1. Spirit Fanfics >
  2. OFFICE - STEREK >
  3. Parte 25

História OFFICE - STEREK - Capítulo 25


Escrita por:


Notas do Autor


Bom dia leitores! Mais um capítulo disponível! Como sempre espero que gostem! Inclusive digam nos comentários o que estão achando da reta final. Provavelmente só vão ter mais dois capítulos.

Capítulo 25 - Parte 25


- Você chorava toda vez que assistia. - Ela riu. 
Estávamos de frente a tv enquanto preparava um filme para podermos assistir. Derek estava ao meu lado enquanto ela e Jackson estavam no outro sofá. O filme em questão era Pra sempre ao seu lado. Breaden estava começando a me irritar. Está certo que ela deve estar com saudades de Derek. Mas se eu realmente fosse começar alguma coisa com ele, ela precisava se controlar mais. 
- Eu não chorava. - Disse ele. 
- Chorava. - Insistiu Jackson. - Até eu chorava Derek. 
- E você Stiles o que gosta de assistir? - Ela perguntou. 
- Eu gosto de filmes de terror e comédia. 
- Eu também adoro terror. - Disse Derek. 
- É sério? Eu detesto. - Ela sorriu. 
Foi quando o filme começou. Ela veio então se sentar ao lado de Derek. E apoiou sua cabeça no seu ombro. Acho que minha cara de ódio ficou muito visível pois ele ficou desconsertado na mesma hora e olhava para mim tentando se comunicar com o olhar. Mas eu apenas mantive minha visão para a tela. 
Assistimos ao filme e dessa vez Derek realmente não chorou. Talvez por estar tenso com tudo aquilo. Enquanto Breaden e Jackson iam até a cozinha para pegar a pizza que pedimos. Derek veio até mim. 
- Olha Sti... 
- Derek não começa tá legal? - O interrompi. - Acho que não podemos começar alguma coisa... 
- O que? Não! 
- Você ainda tem uma ligação com ela. 
- Eu vou conversar com ela agora tá legal? - Disse ele. - Eu quero te ter comigo logo. 
- Derek talvez não seja a hora. 
- Não fala isso. - Ele disse. - Eu preciso de você Sti... 
- Passamos por muita coisa. - Insisti. - Era natural você sentir isso... Mas talvez não seja algo que vá durar. 
- É claro que vai. - Disse ele. - Não me dê um bolo Sti... Eu realmente tenho certeza do que sinto por você. 
Fiquei em silêncio durante um tempo. Até que uma lágrima escorreu dos meus olhos mas eu rapidamente a limpei. Ele então me abraçou e permanecemos assim durante alguns segundos. 
- Eu estou apaixonado Sti... Eu estou apaixonado por você e não vou abrir mão de nós.
Nós nos separamos e continuei em silêncio enquanto ele olhava para mim. Decidi concordar e ver no que ia dar. 
- Eu acho que eu vou pro quarto. 
- Tudo bem. - Ele disse. - Eu vou conversar com a Breaden. 
- Certo. - Sorri. 

 

 

 

Voltei para a sala e a encontrei com Jackson. Eles ainda assistiam tv. Estava um pouco temeroso com o que iria falar. E como iria falar. Mas tinha que tomar coragem. Se queria ter o Stiles comigo era preciso. Me aproximei dos dois. 
- Breaden eu poderia falar com você? 
- Tudo bem. - Ela disse se levantando e me seguindo até a cozinha. 
Jackson permaneceu na sala. Enquanto andava tentava formular uma forma de dizer o que precisava sem parecer grosso. Mas acabei desencanando pois havíamos terminado antes da minha viagem para Chicago. Poderia começar por aí. 
- E aí Derek pode falar. 
- Então. - Fiz uma pausa. - Eu quero que saiba que estou começando um relacionamento com o Stiles. 
Ela a princípio continuou em silêncio estática em minha frente. Até que um sorriso apareceu em seu rosto e do nada começou a rir. Aquilo já estava me deixando irritado. 
- Qual é a graça? 
- Desde de quando é gay? 
- Eu não sei se sou gay. 
- Ah então Stiles é uma menina disfarçada - Ela riu. - Bem que desconfiei. 
- Olha eu ainda não sei bem o que sou. - Disse. - Mas sei que o que eu sinto por Stiles é muito forte.
- Mas forte do que sentia por mim? 
- Isso não vem ao caso. - Disse. - Nós já tínhamos terminado.
- Nós já terminamos diversas vezes. 
- Mas essa foi definitiva. 
Ela riu novamente e foi até o armário que havia uma pequena adega. Lá ela pegou uma garrafa de vinho e colocou em uma taça de e se sentou na bancada da cozinha. 
- Derek eu te conheço desde que se formou. - Começou ela. - Você sempre foi o garanhão a onde passava. Deve ter ficado com metade das meninas da sua escola e depois da faculdade. - Ela riu levando a taça até a boca. - Eu tenho certeza que essa fase sua é apenas um delírio. 
- Breaden eu não sou criança. - Disse me aproximando. - Eu sei o que eu sinto. 
- E o que sente por mim? - Ele colocou seus braços em volta do meu pescoço. 
- Qualquer coisa menos amor. - A afastei. 
No momento que ia até a sala vi Stiles com a cara péssima olhando para nós. Não sabia quando tempo ele estava ali. Nem o quanto ele tinha escutado da conversa. 
- Olha quem está aí. - Disse ela rindo. 
- Sti... - Disse me aproximando segurando sua mão. 
- Derek... O Paul morreu. - Ele tinha tristeza em sua voz. 
- O que? - Um aperto gigantesco atingiu meu peito. 
- Seu celular tocou e eu atendi. - Disse ele com desespero. - Era alguém do escritório que quis te avisar. - Ele fez uma pausa. - E o pior... - Ele olhou para o chão. - O pior foi que ele morreu atropelado por um carro sem placa que não parou pra prestar socorro. - Ele olhou dentro dos meus olhos. - E eu acho que você sabe de quem é esse carro. 
No momento que ele disse a última frase tudo ficou escuro. A luz de todo o apartamento foi cortada. Minha reação espontânea foi de segurar sua mão. 
- Temos que sair daqui. - Disse. - Temos que sair agora! 

 


Notas Finais


Desculpe os erros e até a próxima!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...