História Ohh Meu Chefe - Imagine Lay EXO - Capítulo 20


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, G-Dragon, Jennie, Jisoo, Kai, Kris Wu, Lay, Lisa, Lu Han, Rosé, Sehun, Seungri, Suho, T.O.P, Taeyang, Tao, Xiumin
Tags Baekhyun, Chanyeol, Chen, Drama, Exo, Exo Hot, Jennie, Kai, Kris, Lay, Lay Hot, Luhan, Romance, Sehun, Suho, Suho Hot, Xiumin, Ztao
Visualizações 528
Palavras 1.877
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Gente esse Pov da Jennie vai começar desde a festa na boate.
Espero que gostem haha♥
Vamos botar fogo no parquinho! <3

Capítulo 20 - Ztao e a Causa Disso Tudo


Fanfic / Fanfiction Ohh Meu Chefe - Imagine Lay EXO - Capítulo 20 - Ztao e a Causa Disso Tudo

Jennie's POV On

-- Ela abriu as pernas? - chego perto do Lay. -- Não precisa nem me responder, eu vi como ela estava.  - dou uma risada maléfica. 

-- Como você pode ser tão má? - ele me puxa pela cintura. 

-- Eu não sou má, eu  so estou dando o troco. - começo a beija-lo com vontade.

-- Você não tem medo que ela descubra? - ele para o beijo. 

-- Não. - sorri. -- Ela e tão lerda que não vai perceber oque estamos fazendo amor. 

-- Nós já vamos! - fala Jisoo, Rosé e Lisa.

-- Nossa que sincronia. - sorri e olho para o Lay.

Elas riem. 

-- Se eu fosse vocês, eu sairia daqui, imagina se (S/L) volta e pega vocês assim. - fala Rosé. 

-- Relaxa. O Suho levou ela daqui faz tempo. - sorri e dou um selinho no Lay.

-- Tá bom então. - Rosé sai andando e as meninas vão atrás. 

-- Agora me diz uma coisa. - Lay me olha. -- Aonde você quer chegar com esse seu plano diabólico? 

-- Amor vamos parar de falar isso, Ok? - lhe dou um selinho demorado. 

-- Mas... - tampo a boca sua com o dedo.

-- Mas nada. Agora vem! - sorri maliciosa e o puxo pelo braço. 

Saimos da boate, entramos no seu carro e fomos para a sua casa.

-- Oque você quer que eu faça amanhã? - Lay me olha. 

-- O mesmo de sempre, seduzi-la! - coloco a cabeça para fora do carro.

-- Hm... - ele continua a dirigir. 

Recebo uma ligação.

-- Iai Bin, ele aceitou?

-- Sim, mas disse que não vai ficar muito tempo lá não. 

-- Diz pra ele relaxar que meia hora e o suficiente. A Krystal concordou? 

-- Sim, mas ela falou que não quer fazer muita coisa, até porque a (S/L) e amiga dela também.

Dou uma risada fraca. 

-- Ela e amiga dela? Eu acho que quando a (S/L) descobrir que ela me ajudou, ela não será mais amiga de ninguém.  - começo a rir feito louca.

-- Para de ser besta Jennie, fica quieta com os teus comentários sem graça ou vai ficar sem a nossa ajuda.

-- Tá bom, tá bom eu parei. 

-- Agora eu preciso desligar!

-- Oxe, porque? 

-- Lembra que tenho uma festa para planejar? 

-- Ah e mesmo, Sorry! 

-- Tchau! 

-- Tchau e não esquece que o Sehun tem que estar lá de qualquer jeito, Ok? 

-- Ok.Ok. - Ele desliga o celular. 

-- Quem era amor? - Lay me olha.

-- O Bin! - sorri.

-- Então lá ja está tudo certo? - o sinal abre e ele volta a atenção para a estrada. 

-- Siim. - sorri. -- Você já sabe oque tem que fazer, né? 

-- Sim, eu sei! - ele da um sorriso fraco. 

