1. Spirit Fanfics >
  2. Off The Wall >
  3. O beijo da lembrança

História Off The Wall - Capítulo 35


Escrita por:


Notas do Autor


Alerta: Hot😯❤

Capítulo 35 - O beijo da lembrança


- Você é mais linda que todas as estrelas do céu juntas... 

Ficamos em silêncio por alguns segundos apenas trocando olhares, até que eu levo minhas mãos a seu rosto e puxo lentamente para o encontro dos meus lábios. No início foi um selinho, mais depois comecei a aprofundar o beijo e ela não recuou, o beijo era quente e intenso, paramos devido a maldita falta de ar. 

-Senti tanta falta de  seus lábios, de você. ~Sussurro baixinho com a testa grudada na dela e com minhas mãos ainda em seu rosto. Mas assim que assim que termino de falar ela desmaia em meus braços.

- Minnie, Minnie, se for brincadeira pare por favor. ~ Falava dando tapinhas em seu rosto. Carreguei ela e Levei correndo para dentro de casa.

Iasmim on

Quando fui trocar a lente, tropocei não sei no quê e quase caí no chão, então Michael me segurou e me puxou para perto dele. Nesse momento ouve troca de olhares e ele acabou me beijando, eu não impedi, pois havia uma chama em mim que queimava mais que o sol, e um desejo me consumindo por inteiro, senti coisas que me despertaram emoções muito fortes e inexplicáveis. Quando nos afastamos ele sussurrou algo mais não ouvi direito, e do nada senti uma forte pontada na cabeça...

Michael on

- Será que chamo um médico, ou deve ser um mal estar passageiro? ~me perguntava enquanto a estirava no sofá.

Decidi esperar um pouco antes de chamar o médico. 

[...]

Meia hora depois ela ainda não tinha acordado, então devido chamar o médico. Pego o telefone e disco o número.

- Boa noite, gostaria de falar com... ~ Deixo o telefone de lado quando vejo Iasmim se mexendo.

- Iasmim? Minnie. 

- Oii. ~ ela respondeu se espriguiçando.

- Você tá bem eu...

- Foi a Camilla. ~ ela me interrompe e fala baixo.

- O quê? 

- Foi a Camilla. ~ela fala mais alto, me abraça e começa a chorar.

- Ei, ei o que foi? ~falei fazendo carinho no cabelo dela.

- Eu me lembro de tudo, recuperei a memória. ~ela fala ainda abraçada a mim.

- Sério? Meu Deus meu amor que incrível! ~ falo animado.

- Meu amor? 

- Sim meu amor.

- Ainda sou seu amor?

- Nunca deixou de ser. ~falo e tento beija-lá mais ela vira o rosto.

- Depois falamos sobre nois dois, foi a Camilla e o Rodrigo que tentaram me matar.

- Você tem certeza? 

- Sim, eu me lembro quando tava no hospital, uma pessoa tava falando comigo, eu não vi maia ouvi. Era a voz dela, a voz da Camilla! Ela e irmão dela que por acaso é o noivo da minha irmã fizeram isso, tenho certeza!

- Amanhã vamos falar com sua irmã e prestar depoimento na delegacia, elea vão ter que desarquiva o caso.

- Minha vida é uma bagunça. ~ela fala rindo.

- Percebeu?

- O quê?

- Você recuperou a memória logo depois que lhe beijei. ~falava com um sorriso no rosto.

- Sim percebi. ~ ela falou meio séria e estranhei.

- O que houve? Não tá feliz?

- Tô, muito. É que... 

- É que...?

-Não sei se é uma boa nós ficarmos juntos. Pronto falei. ~disse bem rápido.

- Tá brincando? ~ele pergunta rindo.

- Não é sério, com você eu não vou estar em segurança, essas coisas sempre vão ter um risco de acontecer, eu não quero parar minha vida novamente ou definitivamente isso não só me prejudica quanto a você. Você merece coisa melhor, é só virar na esquina que você encontra uma garota que gosta de você.

- Você está sendo egoísta. ~Falo ríspido.

- Egoísta eu? Por quê eu tô pensando na minha vida, em viver? ~ela fala num tom de voz alto.

- Eu amo você, sempre amei. Todos os dias que você tava lá deitada naquela cama entre a vida e morte eu tava lá com você, eu parei meu mundo por você, e só não te dou o mundo,  por que ele já é você. Sempre fiz tudo para te fazer feliz e você vem com esse papo? Não acho justo o que esteja fazendo comigo. ~ Ela não disse nada, apenas deixou as lágrimas correrem pelo seu rosto, levantou e correu até o quarto em que ela estava e se trancou.

