História OK!I Love You - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Wanna One
Personagens Daehwi, Guanlin, Jaehwan, Jihoon, Jinyoung, Jisung, Kang Daniel, Minhyun, Personagens Originais, Seongwoo, Sungwoon, Woojin
Tags Blackpink, Daeyoung, Eu Shippo Quem Eu Quiser, Gualin+daniel, Minhwan, Minhyun+seongwoo, Ongniel, Panwink, Wanna One
Visualizações 178
Palavras 998
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi gente...Nos vemos nas notas finais.

Capítulo 7 - Você já reparou em mim?


Fanfic / Fanfiction OK!I Love You - Capítulo 7 - Você já reparou em mim?

SeongWoo

As aulas haviam se encerrado por hoje, e todos iam em destino a saída da escola.

Eu e MinHyun íamos em direção ao seu carro já que ele se oferecera para me levar até em casa. Porém escuto Daniel gritar pelo meu nome, fazendo com que eu e MinHyun nos virasse.

— Hum? O que você quer Daniel?.- Pergunto de braços cruzados.

— Eu queria conversar com você! Poderíamos almoçar num restaurante que Woojin me recomendou!.- Diz já próximo.

Eu não tinha nenhum compromisso hoje, mas também não tinha nenhum motivo para conversar com Daniel e também não conseguia imaginar nenhum motivo para ele quer conversar comigo, mas eu não vejo problemas em aceitar o convite.

— Okay! Tem algum problema seu eu sair com Daniel agora?.- Pergunto a MinHyun que encarava Daniel meio confuso.

— Não, não tem problemas!.- Diz se virando novamente e entrando em seu carro.

Isso não me pareceu tão convincente, porém resolvi deixar pra lá.

•••

— O que quer conversar comigo Daniel?.- Pergunto enquanto analisava o cardápio.— Pode não parecer mais eu não tenho todo o tempo do mundo!.

— Eu queria conversar sobre nós!.-Diz me fazendo arregalar os olhos me assustando com o que eu acabou de dizer.

— Nós?!.- Pergunto surpreso quase me engasgando com minha própria sálvia.

— Sim! Bem eu acho que nossos beijos, as palavras e olhares que já trocamos!Enfim eu acho que estou gostando de você.- Daniel diz da forma mais natural do mundo.

— Você acha o que?!.- Pergunto não acreditando no que ouvi.

KANG DANIEL É UMA CAIXINHA DE SURPRESAS NÉ?!!!

— É eu acho que estou gostando de você, e não acho que com você seja diferente!

— E por que você acha isso?!.-Pergunto tentando não parecer tão surpreso.Porém é impossível.

— Por que eu noto o quando te incomoda me ver com outras pessoas! Vulgo Yoona.-- Diz me fazendo rir.

Na verdade eu forcei uma risada já que esse idiota tinha conseguido me deixar nervoso com o que ele havia dito.

— Eu só não gosto dela!Não é ciúmes!.- Digo sentindo minhas bochechas queimarem.-- Eu não sinto nada por você!

— Então por que suas bochechas estão vermelhas?.- Pergunta rindo da minha cara.

— Você me deixou envergonhado!.-Digo irritado.

— Envergonhado por eu saber que você sente algo por mim?

— Acho que o que eu sinto por você eu sempre fiz questão de deixar bem claro! Que é raiva!

— Você não pode sentir raiva de mim!.- Daniel diz sorrindo.

— E por que não?.- Pergunto meio indignado.

— Por que você gosta de mim!

— Daniel olha aqui sabe aqueles beijos?.- Ele acente positivamente.-- Você que me agarrou em todos eles!.- Digo de braços cruzados.

— E você não me rejeitou em nenhum deles!.-- Diz sorrindo ainda mais ao ver minha cara.

— Você se aproveitou das situações!.-Digo descruzando os braços.

— Então que tal se eu te conquistar? Não há dúvidas que eu seria o melhor namorado!.

— Eu não sou uma pessoa fácil Kang, não é qualquer um que consegue me conquistar.- Digo rindo.

— Eu sei! Mas eu não sou qualquer um Ong SeongWoo! Mas agora me dê uma dica de como amolecer isso aí! -Diz apontando pro meu peito.

— Eu vou te dar três dicas!Primeira! Se afaste da Yoona! Segunda me surpreenda! E terceira desista!.-- Digo fazendo nosso pedido ao garçom.

— A primeira e a terceira dica me pareceram um pouco difíceis de acontecer.-Daniel provoca recebendo um olhar mortal do Ong.

— Sério? Ela te parece tão importante assim?.- Pergunto sem o encara-lo.

— Na verdade não! Mas é gratificante te ver com ciúmes!.-Diz rindo.

•••

MinHyun

Eu resolvi beber, não beber para ficar bêbado, beber para relaxar mais um pouco e tentar esquecer pelo menos temporariamente algo, ou melhor alguém, Ong SeongWoo.O beijo que ele havia me dado não saia da minha cabeça, sentir a textura de seus lábios foi maravilhoso, porém pensar que ele precisava estar bêbado para que isso acontecesse acabava comigo.

— Mais uma por favor!.-Peço ao barman.

— Enchendo a cara na semana Hwang MinHyun? Nunca imaginei que alguém tão popular como você pudesse fazer em um bar numa hora dessas.

Tentando esquecer alguém mais popular ainda?

— JaeHwan certo?.-Pergunto e ele acente positivamente.--Eu só estou com alguns problemas!

— E o álcool já resolveu algum desses problemas?

— Não! Infelizmente não!.- Digo virando o copo de vez e pedindo mais um.— E você? O que faz aqui? Também veio pedir consolo a bebida?

— Não! Longe disso! Eu só vim trazer uns documentos pra um amigo que trabalha aqui! Desculpa perguntar mas são problemas familiares? Eu posso tentar te ajudar!

— Vejamos que eu me apaixonei pela pessoa errada!.-Digo apoiando meu cotovelo no balcão.

— E qual é sua definição de "pessoa errada"?.- Diz fazendo aspas com os dedos.

—Um amigo?.-Pergunto retoricamente.

— E esse amigo…sabe que você gosta dele?

— Eu nem sei! Sabe mesmo antes de nós sermos tão próximos eu já sentia algo por ele, e eu achei que se nos aproximassimos mais, ele perceberia, porém eu pareço ser tão invisível pra ele.- Digo suspirando, eu nunca nem havia trocado palavras com JaeHwan para estar me abrindo com ele dessa forma, porém eu sinto que posso confiar nele e meu estado alcoolizado também não permitia que eu ficasse quieto.

— Esse seu amigo é o SeongWoo?.-Pergunta me encarando, como se apenas esperasse uma confirmação.

— Sim! Mas como você sabe?.-Pergunto o encarando meio surpreso.

— Sabe qualquer um que para pra reparar em você notaria a forma como você fala com ele, qualquer um que reparace em você notaria a forma como você sorri pra ele! Seus olhos parecem brilhar quando você está com ele MinHyun.-- Diz desviando o olhar do meu e suspirando como se houvesse se arrependido da forma como havia falado, ou do que havia falado.

— E você?

— Eu o que?.-Pergunta me encarando novamente.

  — Você já parou para reparar em mim?


Notas Finais


Oi povinho!!! Então gente será que SeongWoo e Daniel vão parar desentendimentos?Nunca!!! Rsrsrs
JaeHwan coitado mau aparece na história e já fica numa situação dessas…MinHyun meio alcoolizado falando o que pensa para JaeHwan…Será que rola dele falar algum dia com o Ong? Talvez…
Comentem por favor, quero saber o que estão achando.
Bjs e até quarta-feira eu acho.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...