Lay era muito certinho e não gostava de fazer aquilo que eu pedia, mas eu tinha que pedir aquilo, esse era o único jeito que eu tinha de me vingar da (S/L). Quando nós estávamos na faculdade, eu estava apaixonada por um cara muito gato que estudava na nossa sala e eu havia falado pra (S/L) que eu gostava muito dele, mas ela não se importou com isso e acabou ficando com ele, o nome dele era Ztao, tinha a mesma idade que eu, era belo e tinha o tom de pele um pouco mais escuro que o nosso, ele era um cara perfeito, bem estiloso, falava bem e além de tudo era bem gato. Eu gostava muito mesmo dele, mas ele não ligava pra mim, ele só tinha olhos para a (S/L), toda vez que eu achava que ele estava olhando para mim ele olhava para a (S/L), era (S/L) pra cá, era (S/L) pra lá, teve uma vez ele veio falar comigo, eu tinha esperança que ele me chamasse para sair ou algo parecido, mas ou invés disso ele veio me pedir o número da (S/L), eu a besta naquele tempo dei o número dela, então depois disso eles ficaram, namoraram e depois terminaram pois o Ztao tinha que se mudar para a China e a (S/L) não poderia acompanha-lo. Desde aquele tempo eu tentei achar vários modos de me vingar da (S/L), até que uns dias atrás eu vi que ela estava procurando um emprego, pois não durava em nenhum, ela tinha comentado comigo que iria fazer uma entrevista na empresa do Lay, então me veio a cabeça, o Lay e bonitão, tem o mesmo estilo de homem que a (S/L) gosta e além de tudo e meu namorado, oque daria de errado se ele a seduzi-se? Claro que nada, seria o tipo de vingança perfeito. Fazer-la se apaixonar loucamente por ele e depois que ela ja tivesse se apaixonado, simplismente ele a largaria e assumisse ser meu namorado, seria uma vingança perfeita, que a faria sofrer do mesmo jeito que eu sofri.

(...)

-- Amor! Acorda!  - falo deitada do lado do Lay. 

-- Ohh amor, você não pode deixar isso de lado só hoje? - ele abre os olhos lentamente. 

-- Não moh. Vai levanta! 

-- Ta. Ta. - ele levanta e vai tomar banho. 

(...)

-- Como eu estou? - ele termina de se vestir. 

-- Maravilhoso!  - sorri. -- E eu? Como eu estou? - falo deitada na cama vestida com uma blusa dele.

-- Sexy! - ele me olha safado.

Sorri maliciosa. 

-- Me da um beijinho? - fico na ponta da cama. -- Quero estrear essa boca antes que aquela boca nojenta da (S/L) te beije. - faço bico.

-- Você sabe que pode parar isso né?  - ele se aproxima e me beija. -- Sei, mas já que comecei eu quero terminar! - sorri e o beijo.

(...)

-- Iai como foi? - Lay me atende. 

-- Chato amor, essa garota e muito difícil! 

Sorri.

-- Relaxa amor, ja ja ela para disso. 

-- Aff ok. Quando vai ser essa sua viagem para me aproximar dela?

-- Amanhã. 

-- Nossa já? 

-- Meu amor, quanto mais rápido melhor. 

Ele da uma risada.

-- Eu não sei oque fazer com você! 

-- Sabe sim. - dou uma risada. -- Sabe fazer coisas comigo muito melhor do que com qualquer outra pessoa.

-- Ta ok. Eu tenho que desligar, te amo! 

-- Também.  - desligo o celular. 

-- Hm.. ja estou imaginando a cara da (S/L) amanhã. - sorri.

(...)

-- Precisava mesmo levar ela nos braços, amor? - falo baixo enquanto estavamos no corredor da casa de meu tio.

-- Você pediu para eu ser o mais romantico possível não e?

-- Ee mais isso já e demais! - cruzo os braços.

-- Ahh então quer dizer que isso e mais do que transar com ela? - ele me encara.

-- Não. Não. 

-- Ahh bom. - ele me beija.

-- Você está louco? Imagina se alguém nos pega assim. - saiu de perto do próprio. 

-- Calma amor! Todo mundo ja esta dormindo. 

-- Não quero saber, agora vai para o seu quarto! - fico nervosa. 

-- Ta. - ele sai com raiva. 

(...)

-- Meu Deus, que briga foi essa? - sorri para o Lay.

-- Não sei amor. - ele sorri. -- So espero que ela não faça o mesmo com você. 

-- Ela nem e louca. 

-- Mais quem sabe ne?

-- Mudando de assunto, você vai ficar aqui quando nós sairmos, Ok? - o olho seria. 

-- Já sei, ela vai ficar na casa e você quer que  eu agarre essa oportunidade como ouro.

-- Sim. 

-- Mas se ela me perguntar porque eu fiquei, oque eu vou falar? 

