouco eu já vou,pois tenho que passar em casa pra mim trocar de roupa pra ir pro meu novo trabalho.

Falo e ele se levantou pondo o copo na piá...Veio até mim e pegou a minha mão direita,me fazendo levantar e o seguir até a sala...Nôs sentamos no sofá e ele começou a dizer.

-Hoseok...Quero te dar um conselho,pro seu bem ok? -Ele segurava minhas mãos e eu fiz que sim com a cabeça-Hobie...Ontem quando você chorou e disse que odeia o kim taehyung...Eu vi que você não está nada bem com esse relacionamento,e isso está te fazendo muito mal.E sei que não tenho nada haver com isso...Mas eu me importo com vc e com o seu bem estar,por isso eu te falo...Você tem que tomar uma decisão,ou conversar com eles e resolver essa situação.Você não está bem com tudo isso hoseok.

Eu suspirei e o olhei nos olhos...Queria da um fim nisso mas meu amor pelo jungkook não me deixa fazer o larga com o kim...Eu acho que só preciso de mas um tempo pra fazer taehyung sair de nossas vidas e tudo volta pro seu devido lugar.

-Minie eu prometo que irei pensar no que está me dizendo...Mas tem outra coisa que eu quero fazer agora-Falo me sentando no colo dele com uma perna de cada lado-Faz meses que eu não transo...Oque você acha de relembramos a época em que a gente dava uns amassos?

Ele simplesmente atacou meus labios em um beijo feroz e recheado de desejo...Eu iria aproveitar pra esquecer por um momento os meus problemas,sei que isso que estou fazendo é traição,mas eu já não ligo mas,já que kook não transa mas comigo e só transa com o taehyung,qual o problema de eu quere um pouco de atenção de meu melhor amigo?

-Sabe hoseok...Eu senti falta da sua boca,de seu corpo...De você gemendo meu nome...Ainda me lembro de você quicando em mim como se a sua vida dependesse daquilo-Fala passando a beija meu pescoço e chupa devagar sem deixar marcas.Eu gemi manhoso,faz tempo que não sou tocado assim,estava sensível a qualquer tipo de toque mas intimo.Eu começei a rebolar no membro do jimin causando uma deliciosa sensação que me fez gemer alto em seu ouvido,ele também começou a gemer pelo prazer que eu le dava...Ele tirou minha camiseta carinhosamente,e logo passou a maltrata meus mamilos com seus lábios grossos e macios.

-Hawm...Ji-jimin.Quero ser seu,quero que me foda com todas as suas forças...Me dê o prazer que a meses eu não sinto hum?hawm que delicia sua boca daddy.

Tirei a blusa dele e arranhei suas costas,ele voltou a me beijar,sua lingua tocava na minha de maneira tão viciante.Eu comecei a beijar seu lindo pescoço macio o fazendo gemer contido...Iria deixar minha primeira marca de chupão nele...Mas alguém passou a tocar a campainha desesperadamente.

-HOSEOK! HOSEOK ABRE EU SEI QUE VOCÊ ESTÁ AI...JIMIN...JIMIN EU SEI QUE VOCÊ TÁ EM CASA..JIMIN SEU MALDITO ABRE...EU SEI QUE VOCÊ SABE ONDE ELE ESTÁ.

Mas que merda o jungkook está fazendo aqui?Ai que ódio...Por que ele tinha que chegar logo agora.

-Vesti sua roupa-Ele falou vestindo a dele,sai de seu colo e logo me vesti.Jimin foi até a porta e a abriu,jungkook vei correndo em minha direção pra me abraçar.

-Nem pensa nisso...Que diabos você veio fazer aqui?

Ele parou e me olhou confuso,ele tinha seu rosto inchado e lágrimas escorria seus lindos olhos.Quase desfiz minha pose de sério e o abracei,mas quando vi jimin na porta mordendo os lábios enquanto via toda a situação calado mudei de idéia.

-Hoseok...Por que não disse que iria sair?

Sério isso que ele disse?...Eu respirei fundo e disse pro jeon com meu tom mas irritado possível

-Vai pra casa...Não erá pra você esta aqui-Falei e ele precia confuso e irritado.Ele me olhou sério e disse

-Mas e você?Vai continuar aqui com esse idiota?

