História Of Days Gone By - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bungou Stray Dogs
Personagens Atsushi Nakajima, Ryuunosuke Akutagawa
Tags Akutagawaxatsushi, Bsd, Drama, Manxman, Shin Soukoku
Visualizações 31
Palavras 303
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, LGBT, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Slash, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Homossexualidade, Suicídio
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Just...another sad story...

Boa leitura!!!

Capítulo 1 - Um


Fanfic / Fanfiction Of Days Gone By - Capítulo 1 - Um

Já faz um mês desde que voltei. Tenho o livro que escrevemos juntos lançado, e o que escrevi sobre ti guardado na gaveta bem ao lado da minha cabeceira. 

Por vezes encontro-me a lê-lo, acreditas? Não, vamos ser sinceros, eu tenho de o ser, não é por vezes, é sempre, todos os dias, eu não consigo dormir sem o fazer. 

As pessoas parecem felizes com meu retorno, finalmente aliviadas pelo fim da minha crise existencial. Eu não sei o que dizer à elas ou fazer para elas além de sorrir e dizer que os meus tempos de angustia sem fim chegaram ao fim, que os meus tempos passados e vividos sendo aquilo que a sociedade julga como falso esvaneceu em fumaça pelo como tu esvanceste como cinza nas agitadas águas do mar. 

Eu sei, tu terias preferido o lago. Aquele maldito lago! Mas eu pensei que pôr-te em repouso em um horizonte tão limitado seria cruel da minha parte tendo em conta o quanto ansiavas pela liberdade. 

Sim, liberdade. Encontraste-a? Na vida em que estás a viver — isto é, se já reencarnaste —, encontraste nela a tua tão amada e sonhada liberdade? Alcançaste-a, Ryuunosuke? 

Eu estou a fazer-te a pergunta, mas tenho medo da resposta. Não imaginas quanto. E esse medo me atormenta. Me atormenta mais do que qualquer crise de existência alguma vez atormentou, me sufoca como nunca o medo julgamento pelo outros, pelo que é dito e eu tenho apenas de assentir como resposta, alguma vez sufocará. 

Mas apesar disso eu espero que a tua resposta seja sim. Um sim claro e penetrante em seus decibéis como o teu raro riso era, com a tua voz forte e vívida como nunca foi quando estavas ao meu lado. Sim, mesmo assim. 

Espero que tenhas encontrado alento, Ryuunosuke, porque eu ainda estou perdido. 


Notas Finais


Espero que tenham gostado e desculpa qualquer erro 😊😊


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...