-- Ela não vai perguntar, ela não vai ter nem tempo pra isso. - sorri maliciosa. 

Ele da uma risada.

-- Use os seus truques com ela e ela ficará caidinha por você! 

Ele sorri e sai do meu quarto. 

Todos nós saimos da casa. Eu estava cheia de esperança que ela se apaixonasse por ele.

(...)

Abro a porta e vejo ela beijando o Lay.

Hm.. Deu certo!!

Depois de falar da história do Jackson, falo do GD e saiu do quarto. Eu tive que ficar com o Jackson, eu não queria que ela tivesse qualquer suspeita de mim com o Lay e a história do Show do GD seria uma oportunidade perfeita para testa-la e saber se ela ja estava apaixonada pelo meu Lay.

-- Você e o cara bebê! - o beijo quando saiu do quarto. 

-- Amor aqui não. 

Sorri. 

-- Relaxa!  - lhe dou mais um beijo e vou para o meu quarto. 

(...)

-- Jisoo, você tem que ir lá no quarto da (S/L)! 

-- Pra que? - ela me olha confusa. 

-- Preciso que você veja se ela esta bem arrumada ou não. - pego um brinco meu. -- Chega lá e pede para ela colocar em você. Toma! - lhe dou o brinco. 

-- Ta ok! - ela da um sorriso fraco e vai até o quarto da (S/L).

-- Iai? Ela ta ou não? - Jisoo fecha a porta do meu quarto. 

-- Ela não está arrumada. Satisfeita?  

-- Sim. Mas que ignorância e essa? 

-- Você quer que eu fique feliz em chegar lá nela para espiona-la? - ela me encara. -- A vingança e sua mas não me envolva mais nela, Ok?

-- Tá bom! - sorri fraca.  -- Agora sai. 

(...)

Passamos pelo carro do Lay parado.

Hm... ela deve esta beijando ele.

Isso e bom.

Sorri e buzino. Eu posso até gostar de saber que ela estava beijando o Lay, mas se aproveitar demais ja e muito né? 

(...)

Vejo a (S/L) voltar. Ela me fala que não ficou com o GD e eu fico aliviada. 

Então ela está gostando mesmo do meu Lay?

-- Lay agora você ja pode vim. - falo no celular um pouco longe da (S/L).

-- Oi bebê!  - Lay chega perto de mim.

-- Oi vida! Agora e hora de você agir, Ok? - lhe dou um selinho. 

-- Tá bom.  - ele fala sem ânimo. 

Depois de inventar a história de que eu iria ficar com o Jackson denovo saiu de perto dos dois, vou para perto das meninas que estavam coladas com alguns caras, mas que não eram mais os amigos do Jackson. 

-- Obrigada meninas! - chego perto delas. -- Obrigada por mentir!

-- De nada.. - elas falam de viram a cara para mim.

Olho para o palco e vejo o GD falar da (S/L), sorri ao pensar que ela rejeitou o cara com quem ela ja teve a química mais quente da vida dela. Isso so me confirmava que ela estava gostando do meu Lay.

(...)

Ja depois que o Lay ea (S/L) foram embora, resolvo ir tomar um banho de piscina, a água estava tão boa, o clima também e até o meu ânimo estava uma maravilha. Resolvo curtir o dia.

Ja sendo quase hora de anoitecer, resolvo ligar para o Lay.

-- Amor?

-- Amor, eu acho melhor pararmos com essa sua vingança.

-- Oxe, oque aconteceu? 

-- Ela falou que me amava!

Fico surpresa. 

-- Mas já?  Pensei que ela iria demorar um pouco. 

-- Também achei isso, mas ela falou.

-- Poxa... pensei que eu iria me divertir mais um pouco.

-- Oquer você quer que eu faça? 

-- Começa a rejeitar ela! Faz do seu jeito.

-- Ta ta eu vou dar meu jeito.

Escuto a voz da (S/L) e ele desliga. Sorri.

Agora eu tenho que esfregar na cara dela que o Lay e meu namorado! 

Aaaa como isso vai ser  prazeroso! 

Jennie's POV Off





Notas Finais


Nossaaa... eu tinha esperanças que a Jennie fosse boazinha :(
Mas por um lado eu entendo ela, ela sofreu muito por causa do Ztao, mas sla né gente...
Até o próximo capítulo! ♥
KKKKK #fogonoparquinho.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...