-Isso não é de sua conta jungkook...o único idiota aqui é você,que vem na casa dele e acha que pode o insultar.

-Você é meu namorado...E aonde você está é sim da minha conta sim hoseok.E eu só estou aqui por que estava preocupado com você!

-Jungkook....Por favor vai pra casa.

Tentei me acalmar e mas uma vez o fazer ir embora pra casa...Mas ele não foi.

-Eu não saio sem você hoseok...Você acha mesmo que eu vou deixar você sozinho com esse desgraçado!?

-Olha como você fala dele...Eu que vim atrás dele,eu sou o desgraçado!.Pois eu que vim atrás dele e não ao contrário.

-Hoseok...Por que?...Por que veio atrás dele?

-Quer saber...Eu já vou jimin...Me desculpa por isso,depois te ligo.

Eu sai do apartamento da maneira que eu estava,só coloquei minhas sandálias e peguei meu celular e chave do carro.Desci o mas rápido que pude e adentrei meu carro dando partida indo pra casa.

KOOK ON

Acordei erá 7:00 da manhã,olhei para taehyung que ainda dormia tranquilamente.Selei a testa dele e vestir minha boxer...Fui até o quarto de hoseok pra o dar bom dia.Mas quando adentrei o local ele não estava lá.

-Hoseok meu amor?

Olhei no banheiro e nada,ele não tava em casa,e o novo trabalho dele só erá as 10:00 da manhã.Fui até taehyung e o acordei e perguntei se ele sabia onde hoseok foi,ele disse que não fazia idéia.

Eu e tae resolvemos esperar,mas deu 9:00 da manhã e nada dele,taehyung estava cheio de preocupação com o mesmo,eu também já estava nervoso pelo sumisso do meu pequeno...Eu liguei pra todos os lugares que ele sempre vai,pros pais dele e nada dele,peguei o carro e rodei Seoul quase toda e nada dele.Taehyung começou a chorar me deixando pior por não ter noção de onde ele possa está.Mas ai me lembrei,tinha um lugar no qual eu não fui atrás...Na casa do maldito do Park.

E foi dito e certo,ele estava lá,quando reparei nos lábios de ambos pude notar uma vermelhidão e isso me deixou mal...Odeio esse jimin.

.

.

.

Hoseok saiu as presas do apartamento me deixando só com jimin que olhou para mim sério.

-Agora poderia sair de minha casa?Ou terei que tira você a força?-Pergunta...Caminho pra perto dele e parei em sua frente.

-Seja lá oque vocês tenham feito jimin...Saiba que essa foi a ultima vez-Ele apenas ignorou e apontou para fora,o olhei uma última vez e sai.

Fui pra casa,eu precisava ter uma conversa séria com hoseok..Ele não pode ser tão mal agradecido a mim e a taehyung,tae que ama ele de mas,mas hoseok sempre que pode pisa nele,tae sempre se sente tão ferido quando isso acontece,e sempre que estamos no quarto que erá pra ser de nós três ele chora muito,e me pergunta oque ele tem de errado...Hoseok teria que para de ser assim com ele.

HOSEOK ON

Cheguei em casa e bate a porta ao adentra,quando ia passar por taehyung que morria de chorar,esse me olhou e disse.

-Hoseok...

O ignorei e entrei em meu quarto batendo com toda minha raiva a porta,ai que ódio do jungkook...Isso não vai ficar assim.

Ouvi a porta de entrada ser aberta e logo batidas na porta de meu quarto seguida da voz do jeon.

-Hoseok...Abre essa porta,por favor!...Meu amor me deixa conversa com você.

Peguei meus fones e coloquei no maximo em uma música aleatória...Eu me deitei na minha cama e derramei minhas lagrimas....Estava me sentindo mal,eu só queria voltar a minha vida de antes dele,taehyung chegar.Depois de ele tanto insistir,as batidas na porta pararam e a voz dele virou um completo silêncio.

-Como eu te odeio kim taehyung.-E passo a chorar novamente.


Notas Finais


Até logo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...