Iasmim on

Subi as escadas e fui para o quarto correndo. Eu não sei o que fazer, estou perdida, amo ele mas sempre estou correndo risco de vida.

Entro no banheiro e esqueço completamente que não tenho roupa, abro os presentes e pego a camisola de renda que Maria me deu, não queria usar mas era a única coisa que tinha.

Me sentei na cama e fiquei pensando em toda situação até que escuto a porta se abrindo. Me deito rápido na cama, era Michael e não tava afim de conversar.

Michael on

Entro no quarto e Iasmim tava deitada, aparentemente dormindo, só que eu sabia que ela não estava. Ela só dorme coberta até o pescoço, e nesse momento ela não tá se cobrindo com nada. Ela tava Linda como sempre.

Apenas me deito ao lado dela na cama, e penso em como desmacara-lá. Ela estava deitada virada de costas para mim.

Iasmim on

Senti Michael deitar na cama, até que ele afasta meu cabelo para o lado e beija meu pescoço, o que me faz arrepiar.

- Eu sabia que você tava acordada. ~ele fala sussurrando.

- Michael, por favor vai embora, tô pedindo.

- Não antes de você olhar nos meus olhos e dizer que nosso amor não é suficiente para superar qualquer barreira. ~ ele fala e gruda seu corpo ao meu, me fazendo sentir sua ereção rígida em minha bunda, ele começa a roçar seu membro lentamente em mim e a beijar meu pescoço.

- Aah, Michael por favor... para ~tentava falar só que acabava gemendo baixinho com seus movimentos, até que ele foi aumentando a velocidade da roçação.

- Não sabe o quanto foi difícil esses anos para mim, sentir tanta sua falta, do seus conselhos, sua companhia, sua boca, seu sabor, tudo... Por favor não me deixe. ~ ela fala e me vira de barriga pra cima e ataca minha boca e me beija ferozmente, enquanto praticamente rasga minha camisola.

- Eu te amo. ~ Falo e levo minhas meus braços em volta do seu pescoço e retribuiu o beijo na mesma intensidade. 

Nos despimos por inteiro, até que Michael por cima de mim começou a massagear  meu clitóris com seus dedos, enquanto me beijava. Eu gemia alto e ele não parava com os movimentos. 

Depois de um tempo, empurrei ele fazendo o deitar na cama e comecei a fazer movimentos de vai e vem com minha mão e seu membro logo depois abocanhei, fazendo ele dar um gemido.

Michael on

Ela faz movimentos de vai e vem, passa sua lingua na cabeça de meu membro e chupa com vontade, ela sabe como me enlouquecer com sua boca, aliás ela inteira me enlouquece. Eu gemia e a ajudava nos movimentos com minha mão em sua cabeça.

- Eu não aguento mais. ~falei e em movimento rápido a deitei na cama e me posicionei entre suas pernas. Penetrei ela rapidamente, que gemeu muito alto.

[•••]

- Ohhh, Michael. Não para!

- Não vou parar meu amor. ~digo me controlando para não gozar ao ouvir ela gemer implorando para não parar.

Continuei a penetrando rápido e com força.

- Promete que nunca vai desistir de nois dois? ~falava com dificuldade.

- Pro... Prometo. ~ela fala com dificuldade, com a cabeça jogada para trás e de olhos fechados, apenas gemendo baixinho.

- Goza para mim, meu amor! Deixa meu p** ainda mais molhado, quero sentir você contrair ele enquanto geme gostoso.

- Michael, ahhhhh! ~logo em seguida sinto suas contrações internas e vejo que está gozando. Seus sons e movimentos são demais para mim e gozo logo em seguida.

Suados, Deitamos e ficamos parados por um tempo.

- Tô com sede. ~Iasmim fala rompendo o silêncio. 

- Eu te fiz suar tanto assim foi? ~ pergunto rindo dela. - Daqui a pouco vamos beber água ok? Também estou com sede. Deixa eu me recuperar aqui.

Acabou que eles nem pegaram a água e acabaram dormindo abraçados...







Notas Finais


Finalmente nosso casal juntinhos né não? ❤ As coisas vão ficar feias pro Rodrigo e camilla


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...